Infecção de Henneguya sp. nas brânquias de Metynnis lippincottianus do rio Curiaú, na region da Amazônia oriental (Brasil)

Abthyllane Amaral de Carvalho Marcela Nunes Videira Luana Silva Bittencourt Priscila Gomes de Araújo Roger Leomar da Silva Ferreira José Carlos Tavares Edilson Rodrigues Matos Sobre os autores

Resumo

A infecção de Henneguya nas brânquias de peixes causam o maior contato entres as lamelas branquiais secundárias. Provoca diminuição da superfície de absorção na extremidade dos filamentos, podendo ocasionar danos as brânquias dos peixes infectados. Neste estudo foram analisadas a fresco e com técnicas de microscopia de luz as brânquias de Metynnis lippincottianus. Foi determinada a presença de mixosporídeos Henneguya sp. infectando 80% das brânquias dos peixes hospedeiros. A presença desse ectoparasito causou hiperplasia e fusão das lamelas branquiais, porém sem inflamação no órgão parasitado.

Palavras-chave:
Myxosporea; peixe; parasitoses

Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária FCAV/UNESP - Departamento de Patologia Veterinária, Via de acesso Prof. Paulo Donato Castellane s/n, Zona Rural, , 14884-900 Jaboticabal - SP, Brasil, Fone: (16) 3209-7100 RAMAL 7934 - Jaboticabal - SP - Brazil
E-mail: cbpv_rbpv.fcav@unesp.br