Desempenho produtivo e parâmetros fisiológicos de juvenis de pacu criados em tanques-rede em diferentes densidades de estocagem

Performance and physiological parameters of juvenile pacu reared in cages at different stocking densities

Elayna Cristina da Silva Maciel Kênia Cristine de Oliveira Feitosa Calixto Ramos Corrêa Neto Fernando Franceschini Macedo Wagner Ormond Mattioli Eduardo Gianini Abimorad Janessa Sampaio de Abreu Sobre os autores

Resumos

Objetivou-se investigar a influência da densidade de estocagem no desempenho zootécnico e parâmetros fisiológicos de juvenis de pacu (Piaractus mesopotamicus) criados em tanques-rede. Um total de 630 pacus (56,81 ± 7,76g) foi distribuído aleatoriamente em nove tanques-rede (1m³). O delineamento foi inteiramente casualizado, com três densidades (30; 70 e 110 peixes/m³) e três repetições. O experimento durou 90 dias com biometrias realizadas a cada 30, para mensuração do peso, comprimento total, taxa de crescimento específico e cálculo do fator de condição. Ao final dos 90 dias, os peixes foram submetidos à coleta de sangue para avaliação de glicemia, hematócrito, hemoglobina, proteína plasmática total e cloreto e foram retirados dos tanques-rede para a avaliação dos parâmetros de produtividade. Os resultados foram analisados por análise de regressão. Aos 30; 60 e 90 dias de criação, foi verificada efeito linear negativo para peso e comprimento, os quais diminuíram com o aumento das densidades de estocagem. Ao final dos 90 dias de criação, o ganho de peso diminuiu com o aumento das densidades e o inverso foi observado no ganho de biomassa. Não foi verificada diferenças para conversão alimentar aparente e taxa de sobrevivência. Somente concentração de hemoglobina, valor de hematócrito e níveis de proteína plasmática total se apresentaram com correlação linear positiva e houve aumento das densidades testadas. Apesar da disponibilidade restrita de espaço encontrada na maior densidade de estocagem ter exercido efeito adverso no crescimento dos pacus, esta foi considerada a mais adequada.

estresse; glicemia; peixe tropical; Piaractus mesopotamicus; produtividade


This study investigated the influence of stocking density on the performance and physiological parameters of juvenile pacu (Piaractus mesopotamicus) reared in net cages. A total of 630 pacus (56.81 ± 7.76g) was randomly distributed into nine net cages (1m³), located in pond without water renovation. The experimental design was completely randomized with three densities (30; 70 and 110 fish/m³) and three replicates. The experiment was conducted over 90 days, with biometric measurements carried out every 30 days. At the end of the experiment, blood samples were collected from the fish to evaluate blood glucose, hematocrit, hemoglobin concentration, total plasma protein and chloride and then they were removed from the net cages to evaluate the productivity parameters. The results were analyzed by regression analysis. At 30; 60 and 90 days, there was a linear effect for weight and length, which decreased with increasing stocking densities. At the end of 90 days, the weight gain decreased with increasing densities and the reverse was observed in biomass gain. There was no differences in feed conversion ratio and survival rate. Only hemoglobin concentration, hematocrit value and plasma total protein levels were presented with positive linear correlation and increased with increasing densities. In spite of limited space available in the highest density, there was no adverse effect on the growth of pacu raised in cages for 90 days and it was considered the most adequate since it was not limiting productivity by providing a state of comfort for fish, resulting in better production.

blood glucose; freshwater fish; Piaractus mesopotamicus; production; stress


  • ABREU, J.S.; TAKAHASHI, L.S.; HOSHIBA, M.A.; URBINATI, E.C. Biological indicators of stress in pacu (Piaractus mesopotamicus) after capture. Brazilian Journal of Biology, v.69, n.2, p.415-421, 2009.
  • BALDWIN, L. The effects of stocking density on fish welfare. The Plymouth Student Scientist, v.4, n.1, p.372-383, 2010.
  • BARCELLOS, L.J.G.; KREUTZ, L.C.; QUEVEDO, R.M.; FIOREZE, I.; CERICATO, L.; SOSO, A.B.; FAGUNDES, M.; CONRAD, J.; BALDISSERA, R.K.; BRUSCHI, A.; RITTER, F. Nursery rearing of jundiá Rhamdia quelen (Quoy & Gaimard) in cages: cage type, stocking density and stress response to confinement. Aquaculture, v.232, p.383-394, 2004.
  • BARROS, A.F; MARTINS, M.I.E.G.; ABREU, J.S.; AMARAL, C.M.C. Investimento com implantação e custo de produção em piscicultura no Estado de Mato Grosso Cáceres: UNEMAT, 2010. 87p.
  • BITTENCOURT, F.; FEIDEN, A.; SIGNOR, A.A.; BOSCOLO, W.R.; LORENZ, E.K; MALUF, M.L.F. Densidade de estocagem e parâmetros eritrocitários de pacus criados em tanques-rede. Revista Brasileira de Zootecnia, v.39, n.11, p.2323-2329, 2010.
  • BRANDÃO, F.R.; GOMES, L.C.; CHAGAS, E.C.; ARAÚJO, L.D. Densidade de estocagem de juvenis de tambaqui durante a recria em tanques-rede. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.39, n.4, p.357-362, 2004.
  • BRANDÃO, F.R.; GOMES, L.C.; CHAGAS, E.C.; ARAÚJO, L.D.; SILVA, A.L.F. Densidade de estocagem de matrinxã (Brycon amazonicus) na recria em tanque-rede. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.40, n.3, p.299-303, 2005.
  • BRANDÃO, F.R; GOMES, L.C.; CHAGAS, E.C. Respostas de estresses em pirarucu (Arapaima gigas) durante práticas de rotina em pisciculturas. Acta Amazônica, v.36, n.3 p.349-356, 2006.
  • BRASIL. Ministério da Pesca e Aquicultura. Produção Pesqueira e Aquícola- estatística 2010. Disponível em: <http://www.mpa.gov.br>. Acesso em: 16 jul. 2011.
  • BRAUN, N.; LIMA, L.R.; BALDISSEROTTO, B. Growth, biochemical and physiological responses of Salminus brasiliensis with different stocking densities and handling. Aquaculture, v.301, p.22-30, 2009.
  • CARNEIRO, P.C.F.; CYRINO, J.E.P.; CASTAGNOLLI, N. Produção de tilápia vermelha da Flórida em tanques-rede. Scientia Agricola, v.56, n.3, p.673-679, 1999.
  • CAVERO, B.A.A.; PEREIRA-FILHO, M.; ROUBACH, R.; ITUASSÚ, D.R.; GANDRA, A.L.; CRESCÊNCIO, R. Efeito da densidade de estocagem sobre a eficiência alimentar de juvenis de Pirarucu (Arapaima gigas) em ambiente confinado. Acta Amazonica, v.33, n.4, p.631-636, 2003.
  • EMERSON, K.; RUSSO, R.C.; LUND, R.E.; THURSTON, R.V. Aqueous ammonia equilibrium calculations: effects of pH and temperature. Journal of the Fisheries Research Board of Canada, v.32, p.2379-2383, 1975.
  • GOMES, L.C.; BALDISSEROTTO, B.; SENHORINI, J.A. Effect of stocking density on water quality, survival, and growth of larvae of matrinxã, Brycon cephalus (Characidae), in ponds. Aquaculture, v.183, p.73-81, 2000.
  • JIWYAN, W. The effect of stocking density on yield, growth and survival of Asian river catfish (Pangasius bocourti Sauvage, 1880). Aquaculture International, 2011. Disponível em: <http://www.springerlink.com/content/k53lq58584654438/fulltext.htmi>. Acesso em: 23 ago.2011.
  • KUBITZA, F.; LOVSHIN, L.; ONO, A.E.; SAMPAIO, V.A. Planejamento da Produção de peixes 4.ed. Jundiaí: F. Kubitza, 2004. 58p.
  • MARQUES, R.N.; HAYASHI, C.; FURUYA, M.W. Influência da densidade de estocagem no cultivo de alevinos de matrinxã Brycon cephalus (Günther,1869) em condições experimentais. Biological Sciences, v.26, n.1, p.55-59, 2004.
  • OSTINI, S.; OLIVEIRA, I.R.; SERRALHEIRO, P.C.S.; SANCHES, E.G. Criação do robalo-peva (Centropomus parallelus) submetido a diferentes densidades de estocagem. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal [Online], v.8, n.3, p.250-257, 2007.
  • PROENÇA, C.E.M; BITTENCOURT, P.R.L. Manual de piscicultura tropical Brasília: IBAMA, 1994. 196p.
  • PROCARIONE, L.S.; BARRY, T.P.; MALISON, J.A. Effects of high rearing density and loading rates on the growth and stress responses of juvenile rainbow trout. North American Journal of Aquaculture, v.61, p.91-96, 1999.
  • ROTTA, M.A.; QUEIROZ, J.F. Boas práticas de manejo (BPMs) para a produção de peixes em tanques-rede. Corumbá: EMBRAPA Pantanal, 2003. 27p.
  • SCHMITTOU, H.R. Produção de peixes em alta densidade em tanques-rede de pequeno volume Campinas: Silvio Romero Coelho/Mogiana Alimentos S.A./ASA, 1997. 78f.
  • SOUZA-FILHO, J.J.; CERQUEIRA, V.R. Influência da densidade de estocagem no cultivo de juvenis de robalo-flecha mantidos em laboratório. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.38, n.11, p.1317-1322, 2003.
  • TAKAHASHI, L.S.; ABREU, J.S.; BILLER., J.D.; URBINATI, E.C. Efeito do ambiente pós-transporte na recuperação dos indicadores de estresse de pacus juvenis (Piaractus mesopotamicus) Acta Scientiarum. Animal Sciences, v.28, n.4, p.469-475, 2006.
  • TURRA, E.M; QUEIROZ, B.M; TEIXEIRA, E.A; FARIA, P.M.C.; CREPALDI, D.V.; RIBEIRO, L.P. Densidade de estocagem do surubim Pseudoplatystoma spp cultivado em tanque-rede. Revista Brasileira de Produção Animal, v.10, n.1, p.177-187, 2009.
  • UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - UFV. SAEG. Sistema para análise estatística e genética Viçosa, 1982. 59p.
  • URBINATI, E.C.; GONCALVES, F.D.; TAKAHASHI, L.S. Pacu (Piaractus mesopotamicus). In: BALSISSEROTO, B.; GOMES, L.C. Espécies nativas para piscicultura no Brasil 2.ed. Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria, 2010. p.205- 244.
  • VILELA, C.; HAYASHI, C. Desenvolvimento de juvenis de lambari Astyanax bimaculatus (Linnaeus, 1758), sob diferentes densidades de estocagem em tanques-rede. Acta Scientiarum, v.23, n.2, p.491-496, 2001.
  • WEDEMEYER, G.A. Physiology of fish in intensive culture systems London: Chapman & Hall, 1996. p.10-59.
  • WENDELAAR BONGA, S.E. The stress response in fish. Physiological Reviews, v.77, n.3, p.591-625, 1997.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    24 Maio 2013
  • Data do Fascículo
    Mar 2013

Histórico

  • Recebido
    13 Dez 2011
  • Aceito
    17 Dez 2012
UFBA - Universidade Federal da Bahia Avenida Adhemar de Barros nº 500 - Ondina , CEP 41170-110 Salvador-BA Brasil, Tel. 55 71 32836725, Fax. 55 71 32836718 - Salvador - BA - Brazil
E-mail: rbspa@ufba.br