Qualidade do percolado de solos que receberam vinhaça em diferentes doses e tempo de incubação

Quality of percolate from soils after application of different doses and incubation time of vinasse

Neste estudo, objetivou-se avaliar a qualidade do percolado de solos que receberam doses de vinhaça em diferentes tempos de incubação. Para isto, foram reproduzidos, em 27 colunas de PVC de 20 x 110 cm (diâmetro x altura) solos classificados como Nitossolo Háplico, Argissolo Amarelo e Espodossolo Cárbico, com horizontes, espessuras e densidades semelhantes aos do solo original. Os solos foram tratados com vinhaça em doses equivalentes a 0 (Testemunha), 350 e 700 m³ ha-1 submetidos aos tempos de incubação de 30 e 60 dias. Os efluentes coletados foram analisados quanto a DBO5, DQO, CE, SDT e pH. Os resultados indicaram que as variações verificadas nos parâmetros analisados, decorrentes da aplicação da vinhaça ao solo, não trazem maiores preocupações quanto às questões ambientais visto que, quando comparados os valores do percolado com os da vinhaça in natura, os solos, apesar de apresentarem diferentes texturas e, conseqüentemente, diferentes propriedades físico-químicas, mostraram elevado poder de retenção, diminuindo sobremaneira a possibilidade do resíduo causar poluição às águas subsuperficiais.

aproveitamento de resíduos; cana-de-açúcar; qualidade ambiental


Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG Unidade Acadêmica de Engenharia Agrícola, UFCG, Av. Aprígio Veloso 882, Bodocongó, Bloco CM, 1º andar, CEP 58429-140, Campina Grande, PB, Brasil, Tel. +55 83 2101 1056 - Campina Grande - PB - Brazil
E-mail: revistagriambi@gmail.com