Fungo micorrízico, fósforo e nitrogênio no crescimento inicial da trema e do fedegoso

Mycorrhizae, phosphorus and nitrogen supply on initial growth of "trema" and "fedegoso"

Resumos

De março de 1993 a junho de 1994, em vasos com amostra de um latossolo vermelho-escuro (LE) argiloso fase cerrado, estudou-se a resposta da trema (Trema micrantha (L)Blum.) e do fedegoso (Senna macranthera Rich.) a fósforo (P) nitrogênio (N) e à inoculação com o fungo micorrízico arbuscular Glomus etunicatum (Ge) Becker & Gerdemann. O trabalho foi desenvolvido em casa de vegetação do Departamento de Ciência do Solo da Universidade Federal de Lavras (MG), por meio de dois experimentos. A inoculação com Ge resultou em efeitos positivos para o crescimento das espécies, sendo esse efeito menos evidente no fedegoso que se beneficiou mais dos fungos indígenas. Em plantas inoculadas, a dose de P necessária para atingir 80% do crescimento máximo (CM) foi de 100 mg kg-1 de P no solo, para a trema, e de 80 mg kg-1 de P no solo, para o fedegoso, enquanto as plantas colonizadas pelos fungos indígenas requereram, respectivamente, 3,2 e 1,5 vezes mais P para atingir tal crescimento. Ambas as espécies apresentaram crescimento reduzido na ausência de P, porém tiveram grande crescimento quando receberam superfosfato. Por outro lado, a adição de N mineral não promoveu o crescimento das mudas. A adição de P solúvel e a introdução de G. etunicatum são importantes fatores para o crescimento inicial das espécies estudadas, em solo de baixa fertilidade natural.

essências nativas; florestamento; micorriza arbuscular; fungos de solo; Glomus etunicatum


The response of "trema" (Trema micrantha (L) Blum.) and "fedegoso" (Senna macranthera Rich.), both native woody species, to phosphorus (P), nitrogen (N) and inoculation with arbuscular mycorrhizal fungus (AMF) was studied in pots using a low-fertility clayey Dark Red-Latosol (Oxisol) Sample. The study, composed of two experiments, was carried out under greenhouse conditions at the Soil Science Department of Universidade Federal de Lavras, state of Minas Gerais, Brazil, from march 1993 to april 1994. Both species grew poorly in the absence of added P and exhibited great response to this fertilizer. Inoculation with Glomus etunicatum Becker & Gerd. (Ge) resulted in beneficial plant growth effects in both species. Inoculated plants reached 80% of the maximum growth when 100 mg kg-1 of P in the soil was added to trema and of 80 mg kg-1 of P in the soil to fedegoso. Trema and fedegoso plants non-inoculated with Ge, but colonized by indigenous fungi, required 3.2 and 1.5 times, respectively, more P to reach 80% of maximum growth. Addition of mineral N alone did not promote plant growth of any species. The addition of soluble phosphate and the presence of AMF propagules are of great importance for initial growth of the studied species in low-fertility soils.

native woody species; forestation; arbuscular mycorrhiza; soil fungi; Glomus etunicatum


SEÇÃO III - BIOLOGIA DO SOLO

Fungo micorrízico, fósforo e nitrogênio no crescimento inicial da trema e do fedegoso(1 (1 ) Trabalho Parcialmente financiado pela CEMIG e FAPEMIG. )

Mycorrhizae, phosphorus and nitrogen supply on initial growth of "trema" and "fedegoso"

M. E. ParonI; J. O. SiqueiraII; N. CuriII

IEngenheiro-Agrônomo, Centro de Pesquisa do Trópico Semi-Árido - EMBRAPA, Caixa Postal 23, CEP 56300-000 Petrolina (PE). Bolsista do CNPq

IIEngenheiro-Agrônomo, Professor Titular do Departamento de Ciência do Solo, UFLA, Caixa Postal 37, CEP 37200-000 Lavras (MG). Bolsista do CNPq

RESUMO

De março de 1993 a junho de 1994, em vasos com amostra de um latossolo vermelho-escuro (LE) argiloso fase cerrado, estudou-se a resposta da trema (Trema micrantha (L)Blum.) e do fedegoso (Senna macranthera Rich.) a fósforo (P) nitrogênio (N) e à inoculação com o fungo micorrízico arbuscular Glomus etunicatum (Ge) Becker & Gerdemann. O trabalho foi desenvolvido em casa de vegetação do Departamento de Ciência do Solo da Universidade Federal de Lavras (MG), por meio de dois experimentos. A inoculação com Ge resultou em efeitos positivos para o crescimento das espécies, sendo esse efeito menos evidente no fedegoso que se beneficiou mais dos fungos indígenas. Em plantas inoculadas, a dose de P necessária para atingir 80% do crescimento máximo (CM) foi de 100 mg kg-1 de P no solo, para a trema, e de 80 mg kg-1 de P no solo, para o fedegoso, enquanto as plantas colonizadas pelos fungos indígenas requereram, respectivamente, 3,2 e 1,5 vezes mais P para atingir tal crescimento. Ambas as espécies apresentaram crescimento reduzido na ausência de P, porém tiveram grande crescimento quando receberam superfosfato. Por outro lado, a adição de N mineral não promoveu o crescimento das mudas. A adição de P solúvel e a introdução de G. etunicatum são importantes fatores para o crescimento inicial das espécies estudadas, em solo de baixa fertilidade natural.

Termos de indexação: essências nativas, florestamento, micorriza arbuscular, fungos de solo, Glomus etunicatum.

SUMMARY

The response of "trema" (Trema micrantha (L) Blum.) and "fedegoso" (Senna macranthera Rich.), both native woody species, to phosphorus (P), nitrogen (N) and inoculation with arbuscular mycorrhizal fungus (AMF) was studied in pots using a low-fertility clayey Dark Red-Latosol (Oxisol) Sample. The study, composed of two experiments, was carried out under greenhouse conditions at the Soil Science Department of Universidade Federal de Lavras, state of Minas Gerais, Brazil, from march 1993 to april 1994. Both species grew poorly in the absence of added P and exhibited great response to this fertilizer. Inoculation with Glomus etunicatum Becker & Gerd. (Ge) resulted in beneficial plant growth effects in both species. Inoculated plants reached 80% of the maximum growth when 100 mg kg-1 of P in the soil was added to trema and of 80 mg kg-1 of P in the soil to fedegoso. Trema and fedegoso plants non-inoculated with Ge, but colonized by indigenous fungi, required 3.2 and 1.5 times, respectively, more P to reach 80% of maximum growth. Addition of mineral N alone did not promote plant growth of any species. The addition of soluble phosphate and the presence of AMF propagules are of great importance for initial growth of the studied species in low-fertility soils.

Index terms: native woody species, forestation, arbuscular mycorrhiza, soil fungi, Glomus etunicatum.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

LITERATURA CITADA

Recebido para publicação em janeiro de 1997

Aprovado em outubro de 1997

  • BLANCHAR, R.W.; REHM, G. & CALDWELL, A.C. Sulfur in plant material digestion with nitric and percloric acid. Soil Sci. Soc. Am. Proc., Madison, 29:71-72, 1965.
  • BREMNER, J.M. & EDWARDS, H.P. Determination and isotope ratio analyses of different forms of nitrogen in soils. I. Aparatus and procedures for destilation and determination for amonium. Soil Sci. Soc. Am. Proc., Madison, 29:504-507, 1965.
  • CARNEIRO, M.A.C.; SIQUEIRA, J.O.; DAVIDE, A.C.; GOMES, L.J.; CURI, N. & VALE, F.R. Colonização micorrízica, crescimento e teores de nutrientes em trinta e uma espécies arbóreas em resposta a fungo micorrízico e superfosfato simples. Scientia Forestalis, Piracicaba, 50:21-36, 1996.
  • CARVALHO, P.E.R. Espécies florestais brasileiras: recomendações silviculturais, potencialidades e uso da madeira. Brasília, EMBRAPA-CNPF, 1994, 580p.
  • COLONNA, J.P.; THOEN, D.; DUCOUSSO, M. & BRADJI, S. Comparative effects of Glomus mosseae and P fertilizer on foliar mineral composition of Acacia senegal seedlings inoculated with Rhyzobium. Mycorrhiza, Berlin, 1:35-38, 1991.
  • FRANCO, A.A. Fixação de nitrogênio em árvores e fertilidade do solo. Pesq. agropec. bras., Brasília, 19:253-261, 1984.
  • GERDEMANN, J.W. & NICOLSON, T.H. Spores of mycorrhizal Endogone species extracted from soil by wet sieving and decanting. Trans. Brit. Mycol. Soc., London, 46:235-244, 1963.
  • GIOVANNETTI, M. & MOSSE, B. An evaluation of techniques to measure vesicular-arbuscular mycorrhizal infection in roots. New Phytol., London, 84:484-500, 1980.
  • GOMIDE, M.B.; LEMOS, O.V.; TOURINO, D.; CARVALHO, M.M.; CARVALHO, J.G. & DUARTE, C.S. Comparação entre métodos de determinação de área foliar em cafeeiros `Mundo Novo e Catuaí'. Ci. Prát., Lavras, 1:118-123, 1977.
  • GONÇALVES, J.L. de M.; KAGEYAMA, P.Y.; FREIXÊDAS; GONÇALVES, J.C. & GERES, W.L. de A. Capacidade de absorção e eficiência nutricional de algumas espécies arbóreas tropicais. In: CONGRESSO NACIONAL SOBRE ESSÊNCIAS NATIVAS, 2., São Paulo, 1992. Anais. São Paulo, Instituto Florestal, 1992. p.463-469.
  • HUNTER, A.H. Laboratory analisys of vegetal tissues samples. Raleigh, Internacional Soil Fertility Evaluation and Improvement Program, N.C.S.U., 1975. 5p.
  • JAKOBSEN, I. Research approaches to study the functioning of vesicular-arbuscular mycorrhizas in the field. Plant Soil, The Hague, 159:141-147, 1994.
  • KORMANIK, P.P. & McGRAW, A.C. Quantification of vesicular-arbuscular mycorrhizal in plants roots. In: SCHENCK, N.C., ed. Methods and principles of mycorrhizal research, St. Paul, American Phytopathological Society, 1982. p.37-46.
  • LIMA, H.N. Crescimento inicial de sete espécies arbóreas nativas em resposta à adubação com NPK a campo. Lavras, ESAL, 1995. 53p. (Dissertação de Mestrado)
  • LORENZI, H. Árvores brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. Nova Odessa, Plantarum, 1992. 352p.
  • PEREIRA, E.G.; SIQUEIRA, J.O.; CURI, N.; MOREIRA, F.M.S. & PURCINO, A.A.C. Efeitos da micorriza e do suprimento de fósforo na atividade enzimática e na resposta de espécies arbóreas ao nitrogênio. R. bras. Fisiol. Veg., Campinas, 8:59-65, 1996a.
  • PEREIRA, E.G.; SIQUEIRA, J.O.; VALE, F.R. & MOREIRA, F.M.S. Influência do nitrogênio mineral no crescimento e colonização micorrízica de mudas de árvores. Pesq. agrop. bras., Brasília, 31:653-662, 1996b.
  • RENÓ, N.B.; SIQUEIRA, J.O.; CURI, N. & VALE, F.R. Limitações nutricionais ao crescimento inicial de quatro espécies arbóreas nativas em latossolo vermelho-amarelo. Pesq. agrop. bras., Brasília, 32:17-25, 1997.
  • ROVIRA, A.D. Studies on soil fumigation- I Effects on ammonium, nitrate and phosphate in soil and on the growth, nutrition and yield of weat. Soil Biol. Biochem., Oxford, 8:241-247, 1976.
  • SIQUEIRA, J.O. Eficiência de fertilizantes fosfatados em associações micorrízicas. In: ENCONTRO NACIONAL DE ROCHA FOSFÁTICA, 5., Anais. São Paulo, IBRAFOS, 1990. p.165-193.
  • SIQUEIRA, J.O. Micorrizas arbusculares. In: ARAUJO, R.S. & HUNGRIA, M., eds. Microrganismos de importância agrícola. Brasília, EMBRAPA, 1994. p.151-194.
  • SIQUEIRA, J.O. & COLLOZZI-FILHO, A. Micorrizas vesículo-arbusculares em mudas de cafeeiro. II. Efeito do fósforo no estabelecimento e funcionamento. R. bras. Ci. Solo, Campinas, 10:207-211, 1986.
  • SIQUEIRA, J.O.; HUBBELL, D.H. & VALLE, R.R. Effects of phosphorus on formation of the vesicular-arbuscular mycorrhizal symbiosis. Pesq. agropec. bras., Brasília, 19:1465-1474, 1984.
  • SIQUEIRA, J.O.; CURI, N.; VALE, F.R.; FERREIRA, M.M. & MOREIRA, F.M.S. Aspectos de solos, nutrição vegetal e microbiologia na implantação de matas ciliares. Belo Horizonte, CEMIG/UFLA, 1995, 28p.
  • ST. JOHN, T.V. Uma lista de espécies de plantas tropicais brasileiras naturalmente infectadas com micorrizas vesicular-arbuscular. Acta Amaz., Manaus, 10:229-234, 1980.
  • YOST, R.S. & FOX, R.L. Contribuition of mycorrhizae to P nutrition of crops growing on an Oxisol. Agron. J., Madison, 71:903-908, 1979.
  • ZONTA, E.P.; MACHADO, A.A. & SILVEIRA-JÚNIOR, P. Sistema de Análise Estatística para Microcomputadores (SANEST). Pelotas, 1984, 151p.

  • (1
    ) Trabalho Parcialmente financiado pela CEMIG e FAPEMIG.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    08 Out 2014
  • Data do Fascículo
    Dez 1997

Histórico

  • Recebido
    Jan 1997
  • Aceito
    Out 1997
Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Secretaria Executiva , Caixa Postal 231, 36570-000 Viçosa MG Brasil, Tel.: (55 31) 3899 2471 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: sbcs@ufv.br