Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, Volume: 30, Issue: 6, Published: 2008
  • Multiple myeloma: what degree of knowledge about the disease to doctors who serve in the system of primary health? Editoriais

    Maiolino, Angelo
  • Beta thalassaemia major: a new era Editoriais

    Cançado, Rodolfo D.
  • Anti-A and anti-B hemolysins in transfusion medicine Editoriais

    Novaretti, Marcia Cristina Z.
  • Multiple myeloma: assessment of knowledge of doctors working in primary healthcare Artigos

    Silva, Roberta O. de Paula e; Faria, Rosa M. D. de; Côrtes, Maria da Conceição J. W.; Clementino, Nelma C. D.; Faria, José R. de; Moraes, Thales E. C.; Borges, João L. F.

    Abstract in Portuguese:

    O mieloma múltiplo (MM) apresenta-se clinicamente com sintomas inespecíficos que podem não ser identificados associados, dificultando e retardando o diagnóstico. A Atenção Primária à Saúde (APS) é a porta de entrada à rede de assistência à saúde no Brasil, por isso é importante o médico desse serviço reconhecer as características clínicas e laboratoriais do MM para conduzir adequadamente o paciente. Nosso objetivo foi verificar o conhecimento clínico e laboratorial sobre MM em médicos da APS. Foi realizado inquérito epidemiológico utilizando-se teste de múltipla escolha, aplicado em médicos das 137 Unidades Básicas de Saúde de Belo Horizonte (MG), entre outubro e dezembro de 2006. Doenças crônicas e neoplásicas em idosos foram reconhecidas como causas de anemia normocrômica e normocítica por 127 (94,1%) médicos; lesões osteolíticas ao Raio-X não foram associadas ao MM por 83 (61,5%); quadro clínico de hipercalcemia não foi clinicamente suspeitado pela maioria, 82 (60,7%); a eletroforese de proteínas foi incorretamente interpretada por 96 (71,1%) médicos e apenas 49 (36,3%) pensaram em MM diante de caso clínico característico. O tempo de graduação e de trabalho do médico na APS, assim como a existência de especialização médica, não influenciaram os resultados. Os sinais, sintomas e achados laboratoriais do MM não foram identificados por grande parte da população estudada, sendo um indicador da necessidade de maior interação entre os níveis de atenção secundária e primária, o que proporcionará educação compartilhada e continuada entre os profissionais dos diferentes níveis de atenção à saúde e maior eficiência no cuidado do paciente.

    Abstract in English:

    Multiple myeloma (MM) presents clinically with unspecific symptoms with an association that may not be identified, thus delaying the difficult diagnosis. Primary healthcare (PHC) is the doorway to the health system in Brazil; hence, doctors in this service should be able to recognize clinical and laboratorial characteristics of MM, in order to manage the patient properly. Our objective was to verify clinical and laboratorial knowledge on MM of doctors working in PHC. An epidemiological survey was performed using a multiple-choice test completed by doctors of the 137 PHC units in Belo Horizonte (MG), between October and December 2006. Chronic and neoplastic diseases were recognized as causes of normochromic and normocytic anemia by 127 (94.1%) doctors; osteolytic lesions in the X-ray were not associated to MM by 83 (61.5%); clinical manifestations of hypercalcemia were not a clinical suspicion for the majority (82 - 60.7%); protein electrophoresis was incorrectly interpreted by 96 (71.1%) doctors and only 49 (36.3%) considered MM when presented with a characteristic clinical case. Neither time since graduation, nor time working in PHCs, nor medical specialty influenced the results. A large proportion of the studied population failed to identify the signs, symptoms and laboratorial findings of MM, which indicates the need for a greater interaction between secondary and primary healthcare professionals, which will, in turn, promote shared and continuous education among professionals at the different levels of healthcare and a higher efficiency in patient care.
  • Bone mineral density in thalassemic children: a Brazilian experience Artigos

    Vicari, Perla; Correa, Margarida M. P.; Szejnfeld, Vera L.; Figueiredo, Maria Stella; Cavalheiro, Rita de Cássia R.; Yamamoto, Mihoko

    Abstract in Portuguese:

    A osteoporose, caracterizada por aumento da fragilidade óssea e suscetibilidade a fraturas, é inversamente proporcional ao pico de massa óssea adquirido na infância. Por outro lado, a doença óssea é uma importante causa de morbidade em pacientes portadores de beta-talassemia maior (TM). Apesar de intensamente descrita em pacientes talassêmicos adultos, não existem estudos sobre as alterações de densidade óssea em crianças talassêmicas brasileiras. Foram avaliados 11 pacientes (idade mediana de 10,0, variando de 5 a 12 anos), portadores de TM, e 24 crianças (idade mediana de 9,5, variando de 6 a 12 anos) saudáveis, utilizando medida de emissão dupla de raios-X para avaliar a densidade mineral óssea (DMO). A análise de marcadores bioquímicos tais como concentração de ferritina sérica, cálcio ionizado, fosfatase alcalina, fósforo, albumina, tempo de protrombina e fator V foi realizada. A estatura foi significativamente diferente entre os dois grupos estudados, p<0,05. Os pacientes talassêmicos mostraram valores significativamente inferiores de DMO (mediana 0,61 g/cm²) quando comparados aos indivíduos controles (mediana 0,69 g/cm²), p < 0,05. A relevante perda óssea encontrada na maioria das crianças talassêmicas estudadas reforça a necessidade de identificação e tratamento adequado da osteopenia, reduzindo a morbidade destes indivíduos. Este é o primeiro estudo, descrito na literatura, que avalia a DMO em crianças talassêmicas brasileiras.

    Abstract in English:

    Osteoporosis is characterized by low bone mass and disruption of bone architecture, resulting in greater bone fragility with increased risk of fractures. Bone disease is an important cause of morbidity in beta thalassemia major patients. Osteoporosis has been described extensively in adult thalassemia. However, there are no studies describing Brazilian thalassemic children. We evaluated eleven patients with beta thalassemia major (median age of 10.0 years, range from 5 to 12 years) and twenty-four healthy children (median age of 9.5 years, range from 6 to 12 years), using dual X-ray absorptiometry to assess bone mineral density (BMD). Analysis of biochemical markers such as serum ferritin concentration, ionized calcium, alkaline phosphatase, phosphorus, albumin, prothrombin time and factor V was performed. The height was very different between the groups, p<0.05. The thalassemic patients showed significantly lower BMD (median 0.61 g/cm²) than control subjects (median 0.69 g/cm²) - p < 0.05. The relevant bone loss in the majority of thalassemic children studied emphasizes the need for identification and appropriate treatment of osteopenia, thereby reducing the morbidity of these patients. This is the first study described in the literature that determined bone mineral loss in Brazilian thalassemic children.
  • Determination of iron-overload in thalassemia by hepatic MRI and ferritin Articles

    Angulo, Ivan L.; Covas, Dimas T.; Carneiro, Antonio A.; Baffa, Oswaldo; Elias Junior, Jorge; Vilela, Guilherme

    Abstract in Portuguese:

    O acúmulo de ferro na talassemia causa lesões orgânicas e reduz a sobrevida do paciente por lesão cardíaca na segunda década da vida, e tem sido avaliado por medidas diretas (biópsia) e indiretas (ferritina). As medidas isoladas carecem de valor, sendo preferidas as sequenciais. Este trabalho pretende comparar medidas indiretas de sobrecarga de ferro, uma medida da concentração de ferro hepático por ressonância magnética, e a ferritina sérica média dos últimos quatro anos. Trata-se de estudo retrospectivo de 25 pacientes do Centro Regional de Hemoterapia, em Ribeirão Preto, Brasil. Encontrou-se em vinte pacientes ferro hepático acima de 7 mg/g peso seco e ferritina média elevada acima de 2.500 ug/l em dez. Estratificação em três níveis de sobrecarga (leve, moderada e grave) produziu resultados semelhantes em ambos os testes. Vários outros fatores influenciam o grau de sobrecarga de ferro na talassemia. Não houve correlação significativa com aplicação de testes não-paramétricos. Ambos os métodos usados concomitantemente levarão a um melhor planejamento da terapia quelante.

    Abstract in English:

    Accumulation of iron in thalassemia causes organ damage and reduces patient survival due to heart lesions in the second decade of life. Iron deposits are monitored by direct (biopsy) and indirect methods (ferritin) with sequential data being better than isolated measurements. This paper compares two indirect measurements of iron overload; a single hepatic iron concentration (HIC) by magnetic resonance and mean ferritin levels over four years. A retrospective study of 25 patients from the Centro Regional de Hemoterapia in Ribeirão Preto, Brazil was carried out. High HIC (above 7 mg per gram of dry weight) was found in 20 patients and high mean serum ferritin (above 2500 μg/L) in 10 patients. Stratification into three levels (low, moderate and high) of iron overload gave similar results in both tests. Many other factors influence de degree of iron overload in thalassemia. No correlation was found using a non-parametric statistical test between HIC and mean serum ferritin. Both methods provide better planning of chelation therapy.
  • Anti-A and anti-B hemolysin frequencies in blood donors from Itapeva and Ourinhos Artigos

    Fernandes, Vanessa C.; Borgatto, Adriano F.; Barberato Filho, Silvio; Toledo, Maria Inês de; Lopes, Luciane C.

    Abstract in Portuguese:

    Uma transfusão de sangue com o tipo ABO incorreto pode resultar na morte do paciente, com reação hemolítica intravascular, seguida de alterações imunológicas e bioquímicas. Considerando a pequena quantidade de estudos sobre as hemolisinas anti-A e anti-B e a importância desses anticorpos na prática transfusional, o objetivo deste trabalho foi verificar a frequência dessas hemolisinas e a associação a fatores como etnia e gênero em doadores de sangue dos bancos de sangue dos municípios de Itapeva e de Ourinhos, no interior do estado de São Paulo. Foram analisadas todas as amostras de doadores tipo O cadastradas nos bancos de sangue, com elevado nível plasmático de hemolisinas (doadores considerados perigosos). Coletaram-se os dados relativos à frequência das hemolisinas, etnia, gênero e procedência destes doadores. A frequência de doadores de sangue do grupo sanguíneo O perigosos é de 1,2% em Itapeva e de 5,3% em Ourinhos. Na cidade de Ourinhos, o risco de um doador branco ter hemolisina positiva é 2,16 vezes maior do que para outros doadores, e na cidade de Itapeva notou-se que o risco é menor para brancos do que para outros doadores. Em relação ao gênero, em Ourinhos o risco de um doador ter hemolisina positiva é 1,82 vezes maior para o gênero masculino, e na cidade de Itapeva, o risco foi maior para doadores do gênero feminino. A relação entre o gênero, a etnia e a frequência de hemolisinas foi diferente nas duas cidades. Mesmo assim, destaca-se a importância dos bancos de sangue estarem atentos às características de prevalência deste tipo de doador.

    Abstract in English:

    Blood transfusion using unmatched ABO blood types can result in patient death due to intravascular hemolytic reactions followed by immunological and biochemical changes. Considering the small number of studies on anti-A and anti-B hemolysins and the relevance of these antibodies in the transfusional practice, this work aimed at assessing the frequency of these hemolysins and their relationship to factors such as ethnic background and gender in blood donors of blood banks located in Itapeva and Ourinhos, São Paulo State, Brazil. All samples from type O donors recorded in these two blood banks with high serum levels of hemolysins (donations considered high-risk) were analyzed. Data related to hemolysin frequencies, ethnicity, gender and origin of blood donors were collected. The frequency of donors belonging to the high-risk O blood group was 1.2% in Itapeva and 5.3% in Ourinhos. In Ourinhos the risk of a Caucasian donor being positive for hemolysin is 2.16 times higher than other ethnic groups and in Itapeva, it was observed that the risk is lower for Caucasians than other ethnic groups. Regarding the gender, in Ourinhos the risk of a donor being positive to hemolysin is 1.82 times greater in men and in Itapeva the risk is higher in women. The ratios of gender and ethnic background in respect to frequency were different between the two regions. Thus it is important for blood banks to be aware of regional variations.
  • Evaluation of anemia in children from the city of Campina Grande, Paraíba, Brazil Artigos

    Pinheiro, Fabíola G. M. B.; Santos, Silene L. D. X.; Cagliari, Mayara P. P.; Paiva, Adriana A.; Queiroz, Maria do Socorro R.; Cunha, Maria Auxiliadora L.; Janebro, Daniele I.

    Abstract in Portuguese:

    A anemia é uma condição definida como a redução da concentração de hemoglobina circulante a um valor inferior ao considerado pela Organização Mundial da Saúde em13 g/dl, 12 g/dl e 11 g/dl para homens, mulheres e crianças, respectivamente. É considerada a principal consequência da deficiência de ferro - um nutriente que atua principalmente na síntese das células vermelhas do sangue e no transporte de oxigênio para as demais células do corpo. Este trabalho, realizado nos meses de março e abril de 2007, teve como objetivo avaliar as alterações hematológicas e os níveis de ferro sérico em crianças de 6 a 59 meses de idade na cidade de Campina Grande-PB. A prevalência de anemia observada foi de 31,73%, e, dentre as crianças anêmicas, 91% apresentaram quadro de anemia leve (Hb < 11,0 e > 9,0 g/dl). A faixa etária predominante em que se observou a menor concentração de hemoglobina foi de 6 a 12 meses (10,26 ± 1,27 g/dl). Considerando-se os vários parâmetros do hemograma para avaliar a etiologia ferropriva entre os anêmicos, o RDW (amplitude de distribuição dos eritrócitos) foi o que mais apresentou especificidade no diagnóstico laboratorial da anemia por deficiência de ferro. Dessa forma, a investigação laboratorial é essencial para o diagnóstico precoce e para o acompanhamento terapêutico eficiente da anemia ferropriva em crianças.

    Abstract in English:

    Anemia is a condition that is defined as a concentration of circulating hemoglobin at a level lower than that considered adequate by the World Health Organization (13 g/dL, 12 g/dL and 11 g/dL for men, women and children, respectively). It is considered the main consequence of iron deficiency - a nutrient that mainly acts in the synthesis of red blood cells and in the transportation of oxygen to other cells of the body. This study, which was performed in March and April 2007, aimed at evaluating hematologic alterations and serum iron levels in 6 to 59-month-old children in the city of Campina Grande. The prevalence of anemia was 31.73% and among the anemic patients, 91% had mild anemia (Hb < 11.0 and > 9.0 g/dL). The lowest concentration of hemoglobin was predominantly observed in the 6 to 12-month age group. Considering different parameters of the hemogram in order to evaluate the etiology of iron deficiency among anemic patients, the RDW (Red Cell Distribution Width) showed the greatest sensitivity in laboratory diagnoses of iron deficiency anemia. Therefore, laboratory investigation is essential for early diagnosis and efficient therapy of iron deficiency anemia in children.
  • The role of RDW, erythrocyte morphology and platelet parameters in the differentiation between microcytic and hypochromic anemias Artigos

    Matos, Januária F.; Carvalho, Maria das Graças; Dusse, Luci M. S.; Ferreira, Mônica de F. R.; Stubbert, Rachel V. B.

    Abstract in Portuguese:

    As anemias microcíticas e hipocrômicas atingem grande parcela da população mundial. Entre estas, significativa porcentagem de casos se deve à deficiência do ferro, enquanto em algumas regiões a frequência de talassemia menor se torna importante. Por outro lado, a anemia de doença crônica é a causa mais comum de anemia em pacientes hospitalizados. O diagnóstico diferencial destas doenças é clinicamente importante, e é atualmente realizado através dos exames padrão ouro envolvendo a avaliação do metabolismo do ferro e dosagem de HbA2. Embora dotados de grande utilidade, estes testes podem apresentar uma metodologia mais demorada e onerosa que, em casos de concomitância de doenças, comuns na prática clínica, não conseguem proporcionar um correto diagnóstico. Na tentativa de otimizar e direcionar o diagnóstico destas anemias, o uso de alguns parâmetros derivados dos modernos contadores automáticos tem sido sugerido. Neste estudo, o papel do RDW, parâmetros plaquetários (número de plaquetas, PDW, VPM) e morfologia eritrocitária como parâmetros diferenciadores, foi avaliado em um grupo de 159 pacientes portadores de anemia microcítica e hipocrômica devido à deficiência do ferro, anemia de doença crônica e talassemia beta menor, comprovado pelos exames padrão ouro. Foi possível observar que o RDW não se mostrou um bom discriminante, enquanto o índice plaquetário PDW pode ser um parâmetro auxiliar no diagnóstico diferencial das anemias microcíticas e hipocrômicas. Com relação às alterações morfológicas dos eritrócitos, o pontilhado basófilo foi um achado bastante comum apenas em pacientes portadores de talassemia beta menor, com indícios de potencial utilidade na elucidação de casos de microcitose.

    Abstract in English:

    Microcytic and hypochromic anemias affect many people worldwide. A significant percentage of cases are due to iron deficiency, while in certain regions the frequency of thalassemia minor is important. On the other hand, anemia of chronic disease is the most common cause of anemia in hospitalized patients. Differential diagnosis between these anemias, currently established by using gold standard tests involving evaluation of iron metabolism and measurement of HbA2, is of clinical importance. Although very useful, these tests are time consuming and onerous. In cases of concomitant diseases, a common finding in the clinical practice, these tests are unable to provide a correct diagnosis. In an attempt to optimize diagnosis of these anemias, the use of some parameters derived from modern automated blood count analyzers has been suggested. In this study, the role of RDW, platelet parameters (platelet number, PDW, MPV) and erythrocyte morphology as differentiating parameters were evaluated in a group of 159 patients diagnosed as carriers of microcytic or hypochromic anemias due to iron deficiency, anemia of chronic disease and β-thalassemia minor, as confirmed by gold standard tests. The RDW did not prove to be a good discriminator, while the platelet index, PDW, may be helpful in the differential diagnosis of microcytic and hypochromic anemias. Regarding the red cell morphologic alterations, basophilic stippling was a quite common finding just in patients with β-thalassemia minor, suggesting it to be a potential marker for elucidating cases of microcytosis.
  • Evaluation of the effect of hypothermia by cold water immersion on blood neutrophils and lymphocytes of rats submitted to acute exercise Artigos

    Bachur, José A.; Quemelo, Paulo R.; Bachur, Cynthia A. K.; Domenciano, Julio C.; Martins, Carlos H. G.; Stoppa, Marcos A.; Barros Neto, Turíbio L. de; Garcia, Sérgio B.

    Abstract in Portuguese:

    O estresse sistêmico induzido pelo exercício libera substâncias bioativas determinantes da mobilização neutrofílica. A crioterapia diminui a reação inflamatória e atenua a elevação da perfusão sanguínea induzida pelo exercício. O objetivo deste trabalho foi analisar a influência da hipotermia decorrente da crioimersão corporal (CIC) imediata ao esforço físico agudo nas concentrações neutrofílicas e linfocíticas no sangue. Os ratos do grupo controle (AI) foram mantidos em repouso enquanto os do grupo AII foram submetidos ao protocolo de CIC a 10ºC por 10 minutos. Enquanto os animais dos grupos BI, BII, BIII e BIV realizaram o esforço físico agudo (EFA) em água a 31ºC durante 100 minutos com sobrecarga corpórea de 5% do peso corporal, os dos grupos CI, CII, CIII e CIV foram submetidos ao EFA seguido imediatamente de CIC. Nos grupos B e C, os animais foram sacrificados nos períodos de 06 (I), 12 (II), 24 (III) e 48 (IV) horas posteriores ao EFA. Através da microscopia óptica realizou-se a contagem dos neutrófilos e linfócitos. Utilizou-se do Teste T Student para análise estatística considerando-se nível de significância p < 0,05. Observou-se uma significativa neutrofilia nos grupos AII, BI, BII, BIII, BIV, CI, CII e CIII em relação a AI, diferentemente do grupo CIV, que apresentou quantidade de neutrófilos igual ao grupo controle. Os valores de linfócitos nos grupos BII, BIII, BIV, CI e CII foram significativamente menores do que AI, e nos grupos AII, BI, CIII e CIV foram iguais a AI. A neutrofilia e a linfopenia posteriores ao intenso exercício agudo são mantidas por 48 horas ou mais, porém, mediante a aplicação da crioimersão corporal imediata ao exercício, são normalizadas em 24 horas.

    Abstract in English:

    Systemic stress induced by exercise increases bioactive substances in plasma which leads to neutrophilic mobilization. Cryotherapy causes a decrease in the inflammatory reaction and attenuates high blood perfusion after exercise. The objective of this work was to analyze the influence of cold water immersion (CWI) after acute exercise on neutrophil and lymphocyte mobilization. A control group of rats (AI) was kept at rest and a second group (AII) was submitted to CWI at 10º C for 10 minutes. The animals of Groups BI, BII, BIII and BIV were submitted to acute exercise which consisted in swimming in water at 31º C for 100 minutes with a load equivalent to 5% of the body weight. Groups CI, CII, CIII and CIV were submitted to CWI immediately after acute exercise. The animals were sacrificed at 6 (I), 12 (II), 24 (III) and 48 (IV) hours after the exercise and neutrophil and lymphocyte cells were counted for all groups by optic microscopy. The Student t-test was used for statistical analysis with a significance level of p< 0.05. A significant increase in the number of neutrophils was observed in Groups AII, BI, BII, BIII, BIV, CI, CII and CIII compared to AI. The neutrophil count of the CIV Group was similar to the Control Group. There was a significant drop in the number of lymphocytes in Groups BII, BIII, BIV, CI and CII when compared to Group AI. The lymphocyte count of Groups AII, BI, CIII and CIV were similar to the Control Group. The changes in neutrophil and lymphocyte counts caused by acute exercise were reverted to normal at 24 hours by cold water immersion.
  • Correlation of IL-6 and IL-10 production following bone marrow transplantation with donor cytokine gene polymorphisms Articles

    Visentainer, Jeane E. L.; Lieber, Sofia R.; Persoli, Ligia B. L.; Marques, Silvia B. D.; Vigorito, Afonso C.; Aranha, Francisco J. P.; Eid, Katia A. B.; Oliveira, Gislaine B.; Miranda, Eliana C. M.; Souza, Cármino A. de

    Abstract in Portuguese:

    Estudos de vários genes candidatos têm demonstrado que polimorfismos genéticos em genes de citocinas contribuem com variações nos níveis de citocinas produzidas e esta variação pode influenciar a ocorrência e gravidade de complicações após o transplante de células-tronco hematopoéticas (TCTH). Neste trabalho comparamos as concentrações séricas de TNF-α, IFN-γ, IL-6, IL-10 e TGF-β 1 em 13 receptores seguindo o TCTH com os polimorfismos TNF-308, IFNG+874, IL6-174, IL10-1082,-819,-592 e TGFB1+869,+915. Os níveis séricos de citocinas foram medidos usando-se kits comerciais de ELISA para TNF-α, IFN-γ, IL-6, IL-10 e TGF-β 1 (BioSource®, Nivelles, Belgium, Europe). Os genótipos de doadores/receptores para estes polimorfismos de citocinas foram analisados pela reação em cadeia da polimerase com sequências específicas de primer (PCR-SSP) com o kit Cytokine Genotyping Primers (One Lambda, Canoga Park, CA, USA). Encontramos correlação entre os níveis de IL-6 e IL-10 seguindo o TCTH e os polimorfismos IL6-174 e IL10-1082,-819,-592, mas não para outras citocinas investigadas neste estudo. Aqueles com genótipos relativos à baixa produção de IL-6 e IL-10 produziram mais baixos níveis destas citocinas que aqueles com genótipos relativos à produção alta e/ou intermediária destas citocinas (P < 0,05).

    Abstract in English:

    Several candidate gene studies have demonstrated that genetic polymorphisms in cytokine genes contribute to variations in the levels of cytokines produced and this variation may influence the occurrence and severity of complications after stem cell transplantation (HSCT). In this work we compared the serum concentrations of TNF-α, IFN-γ, IL-6, IL-10, and TGF-β1 in 13 recipients following HSCT with the TNF-308, IFNG+874, IL6-174, IL10-1082,-819,-592, and TGFB1+869,+915 polymorphisms. Serum cytokine levels were assessed using commercial ELISA kits for TNF-α, IFN-γ, IL-6, IL-10, and TGF-β1 (BioSource®, Nivelles, Belgium, Europe). Donor/recipient genotypes for these cytokine polymorphisms were analyzed by polymerase chain reaction-sequence-specific primer (PCR-SSP) with the Cytokine Genotyping Primers Kit (One Lambda , Canoga Park, CA, USA). We found correlation between the levels of IL-6 and IL-10 concentrations following HSCT and the IL6-174 and IL10-1082,-819,-592 polymorphisms, but not for other cytokines investigated in this study. Those with genotypes associated with low production of IL-6 and IL-10 produced lower levels of these cytokines than those with genotypes associated with high or intermediate production of these cytokines (P < 0.05).
  • Oral alterations and oral care in bone marrow transplant patients Revisão

    Luiz, Ana C.; Eduardo, Fernanda P.; Bezinelli, Letícia M.; Correa, Luciana

    Abstract in Portuguese:

    Os cuidados gerais relativos ao paciente submetido ao transplante de medula óssea (TMO) incluem avaliações odontológicas rotineiras, as quais devem estar inseridas em um contexto multiprofissional. A cavidade oral constitui um sítio propício a infecções com grande potencial de desenvolvimento de bacteremia, sendo que lesões infecciosas devem ser previamente tratadas e controladas pelo cirurgião-dentista. O objetivo desta revisão é discutir questões em destaque na literatura nacional e internacional referentes aos quadros inflamatórios e infecciosos orais de importância para o paciente transplantado de medula óssea, tanto os predisponentes a complicações durante o transplante, quanto os que ocorrem durante e após a terapia mielossupressora. Destaca-se na literatura a doença periodontal avançada, a qual constitui um quadro infeccioso crônico que deve ser evitado ou controlado durante o TMO, principalmente devido à presença de S. viridans. Os fatores de risco para mucosite oral (OM), doença do enxerto contra o hospedeiro (DECH) e xerostomia ainda não estão definidos, principalmente para OM e DECH. São citadas na literatura alternativas promissoras de tratamento para OM, tais como crioterapia, administração de fatores de crescimento e laserterapia. O risco aumentado de cárie é controverso e, dentre as lesões fúngicas e virais, destacam-se as infecções orais e de orofaringe por Candida e pela família de herpesvírus, de importância clínica considerável. Em pacientes pediátricos são relevantes as alterações craniofaciais e dentárias, decorrentes principalmente da radioterapia.

    Abstract in English:

    General care in bone marrow transplant (BMT) patients includes routine dental evaluations, which must be included in a multi-professional context. The oral cavity is a site that favors infections with high potential for consequent bacteremia and so infectious lesions must be treated or controlled by the dentist. The aim of this review is to discuss key questions in national and international literature with reference to oral inflammatory conditions of BMT patients, both those with predisposition to complications during the transplant and those that emerge during and after myelosuppression therapy. The literature emphasizes advanced periodontal disease, which is a chronic infectious condition that must be avoided or controlled during BMT, particularly because of the presence of S. viridans. The risk factors for oral mucositis, graft-versus-host disease (GVHD) and xerostomia have not yet been defined, particularly for oral mucositis and GVHD. Promising alternatives in the treatment of oral mucositis, including cryotherapy, administration of growth factors and laser therapy, are emphatically mentioned. In children, craniofacial and dental alterations, particularly resulting from radiotherapy are relevant. The increased risk of caries is controversial, and among fungal and viral lesions, oral and oropharyngeal infections by Candida and the herpes virus are identified as being of considerable clinical importance.
  • Brazilian consensus of sickle cell trait in sports and army activities Artigo Especial

    Lobo, Clarisse; Marra, Vera; Rugani, Marilia A.

    Abstract in Portuguese:

    A reunião de consenso brasileiro sobre atividades esportivas e militares e herança falciforme foi realizada no dia 3 de setembro de 2007, no Rio de Janeiro, e reuniu especialistas, representantes das Forças Armadas e de associações de pacientes de doença falciforme. Questões relativas à prática de esporte amador e profissional e do serviço militar foram amplamente discutidas, tendo como base a literatura científica e a experiência de cada um dos participantes. Ao final, algumas recomendações foram assim definidas: 1. O indivíduo portador de traço pode fazer qualquer modalidade de esporte, já que não há dados epidemiológicos consistentes que impeçam a prática de qualquer esporte; 2. Não é necessário fazer triagem para hemoglobinopatias em indivíduos que queiram praticar esportes, quer de natureza amadora ou profissional; 3. Para servir às Forças Armadas não é necessário fazer teste de triagem para hemoglobinopatias, o que equivale dizer que os portadores de traço falciforme podem serviràs Forças Armadas; 4. É fundamental que se esclareça entre os mais diferentes segmentos da sociedade que a heterozigose para a hemoglobina S não confere ao seu portador maior risco que a população geral no que tange às atividades físicas, desde que atendidas as condições básicas de hidratação e de descanso.

    Abstract in English:

    The Brazilian consensus meeting concerning sports and military activities and the sickle cell trait was held on September 3rd, 2007 in Rio de Janeiro and brought together experts, and members of the armed forces and sickle cell disease associations. Issues related to the practice of professional and amateur sports and military service were widely discussed based on the scientific literature and the experience of each participant. These were the final recommendations: 1. an individual with sickle cell trait can practice any type of sport because there is no consistent epidemiological data to recommend the contrary; 2. hemoglobin screening is not needed for individuals who want to practice sports, whether as amateur or professional sportspeople; 3. it is not necessary to undergo a screening test for hemoglobin to serve the armed forces, which means that the carriers of the sickle cell trait can serve the armed forces; 4. it must be made clear to the different segments of society that heterozygosis for hemoglobin S does not confer any specific risk to the practice of physical activities, provided the basic conditions of hydration and rest are observed.
  • Chewable tablets of carbonyl iron as an alternative for better adherence to anemia treatment: analysis of two studies Carta Ao Editor

    Farias, Iria L. G.; Colpo, Elisangela; Paniz, Clovis; Alves, Teodora P.; Danieli, Guiomar L; Silva, José Edson P.; Garcia, Solange C.
  • Intermediate β thalassemia in a pregnant woman Relato De Caso

    Sakamoto, Tatiana M.; Peruzzo, Giselle M.; Ivo, Maria Lúcia; Brum, Maria Aparecida R.; Bonini-Domingos, Cláudia R.

    Abstract in Portuguese:

    A talassemia β é a forma considerada clinicamente a mais importante dentre as talassemias, em virtude do grau de morbidade e mortalidade, em consequência da anemia hemolítica. O presente relato de caso refere-se a uma gestante portadora da talassemia β intermediária, identificada em programa de rastreamento de anemia hemolítica e tem como objetivo demonstrar a importância do diagnóstico precoce e adequado de uma anemia hereditária, durante o pré-natal. Ressalta também a necessidade de orientação aos portadores em relação aos seus descendentes e a eficiência do acompanhamento por uma equipe multidisciplinar especializada.

    Abstract in English:

    β-thalassemia is clinically the most important form of thalassemia due to its high level of morbidity and mortality as a result of intense hemolytic anemia. The present case report describes the case a pregnant woman who is an intermediate β-thalassemia carrier identified in a screening program for hemolytic anemia. This work aims at showing the importance of correct and early diagnosis of inherited anemia during pregnancy. It also stresses the need of guidance for carriers in respect to their progeny and discusses the efficiency of follow ups by a multidisciplinary team during pregnancy.
  • Jaw osteonecrosis in patients with neoplastic diseases taking bisphosphonates Relato De Caso

    Santos, Paulo S. S.; Gambirazi, Liane M.; Felix, Valtuir B.; Magalhães, Marina Helena C. G.

    Abstract in Portuguese:

    A osteonecrose induzida por bisfosfonatos é uma complicação que pode ocorrer em pacientes acometidos por doença osteolítica tais como mieloma múltiplo, portadores de metástases tumorais em tecido ósseo, osteoporose e que fizeram uso de droga do grupo dos bisfosfonatos. A despeito dos benefícios do uso destes fármacos, a osteonecrose maxilar é uma importante complicação. Seu mecanismo de ação reduz a reabsorção óssea, o estímulo à atividade osteoblástica, a inibição do recrutamento e promoção da apoptose de osteoclastos. Até o presente momento, não há na literatura um protocolo de tratamento para a osteonecrose por bisfosfonatos. No presente trabalho, os autores fazem uma revisão da literatura e descrevem dois casos clínicos em pacientes do sexo feminino, com diferentes doenças, mieloma múltiplo e metástases ósseas por carcinoma de mama, acometidas por osteonecrose em mandíbula induzida por bisfosfonatos.

    Abstract in English:

    The use of bisphosphonates among patients affected by osteolytic diseases, such as multiple myeloma, metastatic bone lesions and osteoporosis has been associated with the risk of osteonecrosis of the jaws. Bisphosphonates are found in areas of the bone that are undergoing inflammation or resorption. They are phagocytosed and internalized by osteoclasts. Once in the bone, these bisphosphonates cause apoptosis or cell death of the osteoclasts and as a result they may inhibit osteoclast-mediated bone resorption. Bisphosphonates seem to affect osteoclasts when it comes to both numbers and function. Although bisphosphonates are potent and valuable inhibitors of osteoclastic bone lesions, several unanswered questions exist regarding the risk of developing osteonecrosis and the management of this complication. This study reports two clinical cases of osteonecrosis of the jaws associated with the use of bisphosphonates. According to the findings, the two patients (women) with different neoplasms: multiple myeloma and breast cancer with metastatic bone lesions presented some signs and symptoms of osteonecrosis.
  • Microangiopathic hemolytic anemia induced by tacrolimus and ciclosporine A Relato De Caso

    Vasconcelos, Rafael S.; Zanis Neto, José; Parolin, Mônica; Coelho, Júlio; Müller, Paulo G. O.

    Abstract in Portuguese:

    Relatamos caso raro de anemia hemolítica microangiopática em paciente após transplante hepático por cirrose Child B causada por deficiência de alfa1-antitripsina. Após análise clínica e laboratorial extensa, concluiu-se que o quadro de hemólise foi causado pela medicação imunossupressora utilizada após transplante. Inicialmente foi utilizado tacrolimus que, posteriormente, foi substituído por ciclosporina A, entretanto não houve melhora da hemólise. Após suspensão das duas drogas, houve melhora importante clínica do paciente, com normalização dos parâmetros hematológicos.

    Abstract in English:

    We report a rare case of acute hemolysis in a patient after liver transplant for Child B cirrhosis caused by alfa1-antitripsine deficiency. History and laboratorial examinations indicated that the most probable cause of the hemolysis was the use of the immunosupressor tacrolimus and later Cyclosporine A. After the discontinuation of these drugs, there was improvement in the clinical condition of the patient, with a compensated hemolytic anemia.
  • Estudo dos polimorfismos do gene DUFFY em pacientes com hipertensão maligna e doadores de sangue Resumo De Tese

    Pagliarini, Thiago
  • Parâmetros bioquímicos, hemostáticos e moleculares em indivíduos submetidos à angiografia coronariana Resumo De Tese

    Lima, Luciana M.
Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia e Terapia Celular R. Dr. Diogo de Faria, 775 cj 114, 04037-002 São Paulo/SP/Brasil, Tel. (55 11) 2369-7767/2338-6764 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: secretaria@rbhh.org