Accessibility / Report Error

Evaluation of platelet aggregation in platelet concentrates (PCs): storage implications

Avaliação da agregação plaquetária em concentrados de plaquetas (PCs): implicações de estocagem

ERRATA ERRATUM

Evaluation of platelet aggregation in platelet concentrates (PCs): storage implications

Avaliação da agregação plaquetária em concentrados de plaquetas (PCs): implicações de estocagem

Teresinha J. C. NeivaI; Marcos J. MachadoI; Monica HoehnII; Elizabeth M. HermesIII; Cidônia L. VituriI; Jovino S. FerreiraIV; Elbio A. D'AmicoV

IDepartamento de Análises Clínicas – Universidade Federal de Santa Catarina, SC – Brasil

IICurso de Graduação em Farmácia – Análises Clínicas – Universidade Federal de Santa Catarina, SC – Brasil

IIILaboratório de Análises Clínicas – HU, Universidade Federal de Santa Catarina, SC – Brasil

IVServiço de Hemoterapia – HU, Universidade Federal de Santa Catarina, SC – Brasil

VLaboratório de Coagulação – Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo, SP – Brasil

ABSTRACT

The use of hemo-derivatives is nowadays a fundamentally important therapeutic modality in the exercise of medicine. Among the various hemo-components employed, we have the platelet concentrate (PC), indicated in cases of hemorrhagic disturbances. We previously showed that platelet function in blood donors is reduced in their screening phase and after the separation process of PCs. Currently, we are providing evidence for the existence of biochemical and functional changes in PC preparations stored for three days at temperatures of 20 ± 2 °C. Platelet concentrates from 40 healthy donors, collected in CPD anticoagulant and PL-146 polyvinylchloride containers, were examined in order to determine the pH value, pCO2, pO2 and lactate concentrations. In addition, the aggregation of platelets with thrombin and collagen were examined to evaluate platelet function. A pH increase from 7.07 ± 0.04 to 7.36 ± 0.07 (p < 0.01) was observed. The pCO2 concentration decreased progressively from 69.2 ± 7.7 mmHg to 28.8 ± 6.2 mmHg (p < 0.001) during the storage period. In contrast, pO2 value increase from 103.4 ± 30.6 to 152.3 ± 24.6 mmHg (p < 0.001) was evidenced during the 48 hours of storage. The lactate concentration increased from 17.97 ± 5.2 to 57.21 ± 5.7 mg/dL (p < 0.001). Platelet aggregation using 0.25 U/mL-thrombin and 2.0µg/mL-collagen showed significant hypofunction from 61.8 ± 2.7% to 24.8 ± 9.8% and 62.7 ± 5.0 to 33.4 ± 6.2 (p < 0.001), respectively. We concluded that the evaluated biochemical parameters and the platelet function changed significantly when the platelets were kept under routine storage conditions.

Key words: Platelet aggregation; platelet count; platelet concentrates, storage implications.

RESUMO

A utilização de hemoderivados constituí-se em uma modalidade terapêutica de fundamental importância no exercício da medicina. Dentre os diversos hemocomponentes que podem ser utilizados, o concentrado de plaquetas (CP) é indicado em situações de distúrbios hemorrágicos. Em estudos anteriores demonstramos que a função plaquetária em doadores de sangue apresenta-se reduzida após fracionamento. No presente trabalho, avaliamos as mudanças bioquímicas e funcionais em CP estocados durante três dias à temperatura de 20 ± 2 ºC. Foram estudados 40 CPs estocados em bolsas de polivinil PL-146 tendo como anticoagulante CPD. O estudo de agregação plaquetária foi avaliado utilizando-se como agonistas colágeno e trombina. Os parâmetros bioquímicos avaliados foram pH, PCO2, pO2 e concentração de lactato. Foi observado um aumento significativo de pH de 7.07 ± 0.04 para 7.36 ± 0.07 (p < 0.01). A concentração de pC02 diminuiu progressivamente de 69.2 ± 7.7 mmHg para 28.8 ± 6.2 mmHg (p<0.001) durante o período de estocagem. Por outro lado, a concentração de pO2 aumentou de 103.4 ± 30.6 mmHg para 152.3 ± 24.6 mmHg (p<0.001) após 48 horas de estocagem. A concentração de lactato aumentou de 17.97 ± 5.2 para 57.21 ± 5.7 mg/dL (p< 0.001). A agregação plaquetária utilizando-se como agonista trombina -0.25U/mL e colágeno-2.0 mg/mL mostrou hipofunção significativa de 61.8 ± 2.7% para 24.8 ± 9.8% e 62.7 ± 5.0% para 33.4 ± 6.2% (p<0.001), respectivamente. Concluímos que a função plaquetária e os parâmetros bioquímicos avaliados alteram-se significativamente quando as plaquetas são mantidas sob condições de armazenamento.

Palavras-chave: Agregação plaquetária; contagem de plaquetas; concentrado de plaquetas; conservação.

Rev. bras. hematol. hemoter. 2003;25(4)207-212

Retificação p. 207 título

Retificação p. 211 resumo

Publication Dates

  • Publication in this collection
    19 July 2004
  • Date of issue
    Mar 2004
Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia e Terapia Celular R. Dr. Diogo de Faria, 775 cj 114, 04037-002 São Paulo/SP/Brasil, Tel. (55 11) 2369-7767/2338-6764 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: secretaria@rbhh.org