Desenvolvendo uma estrutura operacional para análise de políticas de saúde

Este artigo desenvolve uma estrutura original para análise de políticas de saúde que pode ser aplicada por distintas pesquisas em situações diversas. O modelo de Walt e Gilson, e suas categorias: Contexto, Conteúdo, Atores e Processo, foi assumido como a estrutura básica. Contudo, para ser aplicável na prática, esse modelo necessita ser processado. Suas quatro grandes categorias precisam ser operacionais e transformadas em matriz, com cada uma revelando os elementos, sub-categorias e procedimentos necessários para a condução de uma análise sistemática do Contexto, Conteúdo, Atores e Processo de uma dada política de saúde. Tal iniciativa foi elaborada nesse trabalho.

Política de saúde; Modelos teóricos


Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira Rua dos Coelhos, 300. Boa Vista, 50070-550 Recife PE Brasil, Tel./Fax: +55 81 2122-4141 - Recife - PR - Brazil
E-mail: revista@imip.org.br