Inovando visitas domiciliares a gestantes e crianças por agentes comunitários de saúde: um guia orientado por ações

Tereza Rebecca de Melo e Lima Paula Ferdinanda Conceição de Mascena Diniz Maia Emanuelle Pessa Valente Francesca Vezzini Giorgio Tamburlini Sobre os autores

Resumo

Objetivos:

descrever o processo de desenvolvimento e a estrutura de um guia orientado por ações para visitas domiciliares (VDs) a mães e crianças por Agentes Comunitários de Saúde (ACSs). O guia foi aplicado em um estudo controlado visando avaliar sua eficácia em melhorar o desempenho dos ACSs.

Métodos:

os passos para desenvolvimento do guia incluíram: 1)Revisão das recomendações nacionais e internacionais para intervenções na comunidade em saúde materno-infantil; 2) Avaliação das necessidades de ACSs e outros profissionais das Equipes de Saúde da Família sobre VDs nos períodos pré e pós-natal; 3)Identificação dos princípios para construir o guia.

Resultados:

o Guia traz instruções para 10 VDs nos períodos pré e pós natal até os 9 meses, ao invés de 18 VDs atualmente recomendadas pelo Ministério da Saúde. Tarefas específicas para cada visita incluindo avaliação e promoção do desenvolvimento da primeira infância (DPI) e classificação de risco orientada por ações foram introduzidas como prática padronizada.

Conclusões:

a abordagem descrita para a construção do guia permite adaptar os conteúdos ao contexto do sistema de saúde do Brasil e de outros países interessados em melhorar a qualidade das VDs por ACSs. O guia, identificando tarefas e ações a serem realizadas a cada VD, oferece uma abordagem inovadora e representa um requisito para utilização mais eficiente e efetiva do tempo.

Palavras-chave
Guia; Agentes comunitários de saúde; Visita domiciliar; Saúde materno-infantil; Desenvolvimento infantil

Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira Rua dos Coelhos, 300. Boa Vista, 50070-550 Recife PE Brasil, Tel./Fax: +55 81 2122-4141 - Recife - PR - Brazil
E-mail: revista@imip.org.br
Accessibility / Report Error