Accessibility / Report Error
Revista Brasileira de Saúde Ocupacional, Volume: 37, Issue: 125, Published: 2012
  • Vigilância do câncer relacionado ao trabalho: sobre as Diretrizes 2012 publicadas pelo Inca Editorial

    Wünsch Filho, Victor
  • Sobre a proposta de concessão de benefícios por incapacidade sem perícia inicial do INSS Editorial

    Maeno, Maria; Buschinelli, José Tarcisio P.
  • Work, health and environment in agriculture Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Freitas, Carlos Machado de; Garcia, Eduardo Garcia
  • Development model, pesticides, and health: a panorama of the Brazilian agricultural reality and proposals for an innovative research agenda Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Porto, Marcelo Firpo; Soares, Wagner Lopes

    Abstract in Portuguese:

    O modelo agrário hegemônico no Brasil está baseado em monocultivos para exportação que são intensivos em tecnologias mecanizadas e no uso de agrotóxicos. O país tornou-se o principal consumidor mundial de agrotóxicos e é avaliado como o mercado que mais crescerá num futuro próximo. Este trabalho teve como propósito fazer uma avaliação geral da relação entre o modelo agrário brasileiro e os impactos à saúde e ao ambiente decorrentes do uso de agrotóxicos e propor uma agenda de pesquisa para subsidiar o enfrentamento dos problemas apontados que integre os setores comprometidos com a defesa da saúde, do meio ambiente e da segurança e soberania alimentar. Constatou-se e discutiu-se a necessidade de: dar maior visibilidade aos efeitos e aos custos socioambientais e de saúde do modelo predominante; utilizar instrumentos econômicos para incentivar o uso de tecnologias mais limpas e modelos de produção mais saudáveis, compatíveis com a agricultura familiar, e para desestimular os modelos que oferecem mais riscos à saúde e ao ambiente; desenvolver e implementar políticas públicas baseadas em referenciais da economia ecológica e da agroecologia, com a participação de movimentos sociais, das instituições reguladoras e de grupos de pesquisa.

    Abstract in English:

    The hegemonic agrarian model in Brazil is based on crops for export that are intensive in mechanized technologies and in the use of pesticides. The country became the world largest pesticide consumer and is ranked as the market that will grow the most in the near future. The purpose of this article was to make a general assessment of the relationship between the Brazilian agrarian model and the impacts of pesticide use on health and environment. To confront these problems, we propose a research agenda that integrates the different sectors engaged in protecting health, environment, and also food safety and sovereignty. We evidenced and discussed the need to: give greater visibility to the impacts as well as socio-environmental and health costs of the predominant model, adopt economic instruments that will encourage the use of cleaner technologies and healthier production models compatible with family farming, discourage productive systems that offer more environmental and health risks, along with developing and implementing public policies based on advances in ecological economics and agroecology, with the participation of social movements, regulatory institutions, and research groups.
  • Modelo de desenvolvimento, agrotóxicos e saúde: prioridades para uma agenda de pesquisa e ação Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Faria, Neice Müller Xavier
  • Uma agenda necessária Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Machado, Jorge Mesquita Huet
  • A problemática do uso de agrotóxicos no Brasil: a necessidade de construção de uma visão compartilhada por todos os atores sociais Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Waichman, Andrea Viviana
  • Resposta dos autores Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Porto, Marcelo Firpo; Soares, Wagner Lopes
  • Labor, health, and migration in sugarcane plantations in the region of Ribeirão Preto, São Paulo state, Brazil: what do young workers perceive and feel? Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Galiano, André de Mello; Vettorassi, Andréa; Navarro, Vera Lucia

    Abstract in Portuguese:

    A migração de jovens do nordeste brasileiro em busca de emprego na região Sudeste é historicamente recorrente. Este estudo objetivou compreender como jovens trabalhadores foram atraídos para o corte de cana-de-açúcar na região de Ribeirão Preto (SP) e conhecer como percebiam suas condições de trabalho e suas repercussões em sua saúde. Na pesquisa, de abordagem qualitativa, foram entrevistados 14 trabalhadores migrantes do Maranhão, de ambos os sexos, com idades entre 18 e 24 anos, entre julho de 2008 e maio de 2009. Os relatos obtidos indicaram que a migração dos jovens trabalhadores em busca de trabalho não foi uma opção, mas a única alternativa frente à realidade na região de origem. Revelaram sentimento de frustração quando perceberam que o trabalho real era bem diferente do imaginado. Os jovens apresentaram desesperança quanto às suas perspectivas de futuro e demonstraram preocupação com as possíveis consequências para sua saúde. Apesar de explicitar desapontamento com a realidade, manifestaram intenção de retorno para as lavouras da cana em outras safras, mostrando conformismo com sua realidade social. O estudo possibilitou aprofundar conhecimentos acerca da exploração da força de trabalho empregada na cultura da cana-de-açúcar na maior região produtora do país, mostrando que os trabalhadores percebem como precárias e desgastantes as condições a que são submetidos.

    Abstract in English:

    The migration of young people from the Northeast to the Southeast of Brazil searching for employment is historically recurrent. The purpose of the present study was to understand how this young people are attracted to the sugarcane harvesting in the region of Ribeirão Preto, São Paulo State, and to learn how they become aware of their working conditions and the impact of these conditions on their health. For this qualitative research, 14 female and male workers between 18 and 24 years of age, who had migrated from the State of Maranhão, were interviewed between July 2008 and May 2009. According to their reports, young people had no other alternative but to migrate to find a job, due to the harsh reality of the region where they came from. The workers revealed frustration as they realized the jobs they found were not what they had expected. They also expressed hopelessness regarding their future and worries about health being damaged due to the type of work. Although they expressed disappointment with this reality, they intended to return to the sugarcane plantations in the next harvests, demonstrating their conformism to their social reality. This study allowed us to deepen our knowledge on labor force exploitation in sugarcane plantations in the largest producing region of the country, and showed that workers perceive the precariousness and stressfulness of the conditions they experience.
  • Agribusiness: generating social inequalities, impacts on way of life, and new health needs among rural workers Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Pessoa, Vanira Matos; Rigotto, Raquel Maria

    Abstract in Portuguese:

    O artigo abordaas necessidades de saúde dos trabalhadores rurais do agronegócio no Ceará, Brasil. O Estado tem adotado um modelo de produção centrado no monocultivo irrigado de frutas para exportação que tem gerado transformações no modo de vida das comunidades, principalmente dos trabalhadores rurais. A pesquisa é qualitativa, do tipo pesquisa-ação, realizada em 2010 na Chapada do Apodi com a participação de quatorze sujeitos: trabalhadores de uma equipe de saúde da família (médico, enfermeiro, agente comunitário de saúde, auxiliar de enfermagem), dois usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), auxiliar de serviços gerais, trabalhador rural do agronegócio, presidente da associação dos trabalhadores rurais, conselheira municipal de saúde, vereador, professora e dois representantes dos movimentos sociais. Para proceder à interpretação das falas, utilizou-se a análise do discurso, que evidenciou um contexto de vulnerabilidade socioambiental, com repercussões negativas sobre a produção, a saúde e o modo de vida. Apontou, também a insuficiente ação das políticas públicas no enfrentamento da exploração do trabalho, a contaminação ambiental e os problemas à saúde humana, como os causados pelos agrotóxicos. O contexto requer uma atuação do SUS no reconhecimento das necessidades de saúde dos trabalhadores rurais nos territórios locais.

    Abstract in English:

    The present study investigated the healthcare needs of agribusiness rural workers in the state of Ceará, Northeastern Brazil. Focused on irrigated fruit monoculture for export, the production model of the region has brought about profound changes in communities, notably on rural workers' way of life. This qualitative study adopted action research methodology and was conducted in 2010, when 14 residents of Chapada do Apodi were interviewed. Among them, four were members of a Family Health Strategy team (a doctor, a nurse, a community health agent, and a nursing assistant), two users of the Unified Healthcare System (SUS), a janitor, a rural worker employed in the agribusiness, the president of the rural workers' association, a representative of the municipal health department, a town councilor, a teacher, and two participants of social movements. The results of discourse analysis revealed a situation of socio-environmental vulnerability with negative repercussions on production, health, and life style. It also showed that public policies against labor exploitation, environmental damage, and human health issues, such as pesticide intoxication, are not sufficiently enforced. This situation calls for SUS actions to recognize the healthcare needs of local rural workers.
  • Pesticide use in soybean production in Mato Grosso state, Brazil: a preliminary occupational and environmental risk characterization Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Belo, Mariana Soares da Silva Peixoto; Pignati, Wanderlei; Dores, Eliana Freire Gaspar de Carvalho; Moreira, Josino Costa; Peres, Frederico

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: identificar e discutir alguns dos principais riscos associados ao uso de agrotóxicos na produção de soja do estado de Mato Grosso. MÉTODO: estudo exploratório descritivo, de caráter preliminar, realizado entre 2008 e 2009 e baseado em triangulação metodológica que incluiu: análise de banco de dados agrícola; análise de indicadores biológicos da exposição a agrotóxicos; e análise da contaminação de água de chuva por esses agentes químicos. RESULTADOS: a análise dos dados de consumo mostra um elevado e crescente uso de agrotóxicos, em particular o do herbicida glifosato. A análise da água de chuva mostrou presença de resíduos de diferentes agrotóxicos, ampliando o risco para além do ambiente de trabalho. Essa exposição ambiental foi detectada pela análise de indicadores biológicos de exposição a agrotóxicos junto a trabalhadores e moradores de áreas próximas às zonas de plantio. CONCLUSÃO: os dados do estudo apontam para a necessidade de um monitoramento ambiental e de saúde permanente em áreas produtoras de soja como parte das estratégias de vigilância em saúde do trabalhador e ambiental.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To identify and to discuss some of the major risks associated to pesticide use in the soybean production in Mato Grosso State, Midwestern Brazil. METHOD: It is a descriptive exploratory pilot-study that was carried out between 2008 and 2009, using methodological triangulation, comprising the following: analysis of an agricultural database, analysis of biological indicators of pesticide exposure, and analysis of rainwater contamination by these chemicals. RESULTS: Analysis of pesticides consumption data showed a high and growing use of pesticides in soybean production, particularly glyphosate. Rainwater analysis evidenced the occurrence of different pesticide residues, indicating the amplification of the risks beyond workplace. This environmental exposure was also detected by biological indicator analysis among workers and residents of the plantation neighboring areas. CONCLUSION: The study data indicate the need for permanent environmental and human health monitoring in soybean production areas as part of workers' health and environmental surveillance strategies.
  • Farm workers' vulnerability due to the pesticide use on vegetable plantations in the Northeastern region of Brazil Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Preza, Débora de Lucca Chaves; Augusto, Lia Giraldo da Silva

    Abstract in Portuguese:

    Atualmente, o Brasil representa o maior mercado consumidor de agrotóxicos do mundo. Entretanto, ainda são escassos estudos acerca dos fatores de risco associados ao uso de agrotóxicos no nordeste brasileiro. O Município de Conceição do Jacuípe, localizado no Estado da Bahia, apresenta uma grande produção de hortaliças, a qual emprega agrotóxicos em larga escala. Este estudo objetivou identificar características sociodemográficas, de saúde e de uso de agrotóxicos entre trabalhadores envolvidos no plantio de hortaliças. Realizou-se um estudo seccional através da aplicação de questionários semiestruturados a 29 trabalhadores rurais, entre dezembro 2007 e agosto 2008. A maioria deles (75,8%) tinha o Ensino Fundamental incompleto ou era analfabeto. Treze (44,8%) entrevistados referiram alguma queixa de saúde durante a aplicação de agrotóxicos, mas nenhum deles procurou assistência médica. Apenas 17,2% dos agricultores disseram usar equipamento de proteção individual (EPI) e 28% relataram não usar qualquer tipo de proteção durante a aplicação dos agrotóxicos. Dentre os 13 agrotóxicos citados, sete não são permitidos para uso em hortaliças. Os resultados indicam o uso indiscriminado de agrotóxicos em um contexto de vulnerabilidades sociais e institucionais que comprometem a saúde ambiental e do trabalhador, apontando para a necessidade de ações que levem à promoção e à proteção da saúde do trabalhador rural, bem como de prevenção nas situações de risco ambiental.

    Abstract in English:

    Currently Brazil is the largest consumer market for pesticides in the world. However, there are still few studies on the risk factors associated to pesticide use in the Northeast of Brazil. The municipality of Conceição do Jacuípe, located in the State of Bahia, Brazil, features a large production of vegetables, which uses pesticides on a large-scale. This study purpose was to identify sociodemographic, health, and pesticide use characteristics among workers involved in planting vegetables. We conducted a sectional study using semi-structured questionnaires answered by 29 rural workers, between December 2007 and August 2008. Most of them (75.8%) had not completed elementary school or were illiterate. Thirteen (44.8%) of them reported health problems while using pesticides, but none of them sought medical attention. Only five (17.2%) of the farmers reported using personal protective equipment and eight (28%) reported not using any protection while applying pesticides. Among the thirteen mentioned pesticides, seven were prohibited for vegetables . The results indicate the indiscriminate use of pesticides in a context of social and institutional vulnerabilities. This affects both environmental and worker's health, and points at the need for interventions in order to promote and protect rural workers' health, as well as to prevent situations of environmental risk.
  • Risk perception associated to pesticide use among family agriculture workers in Rio Branco, Acre, Brazil Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Gregolis, Thais Blaya Leite; Pinto, Wagner de Jesus; Peres, Frederico

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Conhecer as percepções de risco associadas ao uso de agrotóxicos no trabalho rural de pequenos produtores rurais. MÉTODO: Estudo de percepção de riscos relacionados ao trabalho rural, realizado entre o segundo semestre de 2008 e o primeiro de 2009, com base na avaliação psicológica de 42 pequenos agricultores do município de Rio Branco, AC, por meio de questionário estruturado com questões abertas e fechadas e aplicação de escalas psicométricas. RESULTADOS: Entre as mulheres, destacou-se a invisibilidade dos riscos associados ao uso desses agentes químicos no seu cotidiano de trabalho. A maioria das mulheres participantes não percebia a seriedade dos problemas de saúde relacionados à exposição a agrotóxicos, nem identificava como perigosas as atividades de trabalho que desempenhava. Entre os homens, observou-se a construção de estratégias defensivas baseadas na negação dos riscos, tática utilizada por esses indivíduos como forma de permanecerem, dia após dia, inseridos em um processo de trabalho sabidamente injurioso. CONCLUSÃO: O estudo mostrou que a percepção de riscos daquele grupo de pequenos agricultores influencia suas práticas de trabalho e a forma como responde frente ao risco representado pelo uso de agrotóxicos, devendo ser, portanto, objeto de análise em ações de vigilância em saúde do trabalhador e no escopo de iniciativas de gerenciamento de riscos.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To learn about risk perception associated with pesticide use in a small farming community located in Rio Branco, state of Acre, in Northern Brazil. METHODS: Psychological evaluation of 42 farmers using a structured questionnaire, with closed and open-ended questions and psychometric scales, to evaluate perception of risk related to farm work, conducted between the second half of 2008 and the first half of 2009. RESULTS: Women were unaware of the chemical risks they faced in their daily work. Most of them did not perceive how seriously pesticides could affect their health, and did not consider their job tasks as being dangerous. Among men, denial of occupational risk was observed, configuring as a strategy to continue working under knowingly harmful conditions. CONCLUSION: The study showed that risk perception in this group of small farmers influenced their work practices and the way they responded to the risks resulting from pesticide use. Risk perception should, therefore, be an object of analyses of workers' health surveillance and risk management initiatives.
  • Limits of conventional agriculture and reasons for its persistence: a case study in Sumidouro, Rio de Janeiro, Brazil Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Stotz, Eduardo Navarro

    Abstract in Portuguese:

    A predominância da agricultura convencional, caracterizada sobretudo pelo uso indiscriminado de agrotóxicos, tem levado a pesquisas acerca da percepção sobre a saúde e o ambiente implicados nas práticas agrícolas. Neste estudo, buscou-se compreender a percepção dos limites da agricultura convencional por agricultores familiares e as razões de sua persistência. Consistiu em pesquisa empírica observacional e participativa realizada em Sumidouro, RJ, entre 2006 e 2008. Verificou-se que a agricultura convencional é avaliada positivamente em termos de ganhos econômicos e sociais - dada a redução do tempo de trabalho socialmente necessário resultante do uso de agrotóxicos - e que, apesar da persistência de elementos da agricultura tradicional na memória e da percepção da dependência dos insumos e dos seus impactos, é percebida pelos agricultores como uma determinação de suas vidas. Esses elementos sugerem que, da mesma forma como o sistema agrícola convencional se impôs mediante crédito subsidiado e assistência técnica pública, alterações profundas nessa percepção e no sistema agrícola vigente devem integrar política pública ampla e de longa duração. Esta, por sua vez, deve considerar, dentre outros, a dependência do poder político local em relação aos maiores produtores e comerciantes, inclusive de agrotóxicos, e a necessidade de articulação entre pesquisa e extensão rural com a participação direta dos agricultores.

    Abstract in English:

    The predominance of conventional agriculture, characterized mainly by the indiscriminate use of pesticides, has led to researches on health and environment perception associated with these practices. An observational and participatory research was conducted in Sumidouro, Rio de Janeiro State, between 2006 and 2008, which aimed to understand the family farmer's perception on the limits of conventional agriculture and the reasons for its persistence. Conventional agriculture was positively evaluated by the interviewed in terms of economic and social gains, because socially-necessary labor time is reduced when pesticides were used. It was also perceived as determinative of their lives, despite the persistence of elements of traditional agriculture in their memory and their perception of the dependency on agricultural inputs and their impacts. These elements suggest that a broad and long term public policy needs to be established in order to introduce profound changes in perception and in current agricultural system, in the same way that the conventional one was imposed to the community by subsidized credit programs and technical assistance service. This policy should consider, among others issues, the dependence of the local political power on large agricultural producers and traders, including pesticide dealers, and the need for integration of agricultural research and extension that includes active participation of farmers.
  • Growing, harvesting, selling, but not eating: food and work related practices associated to obesity among family farmers in Bonfim, Petrópolis, Rio de Janeiro, Brazil Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Lourenço, Ana Eliza Port

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: verificar a prevalência de obesidade entre adultos das 86 famílias agricultoras de um bairro de Petrópolis, RJ, e analisar seus determinantes socioculturais. MÉTODOS: estudo quantitativo e qualitativo sobre nutrição, práticas alimentares e de trabalho realizado em 2008. Dados antropométricos foram coletados por inquérito nutricional domiciliar e o material qualitativo por observação participante e entrevistas. RESULTADOS: a prevalência de obesidade foi baixa (9,3%) entre os homens, mas bastante elevada entre as mulheres (29,9%). A prática agrícola local implica em atividade física leve para mulheres e intensa para homens. Essa diferença não é acompanhada na dieta, semelhante para homens e mulheres, com predomínio de alimentos de alto valor calórico. A produção familiar objetiva essencialmente a venda. A agricultura mercantil e a decorrente especialização dos cultivos favorecem comprar alimentos no mercado em vez de produzir para autoconsumo. CONCLUSÃO: os aspectos socioculturais e ocupacionais estudados podem ter contribuído para elevar a prevalência de obesidade nas mulheres e podem ser úteis no estudo de outros grupos com características semelhantes. Esta pesquisa ratifica a importância de estudar a obesidade em nível local, integrando abordagens quantitativas e qualitativas para identificar possíveis limitações e portas de entrada para ações de intervenção localmente relevantes.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To evaluate the prevalence of obesity and analyze its social-cultural determinants among adults from 86 farming families of a neighborhood of Petrópolis, in the mountain region of Rio de Janeiro state. METHOD: This quantitative and qualitative study on nutrition, food and work-related practices was conducted in 2008. The anthropometric data were collected by a household nutritional survey and the qualitative data, by participant observation and interviews. RESULTS: The obesity prevalence among men was low (9.3%) but it was very high (29.9%) in women. Physical activity required for farm work in the region is more intense for men than for women. Despite this difference, men and women have similar diet that includes a high proportion of high calorie food items. Local families grow crops mainly for sale. Commercial agriculture with product specialization encourages purchasing rather than growing food for family consumption. CONCLUSION: The studied social-cultural and occupational aspects may have contributed to raise obesity among women in this community, and can be useful to study other populations with similar characteristics. This research confirms the significance of studying obesity at the local level, combining quantitative and qualitative approaches, in order to identify potential constrains and points of entry for locally relevant intervention programs.
  • Mapping socio-environmental vulnerability and environmental health promotion in a rural community of Lamarão, Federal District, Brazil, 2011 Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Carneiro, Fernando Ferreira; Hoefel, Maria da Graça; Silva, Marina Aparecida Malheiros; Nepomuceno, Alcebíades Renato; Vilela, Cleidiane; Amaral, Fernanda Rocha; Carvalho, Graciele Pollyanna M.; Batista, Jaqueline Leite; Lopes, Patrícia Abreu

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: realizar atividade de ensino e extensão com alunos de graduação para construção de diagnóstico participativo sobre as condições de vida, ambiente e trabalho em núcleo populacional rural, visando subsidiar ações de promoção da saúde pela equipe de agentes comunitários da Estratégia Saúde da Família. MÉTODOS: trabalho realizado no Núcleo Rural do Lamarão, no Distrito Federal, de outubro/2010 a janeiro/2011. Alunos, conjuntamente com agentes comunitários de saúde, por meio de entrevistas, visitas e oficinas, aplicaram instrumentos de Estimativa Participativa Rápida e de construção de mapa de vulnerabilidade socioambiental e de contextos de promoção da saúde ambiental. RESULTADOS: identificaram-se como promotores da vida na comunidade: diversidade de produção de alimentos, liberdade e segurança, união e organização da comunidade, geração de empregos e natureza. Foram considerados ameaçadores à vida: cultura alimentar, uso inadequado de agrotóxicos, uso incorreto de equipamentos de proteção individual, pulverização aérea, falta de lazer, falta de transporte, uso de drogas lícitas e ilícitas. CONCLUSÃO: a partir do diagnóstico, será construído um projeto de intervenção participativo que incorporará características de ensino, pesquisa e extensão na relação Saúde, Trabalho, Ambiente e Nutrição.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To involve undergraduate students in an extension activity aimed at conducting a participatory diagnosis on life, environment, and work conditions in a rural settlement, with the purpose of raising goals for future health promotion actions performed by community health agents of the Family Health Strategy. METHODS: The study was held between October 2010 and January 2011 in the rural community of Lamarão, located in the Federal District in Brazil. By means of interviews, visits, and workshops, students and community health agents used Participatory Rapid Appraisal instruments as well as tools for mapping socio-environmental vulnerability and health promotion related issues. RESULTS: The following were identified as life promotion factors in the community: food production diversity, freedom and safety, unity and community organization, job generation, and nature. Considered as threatening to life were: food culture, improper use of pesticides, inadequate use of personal protective equipment, aerial spraying, lack of leisure, lack of transportation, use of licit and illicit drugs. CONCLUSION: A participatory intervention project will be developed, which will incorporate teaching, research and extension activities regarding Health, Work, Environment, and Nutrition.
  • Conflito e liberdade! Dossiê Temático: Trabalho, Saúde E Meio Ambiente Na Agricultura: Interações, Impactos E Desafios Á Segurança E Saúde Do Trabalhador

    Jackson Filho, José Marçal
  • Absenteeism indicators and diagnosis associated to sick leave among workers of the administrative service area of a petroleum industry Tema Livre

    Oenning, Nágila Soares Xavier; Carvalho, Fernando Martins; Lima, Verônica Maria Cadena

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Determinar indicadores do absenteísmo por licença médica (LM) em trabalhadores da área de serviços de uma indústria de petróleo, identificando as patologias associadas. MÉTODOS: Este estudo descreve resultados de estudo coorte retrospectivo com 782 trabalhadores de uma empresa de petróleo no período de 1º de janeiro de 2007 a 31 de dezembro de 2009. RESULTADOS: 542 trabalhadores tiveram eventos de faltas ao trabalho que geraram licença médica. Registrou-se 3,3 episódios de LM por trabalhador e 69,3% dos trabalhadores tiveram pelo menos um episódio de LM. Os episódios de LM duraram em média 6,6 dias, com desvio padrão de 9,8 dias. A maior proporção de episódios de absenteísmo por LM deveu-se às doenças do sistema osteomuscular e tecido conjuntivo. Dezesseis dentre os 782 trabalhadores apresentaram 17 episódios de LM associadas ao trabalho (acidente típico, de trajeto e doença ocupacional). CONCLUSÕES: O estudo ratificou a importância do afastamento por doenças do sistema osteomuscular e o impacto das doenças ocupacionais no absenteísmo por licença médica, detectando índices semelhantes ao da literatura, numa população pouco explorada do ponto de vista epidemiológico.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To determine indices of sick leave (SL) absenteeism among workers in the administrative service area of a petroleum industry and to identify associated pathologies. METHODS: The study describes results of a retrospective cohort study involving 782 workers from an oil company, who were followed up from January 1, 2007 to December 31, 2009. RESULTS: During the study period, 542 workers reported SL events with physician's statements. An average of 3.3 SL absences per worker was recorded, and 69.3% of the workers had gone through at least one SL episode. SL episodes lasted in average for 6.6 days, with a standard deviation of 9.8 days. Most of SL absences were due to musculoskeletal and connective tissue disorders. Sixteen out of the 782 workers went through 17 work-related SL episodes (worksite accidents, commuting accidents and occupational illnesses). CONCLUSIONS: The study confirmed that musculoskeletal and connective tissue diseases are the most recurrent causes of sick leave absenteeism. The rates of absenteeism due to SL, in this population yet rarely investigated from the epidemiological point of view, were similar to those described in literature.
  • Life experiences of disabled workers: an analysis using Psychodynamics of Work Tema Livre

    Leão, Marluce Auxiliadora Borges Glaus; Silva, Ludimila Santos

    Abstract in Portuguese:

    As organizações de trabalho indicam dificuldades em cumprir a lei de contratação de trabalhadores com deficiência. A gestão dos indivíduos com deficiência inseridos no mercado formal envolve articulação entre suas vivências e as demandas desse contexto. Este estudo investigou as vivências subjetivas de deficientes auditivos e deficientes físicos de uma empresa de grande porte no Vale do Paraíba Paulista, em 2010. Trata-se de uma pesquisa qualitativa por meio de seis estudos de casos, utilizando-se entrevistas, cuja análise de conteúdo foi feita à luz da Psicodinâmica do Trabalho. Os resultados apontaram aspectos de sofrimento no trabalho oriundos do desgaste físico ou psíquico e da falta de reconhecimento no trabalho, que reativam estratégias defensivas frente às situações adversas, como a concepção de deficiência vigente nesse contexto. Como aspectos de prazer, estar empregado gera autonomia e senso de competência. Conclui que as vivências de sofrimento desses deficientes sobrepõem-se às de prazer no trabalho e que a visão de deficiência que prevalece dificulta seu crescimento profissional e uma legítima inclusão ao trabalho. Sugere um melhor equacionamento dos processos de gestão na organização, considerando a visão desses trabalhadores, para a ressignificação das concepções de deficiência, o efetivo cumprimento da lei e ainda minimizar os riscos à sua saúde mental.

    Abstract in English:

    Employers report difficulties in complying with the legislation on hiring disabled workers. Their management includes the integration between their life experiences and the formal market demands. This study investigated the subjective experiences of workers with hearing and physical disabilities of a large company in Vale do Paraiba, state of São Paulo, Brazil, in 2010. It was a qualitative research with six case studies, using semi-structured interviews, which contents were analyzed according to Psychodynamics of Work. Results pointed out aspects of workers' suffering due to their physical or psychological distress and as a consequence of lack of recognition at work. These situations led them to adopt defensive attitudes when facing adverse situations, such as prejudices regarding disability that prevail in this context. Aspects of pleasure were also presented: being employed developed autonomy and sense of competence. The study concludes that suffering was superimposed upon pleasure among these workers, and that the current view of disability was an obstacle for their professional growth and real inclusion in the market. It suggests an improvement in the managing processes by taking into consideration the disabled workers' view to resignify disability concepts, to effectively enforce legislation, and to minimize mental health risks among them.
  • Health and safety, and subjectivity at work: the psychosocial risks Tema Livre

    Ruiz, Valéria Salek; Araujo, André Luis Lima de

    Abstract in Portuguese:

    Este ensaio apresenta reflexões sobre saúde e segurança no trabalho destacando as recentes propostas de inclusão dos aspectos psicossociais nas abordagens dos riscos ocupacionais que tradicionalmente valorizam apenas os aspectos objetivos (químicos, físicos e biológicos). Para subsidiar as colocações aqui mencionadas, foram utilizados referenciais teórico-metodológicos que, adotando uma perspectiva dinâmica, partem da atividade, do trabalho real, especialmente a psicodinâmica do trabalho e a perspectiva ergológica. Aponta-se para a necessidade de revisitar os atuais modelos de gestão de riscos ocupacionais centrados no controle e no cumprimento fiel das orientações, incorporando também as dimensões subjetivas, aquilo que é da ordem do não antecipável, que advém das situações reais com suas dramáticas, encontros, escolhas e ressingularizações. Nesse sentido, ressaltada a dimensão gestionária das atividades, seus protagonistas são convocados não apenas a cumprir prescrições elaboradas por especialistas, mas também a exercer, individual e coletivamente, a coautoria na gestão de sua saúde, segurança, trabalho e vida.

    Abstract in English:

    This paper presents reflections on health and safety at work, highlighting the recent proposals that are for the inclusion of psychosocial aspects in the management of occupational risks, which traditionally dealt only with objective (chemical, physical, and biological) aspects. To support the arguments presented, we worked within theoretical and methodological frameworks that, by adopting a dynamic perspective, focused on activity, on actual work, especially the psychodynamics of work and the ergological perspective. We pointed at the need to revisit the current occupational risk management models centered in control and compliance of the given orientations, by also incorporating those subjective dimensions that cannot be foreseen, but were generated in real situations and include dramas, encounters, choices, and re-singularizing. Therefore, after the managerial dimension of the activities was revealed, their protagonists are summoned not only to comply with experts' prescriptions, but also to act as co-authors, individually and collectively, of the management of their own health, safety, work, and life.
  • Can auditory neuropathy spectrum disorder contribute to work accidents? a clinical investigation report Tema Livre

    Prestes, Marta Regueira Dias; Feitosa, Maria Angela Guimarães; Sampaio, André Luiz Lopes; Carvalho, Maria de Fátima Coelho; Meneses, Elienai de Alencar

    Abstract in Portuguese:

    Considerando a possível insuficiência do exame admissional legalmente preconizado para avaliação auditiva no que se refere à identificação de comprometimento da habilidade para reconhecer fala em ambiente ruidoso, este trabalho tem como objetivo relatar o processo de uma investigação clínica, conduzida em 2010, de um trabalhador que sofreu acidente de trabalho, visando identificar possíveis elementos clínicos não previamente considerados, mas que poderiam ter contribuído para a ocorrência do acidente. Utilizou-se a escala Abbreviated Profile of Hearing Aid Benefit para comparar a habilidade de reconhecimento da fala em ambiente ruidoso do trabalhador acidentado com a de ouvintes normais e realizaram-se exames de audiometria, imitanciometria, emissões otoacústicas, potencial evocado auditivo de tronco encefálico e teste de reconhecimento de sentenças no silêncio e no ruído. Identificou-se que o trabalhador apresentava espectro da neuropatia auditiva (ENA) e que a alteração neural prejudicava de forma relevante a compreensão da fala em presença de ruído. A avaliação da sensibilidade auditiva no exame admissional se mostrou insuficiente para identificar a real situação auditiva do trabalhador com ENA, que compromete o reconhecimento de sinais de advertência, levando a um aumento no risco de ocorrência de acidente em ambientes ruidosos.

    Abstract in English:

    Considering that the hearing assessment test legally recommended for job admission exams is not adequate to identify impaired ability to recognize speech in noisy environments, this paper reports a clinical investigation conducted in 2010 for a worker who suffered a work accident due to noise. It aimed at identifying clinical elements which were not previously taken into consideration, but that could have contributed to the accident. Abbreviated Profile of Hearing Aid Benefit Scale was used to measure the injured worker's ability to recognize speech in a noisy environment and to compare it with the hearing skill of normal adults. Audiometry, tympanometry, otoacoustic emissions, auditory evoked brainstem potential, and sentence recognition in quiet and in noisy environments were also carried out. They showed that the worker had an Auditory Neuropathy Spectrum Disorder (ANSD) and that the neural disorder significantly impaired speech understanding in noisy surroundings. Hearing sensitivity assessment during job admission exams was not enough to identify the actual hearing ability of the worker with ANSD, as the disorder prevents warning signs from being noticed and increases risk of accidents in noisy environments.
Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Rua Capote Valente, 710 , 05409 002 São Paulo/SP Brasil, Tel: (55 11) 3066-6076 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: rbso@fundacentro.gov.br