Bursite iliopectínea: relato de caso

A bursite iliopectínea, embora não tenha muitos relatos na literatura, apresenta-se clinicamente com sinais e sintomas frequentemente encontrados nos ambulatórios e consultórios. Sua clínica é de dor na parte anterior do quadril que piora à extensão, abdução e rotação interna do mesmo. O diagnóstico é confirmado pelo ultrassom ou ressonância nuclear magnética do quadril. A bursite iliopectínea responde bem ao tratamento conservador com anti-inflamatório não hormonal e repouso. Devido a esta boa evolução, não raro, pode-se tratar uma bursite iliopectínea com sucesso sem se saber o que está tratando.

bursa; bursite iliopectínea; ressonância magnética


Sociedade Brasileira de Reumatologia Av Brigadeiro Luiz Antonio, 2466 - Cj 93., 01402-000 São Paulo - SP, Tel./Fax: 55 11 3289 7165 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sbre@terra.com.br