• Protótipo de um sistema de gerenciamento de protocolos de câncer colorretal Artigos Originais

    Lee, Huei Diana; Costa, Luiz Henrique Dutra da; Ferrero, Carlos Andres; Coy, Cláudio Saddy Rodrigues; Fagundes, João José; Machado, Renato Bobsin; Wu, Feng Chung

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: desenvolvimento de um protótipo de sistema de cadastro e controle de protocolos de Câncer Colorretal, com a finalidade de armazenar um conjunto abrangente de dados de forma estruturada para posterior aplicação de métodos de análise inteligente de dados. MATERIAL E MÉTODO: o protótipo foi construído em cinco etapas: análise do domínio de Câncer Colorretal, definição de requisitos básicos (operacionais e informacionais), projeto do sistema, construção do sistema usando tecnologias open source e avaliação do sistema com o apoio de especialistas. RESULTADOS E DISCUSSÃO: durante o desenvolvimento, o protótipo foi avaliado por especialistas quanto à estrutura do conjunto de dados, à coerência de organização das informações, à validade das funcionalidades implementadas e ao atendimento aos requisitos básicos definidos. CONCLUSÃO: de acordo com os especialistas usuários, o desenvolvimento do protótipo completou a primeira etapa do projeto de desenvolvimento de um sistema em nível de 100% de satisfação e, atualmente, está sendo aplicado em cadastros de dados reais. Na próxima etapa será consolidado e implantado o sistema completo, atendendo a requisitos de segurança com suporte a multiusuários

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: to develop a prototype of a Colorectal Cancer records management system, aiming to store an embracing structured dataset for later application of intelligent data analysis methods. MATERIAL AND METHOD: the prototype was developed in five stages: Colorectal Cancer domain analysis, definition of basic requirements (operational and informational), system design, system construction using open source technologies and system evaluation supported by domain experts. RESULTS AND DISCUSSION: during development, the prototype dataset structure, coherence of information structure, validity of functions implemented and the attendance to the basic requirements define, were evaluated by domain experts. CONCLUSION: according to the experts evaluation, the prototype development completed the first stage of the project of developing the system with a 100% satisfaction rate and is now being used into recording real data. In the next stage it will be finished and deployed the complete system, attending to security requirements and multiuser support
  • Identificação do papilomavírus humano em doentes com carcinoma de células escamosas do canal anal e sua relação com o grau de diferenciação celular e estadiamento Artigos Originais

    Soares, Paulo Cardoso; Ferreira, Silvaneide; Villa, Luisa Lina; Matos, Delcio

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Identificar os tipos de papilomavírus humano (HPV) nos portadores de carcinoma do canal anal (CCA), relacionando-os ao grau de diferenciação celular e estadiamento da lesão, em pacientes do Belém, Pará, entre 1998 e 2000. MÉTODOS: Foi realizado um estudo de caso-controle com 75 pacientes, divididos em: Grupo Teste, com 33 portadores de carcinoma do canal anal, e o Grupo Controle, com 42 portadores de doenças não-neoplásicas do canal anal. Os tipos virais foram identificados por PCR e dot blot. O teste exato de Fischer foi utilizado para avaliar a ocorrência de HPV. Adotou-se a tabela de contingência 3x2 para representar a distribuição dos tipos de HPV. Nos testes de hipóteses, foi prefixado o nível de significância α=0,05 para a rejeição da hipótese de nulidade. RESULTADOS: A prevalência do HPV foi significante entre os Grupos Teste (60,6%) e Controle (26,2%) (p=0,0027). Os tipos virais mais comuns foram 16 (42,4%) e 18 (15,2%). Observaram-se diferenças entre grupos na prevalência do HPV 16 (p=0,027) e 18 (p=0,043) no Grupo Teste, e o tipos 16 (19,0%,) e 18 em (2,4%) no Grupo Controle. No Grupo Teste, avaliou-se a distribuição dos tipos de HPV em relação ao estadiamento e ao grau de diferenciação celular, não apresentando diferenças estatisticamente significativas. CONCLUSÃO: O carcinoma de células escamosas do canal anal está associado à presença de HPV, e os tipos 16 e 18 são os mais frequentes

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To identify the most predominant types of human papillomavirus (HPV) in carriers of the anal canal carcinoma (ACC), relating them to the cell differentiation and lesion staging degree, in patients from Belém, Pará, Brazil, between 1998 and 2000. METHODS: A case-control study was conducted with 75 patients, divided into Test Group, with 33 carriers of the anal canal carcinoma, and Control Group, with 42 carriers of non-neoplastic diseases of the anal canal. The methods employed to identify the viral types were the polymerase chain reaction and the dot blot. The Fisher's exact test was used to assess the HPV occurrence. The distribution of HPV types was analyzed by 3x2 contingency tables, representing the distribution of HPV types. For hypothesis testing, the significance level α=0.05 was previously established for rejection of the null hypothesis. RESULTS: HPV was significantly prevalent (p=0.0027) in the Test (60.6%) and Control Groups (26.2%) (p=0.0027). The most prevalent viral types were HPV 16 (42.4%) and 18 (15.2%). Significant differences related to the prevalence of HPV 16 and 18 were verified between both groups (p=0.027 and p=0.043, respectively). In the Control Group, HPV 16 was found in 19.0%, whereas HPV 18 was observed in 2.4%. In the Test Group, we evaluated the distribution of HPV types according to the staging and degree of cell differentiation, and found no significant differences between the results of the different groups. CONCLUSION: Squamous cell carcinoma of the anal canal is associated with the HPV presence, and the 16 and 18 types are the most frequently found
  • Câncer colorretal: resultados da avaliação patológica padronizada de 521 casos operados no Hospital das Clínicas da UFMG Artigos Originais

    Fonseca, Leonardo Maciel da; Quites, Lucas Viana; Cabral, Mônica Maria Demas Álvares; Silva, Rodrigo Gomes da; Luz, Magda Maria Profeta da; Lacerda Filho, Antônio

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A incidência e a mortalidade por câncer colorretal (CCR) têm apresentado, em todo mundo, uma tendência ao crescimento, em especial em países desenvolvidos e em áreas urbanas de países menos desenvolvidos. O estudo das características anatomopatológicas do tumor é importante para o estadiamento e a definição da terapêutica a ser empregada. O objetivo deste estudo é avaliar as características anatomopatológicas de peças cirúrgicas de ressecções colorretais por neoplasias no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais. RESULTADOS: Foram avaliadas 521 peças cirúrgicas de ressecções colorretais. A idade média dos pacientes foi de 62,47 (±14,67) anos, sendo 302 (58%) deles do sexo feminino. Os tumores do cólon esquerdo foram os mais comuns (340 [65,3%]). Houve predominância de adenocarcinomas (457 [87,7%]), úlcero-infiltrativos (176 [33,8%]), moderadamente diferenciados (396 [76%]), pT3 (316 [60,7%]) e pN0 (213 [40,9%]). O número médio de linfonodos dissecados por peça cirúrgica foi de 22,13 (±14,27). CONCLUSÕES: Os dados de nossa casuística de CCR não diferiram do que foi relatado na literatura. Em síntese, o CCR foi mais comum em mulheres do que em homens, acometeu com maior frequência o cólon esquerdo, e o tipo predominante foi o adenocarcinoma moderadamente diferenciado, pT3 e pN0

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: The incidence and mortality of colorectal cancer (CRC) have shown, worldwide, an upward trend, particularly in developed countries and urban areas of developing countries. The study of tumor's pathological characteristics is important for staging and the definition of the proper therapy to be used. The aim of this study is to evaluate the pathologic features of surgical specimens of colorectal resections due CRC at Hospital das Clínicas, Universidade Federal de Minas Gerais. RESULTS: We evaluated 521 surgical specimens of colorectal resections. The mean age of patients was 62.47 (± 14.67) years, 302 (58%) were female. Tumors of the left colon were more common (340 [65.3%]). There was a predominance of adenocarcinoma (457 [87.7%]), ulcero-infiltrative (176 [33.8%]), moderately differentiated (396 [76%]), pT3 (316 [60.7%]) and pN0 (213 [40.9%]). The average number of dissected lymphonodes per surgical specimen was 22.13 (± 14.27). CONCLUSIONS: Data from our series of CRC did not differ from what was reported in the literature. In summary, the CRC was more common in women than in men, affecting most frequently the left colon, and the predominant type was moderately differentiated adenocarcinoma, pT3 and pN0
  • Excisão total do mesorreto por técnica robótica: resultados cirúrgicos e oncológicos iniciais Artigos Originais

    Ghezzi, Tiago Leal; Luca, Fabrizio; Valvo, Manuela; Cenciarelli, Sabine; Pozzi, Simonetta; Umana, Danilo; Biffi, Roberto

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: avaliar os resultados cirúrgicos e oncológicos imediatos em pacientes com câncer de reto extraperitoneal submetidos à excisão total do mesorreto (ETM) robótica. MÉTODOS: de janeiro de 2007 a março de 2010 um total de 60 pacientes foram operados de forma consecutiva por técnica robótica. Os dados cirúrgicos e os desfechos oncológicos iniciais foram prospectivamente registrados em um banco de dados. RESULTADOS: foram operados 35 homens e 25 mulheres. A idade média foi de 60,3 ± 11,7 anos. Cirurgia com preservação esfincteriana foi possível em 52 pacientes. A média da amostra linfonodal foi de 18,7 ± 8,8 linfonodos. A média da margem cirúrgica distal foi de 2,9 ± 1,7 cm, enquanto a margem radial foi negativa em todos os pacientes. O tempo de seguimento pós-operatório foi de 14,3 meses. Apenas uma recidiva pélvica foi observada. As taxas de sobrevida geral e sobrevida câncer-específica foram respectivamente de 97,6% e 98,3%. CONCLUSÕES: ETM robótica é uma cirurgia exequível e segura. Apresenta resultados iguais ou mesmo melhores que as técnicas aberta e laparoscópica em termos de morbimortalidade, taxa de preservação esfincteriana e desfechos oncológicos iniciais

    Abstract in English:

    OBJECTIVES: to evaluate the surgical and oncological outcomes of patients with extraperitoneal rectal cancer who underwent robotic total mesorectal excision (TEM). METHODS: from January 2007 to March 2010 a total of 60 patients were consecutively operated on through robotic technique. Data regarding surgical data and oncological outcomes were prospectively registered in a database. RESULTS: 35 men and 25 women underwent surgery. The mean age was 60.3 ± 11.7 years. Sphincter preserving surgery was possible in 52 patients. The mean number lymph node harvested was 18.7 ± 8.8 lymph nodes. The mean distal surgical margin was 2.9 ± 1.7 cm, while the radial margin was negative in all patients. The duration of postoperative follow-up was 14.3 months. Only one local recurrence was observed. The overall and the cancer-specific survival were respectively 97.6% and 98.3%. CONCLUSIONS: robotic TEM is feasible and safe. It is equal or superior to open and laparoscopic techniques in terms of morbidity and mortality rates, sphincter preservation rates and early oncological outcomes
  • Instilação de formalina endoluminal como opção terapêutica da retite actínica hemorrágica Artigos Originais

    Teixeira, Fábio Vieira; Denadai, Rafael; Ferraz, Rafael Aliceda; Goulart, Ricardo de Álvares; Saad-Hossne, Rogério

    Abstract in Portuguese:

    A retite actínica hemorrágica é um quadro grave que pode ocorrer em qualquer paciente submetido à radioterapia pélvica, por vezes, sendo necessária terapia transfusional e internação hospitalar. A abordagem terapêutica ainda é bastante controversa. Tanto para o tratamento inicial como para casos refratários, uma das opções é a aplicação de formalina. Este método é barato, facilmente disponível, de simples execução e eficaz no controle da hemorragia. Os autores relatam dois casos de retite actínica hemorrágica de pacientes tratados com instilação de formalina endoluminal, e sua eficácia terapêutica e complicações são discutidas

    Abstract in English:

    The radiation-induced hemorrhagic proctitis is a serious condition that can occur in any patient undergoing pelvic radiotherapy, sometimes being required hospitalization and transfusion therapy. The therapeutic approach is still very controversial. Both for the initial treatment and for refractory cases, one option is formalin application. This method is cheap, easily available, simple to perform, and effective in controlling bleeding. The authors report two cases of radiation-induced hemorrhagic proctitis treated with endoluminal instillation of formalin, and they discuss its therapeutic efficacy and complications
  • Correlação entre achados manométricos e sintomatologia na incontinência fecal Artigos Originais

    Balsamo, Flávia; Ramaciotti Filho, Paulo Roberto; Pozzobon, Bárbara Heloísa Zanchetta; DE Castro, Carlos Alberto Torres; Formiga, Galdino José Sitonio

    Abstract in Portuguese:

    Foram estudados 92 pacientes com sintomatologia de incontinência fecal, no período de julho de 2005 a fevereiro de 2009. Os sintomas de incontinência foram classificados de acordo com o Cleveland Clinic Incontinence Score e os pacientes foram submetidos à manometria anorretal. Foram avaliados: idade, sexo, cirurgia prévia, sintomatologia e achado manométrico. Observou-se que o aumento da intensidade da sintomatologia de incontinência fecal está relacionado à diminuição progressiva das pressões de repouso. O mesmo não foi constatado com as pressões de contração na amostra estudada

    Abstract in English:

    We have studied 92 patients with fecal incontinence symptoms, from July 2005 to February 2009. They were classified on the Cleveland Clinic Incontinence Score and all of them have undergone on manometric examination. Sex, age, previous surgery, symptomatology, and manometric findings were analyzed. We have concluded that the increase of incontinence symptoms is related to the progressive decrease on resting pressures. The same was not found with squeeze pressures in the studied sample
  • Cirurgia no câncer colorretal: abordagem cirúrgica de 74 pacientes do SUS portadores de câncer colorretal em programa de pós-graduação lato sensu em coloproctologia Artigos Originais

    Oliveira, Rodrigo Guimarães; Faria, Flavia Fontes; Lima Junior, Antonio Carlos Barros; Rodrigues, Fabio Gontijo; Andrade, Mônica Mourthé de Alvim; Gomes, Daniel Martins Barbosa Medeiros; Neves, Peterson Martins; Constantino, José Roberto Monteiro; Braga, Áurea Cássia Gualbeto; Ferreira, Renata Magali Silluzio; Alvarenga, Isabella Mendonça; Lanna, David de; Teixeira, Ricardo Guimarães; Valle Junior, Heraldo Neves; Leite, Sinara Mônica Oliveira; Costa, Luciana Maria Pyramo; Silva, Ilson Geraldo da; Cruz, Geraldo Magela Gomes da

    Abstract in Portuguese:

    A análise retrospectiva de 74 prontuários de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), operados de câncer colorretal pelo Residente R2 supervisionado e auxiliado por preceptores, permitiu as seguintes conclusões: a média etária dos pacientes foi 57,2, sendo as sexta e sétima décadas responsáveis por 51,4% dos pacientes. O câncer retal foi preponderante nas mulheres (54,1%). As localizações mais comuns dos tumores foram no sigmoide (31,1%), reto alto (24,3%) e ceco (17,6%). As cirurgias mais realizadas foram a retossigmoidectomia com anastomose colorretal (36,6%), e hemicolectomia direita com anastomose íleo-transverso (21,7%). As características anatômicas dos tumores, baseadas na classificação TNM, mais comuns foram: T3 (62,1%), N0 (59,5%) e M0 (77,0%) (p<0,05). O número médio de gânglios encontrados nas peças cirúrgicas foi de 10,4. Foram feitas 63 anastomoses (85,1%), das quais 38 (60,3%) foram mecânicas e 25, manuais (39,7%). Houve 14 comorbidades (18,9%), destacando-se a caquexia (oito casos). O índice de complicações cirúrgicas foi de 12,2% (nove casos), sendo as cirurgias que mais causaram complicações as colectomias totais com anastomose íleo-retal (40,0%) e as retossigmoidectomias abdominais, com duplo grampeamento (20%), sendo as complicações mais comuns as fístulas anastomóticas (cinco casos). As complicações (nove) decorreram mais das comorbidades (sete) que do ato cirúrgico (duas). As cirurgias que demandaram menos tempo foram: as laparotomias com ileostomia (média de 75 minutos) e as com colostomia (média de 95 minutos), sendo os maiores tempos ocupados pela proctocolectomia total com ileostomia definitiva (240 minutos) e as hemicolectomias esquerdas com anastomose transverso-retal (240 minutos), sendo o tempo médio equivalente a 160 minutos. As menores peças cirúrgicas foram as decorrentes da cirurgia de Hartmann (29 cm) e de retossigmoidectomia abdominal (32 cm); e as mais extensas, as peças de colectomia total com anastomose íleo-retal (120 cm) e proctocolectomia total com ileostomia definitiva (150 cm), ficando a média em 34,5. Houve 12 óbitos (16,2%), dois dos quais diretamente relacionados à cirurgia (um caso de deiscência de anastomose e um de evisceração); três relacionados à complicações de ordem clínica (dois casos de TEP e um de broncopneumonia); e sete comorbidades

    Abstract in English:

    In the framework of postgraduate Coloproctology for 2009, two graduate students conducted the second year as principal surgeons, 129 major surgeries, always assisted effectively by one or two tutors. All surgeries were performed on public patients in Santa Casa de Belo Horizonte, with absolute presence of members of the Grupo de Coloproctologia da Santa Casa de Belo Horizonte e Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais (GCP-CBHS-FCMMG). A retrospective analysis of 74 medical records of patients from the Brazilian National Health System, resected of colorectal cancer by Resident R2, supervised and assisted by mentors, could get into the following conclusions: the average age of patients was 57.2, and the sixth and seventh decades accounted for 51.4% of the patients. The rectal cancer was predominant in women (54.1%). The most common sites of tumors were in the sigmoid (31.1%), rectum (24.3%), and cecum (17.6%). The most commonly performed procedures were retossigmoidectomy with colorectal anastomosis (36.6%) and right hemicolectomy with ileo-transverse anastomosis (21.7%). The anatomical characteristics of the tumors based on TNM classification findings were: T3 (62.1%), N0 (59.5%), and M0 (77.0%) (p<0.05). The average number of lymph nodes found in surgical specimens was 10.4. Sixty-three anastomoses (85.1%) were carried out, being 38 (60.3%) mechanical and 25, manual (39.7%). There were 14 comorbidities (18.9%), the cachexia having more prominence (eight cases). The rate of surgical complications was 12.2% (nine cases), and the surgeries that have caused more complications were total colectomy with ileo-rectal anastomosis (40.0%), and double stapled abdominal retossigmoidectomy (20%). The most common complications were anastomotic fistula (five cases). Complications (nine) were more caused by comorbidities (seven) than by the surgical procedure (two). The surgeries that required less time were: laparotomy with ileostomy (average of 75 minutes) and with colostomy (average of 95 minutes), and the longest times were occupied by total proctocolectomy with definite ileostomy (240 minutes) and left hemicolectomy with transverse-rectal anastomosis (240 minutes), with an average length of 160 minutes. The smaller specimens were those resulting from Hartmann's procedure (29 cm) and retossigmoidectomy (32 cm); and the most extensive specimens were of total colectomy with ileorectal anastomosis (120 cm) and total proctocolectomy with terminal ileostomy (150 cm), with the mean at 34.5. There were 12 deaths (16.2%), two of which directly related to surgery and the other related to clinical complications and comorbities
  • Responsabilidade civil do médico e a inversão do pensamento jurídico sobre o tipo da atividade Artigos Originais

    Cordeiro, Fernando; Mendonça, Samuel; Oliveira, Joanna Paes de Barros e; Nogueira, Vanessa Fabiula Pancioni

    Abstract in Portuguese:

    Sempre que uma ação causar dano a outra pessoa e houver nexo causal, isto é, quando o resultado observado pela prática desta ação estiver, diretamente ou não, relacionado, caberá a obrigação de ressarcir à vítima, um valor referente ao seu dano. Esta normatização, Responsabilidade Civil, tem como fundamento o princípio da culpa, quando subjetiva (que tem necessidade de um ato ou omissão de violar o direito de uma segunda pessoa, o dano produzido por este ato, a responsabilidade de causalidade entre o ato e o dano e, finalmente, a culpa) e o princípio do risco quando objetivo (que não necessita de culpa, já que se baseia na teoria do risco, presumindo-a, independentemente de ter ou não agido com esta intenção). Enquanto Responsabilidade Civil Contratual, duas são as obrigações de um profissional: a de resultado, ou seja, a de alcançar determinado objetivo ou fim, e a de meio, ou seja, a obrigação de empregar todos os meios para consecução de seu objetivo. No Código de Proteção e Defesa do Consumidor (Lei 8.078, de 11 de setembro de 1990), a responsabilidade objetiva deve ser empregada a todos os prestadores de serviço à exceção da classe dos profissionais liberais, médicos e advogados, por realizarem suas atividades principalmente como sendo de meios e, portanto, considerada subjetiva. Em algumas situações, o Direito entende que a Responsabilidade deve ser objetiva, ou seja, quando ficar consubstanciado uma promessa de resultado. As peças publicitárias têm tido o poder de evocar estas equivocadas situações. O objetivo principal deste trabalho é mostrar, aos profissionais do Direito em geral e aos médicos em particular, quais são os fenômenos que criaram o desvio da norma. A Responsabilidade Civil Subjetiva se encontra amparada no Código Civil, em seu Art. 186 e no caput do Art. 927, enquanto a Objetiva é observada no Art. 927, § único. Desta forma, ao relacionar os textos da literatura jurídica e os dados do Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo, quanto a peças publicitárias e sindicâncias instauradas sobre este sujeito, os autores pretendem demonstrar a relação causal desta nova forma de pensar.

    Abstract in English:

    Whenever an action causes damage to another person and there is causal nexus, that is, when the result seen by the practice of this action is, directly or not, related, the obligation will fit to repay the victim, a referring value to its damage. This normative, Civil Liability, has as bedding the beginning of the guilt, when subjective (which needs an act or omission that finally violates the right of a second person, the damage produced for this act, the responsibility of causality between the act and the damage and, the guilt) and the risk's beginning when objective (which does not need guilt, since is based on the theory of the risk, presuming it, independently to have or not acted with this intention). While Contractual Civil liability, two are the obligations of a professional: of result, that is, to reach definitive objective or end, and of way, that is, the obligation to use all the half ones for its objective achievement. In the Code of Protection and Defense of the Consumer (Law 8,078, of September 11, 1990), the objective responsibility must be used to all the service renders, except the class of liberal professionals, physicians, and lawyers, for carrying through its activities mainly as being of ways and, therefore, be considered subjective. In some situations, Law understands that the Responsibility should be objective, that is, when a result promise is consubstantiates. The advertisements have had the power to evoke these mistaken situations. The main objective of this paper is to show, to Law professionals and, in particularly, to the doctors, which are the phenomena that had created this shunting line of the norm. The Subjective Civil Liability is supported in the Civil Code, its Art.186 and the caption of the Art.927, while the Objective is observed in the Art. 927, only §. Thus, when relating legal literature texts and data from the Regional Medical Counsel of the State of São Paulo how much the advertisements and investigations restored on this citizen, the authors intend to demonstrate the causal relation of this new way of thinking.
  • Indicações de colonoscopia versus achado de pólipos e neoplasias colorretais Artigos Originais

    Batista, Rodrigo Rocha; Lima, Rafael Ferreira Correia; Fonseca, Marcus Fábio Magalhães; Todinov, Lilian Ramos; Formiga, Galdino José Sitonio

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Analisar as indicações de colonoscopia e o achado de pólipos e neoplasias colorretais. MÉTODOS: Estudo retrospectivo de laudos de colonoscopias realizadas entre janeiro de 2009 e março de 2010. As variáveis analisadas foram: idade, sexo, indicação do exame e achado de pólipo ou tumor. Realizou-se análise estatística com o teste do qui-quadrado, considerado significante quando p<0,05. RESULTADOS: Foram revisados 493 laudos de colonoscopias de pacientes entre 18 e 94 anos, com média de idade de 56,7 anos, sendo 54% do sexo feminino. Os exames tiveram uma ou mais alterações em 47,3%, sendo 17,4%, com tumor, e 14,8%, com pólipos. As colonoscopias incompletas totalizaram 24,3%, devido ao tumor obstrutivo, à dobra fixa, ao mau preparo, à estenose e agitação psicomotora. As indicações estatisticamente significantes para maior achado de tumor colorretal foram: sangramento digestivo, anemia crônica, síndrome consuptiva, tumor abdominal palpável, polipose e elevação do antígeno cárcino-embriogênico (CEA) no pós-operatório. Não houve significância entre presença de pólipos e sexo masculino ou avanço da idade, nem entre o achado de pólipos e risco de tumor associado. CONCLUSÃO: Pacientes com sangramento digestivo, anemia crônica, síndrome consuptiva, tumor abdominal palpável, polipose e elevação de CEA no pós-operatório de câncer colorretal devem ser priorizados para o estudo colonoscópico.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To analyze colonoscopy indications and the finding of polyps and colorectal neoplasms. METHODS: A retrospective study of colonoscopies reports that were performed between January, 2009 and March, 2010. The analyzed variables included: age, gender, indication for examination, and found of polyp or tumor. The statistical analysis was accomplished with the chi-square test, with significance at p<0.05. RESULTS: Four hundred and ninety-three colonoscopy reports of patients between 18 and 94 years, mean age 56.7 years old, and 54% female, were reviewed. The examinations had one or more changes in 47.3%, 17.4% with tumor and 14.8% with polyps. The incomplete colonoscopies corresponded to 24.3%, due to tumor obstruction, fixed kink, poor preparation, stenosis, and agitation. The statistically significant indications for increased finding of colorectal tumor were gastrointestinal bleeding, anemia, chronic wasting syndrome, palpable abdominal tumor, polyposis, and elevation of CEA in the postoperative. There were no significant differences between polyps and males or advancing age, neither between the finding of polyps and risk of associated tumor. CONCLUSION: Patients with gastrointestinal bleeding, anemia, chronic wasting syndrome, palpable abdominal tumor, polyposis, and increased postoperative CEA of colorectal cancer should be prioritized for the colonoscopy study.
  • Evolução dos doentes com citologia oncótica alterada e colposcopia anal normal Artigos Originais

    Nadal, Sidney Roberto; Calore, Edenilson Eduardo; Manzione, Thiago da Silveira; Machado, Stênnio Pablo; Manzione, Carmen Ruth; Seid, Victor Edmond; Horta, Sérgio Henrique Couto

    Abstract in Portuguese:

    A citologia anal vem sendo usada para rastreamento do carcinoma anal e suas lesões precursoras nas populações de risco. Quando o raspado do canal anal mostra alterações citológicas está indicada o exame com colposcópio e ácido acético para identificar e realizar biópsia para confirmar o achado. Poucos estudos mostram o seguimento dos doentes tratados de condilomas acuminados perianais. Temos usado os métodos em associação e encontrado lesões subclínicas em metade dos doentes, cujo exame proctológico não revelava doença HPV induzida. Essas lesões são tratadas com tópicos. Entretanto, algumas citologias estavam alteradas e a colposcopia anal não revelou doença HPV induzida. O objetivo deste estudo foi observar o comportamento dessas lesões no seguimento semestral, durante 12 meses, e avaliar se a periodicidade da reavaliação foi suficiente para evitar o aparecimento das lesões de alto grau ou superior. Encontramos 58 (21%) entre 273 doentes nessas condições. As reavaliações de 22 deles após um ano mostraram que as colposcopias permaneceram normais em 17 (74%), sendo que em cinco (22%) a citologia voltou aos padrões normais e 12 (52%) persistiram com alterações. Os outros seis (26%) desenvolveram lesões clínicas ou subclínicas provocadas pelo HPV. As contagens de linfócitos T CD4 dos doentes HIV-positivos foram inferiores nos doentes cujas lesões progrediram. Os resultados permitiram concluir que as alterações podem progredir ou regredir neste grupo distinto de doentes, sendo relacionada à imunidade, e que o intervalo de seis meses é suficiente para cada reavaliação.

    Abstract in English:

    Anal cytology has been used for screening the anal carcinoma and its precursors in risk populations. When anal canal smear shows cytological alterations, examination with colposcope and acetic acid is indicated to identify and perform biopsy to confirm the finding. Few studies show the follow-up of patients treated with anal HPV induced lesions. We are using both methods in association and subclinical lesions have been found in 50% of patients, whose proctological examinations are free from HPV lesions. However, some smears have cytological alterations, despite anal colposcopy being normal. The aim of this study was to observe these lesions' behavior in a six-month follow-up, during a year, and to assess whether this periodicity of re-evaluations was enough to avoid high grade or superior lesions. We have found 58 (21%) among 273 patients with these parameters. One year re-evaluations of 22 of the patients showed that anal colposcopies remained normal in 17 (74%). In five (22%), the cytology returned to normality and in 12 (52%), the same abnormality was seen. The other six patients (26%) developed clinical or subclinical HPV induced lesions. T CD4+ lymphocytes counts of HIV-positive patients were inferior in those whose lesions progressed. These results permitted us to conclude that cytological alterations can progress or clear in these patients, and they have close relationship with the immunity, and the six-month interval is enough to each re-evaluation.
  • Metástase esplênica isolada de adenocarcinoma do sigmoide: relato de caso Relato de Casos

    Bromberg, Sansom Henrique; Franco, Maria Isete Fares; Zampieri, Jose Carlos; Yamaguchi, Agamassa; Mattosinho-França, Luis Celso

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Metástases esplênicas solitárias oriundas de carcinomas colorretais são raras, com 41 casos descritos na literatura inglesa até 2007. Muitos pacientes são assintomáticos, e o diagnóstico é quase sempre feito por imagens radiológicas ou por elevações sanguíneas do antígeno carcinoembrionário (CEA), solicitados no seguimento pós-operatório desses pacientes. Relato do caso: Homem de 54 anos foi submetido à colectomia esquerda por carcinoma de sigmoide. O tumor foi estadiado como T3N0M0 e permaneceu assintomático por dez meses, com níveis normais de CEA. Notou-se, então, significativa elevação do antígeno e a tomografia computadorizada do abdômen revelou massa no polo inferior do baço, suspeita de metástase. A laparotomia confirmou o achado propedêutico, sendo realizada esplenectomia. O diagnóstico anatomopatológico foi de adenocarcinoma metastático, sem invasão dos linfonodos. A sobrevida acompanhada do paciente foi de 14 meses, livre de recidiva. CONCLUSÃO: Metástases esplênicas isoladas de carcinoma dos cólons são raras, e a esplenectomia oferece possibilidade de sobrevida expressiva.

    Abstract in English:

    Solitary metastatic metastasis from colorectal neoplasms is rare. Only 41 cases have been reported in the English literature until 2007. Most patients are asymptomatic, and the diagnosis is usually done by imaging studies or CEA (carcinoembrionic antigen) blood increases, which are required in the postoperative follow-up period. Case report: A 54-year-old man underwent an extended left colectomy for sigmoid colon cancer. The tumor was staged as T3N0M0. During ten months of the follow-up period, the patient remained asymptomatic with normal levels of laboratory tests, including CEA measurement. Then, there was a significant elevation of CEA, and the abdomen computed tomography revealed a mass in the spleen considered as an isolated metastasis. The patient underwent splenectomy. Histological diagnosis confirmed a metastatic adenocarcinoma with no lymph nodes invasion. The patient has been symptom-free during the 14 months of follow-up with normal blood CEA levels and negative radiological studies. CONCLUSION: Solitary spleen metastasis from colon carcinoma is rare, and splenectomy provides an expressive improvement in the survival.
  • Câncer de reto durante gestação: relato de caso e revisão da literatura Relato de Casos

    Freitas, Antônio Hilário Alves; Madeira, Humberto; Fonseca, Leonardo Maciel da; Castro, Eduardo Vitor de

    Abstract in Portuguese:

    O carcinoma colorretal associado à gestação é um acontecimento raro, relacionado a um prognóstico ruim para as mulheres. O caso descrito é de uma paciente, do sexo feminino, de 31 anos, com adenocarcinoma de reto diagnosticado na 24ª semana gestacional. É apresentada uma discussão sobre conduta e atualização de abordagem terapêutica.

    Abstract in English:

    Colorectal cancer in pregnancy is a rare condition, associated with a poor prognosis for the woman. The case described is of a 31-year-old female, with an adenocarcinoma of the rectum diagnosed at the 24th week of pregnancy. We present a discuss management in view of updated knowledge and therapeutic approaches.
  • Tuberculose pleural após uso de adalimumabe na doença de Crohn: relato de caso Relato de Casos

    Batista, Rodrigo Rocha; Toledo, Paula Salvador de; Albuquerque, Idblan Carvalho de; Formiga, Galdino José Sitonio

    Abstract in Portuguese:

    O tratamento da doença de Crohn perineal é feito pela combinação da terapia medicamentosa e da cirúrgica. A terapia biológica é importante devido à eficácia clínica na indução e manutenção de remissão da doença. No entanto, devido à ação imunomoduladora e imunossupressora, o uso de biológicos como infliximabe e adalimumabe eleva o risco de infecções oportunistas. Relatou-se o caso de paciente feminino, 28 anos, diagnosticada com doença de Crohn perineal, em uso de azatioprina e adalimumabe. Há sete dias com tosse seca, febre vespertina e dispneia. Ao exame físico, febril, desidratada, diminuição do murmúrio vesicular nos campos médio e inferior do hemitoráx direito e cicatriz de fistulotomia anorretal sem sinais flogísticos. A radiografia de tórax mostrou derrame pleural em hemitórax direito, e a análise do líquido pleural constatou adenosina deaminase elevada, nível de glicose normal e citologia diferencial com 88% de monomorfonucleares. Foi estabelecido o diagnóstico de tuberculose pleural, e a paciente foi medicada com esquema tríplice (rifampicina, isoniazida e pirazinamida) por seis meses associada à prednisona 40 mg/dia, por um mês, com posterior desmame do corticoide. Atualmente, encontra-se assintomática e em uso de ciprofloxina 1 g/dia para a doença de Crohn perineal.

    Abstract in English:

    The Crohn's disease perineal treatment is made by the combination of drug and surgery therapy. The biological therapy is important due to clinical efficacy in inducing and maintaining disease remission. However, because of immunomodulating and immunosuppressive effects, the use of biological as infliximab and adalimumab increases the risk of opportunistic infections. We report a case of a 28-year-old, female patient, diagnosed with Crohn's perineal disease, taking azathioprine and adalimumab, complaining of dry cough, evening fever, and dyspnea for seven days. On physical examination, febrile, dehydrated, decreased, breath sounds in the middle and lower fields of the right hemithorax and scar of anorectal fistulotomy without signs of inflammation. The chest radiograph showed pleural effusion in the right hemithorax, and the analysis of pleural fluid found high levels of adenosine deaminase, normal levels of glucose and cytology differential with 88% of mononuclear cells. With the diagnosis of pleural tuberculosis, the patient was treated with triple drug regimen (rifampicin, isoniazid, and pyrazinamide) for six months associated with prednisone 40 mg/day, for one month, with subsequent weaning of corticosteroid. Currently, she is asymptomatic and in treatment with ciprofloxacin 1 g daily for perineal Crohn's disease.
  • Uso neoadjuvante do mesilato de imatinibe no tratamento de GIST retal volumoso: relato de caso Relato de Casos

    França Neto, Paulo Rocha; Ramos, Leandro Alves Gomes; Silva, Luciana Costa; Fernandes, Cristiane Koizimi M; Lacerda-Filho, Antônio

    Abstract in Portuguese:

    Tem sido relevante o papel das drogas que interferem na atividade tirosina-quinase dos receptores c-kit, no tratamento dos tumores derivados do estroma gastrintestinal (GISTs), sobretudo em tumores volumosos. Relata-se o caso de um paciente do sexo masculino, 56 anos, obeso, com quadro de peso retoanal associado a tenesmo e à sensação de evacuação incompleta. Foi diagnosticado volumoso GIST de reto inferior de localização posterior, visualizado por ressonância magnética e confirmado por estudo imunoistoquímico em punção-biópsia parassacral, guiada por tomografia. A impressão inicial foi de necessidade de amputação abdômino-perineal do reto, pois havia importante compressão do canal anal e do aparelho esfincteriano. Optou-se, então, por indicação de neoadjuvância com mesilato de imatinibe (Glivec®) na tentativa de preservação esfincteriana. Após quatro meses de tratamento, apresentava, ao toque retal, redução significativa (cerca de 50%) do volume da massa e em menor grau à ressonância magnética. Paciente foi submetido à excisão total do mesorreto e anastomose colo-anal manual, com ileostomia protetora. Evoluiu com necrose do cólon abaixado, tendo sido realizada ressecção do mesmo e colostomia terminal ilíaca. O paciente recusou a se submeter a uma nova tentativa de abaixamento colo-anal, tendo sido fechada a ileostomia e restabelecido trânsito pela colostomia ilíaca. No tratamento dos GISTs de reto muito volumosos ou irressecáveis, deve-se avaliar a indicação pré-operatória do imatinibe, uma vez que a cirurgia radical deve ser sempre indicada, a fim de minimizar a possibilidade de recorrência local.

    Abstract in English:

    The role of drugs that intervene with the tirosine kinase activity on the c-kit receptors in the treatment of gastrointestinal stromal tumors (GISTs) has been considered very important, mainly in large tumors. We report a case of a male patient, 56 years-old, obese, presenting with feeling of rectal pressure and incomplete evacuation. Work-up revealed a large inferior rectal GIST located in the posterior wall, suspected on MRI and confirmed by immunohistochemical study of a parasacral biopsy guided by tomography. The supposed initial approach was an abdominoperineal resection, since tumor was compressing anal canal and sphincter complex. In order to save the sphincters, we have decided to refer patient to neoadjuvant treatment with imatinib mesylate (Glyvec®). After four months of treatment, a down staging of tumor was observed during rectal exam (about 50%), which was smaller on pelvic RNM. Patient was undergone to total mesorectal excision with manual coloanal anastomosis and protective ileostomy. He presented necrosis of mobilized left colon and underwent to resection, and terminal iliac colostomy. Subsequently, patient refused to undergo through a new coloanal anastomosis and remain with iliac colostomy after ileostomy takedown. In the treatment of unresectable or large rectal GISTs, the use of imantinib should be strongly considered, since that radical surgery is the main approach to reduce the possibility of local recurrence.
  • Infecções anais pelo papilomavírus humano, crioterapia e crioimunologia Doenças Sexualmente Transmissíveis

    Marianelli, Raphael; Nadal, Sidney Roberto

    Abstract in Portuguese:

    As verrugas genitais causadas pelo papilomavírus humano (HPV) são problemas comuns na prática clínica do coloproctologista. As opções terapêuticas são numerosas, não havendo padrão-ouro para o tratamento dos condilomas. Dentre elas, é possível destacar a crioterapia, que é eficaz, apesar de pouco utilizada. O efeito destrutivo da crioterapia ocorre por lesão celular direta, causada pelo frio, e por anóxia tecidual, consequente às alterações microcirculatórias. Dentre as vantagens do método, cita-se a segurança; a simplicidade de aplicação; o uso dentro e fora do canal anal, inclusive durante a gestação; e o desconforto local leve, dispensando anestesia. Os agentes criogênicos mais utilizados são o nitrogênio líquido e, mais recentemente, o dimetiléter-propano. Uma vantagem adicional é observada no tratamento das lesões neoplásicas e seus precursores. Postula-se que seu congelamento induziria à resposta imune antitumoral, consequente ao mecanismo de lesão tecidual, que expõe grande quantidade de antígenos intracelulares aos macrófagos e às células dendríticas. Entretanto, a literatura médica ainda carece de estudos abordando especificamente o tema, sobretudo na área da coloproctologia. De qualquer forma, podemos afirmar que a crioterapia é método eficaz, seguro, confortável e prático para o tratamento das verrugas anogenitais induzidas pelo HPV.

    Abstract in English:

    Genital warts caused by human papillomavirus (HPV) are a common problem in clinical practice of colorectal surgeons. There are several therapeutic options, although, there is not a gold standard for the treatment of condilomas. Among them, we could mention cryotherapy, which is an effective method, despite having little use. The destructive effect of cryotherapy is through direct cellular injury, which is provoked by cold, and tissue anoxia, due microcirculatory changes. Among the method advantages, we could relate safety; simplicity of application; use inside and outside the anal canal, and during pregnancy; and mild local discomfort, not requiring anesthesia for its application. The most commonly used cryogenic agents are liquid nitrogen and more recently dimethylether-propane. An additional advantage is observed in the treatment of neoplasias and its precursors. It is postulated that freezing would induce an anti-tumor immune response, consequent to the mechanism of tissue injury, exposing a large amount of intracellular antigens to macrophages and dendritic cells. However, the literature still lacks studies specifically addressing this issue, especially in coloproctology. Anyway, we could say that cryotherapy is an effective, safe, comfortable, and practical method to treat anogenital warts induced by the HPV.
  • Complicações pós-operatórias das anastomoses colorretais Opinião e Revista

    Santos Jr, Júlio César Monteiro

    Abstract in Portuguese:

    As complicações da terapêutica das doenças colorretais que envolvem ressecções e anastomoses não são raras e, frequentemente, são graves. Possuem extensões mórbidas variáveis que prolongam o período de internação hospitalar, aumentam substancialmente o custo do tratamento, perpetuam sequelas funcionais e contribuem para indesejável índice de mortalidade. As mais temíveis complicações são: a infecção e a deiscência da anastomose. Esta quase sempre é a causa mais nefasta da infecção e se expressa como infecção profunda. A deiscência da anastomose tem definição, incidência, etiologia e fatores de riscos como alvos de controvertidas opiniões, o que torna difícil a elaboração de esquemas profiláticos e planejamentos terapêuticos universais. Sua consequência mais grave é a peritonite generalizada que culmina com a sepse. As complicações menores, menos frequentes, são: hemorragia anastomótica, estenose e fístula. Aquela, às vezes, tem solução espontânea, mas pode eventualmente necessitar de procedimentos terapêuticos agressivos; a estenose, em geral associada a fatores que determinam a deiscência tais como a isquemia e a imperfeição técnica, na maioria das vezes, pode ser tratada de forma conservadora, mesmo que intervencionista, com o uso de dilatadores rígidos ou plásticos. Outras vezes, no entanto, pode exigir a abordagem cirúrgica, com a desvantagem do aumento da morbidade, principalmente nos casos em que o segmento precisa ser ressecado e a anastomose refeita. A última, com gravidade variável, é, no entanto, alvo de manipulação conservadora, mas às vezes envolve meios complexos de terapêutica com resultados que nem sempre são coroados de sucesso. No presente manuscrito, pretende-se dar uma visão geral dessas complicações, suas causas, evoluções, diagnósticos e tratamentos.

    Abstract in English:

    Complications of colorectal diseases management that involve resections and anastomosis are not rare; they are frequently severe. With morbid variable extensions, they extend the period of hospital, considerablyincrease the treatment cost, perpetuate functional sequels, and contribute to undesirable high rate mortality. The most frightening complication is the anastomosis dehiscence, whose definition, incidence, etiology, and factors of risks are targets of controversial opinions, causing difficulty to prepare preventive universal schemes. The most severe consequence of the anastomosis leakage is the generalized peritonitis, culminating in the sepsis that is the primary cause of surgically related mortality. The least and less frequent complications are the anastomotic hemorrhage, stenosis, and fistula. The anastomotic hemorrhage, fistula and stenosis most times, can be treated as a nonsurgical form. This manuscript was intended by to provide a general view of these complications, their causes, evolutions, diagnoses, and treatments.
Cidade Editora Científica Ltda Av . Marechal Câmara, 160- sala 916 - Ed Orly - 20020-080 - Rio de Janeiro - Rj , Tel 2240 8927 , Fax 21 22205803 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: sbcp@sbcp.org.br