Sort publications by
Revista Brasileira de Saúde Ocupacional, Volume: 46, Published: 2021
  • COVID-19 as an occupational disease Editorial

    Maeno, Maria
  • Prevalence and associated factors of burnout syndrome among teachers of the public network: a population-based study Artigo De Pesquisa

    Magalhães, Tatiana Almeida de; Vieira, Marta Raquel Mendes; Haikal, Desiree Sant’ana; Nascimento, Jairo Evangelista; Brito, Maria Fernanda Santos Figueiredo; Pinho, Lucinéia; Volker, Valéria; Silveira, Marise Fagundes

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivos: identificar a prevalência e os fatores associados à síndrome de burnout (SB) entre docentes da educação básica de escolas públicas de um município de médio porte. Métodos: estudo transversal analítico realizado em Minas Gerais, em 2016. Coletaram-se dados sociodemográficos e ocupacionais e aplicou-se o Cuestionário para la Evaluación del Síndrome de Quemarse por el Trabajo para avaliar a SB. A amostra (n = 745) foi probabilística por conglomerados em único estágio. Utilizou-se análise hierarquizada com regressão de Poisson. Resultados: a prevalência geral da SB foi de 13,8% (IC95%: 11,3-16,3%), com 9,0% apresentando o Perfil 1 (SB sem níveis altos de sentimento de culpa) e 4,8% o Perfil 2 (SB grave). As dimensões mais prevalentes foram “desgaste psíquico” (39,4%) e “ilusão pelo trabalho” (19,7%). A prevalência de SB foi maior entre os docentes mais jovens (RP = 1,82), sem filhos (RP = 1,45), concursados/efetivos (RP = 1,88), insatisfeitos no trabalho (RP = 3,16), com desejo de mudar de profissão (RP = 2,94) e com falta de apoio da direção escolar (RP = 2,38). Conclusão: há urgência na criação de políticas públicas de suporte aos docentes, pois os identificados com sintomas da síndrome estão em exercício funcional, o que agrava seu quadro de saúde e, por conseguinte, compromete os diversos processos da área educacional.

    Abstract in English:

    Abstract Objectives: to identify the associated factors and the prevalence of burnout syndrome (BS) in primary and secondary public school teachers of a medium-sized municipality. Methods: cross-sectional analytical study conducted in Minas Gerais, Brazil, in 2016. We collected sociodemographic and occupational data, and applied the Spanish Burnout Inventory [Cuestionário para la Evaluación del Síndrome de Quemarse por el Trabajo]. The sample (n = 745) was probabilistic by clusters in a single stage. We used Hierarchical analysis with Poisson regression. Results: the general prevalence of BS was 13.8% (95% CI: 11.3-16.3%), with 9.0% having Profile 1 (BS without high levels of feelings of guilt) and 4.8% Profile 2 (severe BS). The most prevalent dimensions were “psychological exhaustion” (39.4%) and “enthusiasm towards job” (19.7%). The BS prevalence was higher among younger teachers (PR = 1.82), without children (PR = 1.45), job stability insured as civil servant (PR = 1.88), with job dissatisfaction (PR = 3.16), with a desire to change professions (PR = 2.94) and lack of support from the school managers (PR = 2.38). Conclusion: there is an urgent need to develop public policies to support teachers, since those identified with BS symptoms are in work activity, which worsens their health condition and, therefore, undermines the educational processes.
  • An interdisciplinary look at the work of outsourced school cooks from state schools in the city of Campinas, state of São Paulo, Brazil Artigo De Pesquisa

    Cardillo, Viviane Herculiani; Gemma, Sandra Francisca Bezerra; Fuentes-Rojas, Marta

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) do Brasil é um dos maiores do mundo, porém há poucos estudos que tenham por objeto os responsáveis por sua execução, em especial, as merendeiras. Objetivo: compreender a organização e as características do trabalho das merendeiras, assim como suas consequências, tanto para a implementação do programa de alimentação escolar quanto para as próprias trabalhadoras. Métodos: estudo qualitativo fundamentado na análise ergonômica do trabalho (AET). Os resultados foram discutidos à luz da ergonomia da atividade e da ciência política. Pesquisa realizada em 2017 com oito merendeiras terceirizadas alocadas em três escolas da rede pública estadual em Campinas (SP). Resultados: caracterizou-se o trabalho das merendeiras, seus desafios e desdobramentos. Desvelaram-se as dificuldades da realidade enfrentada nas cozinhas escolares, os principais mecanismos de enfrentamento desenvolvidos por elas para lidar com as demandas do trabalho prescrito pelas instâncias de controle e para viabilizar o trabalho nas condições que lhes são propiciadas. Discutiu-se o papel importante, embora não suficientemente reconhecido, desempenhado por essas profissionais na implementação do PNAE. Conclusão: o duplo olhar teórico possibilitou reconhecer a presença do coping no cotidiano dessas trabalhadoras e permitiu evidenciar os problemas gerados pela terceirização e pela desvalorização do saber prático.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: the National School Feeding Program (PNAE), in Brazil, is one of the largest in the world. However, only few studies focus on those who are responsible for its execution, in particular, the school cooks. Objective: to understand the organization and the characteristics of the cooks’ work and their consequences, both for the implementation of the school feeding program and for the workers themselves. Methods: qualitative study based on ergonomic work analysis (EWA). The results were discussed according to activity ergonomics and political science. This study, conducted in 2017, involved eight outsourced cooks allocated to three state schools of Campinas public network, in the state of São Paulo, Brazil. Results: the cooks’ work was characterized, along with its challenges and developments. The study unveiled the reality faced in school kitchens. We identify the main coping mechanisms developed by the workers to deal with the work prescribed demands and to make it feasible according to the conditions offered to them. We discuss the important role, although not sufficiently recognized, played by these professionals in the implementation of the PNAE. Conclusion: the double theoretical view made it possible to recognize how coping is present in these workers’ daily lives and made it possible to highlight the problems generated by outsourcing and the devaluation of practical knowledge.
  • Artisanal fisherwomen and workers’ health: Brazilian Unified Health System unknown scenarios Artigo De Pesquisa

    Lopes, Isabelle Bernardina da Silva; Bezerra, Maria das Graças Viana; Silva, Luiz Rons Caúla; Andrade, Naila Saskia Melo; Carneiro, Fernando Ferreira; Pessoa, Vanira Matos

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: compreender a percepção de trabalhadoras da pesca artesanal acerca dos riscos e agravos relacionados ao trabalho e das ações de promoção à saúde dirigidas a sua atividade produtiva. Métodos: pesquisa-ação com sete pescadoras e marisqueiras do rio Pacoti, em Eusébio, Ceará. A coleta de dados foi realizada no domicílio das trabalhadoras em 2019. As entrevistas foram gravadas, transcritas e seu conteúdo analisado por meio da análise de discurso. Resultados: as mulheres pescadoras têm baixa escolaridade e renda. Enfrentam condições de trabalho precárias em ambiente inóspito (manguezal). Relatam quedas, fraturas, ferimentos, afogamentos e sintomas de distúrbios musculoesqueléticos relacionados ao trabalho, porém não consideram que estejam expostas à riscos. Esses acidentes são vistos por elas como inerentes ao processo produtivo e os agravos à saúde não são percebidos como decorrentes do trabalho. Também não identificam ações de promoção de saúde dirigidas a elas. Conclusão: as situações relatadas e vivenciadas pelas trabalhadoras indicam que o serviço de saúde local ainda não atua a partir de uma visão de Saúde do Trabalhador. Há necessidade do Sistema Único de Saúde avançar na promoção da saúde, por meio de educação, vigilância e atenção em saúde com foco na prevenção de agravos relacionados à pesca artesanal.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to understand the artisanal fisherwomen’s perception about the risks and health problems related to their work, as well as to the health promotion actions aimed at their activity. Methods: action research conducted with seven fisherwomen/shellfish gatherers of the Pacoti River, in Eusébio, state of Ceará, Brazil. Participants were interviewed at their home in 2019. The interviews were recorded, transcribed, and their content examined using discourse analysis. Results: our findings indicated that fisherwomen have low education and income levels, besides facing precarious working conditions in an inhospitable environment (mangrove). Although reporting falls, fractures, injuries, drownings, and symptoms of work-related musculoskeletal disorders, they do not consider that they are exposed to risks. They see these accidents as inherent to the production process and do not perceive their health problems as resulting from the working conditions to which they are subjected. They also do not identify the existence of health promotion actions aimed at fisherwomen and shellfish gatherers. Conclusion: the situations experienced and reported by the workers indicate that the local health service is not committed to occupational health yet. Brazilian Unified Health System (SUS) must advance in health promotion through education, surveillance, and healthcare, aimed at preventing artisanal fishing work-related diseases.
  • Psychological distress and associated factors among correctional agents in Rio de Janeiro State, Brazil Artigo De Pesquisa

    Bezerra, Claudia de Magalhães; Assis, Simone Gonçalves de; Constantino, Patricia; Pires, Thiago Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivos: analisar o sofrimento psíquico de agentes penitenciários do estado do Rio de Janeiro e apontar os fatores a ele associados no âmbito social, destacando o ambiente de trabalho. Métodos: estudo quantitativo e qualitativo. As unidades prisionais foram selecionadas por meio da amostragem estratificada. Utilizou-se a escala de sofrimento psíquico Self-Reported Questionnaire (SRQ20) e uma escala de apoio social. Variáveis explicativas foram relacionadas tanto ao perfil profissional como aos fatores de âmbito social e do trabalho e foram utilizados modelos de regressão logística (stepwise). Resultados: participaram 217 homens e 100 mulheres, em nove unidades prisionais femininas e masculinas. A prevalência de sofrimento psíquico foi de 27,7%, sem diferenças segundo o gênero. Os sintomas mais frequentes foram: dormir mal (53,0%) e sentir-se nervoso, tenso ou agitado (52,0%). Entre os possíveis fatores que propiciam o sofrimento psíquico, estão: relacionamento interpessoal entre agentes e presos; ameaças constantes; superlotação; poucos profissionais e sobrecarga de trabalho. E entre os possíveis fatores protetores, estão: praticar alguma religião; ter apoio social; contar com a compreensão dos colegas; ter o reconhecimento de seu trabalho e relacionar-se bem com superiores. Conclusão: a superlotação e a insalubridade do ambiente trazem consequências negativas para a saúde mental dos trabalhadores; no entanto, formas de apoio social e valorização profissional podem protegê-los.

    Abstract in English:

    Abstract Objectives: to analyze the psychological suffering of prison agents in the state of Rio de Janeiro, Brazil, and to point out the social factors associated with it, especially in the work environment. Methods: this is a quantitative and qualitative study. Prison units were selected using stratified sampling. We used the Self-Reported Questionnaire (SRQ20) and a social support scale. Explanatory variables were related to both the professional profile as well as the social and work scope factors, and we employed logistic regression models (stepwise). Results: in total, 217 men and 100 women from nine female and male prison units participated. The prevalence of psychological distress was 27.7%, with no gender differences. The most frequent symptoms were sleeping poorly (53.0%) and feeling nervous, tense or agitated (52.0%). Among the possible factors that lead to psychological distress are interpersonal relationships between agents and prisoners; constant threats; overcrowded cells; few professionals and work overload. Among the possible protective factors are practicing a religion; having social support; relying on the co-workers’ understanding; being recognized for their work and having a good relationship with their superiors. Conclusion: overcrowding and unhealthy environment produce negative consequences on worker’s mental health. However, forms of social support and professional enhancement can protect them.
  • Sleep quality and associated factors among professors Artigo De Pesquisa

    Freitas, Aline Macedo Carvalho; Araújo, Tânia Maria de; Pinho, Paloma de Souza; Sousa, Camila Carvalho; Oliveira, Paula Caroline Santos; Souza, Fernanda de Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: a baixa qualidade do sono pode comprometer tanto a saúde como a qualidade de vida. Objetivo: estimar a prevalência e os fatores associados à qualidade do sono ruim entre docentes de educação superior de uma universidade pública na Bahia. Métodos: estudo exploratório, transversal, realizado de novembro de 2015 a abril de 2016 com 423 docentes aleatoriamente selecionados. A qualidade do sono foi mensurada pela escala Mini-Sleep Questionnaire (MSQ). Resultados: a prevalência de qualidade do sono ruim foi de 61,3%. As queixas mais frequentes foram: dificuldade de adormecer, acordar cansado, acordar com dor de cabeça e não ter tempo para dormir durante o dia. Apresentaram-se estatisticamente associadas com a qualidade do sono ruim: manter mais de um vínculo empregatício, tempo irregular e/ou insuficiente para a prática de atividades de lazer, seis horas ou menos de sono, queixas de dor musculoesquelética e de cabeça, e alta exigência psicológica com baixo controle sobre o trabalho. Conclusão: condições de trabalho que propiciam os fatores associados à elevada prevalência de qualidade do sono ruim entre docentes devem ser repensadas em prol da saúde desses trabalhadores e da importância do seu trabalho para a sociedade.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: poor sleep quality can compromise both health and quality of life. Objective: to estimate the prevalence and associated factors of poor sleep quality among professors of a public university in the state of Bahia, Brazil. Methods: exploratory, cross-sectional study, conducted from November 2015 to April 2016 with 423 professors randomly selected. Sleep quality was measured using the Mini-Sleep Questionnaire (MSQ) scale. Results: the poor sleep quality prevalence was 61.3%. The most frequent complaints were difficulty in falling asleep, waking up tired, waking up with a headache and not having time to sleep during the day. The following factors were statistically associated with poor sleep quality: maintaining more than one job, irregular and/or insufficient time to leisure activities, six or fewer sleep hours, complaints of musculoskeletal pain and headache, and high psychological demands with low control over work. Conclusion: the working conditions and the associated factors that provide high prevalence of poor sleep quality among professors should be rethought in favor of the workers’ health and the importance of these work for society.
  • Musculoskeletal symptoms in shellfish pickers Artigo De Pesquisa

    Silva, Rafaela Almeida da; Nery, Adriana Alves; Pena, Paulo Gilvane Lopes; Rios, Marcela Andrade; Paula, Rafael Pereira de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: estimar a prevalência de distúrbios musculoesqueléticos e de seus principais fatores de risco em catadoras de marisco em uma comunidade na Bahia. Métodos: estudo epidemiológico transversal descritivo, com dados coletados em 2017 e análise estatística descritiva. Resultados: foram entrevistadas 139 mulheres, com idade média de 44,3 anos: 66,9% casadas, 89,2% pardas/pretas, 93,5% com filhos, 57,6% com escolaridade até o fundamental incompleto, e com renda mensal média de R$ 234,00 (menos de US$ 60). Predominaram trabalhadoras que exerciam a ocupação por um período ≤30 anos (58,3%), com carga horária diária de até 6 horas (54,0%), sem pausa para almoçar (89,9%), que carregavam até 25 kg em um dia de trabalho (57,6%), por um período ≤60 minutos (73,5%), e que avaliaram as condições de trabalho como muito ruim/ruim (60,4%). Todas relataram dores musculoesqueléticas e as principais queixas foram na região das costas. Evidenciaram-se como fatores de risco: excesso de movimento, muito tempo de trabalho com sobrecarga nos membros superiores, falta de descanso e ritmo de trabalho acelerado. Conclusão: as catadoras de marisco estão expostas a fatores de risco que as predispõem a lesões por esforço repetitivo e doenças relacionadas ao trabalho, o que pode explicar a alta prevalência constatada.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to estimate the prevalence of musculoskeletal disorders and their main risk factors in shellfish pickers from a fishing community in the state of Bahia, Brazil. Methods: cross-sectional descriptive epidemiological study, with data collected in 2017 and a descriptive statistical analysis. Results: we interviewed 139 women, aged 44.3 on average: 66.9% were married, 89.2% had brown[parda]/black skin color, 93.5% had children, 57.6% did not conclude elementary school, and had an average monthly income of R$ 234.00 (less than US$ 60.00). They had been working for up to 30 years in this occupation (58.3%), with a daily working time of up to 6 hours (54.0%), without lunch break (89.9%), carrying up to 25kg during a working day (57.6%), for up to 60 minutes (73.5%). They rated their working conditions as very bad or bad (60.4%). All of them reported musculoskeletal pain, especially in the back region. The risk factors evidenced were: excessive movement, long working hours with overburden of the upper limbs, lack of rest and fast-paced work. Conclusion: shellfish pickers are exposed to risk factors that predispose them to repetitive strain injuries and work-related musculoskeletal disorders, which may explain the high prevalence observed.
  • Night shift work and blood pressure: focusing on exposure doses Artigo De Pesquisa

    Silva-Costa, Aline; Braz, Bruna Pereira; Griep, Rosane Härter; Rotenberg, Lúcia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: determinar se os níveis de exposição ao trabalho noturno (dose atual; dose acumulada) estão associados à hipertensão (HAS), pressão arterial sistólica (PAS) e pressão arterial diastólica (PAD). Métodos: estudo transversal realizado com 893 profissionais de enfermagem. Foram coletados dados sobre aspectos sociodemográficos, relacionados ao trabalho e a comportamentos de saúde. A pressão arterial foi aferida por meio de monitor digital. Resultados: após o ajuste pelas variáveis sociodemográficas, observou-se que trabalhar mais de 4 noites por quinzena foi associado ao aumento da PAS (4,0 mmHg; intervalo de confiança [IC 95%]: 1,01; 6,97) e PAD (2,3 mmHg; IC 95%: 0,24; 4,35). O trabalho em mais de 4 noites por quinzena foi associado à ocorrência de hipertensão (RC 1,57; IC 95%: 1,01; 2,43). Indivíduos que trabalharam à noite por mais de 9 anos apresentaram, em média, níveis de pressão arterial mais elevados (PAS de 3,7 mmHg [IC 95%: 1,49; 5,92] e PAD de 2,0 mmHg [IC 95%: 0,46; 3,52]), em comparação com aqueles que trabalharam à noite por 9 ou menos anos. Conclusão: esses resultados sugerem que os efeitos do trabalho noturno começam após uma certa dose de exposição, ou seja, após 9 anos de trabalho noturno ou quando exposto ao trabalho noturno por mais de 4 noites por quinzena.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to determine whether levels of night work exposure (current dose; accumulated dose) are associated with hypertension (HBP), systolic blood pressure (SBP) and diastolic blood pressure (DBP). Methods: cross-sectional study of 893 nursing personnel. We collected data on sociodemographic, work-related and health behaviour factors and measured blood pressure using a digital monitor. Results: after adjusting for sociodemographic variables, working >4 nights per fortnight was associated with increased SBP (4.0 mmHg; 95% CI: 1.01; 6.97) and DBP (2.3 mmHg; 95% CI: 0.24; 4.35). Working more than four nights per fortnight was associated to hypertension (OR 1.57; 95% CI 1.01; 2.43). Individuals who worked at night for >9 years displayed, on average, higher blood pressure levels (SBP of 3.7 mmHg [95% CI: 1.49; 5.92] and DBP of 2.0mmHg [95% CI: 0.46; 3.52]), compared to those who worked at night for ≤9 years. Conclusion: these findings suggest that effects of night work begin after a certain exposure dose, i.e, after 9 years of night work or when exposed to night work for more than 4 nights per fortnight.
  • Precarious work and occupational accidents: risks associated with outsourcing in the electric power sector Artigo De Pesquisa

    Lima, Maria Elizabeth Antunes; Oliveira, Rodrigo Castro

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: o trabalho terceirizado no setor elétrico tem peculiaridades que demandam consideração no que concerne à segurança dos trabalhadores. Objetivo: analisar os impactos da terceirização na precarização do trabalho e na segurança dos trabalhadores do setor de distribuição de energia elétrica. Métodos: estudo qualitativo, descritivo, realizado em três etapas: pesquisa documental, entrevistas em profundidade e análise de um caso de acidente fatal. Utilizou-se análise de conteúdo para exploração do material levantado, tratamento e interpretação dos dados. Resultados: identificou-se que fatores como jornada de trabalho extensa, baixos salários, más condições de trabalho, equipes reduzidas e falta de supervisão são importantes para caracterizar a precariedade que coloca em risco a integridade física e mental dos trabalhadores terceirizados. Também foi observado que, apesar da periculosidade desse tipo de atividade, não se pratica o direito reservado a todo assalariado de se recusar a fazer um trabalho que coloque a sua vida em risco. Conclusão: os resultados sugerem que a terceirização no setor elétrico representa aumento do risco de ocorrência de acidentes graves e aprofunda desigualdades em razão das diferenças entre o tratamento oferecido aos terceirizados e o reservado aos empregados da empresa primária.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: outsourced work in the electric power sector has peculiarities that demand consideration regarding worker’s safety. Objective: to analyze the outsourcing impacts on labor precariousness and workers’ safety in the electricity distribution industry. Methods: qualitative, descriptive study, carried out in three stages: documentary research, in-depth interviews and analysis of a fatal accident case. We used content analysis to explore the material collected, data treatment and interpretation. Results: we identified that long working hours, lower wages, poor working conditions, reduced teams and lack of supervision are important to characterize the precariousness that puts the physical and mental integrity of outsourced workers at risk. We also identified that, despite being a hazardous activity, the outsourced workers do not exercise the right guaranteed to all employees to refuse to do an activity that puts their life at risk. Conclusion: the results show that outsourcing in the electric power sector represents an increased risk of serious occupational accidents and deepens inequalities due to the differences between the treatment given to outsourced workers and the reserved for those directly employed by the company.
  • The way of thinking, feeling and acting of professionals who deal with pregnant women and mothers with babies in penal institutions Artigo De Pesquisa

    Pereira, Tatiane Guimarães; Reis, Alberto Olavo Advíncula; Zioni, Fabiola

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: a maternidade no contexto prisional assume especial complexidade devido aos efeitos psicossociais do aprisionamento, que repercutem nas mães prisioneiras e nos profissionais que atuam no meio. Objetivo: identificar formas de pensar, sentir e agir de profissionais que trabalham em contexto prisional com prisioneiras gestantes e com bebês. Métodos: pesquisa qualitativa, com uso de entrevistas com profissionais que atuavam em unidades prisionais materno-infantis do estado de São Paulo. A coleta dos dados ocorreu em 2015. Os discursos foram submetidos à análise de conteúdo com categorização temática. Utilizou-se Winnicott e Krech como referenciais teóricos. Resultados: a análise dos discursos revelou que os profissionais precisam lidar com as limitações institucionais e as vulnerabilidades sociais das presas. Nesse contexto, atuam com base em ideias fundamentadas nas áreas em que trabalham, como as esferas sociais, jurídicas e religiosas, e são movidos por ideais contraditórios, pautados pelos direitos humanos e pela rigidez prisional da segurança, próxima da lógica da punição. Reuniões multiprofissionais para reflexões críticas potencializam o enfrentamento das adversidades. Conclusão: o compartilhamento coletivo de impotências e de potencialidades parece possibilitar novas reconfigurações do trabalho e edificar uma atuação interdisciplinar para o enfrentamento dos efeitos institucionais e psicossociais do aprisionamento.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: the motherhood experience in prison involves a unique complexity due to psychosocial effects of imprisonment, which rebound in both the incarcerated mothers and professionals working in the prison system. Objective: to identify the ways of thinking, feeling, and acting of the professionals who deal with pregnant women and mothers with babies in prisons. Methods: qualitative research conducted in 2015 with data obtained by interviews with professionals who worked for prison units in the state of São Paulo. Data underwent thematic content analysis, based on Winnicott’s and Krech’s studies. Results: the analysis revealed that those professionals need to deal with institutional limitations and inmates’ social vulnerabilities. They relied on notions from their own working field, such as the social, legal, and religious spheres. Moreover, the professionals are driven by contradictory ideals grounded on human rights and on prison rigidity, which comes near to the punishment logic. Multidisciplinary meetings for critical reflections help overcoming these adversities. Conclusion: the collective sharing of helplessness and potentialities seems to enable new working reconfigurations and build an interdisciplinary action to face imprisonment institutional and psychosocial effects.
  • Mortality from occupational accidents in Brazil: temporal trend analysis, 2006-2015 Artigo De Pesquisa

    Menegon, Lizandra da Silva; Menegon, Fabrício Augusto; Kupek, Emil

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: analisar a tendência temporal da mortalidade por acidentes de trabalho (AT) no Brasil de 2006 a 2015 e investigar desigualdades segundo sexo, raça/cor da pele, faixa etária, escolaridade e macrorregiões. Métodos: estudo ecológico de tendência temporal, com dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Utilizaram-se regressões de Poisson. Resultados: as taxas anuais médias (TAM) de mortalidade por acidente de trabalho mantiveram-se relativamente estáveis no período (variação anual de até 5%), mas alguns grupos e regiões apresentaram tendência de aumento. Mulheres acima de 60 anos da região Centro-Oeste (TAM: 1,21-IC95%: 1,03-1,42) e os trabalhadores pardos de todas as regiões (TAM: 1,03 IC95%: 1,02-1,04) apresentaram aumento significativo na mortalidade. Em 2015, a mortalidade por AT na região Nordeste foi 88% maior entre os pardos (2,45/100 mil) do que entre os brancos (1,30/100 mil), e no Brasil, a mortalidade de trabalhadores com menos de oito anos de estudo foi 15 vezes superior à daqueles com 12 anos de estudo ou mais (4,74/100 mil vs. 0,31/100 mil). Conclusões: embora estável, a taxa de mortalidade por AT no Brasil é elevada, se comparada à dos países de alta renda. Alguns grupos populacionais (homens, pretos, pardos, índios, pessoas com baixa escolaridade) e regiões do país (Norte, Nordeste e Centro-Oeste) apresentam taxas ainda mais elevadas.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to analyze the temporal trend of mortality due to occupational accidents (OA) in Brazil from 2006 to 2015 and investigate inequalities related to gender, race/skin color, age group, education level, and macro-regions. Methods: ecological time series study conducted with data from the Mortality Information System (SIM) and the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE). Data were analyzed by Poisson regressions. Result: the average annual rate (AAR) for deaths due to OA remained relatively stable over the analyzed period (annual variation of up to 5%), but some groups and regions showed an upward trend. Mortality was significantly higher among women over 60 years old from the Midwest region (AAR: 1.21-95%CI: 1.03-1.42) and brown-skinned people from all regions (AAR: 1.03-95%CI: 1.02-1.04). In 2015, mortality from OA in the Northeast region was 88% higher among brown-skinned people (2.45/100,000) than among white people (1.30/100,000). In Brazil, mortality was 15 times higher among individuals with less than eight school years when compared to those with 12 school years or more (4.74/100,000 vs. 0.31/100,000). Conclusions: although stable, the mortality rate due to OA in Brazil is elevated when compared to high-income countries. These rates are even higher among some population groups (men, Blacks, brown-skinned, indigenous, and lower-educated people) and in certain regions of the country (North, Northeast, and Midwest).
  • Risk factors for hearing loss in naval military personnel: a review Artigo De Revisão

    Bernardo, Luciana Dias; Neves, Eduardo Borba

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: militares estão expostos ao ruído em grande parte de suas atividades profissionais. Objetivo: identificar os fatores de risco e descrever os danos à audição relacionados à exposição ao ruído em atividades militares navais. Métodos: revisão de literatura nas bases bibliográficas Scopus, Web of Science e SciELO. Buscou-se artigos originais publicados de 2007 a 2017. A qualidade metodológica dos estudos foi classificada segundo critérios da Cochrane Collaboration. Resultados: de 47 estudos encontrados, sete atenderam aos critérios de inclusão. Os artigos selecionados evidenciaram que as atividades militares apresentam riscos para a saúde auditiva do pessoal militar naval. Os estudos confirmaram que os casos de perda auditiva aumentam com o tempo de serviço em atividade militar e pós-atividades operativas, tanto de combate quanto a bordo de navios. A prevalência de perda auditiva aumenta junto à idade e ao tempo de exposição dos indivíduos e se apresenta de acordo com o tipo de ruído. É mais frequente entre homens brancos e atinge predominantemente as altas frequências da audição, sendo de tipo sensório-neural. Conclusão: a vulnerabilidade desse grupo reforça a necessidade de inserção de programa de conservação auditiva nas organizações militares a fim de monitorar e desenvolver ações preventivas voltadas a essa categoria profissional.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: military personnel are exposed to noise in most of their professional activities. Objective: to identify risk factors and describe hearing damage related to noise exposure in naval military activities. Methods: literature review in Scopus, Web of Science and SciELO bibliographic bases. We searched original articles published from 2007 to 2017. The studies were classified according to the methodological quality Cochrane Collaboration criteria. Results: out of 47 studies, seven met the inclusion criteria. The selected articles showed that the naval military personnel’s hearing health can be affected by military activities. The studies confirmed that hearing loss cases increase according to the length of time spent in military and post-operative activities, both in combat and on board of ships. The hearing loss prevalence increases with age and time of exposure, and is featured according to the type of noise. It is more frequent among white men and reaches predominantly the hearing high frequencies, being of sensorial-neural type. Conclusion: the vulnerability of this group reinforces the need for implementing hearing conservation programs within military organizations in order to monitor and develop preventive actions aimed at this professional category.
  • Occupational risks and interventions to promote safety for oncology nurses Artigo De Revisão

    Fernandes, Márcia Astrês; Rocha, Daniel de Macêdo; Ribeiro, Hellany Karolliny Pinho; Sousa, Carliane da Conceição Machado

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: analisar as evidências científicas relacionadas aos riscos ocupacionais e às intervenções que promovem segurança no trabalho para a equipe de enfermagem oncológica. Métodos: revisão de literatura realizada nas bases de dados MEDLINE, Web of Science, Scopus, LILACS, IBECS e BDENF. Resultados: a busca identificou 17 estudos primários, publicados em inglês, no período de 2008 a 2017. Dentre os fatores que configuram riscos ocupacionais, destacam-se: o déficit no conhecimento; a pouca disponibilidade de equipamentos de proteção individual para manuseio dos medicamentos antineoplásicos; o estresse; e a ansiedade. Quanto às intervenções que promovem a segurança, evidenciam-se: a manutenção do ambiente laboral favorável ao desempenho da assistência; a disponibilidade de insumos; o bom relacionamento interpessoal; a organização do trabalho; o dimensionamento profissional adequado; o conhecimento, a disponibilidade e o incentivo ao uso dos equipamentos de proteção; e a compreensão dos riscos ocupacionais aos quais os profissionais estão expostos. Conclusão: o estudo possibilitou a identificação de fatores associados à atividade laboral que comprometem a saúde da equipe de enfermagem oncológica, demonstrando a necessidade de intervenções voltadas para a melhoria das relações interprofissionais, a capacitação dos profissionais e o oferecimento de um ambiente de trabalho seguro e condições organizacionais que promovam a saúde dos trabalhadores.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to analyze scientific evidence on occupational risks and interventions aimed at promoting workplace safety for oncology nurses. Methods: literature review carried out in MEDLINE, Web of Science, Scopus, LILACS, IBECS, and BDENF databases. Results: the search returned 17 primary studies, published in English from 2008 to 2017. The most common factors identified as associated with occupational risks were knowledge deficit, insuficient personal protective equipment (PPE) available for handling anticancer drugs, stress, and anxiety. The interventions identified as promoting occupational safety were: keeping the work environment suitable for care performance; supplies availability; good interpersonal relationship; work organization; suitable professional dimensioning; availability, awareness and encouragement on the use of PPE; and the understanding of the occupational risks to which workers are exposed. Conclusion: the results enable the identification of work-related factors that endanger the oncology nursing teams’ health, evincing the need for interventions aimed at improving interprofessional relationships, qualifying professionals, and offering a safe working environment and organizational conditions that will promote workers’ health.
  • Working conditions in sugarcane crops in Brazil and their effects on workers’ health Artigo De Revisão

    Silva, Clécia Pereira da; Guedes, Clenio Azevedo; Gurgel, Aline do Monte; Costa, Polyana Felipe Ferreira da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: analisar as condições de trabalho na cultura de cana-de-açúcar no Brasil e as suas repercussões na saúde do trabalhador. Métodos: revisão de literatura realizada nas bases LILACS, PubMed/MEDLINE e SciELO. Foram incluídos estudos originais publicados em português, inglês e espanhol, de 1970 a 2018. Resultados: inicialmente foram identificados 622 estudos e, após a aplicação dos critérios de exclusão, 69 artigos foram selecionados para a revisão. A análise dos trabalhos evidenciou o sistemático descumprimento das normas trabalhistas, previdenciárias e de saúde. Os estudos constataram ausências de intervalos de descanso, jornadas excessivas de trabalho, deficiência na distribuição dos equipamentos de proteção individual (EPIs) e na oferta de treinamentos para o seu uso, precariedade da distribuição e orientação sobre uso de repositores hidroeletrolíticos, inadequadas condições dos alojamentos e da alimentação dos trabalhadores, pressões e conflitos existentes no ambiente de trabalho, vínculos de trabalho precários, baixos salários e pagamento por produção. Exaustão física e psíquica dos trabalhadores, afecções musculoesqueléticas e articulares, hipertermia e acidentes de trabalho são comuns. Conclusão: as condições de trabalho nas lavouras de cana-de-açúcar, aliadas às diferentes vulnerabilidades existentes nos territórios, levam ao adoecimento e à morte, demonstrando que frequentemente os interesses econômicos se sobrepõem aos cuidados com a saúde dos trabalhadores.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to analyze the working conditions in sugarcane crops in Brazil and their effects on workers’ health. Methods: it consists of a literature review conducted at LILACS, PubMed/MEDLINE, and SciELO databases. We searched original articles published from 1970 to 2018 in Portuguese, English, and Spanish. Results: from the 622 studies identified, 69 met the inclusion criteria and were selected for review. Their analysis indicate the systematic non-compliance with labor, social security, and health standards. The studies evinced lack of work breaks and excessive working hours; deficiency in the distribution of personal protective equipment (PPE) and in the offering of training for its use; precarious distribution and orientation on electrolyte replenisher use; inadequate housing and feeding conditions; pressures and conflicts in the work environment; precarious work relationships; low wages; and production-based pay. Physical and mental exhaustion, musculoskeletal and joint disorders, hyperthermia, and occupational injuries are common among these workers. Conclusion: the working conditions in sugarcane plantations, associated to different territories vulnerabilities, promote illnesses and death, indicating that economic interests often overlap with workers’ health.
  • Comprehensive worker’s health care: limitations, advances, and challenges Ensaio

    Silva, Fernanda França Velo da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: as políticas públicas e sociais em prol da atenção integral à saúde do trabalhador encontram-se enfraquecidas diante da nova configuração do mundo do trabalho e dos interesses econômicos prevalecentes. Objetivo: refletir sobre temas do campo da Saúde do Trabalhador (ST) que contribuem para a falta de efetividade das suas ações e para o prejuízo da sua atenção integral. Método: ensaio baseado em revisão documental e de literatura. Resultados: foram discutidos os avanços e os desafios para o alcance da atenção integral em ST nos temas: instituições e serviços responsáveis pela ST; Vigilância em Saúde do Trabalhador (VISAT); Sistemas de Informação em Saúde do Trabalhador (SIST) e sistema de proteção social; e formação de recursos humanos no campo da ST. Conclusão: a formulação de novas diretrizes e a implementação de medidas de intervenção são necessárias para o alcance da integralidade em ST, a universalidade dos SIST, uma ação articulada e integral de VISAT e a qualificação de profissionais por meio de uma aproximação teórico-prática.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: public and social policies aimed at a comprehensive worker’s health care have been weakened in face of the recently changes in the world of work and the prevailing economic interests. Objective: to reflect on themes that have contributed for worker’s health care actions becoming less effective and comprehensive. Method: essay based on a documentary research and literature review. Results: we discussed the following themes: institutions/services in charge of the occupational health care; Occupational Health Surveillance; social protection and occupational health information systems; human resources development for occupational health care. Conclusion: in order to reach worker’s health comprehensive care, the formulation of new programmatic guidelines and the implementation of intervention measures are necessary.
  • Barragem de Fundão and Mina do Córrego do Feijão dams rupture in Minas Gerais, Brazil: untended organizational decisions and unlearned lessons Ensaio

    Botelho, Marcos Ribeiro; Faria, Mario Parreiras de; Mayr, Carolina Tobias Retes; Oliveira, Leandro Magno Gomes de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: rompimentos de barragens de rejeitos de mineração provocaram, em 2015, o maior desastre socioambiental e, em 2019, o maior acidente de trabalho do Brasil, ocasionando, respectivamente, a morte de 19 e 270 trabalhadores e moradores das áreas atingidas. Objetivo: identificar e discutir fatores gerenciais, de operação e de manutenção que podem contribuir para acidentes de rompimento de barragens, assim como sugerir medidas de aprimoramento de sistemas de gestão de empresas mineradoras, de políticas públicas e de normas técnicas que tratem da segurança de barragens. Métodos: ensaio com base em pesquisa documental. Foram utilizados relatórios oficiais sobre os acidentes, publicações técnicas e científicas e legislação pertinente ao tema. Resultados: fatores gerenciais, de operação, de manutenção, de engenharia e do ambiente de trabalho contribuíram para os rompimentos das barragens de Fundão e da mina do Córrego do Feijão. Discutem-se decisões gerenciais que levaram aos dois eventos e são apontadas medidas que poderiam ter evitado os acidentes. Conclusão: evidenciou-se a relevância da autonomia de técnicos e gerências na tomada de decisões, além da necessidade de alterar as normas técnicas utilizadas por empresas e os critérios de licenciamento e controle estatal de atividades que implicam grande risco ambiental e social.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: the rupture of mine-tailing dams in Brazil accounted for the largest socio-environmental disaster in 2015, and for the major work-related accident in 2019, causing, respectively, the death of 19 and 270 workers and residents of the affected areas. Objective: this study aimed to identify and discuss management, operational, and maintenance factors that may lead to dam failure, as well as suggest measures to improve management systems of mining companies, public policies, and technical regulations related to dam safety. Methods: essay based on documentary research making use of the accidents official reports, technical and scientific publications, and relevant legislation. Result: factors related to management, operation, maintenance, engineering, and work environment contributed to the dams rupture of Barragem do Fundão and Mina do Córrego do Feijão. We discussed management decisions that led to both events, as well as measures that could have prevented them. Conclusion: the findings highlight the relevance of the technicians’ and managers’ autonomy in decision-making, besides indicating the need for changing technical standards maintained by companies, and state control, and licensing criteria for activities involving great environmental and social risk.
  • Injury with secondary infection and severe sequelae caused by a snook fish (Centropomus spp.) to a fisherman Relato De Caso

    Carvalho, Ingredy Eylanne Monroe; Silva, Guilherme Vidigal Fernandes da; Haddad Junior, Vidal; Wosnick, Natascha; Nunes, Jorge Luiz Silva

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: ferimentos causados por peixes são comuns entre pescadores e, se não forem adequadamente assistidos, podem levar a complicações significativas. Objetivo: reportar o caso de um pescador que se acidentou com um camurim/robalo (Centropomus spp.) e apresentou infecção secundária com sequelas graves. Métodos: as informações foram obtidas por meio de revisão de prontuários, entrevista com o paciente e registro fotográfico. Resultados: um pescador de 48 anos se acidentou, com a espícula da base da nadadeira do peixe, na falange do quinto quirodáctilo da mão esquerda, apresentando sinais flogísticos em todo o membro. O serviço de saúde não dispunha de condições para identificar o agente da infecção e diferentes antibióticos foram administrados. Sem resultados expressivos, a terapia antibiótica foi suspensa e foi adotado tratamento sintomático. Após 32 dias de hospitalização, o paciente teve alta. No entanto, dois meses após o acidente, a vítima desenvolveu abscesso do membro com limitação de movimentos dos quirodáctilos, necessitando de procedimento cirúrgico. Após o controle da infecção, apresentou sequelas como atrofia muscular, perda parcial de movimento, redução da capacidade motora, sensibilidade local e aparência da mão em garra. Conclusão: lesões causadas por peixes em pescadores podem resultar em consequências graves e irreversíveis e mais atenção deve ser dada ao tema.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: fish injuries are common among fishers and, if not properly assisted, can lead to major complications. Objective: to report the case of a fisherman who had an accident with a snook fish (Centropomus spp.) and presented secondary infection with severe sequelae. Methods: the information was obtained by reviewing medical records, interviewing the patient, and photographic record. Results: a 48-year-old fisherman was injured by the spike on the base of the fish fin. It affected the phalanx of his left hand fifth finger, showing signs of inflammation throughout the limb. The health service was unable to identify the infectious agent and prescribed several antibiotics. Without substancial results, the doctors discontinued the antibiotic therapy and adopted a symptomatic treatment. After 32 days in hospital, the patient was discharged. However, two months after the accident, he presented an abscess in the limb, which limited the fingers movement and required a surgical procedure. After the infection was controlled, he presented some sequelae such as muscle atrophy, partial loss of movement, reduced motor capacity, local sensitivity, and clawed-shaped hand. Conclusion: injuries caused by fish can result in serious and irreversible consequences, and more attention should be paid to the subject-matter.
  • Dust Inside - fighting and living with asbestos-related disasters in Brazil: a book review Resenha

    Lorenzi, Ricardo Luiz
  • Health workers and COVID-19: flailing working conditions? Artigo De Pesquisa / Dossiê Covid-19 E Saúde Do Trabalhador

    Vedovato, Tatiana Giovanelli; Andrade, Cristiane Batista; Santos, Daniela Lacerda; Bitencourt, Silvana Maria; Almeida, Lidiane Peixoto de; Sampaio, Jéssyca Félix da Silva

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivos: analisar as condições de trabalho dos profissionais de saúde que atuam na pandemia de COVID-19, no Brasil, com base em reportagens publicadas na internet por veículos de comunicação jornalística. Métodos: análise qualitativa de 22 reportagens selecionadas de dois dos principais portais de notícias brasileiros, publicadas entre 20 e 30 de abril de 2020. Por meio da análise temática de conteúdo, foram definidas cinco categorias: Equipamento de Proteção Individual (EPI); profissionais de saúde com comorbidade na linha de frente; adoecimento e morte pelo trabalho; acesso ao tratamento e afastamento do trabalho; desistência do trabalho e atualização profissional. Resultados: as reportagens evidenciaram condições de trabalho inadequadas por ausência e/ou precariedade dos EPI; continuidade do trabalho de profissionais de saúde com comorbidades; adoecimento e mortes pela COVID-19; tensão e medo de serem infectados(as) e de lidar com o adoecimento e morte de colegas; dificuldades no acesso aos testes de COVID-19 e para afastamento do trabalho para tratamento; desistências de trabalhar na atividade; necessidade de atualização rápida para o cuidado em saúde na COVID-19. Conclusão: o cenário pandêmico deixa evidente a necessidade primordial de investimento público no cuidado daqueles(as) que estão à frente dos atendimentos à população.

    Abstract in English:

    Abstract Objectives: to analyze the working conditions of health professionals facing the COVID-19 pandemic in Brazil based on online media reports published in prominent news portals. Methods: qualitative analysis of 22 news stories selected from two of the main Brazilian news portals, published between April 20 and 30, 2020. Based on thematic content analysis, we defined five categories: Personal Protective Equipment (PPE) and COVID-19; health workers with comorbidities working on the front line; illness and death due to work; access to treatment and work leave due to COVID-19; resigning from work and professional updating. Results: the news stories reported inadequate working conditions due to lack of and/or inadequate PPE; health care workers with comorbidities remaining at work; sickness and death from COVID-19; strain and fear of being infected, and having to deal with co-workers’ sickness and death; difficulties in getting tested for COVID-19 and obtaining sick leave for treatment; resigning from health care work; need for fast professional updating for COVID-19 health care. Conclusion: the pandemic clearly evidences the need for public investment in health care for workers in charge of caring for the population.
  • Vulnerability and essential activities in the COVID-19 context: reflections on the domestic workers category Artigo De Pesquisa/dossiê Covid-19 E Saúde Do Trabalhador

    Pizzinga, Vivian Heringer

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: na pandemia de COVID-19 as questões sociais fundem-se às questões sanitárias, ocasionando desafios ao mundo do trabalho. Objetivo: analisar o contexto da atividade das trabalhadoras domésticas na pandemia de COVID-19 em relação às vulnerabilidades da categoria e diante da definição das atividades essenciais por decretos federais. Métodos: a análise baseou-se em quatro decretos federais publicados no primeiro semestre de 2020, que definiram as atividades essenciais na pandemia, e em relatórios técnicos produzidos pela Rede CoVida e Rede de Pesquisa Solidária, selecionados a partir de temáticas voltadas à Saúde do Trabalhador, aos aspectos sociais da pandemia no Brasil e ao trabalho doméstico. Resultados: a análise evidenciou que adoecimentos e mortes por COVID-19 não se distribuem de modo uniforme pela população devido às desigualdades socioeconômicas, raciais e de gênero do país. Também foram discutidos os aspectos positivos e negativos da não inclusão do trabalho doméstico como atividade essencial. Conclusão: a discriminação das variáveis ocupação, cor/raça, sexo/gênero pode ajudar a compreender os aspectos sociais da pandemia e permitir que se tracem políticas públicas no intuito de minimizar seus danos, incluindo a definição de atividades essenciais e de um auxílio financeiro que permita aos trabalhadores efetuar o distanciamento social.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: in the COVID-19 pandemic, social issues merge with health issues, posing challenges to the labor market. Objective: to analyze the context of the domestic workers activity in the COVID-19 pandemic regarding the vulnerabilities of the category and the definition of essential activities by federal decrees. Methods: the analysis was based on four federal decrees published in the first half of 2020, which defined the essential activities in the pandemic, and on technical reports produced by Rede CoVida and Rede de Pesquisa Solidária, selected from themes related to occupational health, social aspects of the pandemic in Brazil and domestic work. Results: the analysis showed that illnesses and deaths related to COVID-19 are not evenly distributed among the population due to the country’s socioeconomic, racial and gender inequalities. The positive and negative aspects of not including domestic work as an essential activity were also discussed. Conclusion: the discrimination of the variables occupation, skin color/race, sex/gender can help understand the social aspects of the pandemic and enable the design of public policies to minimize its harm, including the definition of essential activities and of financial aid that allows workers to comply with social distancing measures.
  • COVID-19: a study of personal protection protocols for health workers Research Article/dossier Covid-19 And Worker’s Health

    Assunção, Ada Ávila; Simões, Mariana Roberta Lopes; Maia, Emanuella Gomes; Alcantara, Marcus Alessandro; Jardim, Renata

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: realizar comparação interpaíses e entre estados brasileiros quanto ao conteúdo dos protocolos de proteção para profissionais de saúde que atuam na assistência aos doentes da COVID-19 e desenvolver análise crítica ao modelo de prevenção que adota indicação e uso de equipamentos de proteção individual (EPI) como resposta única a um problema de caráter multidimensional. Métodos: estudo exploratório com base em revisões disponíveis na biblioteca Cochrane, articuladas com a análise dos protocolos nacionais de Argentina, Brasil, China e Estados Unidos da América e as normas previstas nos estados do Amazonas, Bahia, Minas Gerais e São Paulo, todos selecionados por critérios de conveniência. Resultados: observou-se dissensos quanto aos tipos de proteção recomendados. Somente na China eram indicados respiradores de alta eficiência de filtragem, além de modelos para o rosto inteiro nos casos de procedimentos invasivos. O reuso de equipamentos não é indicado, mas estava autorizado no protocolo brasileiro. Quanto aos dispositivos de vestuário, também não há convergência. Conclusão: os resultados reforçam a necessidade de revisão dos protocolos de proteção dos profissionais da saúde que atuam no enfrentamento da Covid-19. Ações em busca de debate institucional, interpaíses e interestaduais sobre modelos de prevenção são essenciais para alcançar consistência nas recomendações.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to make a comparison between countries and between Brazilian states regarding the contents of protection protocols for COVID-19 healthcare workers and to undertake a critical analysis of the prevention model that adopts the recommendation and use of personal protective equipment (PPE) as the only response to a multidimensional problem. Methods: exploratory study based on revisions available at the Cochrane Library, articulated with the analysis of the national protocols of Argentina, Brazil, China, and the United States of America and those of the states of Amazonas, Bahia, Minas Gerais, and São Paulo, all selected by convenience criteria. Results: there were differences between the recommended types of protection. Only China recommended high filtration efficiency respirators as well equipment covering the whole face for invasive procedures. Reusing the equipment is not recommended, but it was authorized in the Brazilian protocol. There was also no convergency about clothing devices. Conclusion: the results reinforce the need for revision of the protocols for the protection of health workers dealing with the COVID-19. Actions to promote institutional, inter-country and interstate debate on prevention models are essential for achieving consistency in the recommendations.
  • Primary Health Care workers’ protection: analysis of contingency plans adopted in Brazilian state capitals in pandemic times Artigo De Pesquisa/dossiê Covid-19 E Saúde Do Trabalhador

    Rogério, Wesley Pereira; Araújo, Mariana Pereira da Silva; Souza, Fernanda Mattos de; Lima, Otávio Caliari; Maciel, Ethel Leonor Noia; Prado, Thiago Nascimento do

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: analisar como a proteção da saúde dos trabalhadores da Atenção Básica à Saúde (ABS) é abordada nos planos de contingência das capitais brasileiras e do Distrito Federal (DF) para o enfrentamento da pandemia de COVID-19. Métodos: estudo descritivo, de base documental, com caráter analítico-reflexivo, que tomou como objeto de análise as publicações oficiais das secretarias municipais de saúde das capitais brasileiras e do DF produzidas para o enfrentamento da pandemia. A coleta de dados ocorreu entre junho e julho de 2020. Os dados foram categorizados segundo medidas administrativas, ambientais e individuais de controle. Resultados: todas as capitais apresentaram plano de contingência, exceto São Luís, no Maranhão, região Nordeste do país. A descrição das medidas de proteção respiratória ou individual estava presente em todos os planos de contingência avaliados, diferentemente do observado para as medidas administrativas e ambientais. Conclusão: os planos de contingência apresentam limitações na prevenção e proteção da saúde dos profissionais que atuam na ABS. A heterogeneidade de ações revela a complexidade do processo de enfrentamento da pandemia no Brasil diante de desigualdades regionais e fragilidades na gestão do sistema de saúde.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to analyze how COVID-19 contingency plans adopted in Brazilian state capitals and in the Federal District approach the health protection of Primary Health Care (PHC) workers. Methods: this is a descriptive, documentary-based study, with an analytical-reflective character, conducted with data collected between June and July 2020 from official publications issued by the Municipal Health Departments of the Brazilian state capitals, and by the federal government, aiming at coping with the pandemic. We categorized data according to administrative, environmental, and individual control measures. Result: all capitals presented contingency plans, except for São Luís, located in Maranhão State, Northeast region of the country. All evaluated contingency plans described respiratory or individual protection measures, unlike that observed for environmental and administrative control measures. Conclusion: the contingency plans to cope with COVID-19 are limited concerning the PHC workers’ health prevention and protection. The actions heterogeneity reveals the complexity of the process of coping with the pandemic in Brazil, especially in face of the regional inequalities and weaknesses in the healthcare management.
  • Work has moved home: remote work in the context of the COVID-19 pandemic Ensaio / Dossiê Covid-19 E Saúde Do Trabalhador

    Araújo, Tânia Maria de; Lua, Iracema

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: discutir os elementos vivenciados pelos(as) trabalhadores(as) com a ampla implementação de atividades laborais remotas, realizadas em casa, com auxílio das tecnologias de informação-comunicação, no contexto da pandemia de COVID-19. Métodos: com base em dados oficiais e revisão de literatura, discutem-se características do trabalho remoto (TR) e suas potenciais repercussões, enfatizando-se questões de gênero. Resultados: medidas de controle e prevenção contra a COVID-19, sobretudo o distanciamento social, mudaram o cotidiano social e familiar. Uma parcela de trabalhadores(as) manteve suas atividades laborais em casa. O TR foi imposto sem as condições estruturais e de treinamento necessárias e intensificou os efeitos do trabalho sem limites temporais definidos. Em casa, novas demandas surgiram (acompanhamento escolar e aumento de demandas por higienização e limpeza). Discussão: com a perda de fronteiras, o mundo privado torna-se público, a casa é incorporada ao mundo do trabalho. Novas questões emergem. Quais demandas surgem nesse novo arranjo produtivo-reprodutivo? Quais alterações se produzem nas atividades domésticas e de cuidados da família? Essas questões tendem a perdurar, mesmo passada a situação crítica da pandemia. Parte desse modo de operar os processos de trabalho permanecerá, e a vida em sociedade será modulada por essas transformações. Esses desafios deverão mobilizar atenção e intervenção.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to discuss the workers’ experiences with the wide implementation of remote work activities, carried out at home, using information-communication technologies, in the context of the COVID-19 pandemic. Methods: based on official data and literature review, we discussed the characteristics of remote work (RW) and its potential repercussions, emphasizing gender issues. Results: control and prevention measures against COVID-19, especially social distance, changed social and family life. Part of the workers kept engaged in their work activities at home. RW was imposed even without the necessary structure and training conditions, intensifying the effects of the working hours without defined limits. At home, new demands were put forward (educational support for children and increased housework). Discussion: by losing its borders, the private world becomes public; the household is incorporated into the world of work. New questions emerge. What demands rise from this new productive-reproductive arrangement? What changes take place in household and family care activities? These issues tend to persist, even after the critical situation of the pandemic. Part of this way of operating work processes will remain and life in society will be shaped by these changes. These challenges should demand attention and interventions.
  • The future of work after the COVID-19, the uncertain role of teleworking at home Ensaio/dossiê Covid-19 E Saúde Do Trabalhador

    Benavides, Fernando G.; Amable, Marcelo; Cornelio, Cecilia; Vives, Alejandra; Milián, Lino Carmenate; Barraza, Douglas; Bernal, Dinora; Silva-Peñaherrera, Michael; Delclos, Jordi

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: o teletrabalho no domicílio, uma das medidas adotadas para controlar a pandemia de COVID-19 e, ao mesmo tempo, manter o emprego, tem aumentado em vários países. Objetivo: refletir sobre o significado, a magnitude e as tendências do teletrabalho no domicílio, antes e durante a pandemia, enfatizando seus potenciais efeitos na saúde do trabalhador. Discussão: a precedente Convenção 177/1996 da Organização Internacional do Trabalho (OIT) sobre trabalho a domicílio e o acordo sobre teletrabalho entre agentes sociais na União Europeia, em 2002, apontam a dificuldade de regulamentar essa nova forma de organização do trabalho e da prevenção de possíveis lesões e doenças associadas, especialmente transtornos mentais e distúrbios musculoesqueléticos. São necessários estudos sobre os efeitos na saude dessa modalidade de trabalho para fornecer evidências científicas que embasarão normas em nível nacional e global. A inclusão de questões específicas e bem definidas, como as que a OIT propõe, em futuros levantamentos sobre as condições de trabalho, emprego e saúde poderá auxiliar tal objetivo e proporcionar uma oportunidade para observar os efeitos do teletrabalho no domicílio na saúde do trabalhador, bem como avaliar o impacto de uma necessária e urgente regulamentação.

    Abstract in Spanish:

    Resumen Introducción: el teletrabajo en el domicilio, una de las medidas adoptadas para controlar la pandemia de COVID-19, y al mismo tiempo mantener el empleo, se ha incrementado en diversos países. Objetivos: reflexionar sobre el significado, la magnitud y las tendencias del teletrabajo en el domicilio, antes y durante la pandemia, focalizando en sus potenciales efectos sobre la salud de los trabajadores. Discusión: el antecedente del Convenio 177/1996 de la Organización Internacional del Trabajo (OIT) sobre trabajo a domicilio, y el acuerdo sobre teletrabajo entre agentes sociales en la Unión Europea de 2002, muestran la dificultad de regular esta nueva forma de organización del trabajo, y de la prevención de las posibles lesiones y enfermedades asociadas, especialmente los trastornos mentales y musculoesqueléticos. La investigación de sus efectos sobre la salud es una prioridad para fundamentar en evidencias científicas su regulación a nivel nacional y global. La incorporación de preguntas específicas, bien definidas, como las que propone la OIT, en cuestionarios de futuras encuestas sobre condiciones de trabajo, empleo y salud podrán ayudar en este objetivo y propiciar una oportunidad para monitorizar los efectos del teletrabajo en el domicilio sobre la salud, así como evaluar el impacto de su necesaria y urgente regulación.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: teleworking at home, one of the mitigation measures adopted to control the COVID-19 pandemic, while attempting to maintain employment, has increased in many countries. Objective: to reflect on the meaning, magnitude and trends of teleworking at home, before and during the pandemic, focusing on its potential effects on the health of workers. Discussion: the precedent of Convention 177/1996 of the International Labour Organization (ILO) on home work, and the agreement on teleworking between social agents in the European Union of 2002, underscore the difficulties of regulating this new form of work organization, and the prevention of possible injuries and associated diseases, especially mental and musculoskeletal disorders. The investigation of its effects on health is a priority to base its regulation at the national and global level on scientific evidence. The incorporation of specific, well-defined questions, such as those proposed by the ILO, in questionnaires of future surveys on working conditions, employment and health may help in this objective and provide an opportunity to monitor the effects on health of teleworking at home, as well as evaluating the impact of its necessary and urgent regulation.
  • Coping strategies for COVID-19 in prisons: a report on experience Relato De Experiência/dossiê Covid-19 E Saúde Do Trabalhador

    Benetti, Sabrina Azevedo Wagner; Bugs, Darlen Grasieli; Pretto, Carolina Renz; Andolhe, Rafaela; Ammar, Maclovia; Stumm, Eniva Miladi Fernandes; Goi, Cíntia Beatriz

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: relatar a experiência da implantação de medidas preventivas à COVID-19 em uma unidade do sistema prisional. Método: relato de experiência construído a partir da vivência de uma equipe de saúde de uma unidade prisional e de documentos institucionais, no período de março a junho de 2020. Resultados: com o intuito de evitar ou reduzir a ocorrência de infecção e de surtos graves da COVID-19 na penitenciária, foram implantadas medidas preventivas de amplo espectro: procedimentos para triagem e fluxos de atendimento para os presos ingressantes e para os detentos da unidade que apresentam sintomas; normas, orientações de prevenção e recomendações de conduta para visitas e outras pessoas autorizadas a entrar na unidade prisional; atenção ao servidor com sintomas; organização de ciclos informativos direcionados aos servidores; uso de canais de comunicação com representantes de galeria das pessoas privadas de liberdade; implantação de medidas sanitárias gerais na unidade prisional; sensibilização de presos para vacinação contra a influenza. Discussão: considerando as condições precárias que favorecem a disseminação da COVID-19 em unidades prisionais, a experiência mostrou a importância da implantação de medidas preventivas para evitar a contaminação e transmissão da doença nesse ambiente, e da implementação de ações educativas e normativas voltadas para esse segmento da população.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: to report the experience of implementing preventive measures against COVID-19 in a prison unit. Method: report on experience based on institutional documents and on a prison health team’s experience carried out from March to June 2020. Results: a broad spectrum of preventive measures were implemented for preventing and reducing the occurrence of infection and serious COVID-19 outbreaks in the penitentiary: screening procedures and care flows for new inmates who arrive and for those already in the unit who had symptoms; rules, prevention guidelines and conduct recommendations for visitors and other persons who were authorized to enter the prison unit; attention to the prison workers who had symptoms; organization of information cycles aimed at the workers; use of communication channels with prisoners’ representatives; implementation of general sanitary measures in the prison unit; convincing inmates to be vaccinated against influenza. Discussion: considering the precarious conditions that favor COVID-19 dissemination in prisons, the experience attested the importance of implementing both measures to prevent contamination and transmission of COVID-19 in prisons, as well as educational and normative actions aimed at this segment of the population.
  • Errata Errata

Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Rua Capote Valente, 710 , 05409 002 São Paulo/SP Brasil, Tel: (55 11) 3066-6076 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: rbso@fundacentro.gov.br
Accessibility / Report Error