Revista Brasileira de Política Internacional, Volume: 40, Issue: 2, Published: 1997
  • Política de comércio exterior e desenvolvimento: a experiência brasileira Rotas De Interesse

    Cervo, Amado Luiz

    Abstract in Portuguese:

    Expõe-se o pensamento do governo brasileiro e a política de comércio exterior entre 1930 e os dias presentes. Três constatações da diplomacia brasileira condicionaram o processo decisório: as doutrinas não presidem à prática das grandes potências, um país emergente dispõe de escasso poder nos foros multilaterais, experiências liberais radicais não produzem os efeitos apregoados por seus doutrinários. A política de comércio exterior evitou por essa razão obedecer a grandes princípios e modelos, orientando-se por crescente realismo. Foi historicamente concebida como instrumento de reforço à economia e ao mercado internos e evoluiu com base numa estratégia contraditória que protegia o mercado interno e reivindicava a abertura do mercado global. Cedeu nos anos noventa à tendência da globalização, não sem estender a introspecção para o mercado regional ampliado, o Mercosul.

    Abstract in English:

    The article exposes the Brazilian government thought and Brazilian external trade policy between 1930 and nowadays. Three verifications of Brazilian Diplomacy have conditioned Brazilian decision-making process: doctrines do not guide the practice of great powers, an emergent country disposes of little power in multilateral fora, radical liberal experiences do not produce the effects proclaimed by their indoctrinators. For this reason, the international trade policy avoided to obey the major principles and models, orienting itself with growing realism. It has been historicaly developed as an instrument to reinforce the internal economy and market, and it has evolved based on a contradictory strategy that protected the internal market and cried out for global markets openning. On the 90's, it has ceded to globalization tendencies, but not before it had extended introspection to the broaden regional market, Mercosul.
  • Ásia Oriental e Sudeste Asiático: modelos para a América Latina? Rotas De Interesse

    Sukup, Victor

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa a crescente influência dos modelos econômicos asiáticos - da Ásia Oriental e do Sudeste Asiático - na América Latina bem como sua possível aplicabilidade neste continente. A parte isso, mostra, também, algumas das prováveis retrições à adoção direta de tais modelos e algumas das principais abordagens a respeito do assunto.

    Abstract in English:

    The article analyses the growing influence of Asian economic models - from East and Southeast Asia - on Latin America as well as the possibility of their application on the later continente. Apart from that, it also shows some of the probable restrictions to the direct adoption of such models and some of the main approaches refering to the subject.
  • Chile: mudança política e inserção internacional, 1964-1997 Rotas De Interesse

    Rojas Aravena, Francisco

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho analisa a política exterior chilena das três últimas décadas tendo como pano-de-fundo a situação interna do País e seus reflexos na inserção internacional do Chile. Neste sentido, ressalta a importância da relação democracia-política externa e, principalmente, os elementos de continuidade e mudança que afetam esta relação durante os últimos trinta anos.

    Abstract in English:

    This article analyses the last three decades of Chilean foreign policy, having as background the country's internal situation and its reflects on Chile's international insertion. By doing that, it emphasises the import of the relation democracy-foreign policy and, mainly, the elements of continuity and change that affect this relation during the last thirty years.
  • A democratização da sociedade internacional e o Brasil: ensaio sobre uma mutação histórica de longo prazo (1815-1997) Rotas De Interesse

    Almeida, Paulo Roberto de

    Abstract in Portuguese:

    Entre o Congresso de Viena, no qual estiveram representados apenas 8 Estados "cristãos", as conferências da paz da Haia e o tratado de Versalhes, que envolveram pouco mais de duas dezenas de países, e o atual sistema onusiano, praticamente universal, a sociedade internacional conheceu uma profunda democratização nos últimos dois séculos, mesmo se os fundamentos do poder não tenham conhecido modificação substancial. Esse fenômeno de ampliação da antiga "democracia censitária" é particularmente visível na elaboração de normas e instituições para o relacionamento econômico internacional, onde as organizações multilaterais de cooperação técnica desempenham relevante papel na construção da interdependência. Este ensaio histórico segue, na longa duração, a evolução do multilateralismo, fundamentalmente em sua vertente econômica, e examina a inserção internacional do Brasil, um dos poucos países da periferia a terem participado ativamente da construção da "ordem econômica internacional" em várias épocas, através de uma ativa participação nas mais diversas conferências multilaterais que presidiram ao nascimentos dessas organizações intergovernamentais de cooperação.

    Abstract in English:

    From the Congress of Vienna, in which only 8 "Christian" states assisted, through the Hague Peace conferences and the Versailles treaty, mobilizing no more than two dozens countries, to the present UNO system, virtually universal, international society has undergone a deep democratization in the last two centuries, even if the sources of power and its distribution among countries have been substantially preserved. This process of enlargement of the old "feudatory democracy" is mostly evident in the institutional rule making for the international economic relations, where multilateral organizations for technical cooperation have a significat role in reinforcing the interdependence among states. This historical essay follows the evolution of multilateralism, in the longue durée, with particular attention to its economic features, and examines Brazil's international insertion in the world economy, as one of the few "peripheric" countries which took na active part in the making of "international economic order". Indeed, Brazil was present at the creation of most, if not all, intergovernmental organizations and took part in various multilateral conferences from XIX century to our present times.
  • O Brasil, os imigrantes italianos e a política externa fascista, 1922-1943 Primeira Instância

    Bertonha, João Fábio

    Abstract in Portuguese:

    O artigo busca delimitar os objetivos da Itália fascista no Brasil e fazer um balanço das relações entre os dois países no período entre as duas guerras. O argumento central gira em torno da política migratória italiana e da aproximação dos agentes e agências fascistas no Brasil aos imigrantes de origem italiana e seus descendentes.

    Abstract in English:

    The article intends to delimit the goals of fascist Italy in Brazil and make a balance of the relations among these countries during the period between World War I and II. The central argument is based on the analysis of Italian migratory policy and the approximation of fascist agents and agencies in Brazil and the Italian immigrants and their descendants.
  • Globalização financeira e volatilidade de capitais: a busca de uma alternativa racionalista Primeira Instância

    Dalcero, Pedro Luiz

    Abstract in Portuguese:

    Esse artigo discute a contribuição de alguns autores para a compreensão da globalização financeira. A ênfase é dada às relações de poder que permeiam o processo de globalização financeira. A proposta Tobin, de um imposto sobre tansações financeiras internacionais, é apresentada, ao final, como uma alternativa de moldes "racionalista" para a globalização financeira.

    Abstract in English:

    This article discusses how some authors understand the process of financial globalization. The emphasis is in power relations which occur within financial globalization. The Tobin proposal, a tax on international financial transactions, is considered, at the end, as a "rationalist" alternative for financial globalization.
  • China e sudeste asiático: diferenças e semelhanças de percepção quanto a questões atuais Primeira Instância

    Pinto, Paulo A. Pereira

    Abstract in Portuguese:

    China e Sudeste Asiático têm diferenças de percepção quanto a questões de segurança regional atuais, em virtude de experiências históricas, que levam alguns países situados ao Sul da RPC a acreditarem que Pequim poderia voltar a desempenhar papel dominante na área de sua antiga influência político-cultural. Fortalecem-se, por outro lado, as semelhanças de percepção quanto à necessidade de preservar o Estado, como agente capaz de fomentar o desenvolvimento do sistema político, bem como garantidor das aspirações e interesses individuais e coletivos.

    Abstract in English:

    China and Southeast Asia, due to their historic expeirences, have different perceptions about comtemporary regional security issues that lead some countries located at the South of CPR to believe that Pekin could come back to play the dominant role on its ancient political and cultural influence area. On the other hand, similar perceptions about the need of preserving the State as the agent able to foment the development of the political system as well as the guarantor of individual and collective aspirations and interests have strengthned.
  • Os Estados nacionais frente à globalização Informação

    Rapoport, Mario
  • O destino de Jerusalém nas negociações israelo-palestinas Informação

    Almeida, Carmen Lícia Palazzo de
  • Relações internacionais contemporâneas: da construção do mundo liberal à globalização (de 1815 a nossos dias) Informação

    Sukup, Victor
  • A época das perplexidades. Mundialização, Globalização e Planetarização: novos desafios Informação

    Aires Jr., Demerval de Sena
  • Untitled document Informação

    Maia, Clarita Costa
  • Untitled document Informação

    Almeida, Paulo Roberto de
  • Manual das organizações internacionais Informação

    Almeida, Paulo Roberto de
Centro de Estudos Globais da Universidade de Brasília Centro de Estudos Globais, Instituto de Relações Internacionais, Universidade de Brasília, Campus Universitário Darcy Ribeiro, Brasília - DF - 70910-900 - Brazil, Tel.: + 55 61 31073651 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: rbpi@unb.br