Produtividade de linhagens avançadas de amendoim em condições de sequeiro no nordeste Brasileiro

Yield of advanced lines of peanut under rainfed conditions in northeast Brazil

Onze linhagens avançadas de amendoim, eretas e rasteiras, foram conduzidas em condições de sequeiro, em quatro estados nordestinos, visando-se avaliar a produtividade em vagens e sementes. Os ensaios foram conduzidos no período de 2005 a 2007, nos municípios de Araripina e Parnamirim, PE, Lagarto, SE, Cruz das Almas e Caetité, BA, Campina Grande e Itabaiana, PB. O delineamento experimental adotado foi em blocos ao acaso, com 13 tratamentos, constituídos de oito linhagens eretas e cinco rasteiros, com cinco repetições. As variáveis analisadas foram produtividades de vagens e de sementes. Em referência à análise estatística, realizaram-se análises de variância individual e conjunta e se adotou o teste de Tukey (p < 0,05) para comparação das médias dos tratamentos. A cultivar BR 1 foi utilizada como testemunha entre os genótipos eretos. A linhagem ereta LN-1B apresentou maior produção de vagens entre as demais do grupo, com 2.450 kg ha-1, superando a média em 22% e a BR 1, em 11%; a produtividade média em sementes situou-se em 1.665 kg ha-1, correspondendo a 21% acima da média do grupo e 10% acima da BR 1. Entre as linhagens rasteiras as médias de produtividade em vagens e em sementes foram consideradas baixas nas condições estudadas destacando-se, contudo, LI-3, LI-5 e LI-1, que produziram em média entre 1.722 kg ha-1 e 1.154 kg ha-1, e superaram a média do grupo em 9.8 e 10%, respectivamente.

Arachis hypogaea; tolerância a seca; melhoramento


Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG Av. Aprígio Veloso 882, Bodocongó, Bloco CM, Caixa Postal 10078, 58109-970 Campina Grande PB Brasil, Tel. +55 83 3310-1056, Fax +55 83 3310-1185 - Campina Grande - PB - Brazil
E-mail: agriambi@agriambi.com.br