Accessibility / Report Error

Plantas do continente Americano com atividade antimalárica

Malária é uma doença parasitária humana causada por protozoários do gênero Plasmodium. Esta doença tem acometido populações que habitam regiões tropicais e subtropicais. Anualmente, cerca de 500 milhões de casos ocorrem no mundo, o que permite ser considerada uma doença emergente de importância para a saúde pública. Neste contexto, os produtos naturais, a exemplo das espécies vegetais, têm suas moléculas bioativas como alvo para estudos farmacológicos, toxicológicos e fitoquímicos destinados à síntese de medicamentos mais eficazes para o tratamento de inúmeras doenças. Portanto, este trabalho fornece subsídio às pesquisas com produtos naturais para o tratamento da malária. Nesta revisão, 476 espécies de plantas do continente Americano foram relatadas para a atividade antimalárica, sendo destas 198 ativas e 278 inativas para algum tipo de Plasmodium, quando avaliados através de modelos in vitro e in vivo.

Atividade antimalárica; plantas medicinais; produtos naturais; continente Americano; revisão


Sociedade Brasileira de Farmacognosia Universidade Federal do Paraná, Laboratório de Farmacognosia, Rua Pref. Lothario Meissner, 632 - Jd. Botânico, 80210-170, Curitiba, PR, Brasil, Tel/FAX (41) 3360-4062 - Curitiba - PR - Brazil
E-mail: revista@sbfgnosia.org.br