Desempenho de macieiras ‘Maxi Gala’ em resposta a indutores de brotação, em São Joaquim-SC

Mateus da Silveira Pasa João Felippeto Gilberto Nava André Luiz Kulkamp de Souza Alberto Fontanella Brighenti José Luiz Petri Sobre os autores

Resumo

A aplicação de indutores de brotação para compensar a falta de frio é uma prática comum em pomares de macieira no Sul do Brasil. Porém, sua necessidade em áreas com maior acúmulo de frio nessa região, como em São Joaquim-SC, tem sido questionada ao longo dos anos. O objetivo deste trabalho foi estudar o desempenho de macieiras ‘Maxi Gala’ em resposta à aplicação de diferentes indutores de brotação em São Joaquim-SC. O estudo foi desenvolvido na Estação Experimental da EPAGRI, nas safras de 2013/2014, 2014/2015 e 2015/2016. Foram utilizadas plantas da cultivar Maxi Gala, com 10 anos de idade, enxertadas no porta-enxerto ‘M.9’. O delineamento experimental foi de casualização por blocos, com pelo menos cinco repetições. Os tratamentos consistiram em Erger®, combinado com nitrato de cálcio ou óleo mineral, em diferentes concentrações; e cianamida hidrogenada combinada com óleo mineral. A aplicação foi realizada quando as gemas estavam entre os estádios A (gema dormente) e B (gema inchada; ponta prateada). Foi avaliada a influência dos tratamentos na floração, brotação, componentes produtivos e qualidade dos frutos. A floração foi pouco influenciada pelos tratamentos, enquanto a brotação de gemas laterais foi aumentada no ano com acúmulo de frio insuficiente. Além disso, as combinações de Erger® (2% e 3%) + nitrato de cálcio (2% e 3%) e Erger® (1%) + óleo mineral (3%) induziram brotação de gemas laterais semelhante à cianamida hidrogenada + óleo mineral. Os atributos de qualidade dos frutos não foram afetados pelos tratamentos.

Termos para indexação
Malus domestica; dormência; floração; cianamida hidrogenada; retorno de floração

Sociedade Brasileira de Fruticultura Via de acesso Prof. Paulo Donato Castellane, s/n , 14884-900 Jaboticabal SP Brazil, Tel.: +55 16 3209-7188/3209-7609 - Jaboticabal - SP - Brazil
E-mail: rbf@fcav.unesp.br