Comparação dos diferentes métodos de avaliação da segurança alimentar e nutricional domiciliar na zona rural de uma cidade brasileira

Luiza Veloso Dutra Dayane de Castro Morais Ricardo Henrique Silva Santos Sylvia do Carmo Castro Franceschini Silvia Eloiza Priore Sobre os autores

Resumo

O objetivo do artigo é avaliar e comparar a situação de segurança alimentar domiciliar por três diferentes métodos, em área rural de uma cidade brasileira: disponibilidade de energia alimentar em casa; estado nutricional; e percepção de insegurança alimentar. Trata-se de estudo transversal realizado com 79 famílias residentes em 19 comunidades rurais de um município de Minas Gerais, totalizando 272 moradores. Durante as visitas familiares, o estado nutricional foi analisado por antropometria, a percepção de insegurança alimentar pela Escala de Insegurança Alimentar (Ebia) e a disponibilidade de energia alimentar no domicílio por 30 dias. Os resultados mostraram que, das 79 famílias de agricultores familiares, 12,7% foram consideradas inseguras para a disponibilidade de energia alimentar, 24,0% devido à presença de baixo peso em casa e 49,5% por Ebia. Houve baixa correlação entre os métodos, com diferenças entre eles (Kendall W 0,162 p <0,001). A insegurança alimentar esteve associada à presença de pelo menos um indivíduo com idade inferior a 18 anos no domicílio. A segurança alimentar classificada de acordo com a Ebia foi associada a um aumento no número de pessoas que vivem no domicílio, na produção de vegetais e frutas. Concluiu-se que nenhum indicador isolado pode cobrir várias dimensões da segurança alimentar, a qual envolve uma abordagem ampla e multifacetada; portanto, sua avaliação completa requer diferentes métodos de classificação.

Palavras-chave
Segurança alimentar e nutricional; Disponibilidade de alimentos; Agricultura familiar; Antropometria; Percepção da insegurança alimentar

Associação Brasileira de Estudos Populacionais Rua André Cavalcanti, 106, sala 502., CEP 20231-050 Rio de Janeiro - RJ - Brasil, Fone: 55 31 3409 7166 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: editor@rebep.org.br