Virá o Século XXI a ser Aristotélico?

Will the 21st Century be Aristotelian?

Le XXIe siècle sera-t-il aristotélicien ?

Hans Ulrich Gumbrecht Sobre o autor

RESUMO

Este texto concentra-se na tradição discursiva que pode ser chamada Crítica Cultural e em deslocamentos em algumas estruturas epistemológicas fundamentais. Apresentam-se mudanças nas condições do trabalho com as Ciências Humanas em nosso presente eletrônico e, inspirado por temáticas de escritos tardios de Heidegger, procura-se condensar os juízos previamente formulados em uma crítica do presente. Aponta-se, ainda, para uma série de sintomas do presente que podem servir de indícios para cimentar a esperança de um futuro aristotélico.

Palavras-chave:
Filosofia; Aristóteles; Ciências Humanas; Epistemologia; Heidegger

ABSTRACT

This text focuses on the discursive tradition that may be called Cultural Critique and on the dislocations in some fundamental epistemological structures. It presents changes in the working conditions within the Humanities in our electronic present and, inspired by themes from Heidegger's late writings, it seeks to condense the judgements previously formulated in a critique of the present. We also point out to a series of current symptoms that may serve as evidence to consolidate the hope in an Aristotelian future.

Keywords:
Philosophy; Aristotle; Humanities; Epistemology; Heidegger

RÉSUMÉ

Ce texte se focalise sur la tradition discursive communément appelée critique culturelle et sur les déplacements survenus dans quelques structures épistémologiques fondamentales. Il présente les changements d'approche en sciences humaines à l'heure de notre " présent numérique " et, inspiré par des thématiques présentes dans des écrits tardifs d'Heidegger, il cherche à condenser les appréciations préalablement formulées en une critique du présent. Il met enfin en exergue une série de symptômes du présent pouvant servir d'indices pour corroborer l'espoir d'un futur aristotélique.

Mots-clés :
Philosophie; Aristote; Sciences Humaines; Epistémologie; Heidegger

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

  • 1
    N.T.: no original alemão: Kulturkritik.
  • 2
    N.T.: no original em alemão Geisteswissenschaften, Ciências do Espírito.
  • 3
    N.T.: no original em alemão Dasein. Termo da filosofia heideggeriana.
  • 4
    N.T.: no original em alemão Gestell, literalmente armação, no sentido de estrutura. Esse termo da filosofia de Heidegger foi traduzido no Brasil como Dispositivo.
  • 5
    N.T.: no original em alemão Seinsgeschichte.
  • 6
    N.T.: no original em alemão Wahrheitsereignis.
  • 7
    N.T.: no original em alemão Selbstentbergung des Seins.
  • 8
    N.T.: no original em alemão thymisch. Expressão da Semiótica francesa. Para A. J. Greimas constitui um dos aspectos do significado, por oposição ao seu aspecto lógico.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    Jun 2011

Histórico

  • Recebido
    Fev 2011
  • Aceito
    Maio 2011
Universidade Federal do Rio Grande do Sul Av. Paulo Gama s/n prédio 12201, sala 700-2, Bairro Farroupilha, Código Postal: 90046-900, Telefone: 5133084142 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: rev.presenca@gmail.com
Accessibility / Report Error