ATRIBUTOS QUÍMICOS DO SOLO EM RESPOSTA À DISTÂNCIA DAS ÁRVORES E FACE DE EXPOSIÇÃO SOLAR APÓS A IMPLANTAÇÃO DE INTEGRAÇÃO LAVOURA, PECUÁRIA E FLORESTA

Guilherme Musse Moreira Júlio César Lima Neves Ciro Augusto de Souza Magalhães Austeclinio Lopes de Farias Neto Geronimo Sauer João Flávio Veloso Silva Raphael B.A. Fernandes Sobre os autores

RESUMO

A inserção das árvores em sistemas de integração lavoura, pecuária e floresta (ILPF) permite diversificar a produção, aumentar a rentabilidade por área e proporcionar maior conforto animal. Entretanto, a influência do componente arbóreo sobre os atributos químicos do solo neste sistema ainda é pouco estudada. Neste estudo, objetivou-se avaliar o efeito das árvores e das faces de exposição solar sobre a disponibilidade de nutrientes no solo em diferentes distâncias de renques de árvores em um sistema de integração lavoura pecuária floresta. O trabalho foi realizado no norte do estado do Mato Grosso, em região de transição Cerrado/ Floresta Amazônica em um sistema ILPF com o componente arbóreo formado por renques de três linhas de eucalipto. A avaliação efetuada no segundo ano de implantação do sistema ILPF considerou o efeito da distância das árvores (3, 6, 10 e 15 m) em duas faces de exposição solar (norte e sul) sobre os principais atributos químicos do solo. A amostragem do solo foi efetuada nas profundidades de 0-0,05; 0,05-0,10; 0,10-0,20 e 0,20-0,30 m. Os resultados indicaram homogeneidade dos teores médios de nutrientes obtidos nas faces norte e sul, bem como na comparação das mesmas distâncias nas duas faces de exposição avaliadas. Efeitos das árvores sobre os atributos químicos do solo foram verificados apenas quando da análise isolada na face norte para os teores de K e Al. Para esses atributos, o aumento da distância do renque foi associado à redução dos teores nas camadas mais superficiais e mais profundas, respectivamente. A disponibilidade de nutrientes no solo não é afetada significativamente pelas árvores nos primeiros anos de implantação do sistema ILPF em sistemas em que há homogeneidade na incidência de raios solares nas faces de exposição, ainda que possa reduções discretas de nutrientes com o distanciamento das árvores.

Palavras-Chave:
Nutrientes; Sistema agrossilvipastoril; Variabilidade espacial

Sociedade de Investigações Florestais Universidade Federal de Viçosa, CEP: 36570-900 - Viçosa - Minas Gerais - Brazil, Tel: (55 31) 3612-3959 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: rarvore@sif.org.br