Nível de atividade física habitual e transtornos mentais comuns entre idosos residentes em áreas rurais

Level of routine physical activity and common mental disorders among elderly living in rural areas

Lélia Lessa Teixeira Pinto Saulo Vasconcelos Rocha Helly Paula Santos Viana Wisla Keile Medeiros Rodrigues Lelia Renata Carneiro Vasconcelos Sobre os autores

OBJETIVO:

Analisar a associação entre o nível de atividade física habitual e transtornos mentais comuns entre idosos.

MÉTODOS:

Estudo transversal do tipo seccional com população de 95 idosos residentes na zona rural do município de Jequié-BA. Foram utilizados formulário com informações sociodemográficas, triagem para transtornos mentais comuns (TMC) através do Self-Reporting Questionnaire (SRQ-20) e o Questionário Internacional de Atividades Físicas (IPAQ).

RESULTADOS:

A maioria dos idosos tinha entre 60 e 79 anos (75,8%) e era do sexo feminino (57,9%). O percentual de não sedentários foi de 64,2%, observando associação estatisticamente significante entre o nível de atividade física com a faixa etária, situação conjugal e escolaridade. A prevalência global de TMC foi de 47,4%; apenas a renda teve associação estatisticamente significante. Ao avaliar a associação entre atividade física e TMC, não foi encontrada associação com níveis estatisticamente significante (p>0,05)

CONCLUSÃO:

Apesar das evidências da literatura sobre a contribuição da atividade física para a saúde mental, no presente estudo não se observou associação entre atividade física e TMC.

Atividade Física; Saúde Mental; Idoso


Universidade do Estado do Rio Janeiro Rua São Francisco Xavier, 524 - Bloco F, 20559-900 Rio de Janeiro - RJ Brasil, Tel.: (55 21) 2334-0168 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revistabgg@gmail.com