Accessibility / Report Error

Gravidez na Adolescência

Editorial

Gravidez na Adolescência

Segundo dados do Ministério da Saúde, estima-se que dois terços das mulheres que dêem a luz no Brasil tem idade variável entre 10 e 19 anos. Confrontando com a Holanda, onde esta cifra é da ordem de 7 por 1000 adolescentes e nos Estados Unidos de 54/1000 (Eurostat ¾ The Washington Times, novembro 1999), podemos aquilatar a dimensão social e as repercussões orgânicas, psicológicas e emocionais para a adolescente que a gestação precoce representa em nosso país.

A Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia, preocupada com estes elevados índices e levando em consideração os resultados das campanhas realizadas pela Holanda e Estados Unidos que, baseadas na sensibilização e educação do adolescente, alcançaram esses índices depois de 15 anos (a incidência era de 34/1000 na Holanda e nos Estados Unidos de 120/1000 em 1984), conclama a todos a se unirem para colaborar na prevenção destas gestações, na maioria das vezes indesejadas.

A Diretoria

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    04 Jan 2005
  • Data do Fascículo
    Jun 2000
Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia Av. Brigadeiro Luís Antônio, 3421, sala 903 - Jardim Paulista, 01401-001 São Paulo SP - Brasil, Tel. (55 11) 5573-4919 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: editorial.office@febrasgo.org.br