Accessibility / Report Error

Anatomia dos órgãos vegetativos de Dieffenbachia picta Schott (Araceae) com ênfase na distribuição de cristais, laticíferos e grãos de amido

Anatomy of the vegetative organs from Dieffenbachia picta Schott (Araceae) with an emphasis on crystals, laticifers and starch grains

A distribuição dos cristais, laticíferos e grãos de amido foi estudada nos órgãos vegetativos de Dieffenbachia picta Schott (Araceae), conhecida por comigo-ninguém-pode, por tais estruturas serem citadas como responsáveis pela irritação mecânica e química provocada pela planta. A anatomia da folha, do caule aéreo, do rizoma e da raiz foi descrita por meio de seções histológicas coradas com azul de toluidina. A natureza química dos cristais e a presença de lipídios, alcalóides, grãos de amido e proteínas foram verificadas por reagentes diversos. Drusas e ráfides de oxalato de cálcio, associadas a lipídios, alcalóides e proteínas, ocorreram no interior de células presentes no parênquima de todos os órgãos, no colênquima caulinar e nos meristemas da raiz. O tempo de dissolução dos cristais das folhas jovem e adulta foi semelhante, o do caule foi maior que o da folha e o do rizoma maior que o da raiz. Grãos de amido, associados a proteínas, ocorreram no clorênquima do caule aéreo (forma de bastonetes) e rizoma (formas esférica e bastonete). Laticíferos ocorreram entremeando o colênquima e o parênquima; o látex continha ráfides, alcalóides e lipídios. Maior número de idioblastos cristalíferos e laticíferos foi observado no caule aéreo, sendo este, portanto, o órgão que mais representa perigo.

Dieffenbachia picta; comigo ninguém pode; drusa; idioblasto cristalífero; látex; planta tóxica; ráfide


Sociedade Brasileira de Farmacognosia Universidade Federal do Paraná, Laboratório de Farmacognosia, Rua Pref. Lothario Meissner, 632 - Jd. Botânico, 80210-170, Curitiba, PR, Brasil, Tel/FAX (41) 3360-4062 - Curitiba - PR - Brazil
E-mail: revista@sbfgnosia.org.br