Adsorção de fosfato em solos com caráter ácrico avaliada por um modelo de complexação de superfície

Evaluation of the adsorption of phosphate in acric soils using a surface complexation model

J.C. Casagrande O.A. Camargo Sobre os autores

Resumos

Foi estudada, em 1993, a aplicação de um modelo de complexação de superfície para a verificação do efeito do pH e da concentração de fosfato na solução do solo sobre a adsorção de fósforo em dois latossolos roxos ácricos da região Norte do Estado de São Paulo. Utilizaram-se amostras superficiais e em profundidade, na maior expressão do horizonte B. Para alterar o pH, as amostras foram incubadas com doses crescentes de carbonato de cálcio e de ácido clorídrico. Para obtenção das curvas de adsorção, as amostras foram equilibradas com uma solução de cloreto de cálcio 0,01 mol L-1 contendo de zero a 1.200 mg dm-3 de P . A elevação da concentração de fosfato na solução de equilíbrio resultou em maior adsorção em toda a faixa de pH estudada. Os potenciais eletrostáticos iniciais tornaram-se mais negativos com a elevação do pH. Mesmo com a variação do parâmetro ajustável - adsorção máxima - obteve-se boa simulação da adsorção de fosfato, gerando diferentes valores de potenciais eletrostáticos. Embora o modelo não apresente valores reais para o potencial eletrostático, foi eficiente na simulação da adsorção fosfato em função do pH e da concentração de fósforo em equilíbrio na solução do solo. A adsorção de fosfato foi mais influenciada pela concentração de fósforo que pelo pH.

modelo de complexação; adsorção de fósforo; solos ácricos


The application of a surface complexation model to determine the effect of the pH and the phosphate concentration in the soil solution on the adsorption of phosphorus in two acric soils, was evaluated. Surface and subsurface samples were collected from two Oxisols of Ribeirão Preto and Guaíra, northern of the State of São Paulo, Brazil, in 1993. The samples were incubated with increasing amounts of calcium carbonate and hydrochloric acid to change the pH. The adsorption curves were obtained by equilibrating the samples with a 0.01 mol L-1 calcium chloride solution containing from zero to 1,200 mg dm-3 of P. The increase of the phosphate concentration in the equilibrium solution resulted in a higher adsorption of phosphate for any pH studied. The electrostatic potentials became more negative as the pH increased. Despite the variation of the adjustable parameter maximum adsorption, a good simulation of the phosphate adsorption was obtained, generating different electrostatic potentials. Although the model did not presented real values for the electrostatic potentials, it was efficient in simulating the phosphate adsorption data as a function of the pH and of the concentration of phosphorus in equilibrium in the soil solution. The phosphate adsorption was more affected by the phosphorus concentration than by the pH values.

complexation model; phosphorus adsorption; acrid soils


SEÇÃO II - QUÍMICA E MINERALOGIA DO SOLO

Adsorção de fosfato em solos com caráter ácrico avaliada por um modelo de complexação de superfície(1 (1 ) Parte do trabalho apresentado pelo primeiro autor, como Tese de Doutorado, na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz/USP, Piracicaba/SP e no XXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo em Viçosa (MG). )

Evaluation of the adsorption of phosphate in acric soils using a surface complexation model

J.C. CasagrandeI; O.A. CamargoII

IProfessor Adjunto do Departamento de Recursos Naturais e Proteção Ambiental do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal de São Carlos, Caixa Postal 153, CEP 13600-970 Araras (SP)

IIPesquisador Científico do Instituto Agronômico, Caixa Postal 28, CEP 13001-970 Campinas (SP). Com bolsa do CNPq

RESUMO

Foi estudada, em 1993, a aplicação de um modelo de complexação de superfície para a verificação do efeito do pH e da concentração de fosfato na solução do solo sobre a adsorção de fósforo em dois latossolos roxos ácricos da região Norte do Estado de São Paulo. Utilizaram-se amostras superficiais e em profundidade, na maior expressão do horizonte B. Para alterar o pH, as amostras foram incubadas com doses crescentes de carbonato de cálcio e de ácido clorídrico. Para obtenção das curvas de adsorção, as amostras foram equilibradas com uma solução de cloreto de cálcio 0,01 mol L-1 contendo de zero a 1.200 mg dm-3 de P . A elevação da concentração de fosfato na solução de equilíbrio resultou em maior adsorção em toda a faixa de pH estudada. Os potenciais eletrostáticos iniciais tornaram-se mais negativos com a elevação do pH. Mesmo com a variação do parâmetro ajustável - adsorção máxima - obteve-se boa simulação da adsorção de fosfato, gerando diferentes valores de potenciais eletrostáticos. Embora o modelo não apresente valores reais para o potencial eletrostático, foi eficiente na simulação da adsorção fosfato em função do pH e da concentração de fósforo em equilíbrio na solução do solo. A adsorção de fosfato foi mais influenciada pela concentração de fósforo que pelo pH.

Termos de indexação: modelo de complexação, adsorção de fósforo, solos ácricos.

SUMMARY

The application of a surface complexation model to determine the effect of the pH and the phosphate concentration in the soil solution on the adsorption of phosphorus in two acric soils, was evaluated. Surface and subsurface samples were collected from two Oxisols of Ribeirão Preto and Guaíra, northern of the State of São Paulo, Brazil, in 1993. The samples were incubated with increasing amounts of calcium carbonate and hydrochloric acid to change the pH. The adsorption curves were obtained by equilibrating the samples with a 0.01 mol L-1 calcium chloride solution containing from zero to 1,200 mg dm-3 of P. The increase of the phosphate concentration in the equilibrium solution resulted in a higher adsorption of phosphate for any pH studied. The electrostatic potentials became more negative as the pH increased. Despite the variation of the adjustable parameter maximum adsorption, a good simulation of the phosphate adsorption was obtained, generating different electrostatic potentials. Although the model did not presented real values for the electrostatic potentials, it was efficient in simulating the phosphate adsorption data as a function of the pH and of the concentration of phosphorus in equilibrium in the soil solution. The phosphate adsorption was more affected by the phosphorus concentration than by the pH values.

Index terms: complexation model, phosphorus adsorption, acrid soils.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

LITERATURA CITADA

Recebido para publicação em dezembro de 1995

Aprovado em maio de 1997

  • (1
    ) Parte do trabalho apresentado pelo primeiro autor, como Tese de Doutorado, na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz/USP, Piracicaba/SP e no XXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo em Viçosa (MG).
    • ALLEONI, L.R. & CAMARGO, O.A. Ponto de efeito salino nulo de latossolos ácricos. R. Bras.Ci.Solo, Campinas, 18:175-190, 1994.
    • BARROW, N.J. A mechanistic model for describing the sorption and desorption of phosphate by soils. J. Soil Sci., London 34:733-750, 1983.
    • BARROW, N.J. Modelling the effects of pH on phosphate sorption by soils. J. Soil Sci., London, 35:283-297, 1984.
    • BARROW, N.J. Reaction of anions and cations with variable-charge soils. Adv. Agron., San Diego, 38:183-229, 1985.
    • BARROW, N.J. Reactions with variable charge soils. Netherlands, Martinus Nijhoff, 1987. 191p.
    • BARROW, N.J.; BOWDEN, J.W.; POSNER, A.M. & QUIRK, J.P. An objective method for fitting models of ion adsorption on variable charge surfaces. Aust. J. Soil Res., Victoria, 18:37-47, 1980.
    • BARROW, N.J.; BOWDEN, J.W.; POSNER, A.M. & QUIRK, J.P. Describing the adsorption of copper, zinc and lead on a variable charge mineral surface. Aust. J. Soil Res., Victoria, 19:309-321, 1981.
    • BOWDEN, J.W.; NAGARAJH, S.; BARROW, N.J.; POSNER, A.M. & QUIRK, J.P. Describing the adsorption of phosphate, citrate and selenite on a variable charge mineral surface. Aust. J. Soil Res., Victoria, 18:49-60, 1980.
    • BOWDEN J.W.; POSNER, A.M. & QUIRK, J.P. Ionic adsorption on variable charge mineral surfaces. Theoretical-charge development and titration curves. Aust. J. Soil Res., Victoria, 15:121-136, 1977.
    • CAMARGO, O.A.; MONIZ, A.C.; JORGE, J.A. & VALADARES, J.A.M.S. Métodos de análise química, mineralógica e física de solos do Instituto Agronômico de Campinas. Campinas, IAC, 1986. 94p. (Boletim técnico, 106)
    • CAMARGO, O.A.; RAIJ, B. van & GROHMANN, F. Fixação do fósforo em solos avaliada pelo índice de Bache e Williams e sua correlação com outras propriedades. Ci. Cult., 26(7):991-995, 1974.
    • CASAGRANDE, J.C. Avaliação de um modelo de complexação de superfície para adsorção de fosfato em solos ácricos do norte paulista. Piracicaba, ESALQ/USP, 1993. 97p. (Tese de Doutoramento)
    • EUA. Keys to soil taxonomy. 4.ed. Blacksburg, Crop and Soil Environmental Sciences Department, 1990. 423p. (Soil Management Support Services Technical Monograph, 62)
    • GOLDBERG, S. A chemical model of phosphate adsorption on oxide mineral and soils. Riverside, University of California, 1983. 149p. (Tese de Doutoramento)
    • GOLDBERG, S. Use of complexation models in soil chemical systems. Adv. Agron., San Diego, 47:233-329, 1992.
    • HAYNES, R.J. Effects of liming on phosphate availability in acid soils: a critical review. Plant Soil, Dordrecht, 68(3):289-308, 1982.
    • MATTSON, S. The laws of soil colloidal behavior. IV. Amphoteric behavior. Soil Sci., Baltimore, 32:343-365, 1932.
    • OLSEN, S.R. & WATANABE, F.S. A method to determine a phosphorus adsorption maximum of soils as measured by the Langmuir isotherm. Soil Sci. Soc. Am. Proc., Madison, 21:144-149, 1957.
    • POSNER, A.M. & BARROW, N.J. Simplification of a model for ion adsorption on oxide surfaces. J. Soil Sci., London, 33:211-217, 1982.
    • SPOSITO, G. On the use of Langmuir equation in the interpretation of "adsorption" phenomena. II. The "two-surface" Langmuir equation. Soil Sci. Soc. Am. J., Madison, 40:1147-1152, 1982.
    • SPOSITO, G. The surface chemistry of soils. NewYork, Oxford University, 1984. 234p.
    • SPOSITO, G. The chemistry of soils. 1.ed., New York, Oxford University, 1989. 277p.
    • UEHARA, G. & GILLMAN, G. Acric properties and their significan-ce to soil classification. In: INTERNATIONAL SOIL CLASSIFICATION WORKSHOP, 8., Rio de Janeiro, 1985. Proceedings. Rio de Janeiro, EMBRAPA/SNLCS, 1985. p.19-22.

    (1 ) Parte do trabalho apresentado pelo primeiro autor, como Tese de Doutorado, na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz/USP, Piracicaba/SP e no XXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo em Viçosa (MG).

    Datas de Publicação

    • Publicação nesta coleção
      08 Out 2014
    • Data do Fascículo
      Set 1997

    Histórico

    • Aceito
      Maio 1997
    • Recebido
      Dez 1995
    Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Secretaria Executiva , Caixa Postal 231, 36570-000 Viçosa MG Brasil, Tel.: (55 31) 3899 2471 - Viçosa - MG - Brazil
    E-mail: sbcs@ufv.br