Viabilidade, aceitação e eficácia do tratamento familiar para anorexia nervosa em adolescentes: um estudo observacional no Brasil

Gizela Turkiewicz Vanessa Pinzon James Lock Bacy Fleitlich-Bilyk Sobre os autores

OBJETIVO: Estudos prévios demonstram fortes evidências de eficácia do Tratamento Familiar para anorexia nervosa em adolescentes. Os estudos disponíveis a respeito do tratamento familiar foram conduzidos em países de língua inglesa. É necessário avaliar a aplicabilidade deste método em países de língua não-inglesa. Este estudo piloto tem como objetivo avaliar a viabilidade, a aceitação e a eficácia do tratamento familiar no Brasil. MÉTODO: Estudo observacional de adolescentes com diagnóstico anorexia nervosa (exceto critério amenorréia) segundo o Levantamento sobre Diagnóstico e Bem-Estar de crianças e adolescentes encaminhadas para tratamento em um centro especializado na cidade de São Paulo, Brasil. Dados coletados no início do estudo, ao final do tratamento e seis meses após o término: peso, estatura, índice de massa corporal, menstruações, Questionário de Exame para Transtornos Alimentares e Escala de Funcionamento Global para Crianças. RESULTADOS: Nove de 11 famílias elegíveis entraram no estudo (82%) e sete (78%) completaram o tratamento. A idade média foi 14,64 anos (DP = 1,63; 12,33-17,00). Teste dos sinais de Wilcoxon demonstrou melhora estatisticamente significativa no peso e índice de massa corporal ao final do tratamento e seis meses após o término. Nenhum dos pacientes preencheu critérios diagnósticos para qualquer transtorno alimentar no seguimento. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem que tratamento familiar é aceitável e viável para as famílias brasileiras. A evolução sugere que este método pode ser eficaz nesse contexto cultural com resultados positivos semelhantes a estudos prévios realizados em outras culturas.

Anorexia nervosa; Terapia familiar; Adolescentes; Prática médica baseada em evidências; Resultado de tratamento


Associação Brasileira de Psiquiatria Rua Pedro de Toledo, 967 - casa 1, 04039-032 São Paulo SP Brazil, Tel.: +55 11 5081-6799, Fax: +55 11 3384-6799, Fax: +55 11 5579-6210 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: editorial@abp.org.br