Estruturação do internato de enfermagem na percepção dos internos

Structuring nursing internship from the interns’ perspective

A formação do enfermeiro no contexto teórico-prático visa à obtenção de um profissional apto às adversidades apresentadas pelos diferentes cenários da saúde e perfis da população. O estudo objetivou compreender a percepção dos internos de Enfermagem sobre a estruturação prática e teórica do internato de Enfermagem da Universidade Estadual de Londrina. Utilizou-se a metodologia qualitativa, com a obtenção de dados através da questão: O que você achou da estruturação do internato na parte prática e teórica? Após análise dos dados, formaram-se quatro categorias: práticas educativas utilizadas nos encontros teóricos; associação da teoria e da prática do internato na visão do aluno; potencialidades e desafios encontrados na área hospitalar; potencialidades e desafios encontrados na saúde coletiva. Concluiu-se que o internato proporcionou satisfação aos internos em sua estruturação prática e teórica, e também identificação com a área pelos alunos. Entre os desafios encontrados está o aprofundamento do ensino da gerência na realização do estágio.

Internato Não Médico; Educação em Enfermagem; Aprendizagem; Enfermagem; Programas de Graduação em Enfermagem; Educação Médica


Associação Brasileira de Educação Médica SCN - QD 02 - BL D - Torre A - Salas 1021 e 1023 | Asa Norte, Brasília | DF | CEP: 70712-903, Tel: (61) 3024-9978 / 3024-8013, Fax: +55 21 2260-6662 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: rbem.abem@gmail.com