A Cronaca di Partenope e o Reino de Nápoles: contribuições da e para a historiografia brasileira no século XXI

Igor Salomão Teixeira Sobre o autor

Resumo

Este artigo faz uma reflexão sobre aspectos da historiografia medievalística brasileira no século XXI e propõe uma análise do Ms. Italien 301 Cronaca di Partenope (ou P2). Esse manuscrito apresenta a primeira narrativa, escrita em vernáculo entre 1350 e 1390, sobre Nápoles. Parte-se desta questão: "Em que este estudo pode contribuir para os estudos medievais no Brasil?". Também são abordadas discussões sobre o acesso digital ao manuscrito e as habilidades necessárias para a análise. As conclusões apontam que em dossiês temáticos publicados no Brasil entre 2012 e 2015 predominam temas como poderes, tensões políticas e suas ramificações. Assim, as contribuições deste estudo apontam para uma expansão da compreensão da história da Península Itálica e para reflexões sobre os instrumentos de trabalho e uma crítica sobre as formas de acesso à documentação.

Palavras-chave:
Cronaca di Partenope; século XIV; historiografia brasileira

Associação Nacional de História - ANPUH Av. Professor Lineu Prestes, 338, Cidade Universitária, Caixa Postal 8105, 05508-900 São Paulo SP Brazil, Tel. / Fax: +55 11 3091-3047 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: rbh@anpuh.org