Método "fingerprinting" para identificação de fontes de sedimentos em bacia hidrográfica rural

Fingerprinting method for identification of sediment sources in a rural watershed

Este trabalho se refere a um estudo de identificação de fontes de sedimentos, realizado em uma bacia rural localizada em uma região montanhosa, no sul do Brasil. A bacia representa um ecossistema típico de exploração agrícola, realizado por pequenos agricultores que cultivam fumo em áreas marginais, com conseqüências severas aos recursos naturais. A identificação das fontes de sedimentos, baseada na análise dos sedimentos transportados em suspensão, possibilita avaliar as áreas que contribuem para a sua produção e fazer inferências sobre o potencial poluidor desses sedimentos. A metodologia utilizada foi a técnica "fingerprinting", através da qual foram exploradas as principais limitações da metodologia e as potencialidades na identificação das fontes de sedimentos. A classificação possibilitou a identificação da contribuição relativa das fontes, considerando-se preponderantes as lavouras e as estradas. Os resultados mostraram que a contribuição das duas fontes foi variável no tempo e a proporção relativa da contribuição de cada fonte variou de acordo com o manejo e a cobertura do solo que ocorreu nas lavouras e das obras de manutenção realizadas nas estradas. A contribuição das fontes mostrou que as lavouras e as estradas contribuíram com 64 e 36%, respectivamente.

produção de sedimentos; aproximação "fingerprinting"; monitoramento e modelagem de bacias hidrográficas


Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG Av. Aprígio Veloso 882, Bodocongó, Bloco CM, Caixa Postal 10078, 58109-970 Campina Grande PB Brasil, Tel. +55 83 3310-1056, Fax +55 83 3310-1185 - Campina Grande - PB - Brazil
E-mail: agriambi@agriambi.com.br