• Influência da Temperatura Ambiente no Desempenho da Rã-touro, Rana catesbeiana (Shaw, 1802) na Fase de Recria Aqüicultura

    Braga, Luís Gustavo Tavares; Lima, Samuel Lopes

    Resumo em Português:

    Um experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito da temperatura ambiente no desempenho da rã-touro na fase de recria. Foram utilizadas 405 rãs com peso médio inicial de 37,5±1,5 g, em um delineamento experimental inteiramente casualizado três tratamentos (20,2±0,7°C, 25,1±0,4°C e 30,4±0,5°C), cinco repetições (baias) e 27 rãs por baia. O período experimental foi de 45 dias, sendo dez dias para adaptação das rãs às instalações e ao manejo alimentar. A alimentação foi fornecida diariamente, sendo composta uma por ração comercial de truta com 45% de proteína bruta e larva de mosca, utilizada como atrativo. Avaliou-se o desempenho dos animais e concluiu-se que a temperatura afetou significativamente o consumo de ração e de larva de mosca e o ganho de peso das rãs, porém os valores de conversão alimentar não diferiram entre as rãs nos três tratamentos. O desenvolvimento da rã-touro está diretamente relacionado com a temperatura ambiente, que influencia o consumo e a utilização do alimento pelos animais.

    Resumo em Inglês:

    An experiment was conducted to evaluate the effect of environmental temperature on the bullfrog performance in the growing phase. Four hundred and fuve frogs, weighing 37,5±1,5 grams, were assigned to a randomized experimental design with three treatments (20,2±0,7°C, 25,1±0,4°C and 30,2±0,5°C), five replicates (boxes) and 27 frogs in each replicate. The experimental period was of 45 days, being ten days for adaptation of the frogs to the installations and the feeding. The daily feeding comprised one commercial ration of trout with 45% of crude protein and a fly larva for attraction. The performance of the animals was evaluated and found that the temperature affected significatively affected the consumption of the ration and fly larva and weight gain, however the feed:gain values were not different in the three treatments. The development of the bullfrog is directly related to the environmental temperature, which influences the consumption and utilization of food by the animals.
  • Efeito da Niclosamida no Controle de Girinos de Anuros na Propagação de Pós-Larvas de Carpa Comum (Cyprinus carpio Linnaeus, 1758 Var. Specularis) Aqüicultura

    Graeff, Alvaro; Pruner, Evaldo Nazareno; Spengler, Marcia Mondardo

    Resumo em Português:

    O objetivo desta pesquisa foi testar a influência de um molusquicida (niclosamida) no controle dos girinos, sem comprometer o desenvolvimento e a sobrevivência da carpa comum na fase de desenvolvimento do ovo até a idade de 28 dias. Foram conduzidos seis experimentos, envolvendo seis fases de desenvolvimento dos girinos e peixes (ovo, 7, 12, 21, 27 e 34 dias). O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com cinco tratamentos (0,00; 0,10; 0,15; 0,20; e 0,25 ppm de niclosamida) e quatro repetições. Foram utilizados 20 aquários de seis litros, sendo todos abastecidos até o início do experimento, quando então era interrompido o fluxo de água. A eficiência da niclosamida no período de fertilização e eclosão de ovos de girinos e carpa não ocorreu. Na primeira semana de vida, os níveis de 0,25; 0,20; e 0,10 ppm mostraram efeito sobre os girinos aos 48, 65 e 115 minutos após a aplicação do produto respectivamente, mas apresentaram-se sem efeito sobre as pós-larvas de carpa comum. A dosagem de 0,15 ppm de niclosamida, aos 27 dias, tendeu a provocar maior mortalidade de girinos, com maior sobrevivência de pós-larvas de carpa comum, e a de 0,10 ppm, o melhor resultado na idade de 21 dias das pós-larvas de carpa comum e girinos.

    Resumo em Inglês:

    The objective of the research was to test the effect of a molusquicida (Niclosamida) in the tadpoles control and not to compromise the development and survival of common carps in the egg development until 28 days age. Six experiments were carried out and involved six tadpoles and fishes development phases (egg, 7, 12, 21, 27 and 34 days). A completely randomized experimental design, with five treatments (0.00, 0.10, 0.15, 0.20 and 0.25 ppm niclosamida) and four replicates, was used. Post-larvae and tadpoles stayed together in a density of 100 units of each from a nursery production. Twenty aquariums of six liters were all supplied until the beginning of the experiment, when the water flow was interrupted. Niclosamida efficiency did not affect the fertilization phase of tadpoles and carps eggs. In the first week, the levels of 0.25, 0.20, 0.10 ppm affected tadpoles growth at 48, 65 and 115 minutes after product application and showed no siginificant effect on the post-larvae of common carp. The 0.15 ppm level of Niclosamida at 27 days of age tended to provok higher tadpoles mortality and higher post-larvae of common carp survival. The 0.10 ppm level of Niclosamida also tended to show the best result at 21 days in post-larvae of common carp and tadpoles.
  • Anatomia Funcional e Morfometria do Intestino no Teleostei (Pisces) de Água Doce Surubim (Pseudoplatystoma coruscans- Agassiz, 1829) Aqüicultura

    Seixas Filho, José Teixeira de; Brás, José de Moura; Gomide, Andréa Tassis de Mendonça; Oliveira, Maria Goreti de Almeida; Donzele, Juarez Lopes; Menin, Eliane

    Resumo em Português:

    Os objetivos do presente trabalho foram estudar a anatomia funcional e a morfometria comparativas nos intestinos médio e no reto, do peixe Teleostei, surubim, Pseudoplatystoma coruscans (Agassiz, 1829) (Siluriformes, Siluroidei, Pimelodidae), de hábito alimentar carnívoro, em duas classes de tamanho, visando fornecer referência à nutrição para o ajuste de diferentes sistemas de alimentação artificial para essa espécie nativa. Por meio destes estudos concluiu-se que o intestino do surubim, sob o ponto de vista morfológico, deve ser denominado, de intestino médio e reto, devido a presença da valva ileorretal e da invaginação valvar intestinal entre esses segmentos. Em relação ao padrão de enrolamento do intestino, apesar do plano geral do intestino médio e do reto ter sido mantido, as alças do intestino médio apresentaram arranjo indefinido, não tendo sido determinado um arranjo-padrão para a espécie. O arranjo intestinal é compatível ao da maioria de peixes carnívoros, ou predominantemente carnívoro, uma vez que seu intestino é quase retilíneo; contudo, as circunvoluções das alças finais do intestino médio talvez possam ser vistas como adaptações a um possível regime onívoro, preferencialmente carnívoro. As pregas intestinais encontram-se mais complexas e desenvolvidas no intestino dos exemplares da segunda classe de tamanho. Procurando estabelecer relações entre o arranjo das pregas das mucosas e a velocidade de transporte do alimento no intestino médio da espécie estudada, sugere-se que o padrão longitudinal, com numerosas anastomoses retardam o avanço do alimento em sentido aboral, o que possibilita maior período digestivo e, conseqüentemente, maior aproveitamento dos nutrientes, pela exposição do material alimentar à mucosa intestinal por período maior, além de contribuir para a preparação do bolo fecal. As pregas da mucosa próxima ao ânus têm direção longitudinal, sugerindo auxílio na expulsão dos bolos fecais, direcionando-os para o meio exterior.

    Resumo em Inglês:

    The objectives of this work were to study the functional anatomy and the comparative morphometry in the medium intestine and in the rectum of Teleostei, surubim, Pseudoplatystoma coruscans (Agassiz, 1829) (Siluriformes, Siluroidei, Pimelodidae), with carnivorous feeding habits, in two size classes, aiming to provide nutritional data for the adjustment of different artificial feeding system. It was concluded that the surubim intestine, under a morphological view, must be called of medium intestine and rectum, due to the presence of ileo-rectal valve and of intestinal valve invagination among these segments. In relation to the intestinal widding pattern, although the overall arrangement of the medium intestine and rectum was maintained, the medium intestine rings showed undefined arrangement, and an standard arrangement could not be determined for the specie. The intestinal arrangement was compatible to the most carnivorous fishes, or predominantly carnivore, once the intestine is almost ret; however, the circunvolutions of intestine final rings of medium intestine can be considered adaptations of a possible omnivorous feeding, preferentially carnivorous. The intestinal fold were more complex and developed in the intestine of the second size class species. In order to establish the relations among the mucous fold arrangement and the o food transportation speed in the medium intestine of the studied specie, it is suggested that the longitudinal pattern, with several anastomoses delay the feed progress in the aboral direction, allowing a larger digestive period and, consequently, better feed nutrients profit, by the feed material exposition to the intestinal mucous for larger period, besides contributing for the fecal mass preparation. The mucous fold next to the anus have longitudinal direction, contributing for the fecal bolos expulsion, directing them to the exterior environment.
  • Manejo de Água de Irrigação para Alfafa (Medicago sativa L.) Forragicultura

    Rassini, Joaquim Bartolomeu

    Resumo em Português:

    Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar a metodologia do balanço da demanda climática (ECA = evaporação do tanque classe A e PRP = precipitação pluvial) com as condições edáficas (CAD -- capacidade de armazenamento de água do solo) de um Latossolo Vermelho Amarelo (LVA), a fim de manejar a irrigação suplementar para alfafa cv. Crioula, em condições de campo. Com base nessa tecnologia, procurou-se aumentar a eficiência do uso de água pela alfafa, avaliando-se o comportamento de alfafa em três condições hídricas (H1 = testemunha sem irrigação; H2 = uso mais eficiente da água, a partir do estádio vegetativo pleno da planta, quando ECA -- PRP > ou = 30 mm; H3 = uso pleno da água, durante todo ciclo da planta quando ECA -- PRP > ou = 20 mm). Verificou-se que a tecnologia empregada é eficiente para manejar a irrigação suplementar, no LVA, bem como podem-se aumentar os lucros com alfafa, por meio do uso mais eficiente da água (H2 = ECA -- PRP > ou = 30 mm).

    Resumo em Inglês:

    This study was conducted to evaluate methods of balancing climatic demand (ECA = class A tank evaporation and PRP = rainfall) with soil conditions (CAD = water storage capacity) of na Hapludox soil, in order to manage supplementary water of alfalfa cultivar Crioula on field conditions. Therefore, the behavior of alfalfa under three soil water conditions (H1 = no irrigation; H2 = efficient water use at plants full vegetative stage when ECA -- PRP > or = 30 mm; H3 = full use of water during the entire plant cycle when ECA -- PRP > or = 20 mm) were evaluated based on these methods, looking of efficient water use by alfalfa. Results indicated that the technology employed is very efficient in managing supplementary water, in the Hapludox, and that increasing not economic returns with alfalfa, by way of efficient water use (H2 = ECA -- PRP > or = 30 mm), can be achieved.
  • Concentrações Plasmáticas de Progesterona e Metabólitos Lipídicos em Novilhas Mestiças Tratadas ou Não com Hormônio de Crescimento e Superovuladas Melhoramento, Genética e Reprodução

    Borges, Álan Maia; Torres, Ciro Alexandre Alves; Ruas, José Reinaldo Mendes; Rocha Júnior, Vicente Ribeiro; Carvalho, Giovanni Ribeiro de; Borges, Juliana Corrêa

    Resumo em Português:

    O objetivo do experimento foi estudar as concentrações plasmáticas de progesterona em novilhas mestiças, correlacionando-as com as concentrações de metabólitos lipídicos. Utilizaram-se 26 fêmeas divididas em dois tratamentos: T1 = aplicação de 500 mg de sometribove zinco (somatotropina bovina recombinante) no terceiro dia do ciclo estral superovulado e T2 = controle. As coletas de sangue foram feitas durante dois ciclos estrais: normal e superovulado, e as análises de progesterona e dos metabólitos foram realizadas por radioimunoensaio e pelo método enzimático, respectivamente. O período experimental do ciclo estral superovulado foi dividido em três fases: P1 = do estro à inseminação artificial (0 ao 15° dia); P2 = da inseminação artificial até a coleta de embriões (15° ao 21° dia) e P3 = da coleta de embriões até o final do período (21º ao 27° dia). Houve diferença nas concentrações de progesterona entre os animais dos dois tratamentos durante o P1, porém não diferiram nos P2 e P3. As concentrações plasmáticas de progesterona alcançaram valores superiores a 60 ng/mL após a superovulação. Os valores de colesterol total e de HDL foram diferentes entre os dois tratamentos, durante os períodos P2 e P3. Não houve correlações entre as concentrações plasmáticas dos metabólitos lipídicos e de progesterona durante os ciclos estrais estudados.

    Resumo em Inglês:

    The objective of this experiment was to study the progesterone plasma concentrations in crossbred heifers, and the correlation with lipid metabolites concentrations. Twenty-six heifers were distributed into two treatments: T1 - treated with 500 mg sometribove zinc (recombinant bovine somatotropin) on day 3 of superovulated estrous cycle and T2 - control. The blood samples were collected during two estrous cycles: normal and superovulated one. The progesterone and metabolic lipids concentrations were determined by RIA and enzymatic method, respectively. The experimental period of the superovulated estrous cycle was divided into three periods: P1 = from estrus to artificial insemination (0 to 15th day); P2 - from artificial insemination to embryo collection (15th to 21st day) and P3 - from embryo collection to the end of the experiment (21st to 27th day). Plasma progesterone concentration differed between the two treatments during P1, but did not during P2 and P3. Progesterone concentration was greater than 60 ng/mL in superovulated heifers. The total plasma cholesterol and HDL concentrations were different between the two treatments, during P2 and P3. There were no correlations among the lipid metabolites and progesterone concentrations during the estrous cycles.
  • Influência de Alguns Fatores de Ambiente sobre os Escores de Conformação, Precocidade e Musculatura à Desmama em um Rebanho da Raça Nelore Melhoramento, Genética e Reprodução

    Jorge Júnior, João; Pita, Fabiano Veraldo da Costa; Fries, Luiz Alberto; Albuquerque, Lucia Galvão de

    Resumo em Português:

    Dados de 23.251 animais da raça Nelore desmamados no período de 1994 a 1997, pertencentes à Agropecuária Jacarezinho Ltda., foram analisados para se avaliar os efeitos ambientais da idade da vaca, data de nascimento e idade à desmama sobre os escores visuais de conformação (C), precocidade (P) e musculatura (M). Todos os efeitos estudados influenciaram significativamente os escores visuais. As análises indicaram que as vacas que pariram aos sete, oito e nove anos, obtiveram os melhores resultados para os escores visuais de C, P e M, assim como os animais que nasceram mais cedo dentro da estação de parição. Para a idade à desmama foi constatado que, quanto mais tarde o animal for desmamado, melhores serão seus escores. Os animais que desmamaram com 220 dias tiveram os melhores escores, enquanto os piores escores foram daqueles que desmamaram com 140 dias. Portanto, para se ter maior precisão na avaliação genética dos indivíduos jovens, fatores de correção para idade da vaca, data juliana de nascimento e idade à desmama devem ser utilizados sobre os escores de conformação, precocidade e musculatura.

    Resumo em Inglês:

    Data on 23,251 Nelore calves weaned from 1994 to 1997, belonging to Agropecuária Jacarezinho Ltda., were analyzed to estimate the influence of environmental effects of age of dam, julian date of birth and age of calf at weaning on visual scores of conformation (C), precocity (P) and musculature (M). All effects significantly influenced the visual scores. The analyses showed that the calves with the best scores of C, P and M at weaning were those from dams with 7, 8 and 9 years of age. The best visual scores were from animals that were born earlier in the calving season. For age at weaning, as older was the animal better were its scores. The highest scores were those from animals weaned at 220 days of age and the smallest scores were from animals weaned at 140 days of age. Therefore, to increase the accuracy of genetic evaluations of young animals, adjusting factors for age of dam, julian date of birth and age at weaning, should be used, for conformation, precocity and musculature scores.
  • Efeitos da Insulação Escrotal sobre a Biometria Testicular e Parâmetros Seminais em Carneiros da Raça Santa Inês Criados no Estado do Ceará Melhoramento, Genética e Reprodução

    Moreira, Emerson Pinto; Moura, Arlindo de Alencar Araripe; Araújo, Airton Alencar de

    Resumo em Português:

    Um estudo foi conduzido com a finalidade de avaliar o efeito do estresse térmico sobre parâmetros seminais e biometria testicular em carneiros Santa Inês. Oito animais adultos foram submetidos à insulação escrotal por sete dias. Realizaram-se duas avaliações antes da insulação e, após este período, doze coletas durante 118 dias. A insulação escrotal não causou variações no volume dos ejaculados, mas o pH seminal apresentou valores elevados oito dias após a insulação, retornando à normalidade após 15 dias. Ocorreu redução na concentração espermática oito dias após a insulação e os animais apresentaram azoospermia entre 33 e 50 dias. Depois de 79 dias, a concentração espermática retornou aos padrões observados antes da insulação. A circunferência escrotal (26,4 cm) reduziu para 22,4 cm oito dias após o término do tratamento e para 21 cm aos 21 dias, mas retornou a valores próximos à normalidade (24,9 cm) aos 50 dias. Foi observado decréscimo na motilidade e vigor espermático a partir da retirada da bolsa e o retorno destes parâmetros à normalidade ocorreu somente após 90 dias. Antes da insulação, 1,7% dos espermatozóides apresentaram-se com defeitos maiores e 9,9 %, com defeitos menores. Na primeira coleta após a insulação, 3,6% das células apresentaram defeitos maiores e 43,4 %, defeitos menores; aos oito dias, estes valores foram de 8,4 e 60,4%, respectivamente. Entre 15 e 60 dias após a insulação, a percentagem de defeitos maiores variou entre 27,3 e 16,8%, enquanto a de defeitos menores permaneceu em torno de 39%. Aos 118 dias após a insulação, os defeitos maiores representaram somente 0,7%, mas o número de células com defeitos menores continuou elevado (24,4 %). Portanto, o estresse térmico causou interrupção temporária do processo de produção espermática e os parâmetros relativos à motilidade e defeitos menores apresentaram maior susceptibilidade.

    Resumo em Inglês:

    A study was conducted to determine the effect of heat stress on semen criteria and testis size in Santa Inês hairy rams, in the State of Ceará, Northeast of Brazil. The scrotum of eight adult rams was insulated for seven days. Animals were evaluated twice before insulation and, after insulation, at 12 different periods until 118 days. Scrotal insulation did not affect semen volume, but pH was increased after eight days, returning to normal values after 15 days. Sperm concentration was reduced eight days after insulation was removed and animals became azzospermic between 33 and 50 days. After 79 days, sperm concentration returned to values similar to those observed before treatment. Scrotal circumference (26.4 cm) decreased to 22.4 cm eight days after insulation and to 21 cm at 21 days, but returned to 24.9 cm after 50 days. Moreover, sperm motility and vigor were reduced right after insulation was removed and returned to normal profiles only after 90 days. Before treatment, there were 1.7% of sperm cells with primary defects and 9.9% with secondary defects. Right after insulation, sperm cells with primary defects increased to 3.6% and those with secondary defects, to 43.4%, and after eight days, these values increased to 8.4 and 60.4%, respectively. From 15 to 60 days, sperm cells with primary defects varied from 27.3 to 16.8%, while those with secondary defects showed only small variations (39.9 to 39%). At the end of the experiment (118 days after insulation), primary defects were reduced to 0.7%, but the percentage of cells with secondary defects was still high (24.4 %). Therefore, heat stress caused temporary interruption of sperm production in the ram and sperm motility and secondary defects seemed to be the most sensitive criteria.
  • Produtividade à Desmama de Novilhas Nelore e F1 Bos taurus x Nelore e Bos indicus x Nelore Melhoramento, Genética e Reprodução

    Perotto, Daniel; Abrahão, José Jorge dos Santos; Kroetz, Inácio Afonso

    Resumo em Português:

    A eficiência produtiva das vacas de corte está relacionada com o tamanho do animal, a fertilidade e a produção de leite. Este trabalho avaliou a eficiência à desmama de 289 novilhas sendo 100 Nelore (N), 47 F1 Guzerá x Nelore (GN), 67 F1 Red Angus x Nelore (RN), 37 F1 Marchigiana x Nelore (MN) e 38 F1 Simental x Nelore (SN) da Est. Exp. Paranavaí/IAPAR. Foram analisadas a idade ao primeiro parto (IPP), a relação entre o peso do bezerro à desmama e o peso da mãe ao parto, dividida pela idade da mãe em dias ao parto (PDPV), e a relação entre o peso do bezerro à desmama e o peso metabólico da mãe ao parto, dividida pela idade da mãe em dias ao parto (PDPM). As médias por quadrados mínimos para IPP em dias, PDPV [((kg/kg)/dia) x 1000] e PDPM [((kg/kg0,75)/dia) x 100] foram: 1416, 1340, 1053, 1187 e 1117; 0,394, 0,414, 0,422, 0,379 e 0,418; e 0,169, 0,179, 0,187, 0,169 e 0,188, respectivamente para os grupos N, GN, RN, MN e SN. Para IPP, foram significativos os contrastes N- RN (362 dias), GN -- RN (287 dias) e RN -- MN (-133 dias). Para PDPV, foi significativo o contraste RN - MN [-0,04287((kg/kg)/dia) x 1000] e para PDPM foram significativos os contrastes N -- RN [-0,01803((kg/kg0,75)/dia) x 100], RN -- MN [0,01841((kg/kg0,75)/dia) x 100] e MN -- SN [-0,01915((kg/kg0,75)/dia) x 100]. Conclui-se que novilhas RN e SN foram mais eficientes à primeira desmama que novilhas MN, as quais não diferiram das zebuínas N e GN.

    Resumo em Inglês:

    Production efficiency of a beef cow-calf herd is determined by the ability of the cows in converting the ingested food into calf weight. This ability is related to cow size, fertility and milk production. The present study evaluated efficiency at weaning after first calving of 100 Nellore (N), 47 F1 Guzerath x Nellore (GN), 67 F1 Red Angus x Nellore (RN), 37 F1 Marchigiana x Nellore (MN) and 38 F1 Simental x Nellore (SN) heifers at Estação Experimental Paranavaí/IAPAR. The traits analyzed were age at first calving (IPP), the ratio of calf weaning weight to heifer weight at calving, divided by the age of the heifer at calving (PDPV) and the ratio of calf weaning weight to heifer metabolic weight at calving, divided by the age of the heifer at calving (PDPM). Least squares means for IPP in days, PDPV [((kg/kg)/day) x 1000] and PDPM [((kg/kg0.75)/day) x 100] were: 1416, 1340, 1053, 1187 and 1117; 0.394, 0.414, 0.422, 0.379 and 0.418; and 0.169, 0.179, 0.187, 0.169 and 0.188, respectively for N, GN, RN, MN and SN. The contrasts N -- RN (362 days), GN -- RN (287 days) and RN -- MN (-133 days) were significant for IPP. For PDPV, the contrast RN -- MN [-0.04287((kg/kg)/day) x 1000] was significant while for PDPM the contrasts N -- RN [-0.01803((kg/kg0.75)/day) x 100], RN -- MN [0,01841((kg/kg0.75)/day) x 100] and MN -- SN [-0.01915((kg/kg0.75)/day) x 100] were significant. It can be concluded that RN and SN heifers had greater production efficiency at first weaning than MN heifers, which did not differ from N and GN heifers.
  • Comparação de Diferentes Modelos para Avaliação Genética de Características de Desempenho Pós-desmama em Suínos Melhoramento, Genética e Reprodução

    Pita, Fabiano Veraldo da Costa; Albuquerque, Lucia Galvão de

    Resumo em Português:

    O objetivo deste trabalho foi avaliar diferentes modelos em que os efeitos aleatórios de leitegada e genético materno (correlacionado ou não com o efeito genético aditivo direto) foram adicionados em seqüência ao efeito aleatório genético aditivo direto. Foram utilizados registros de desempenho de 17.563 animais Landrace (LD) e 8679 Large White (LW), submetidos a teste de granja. A comparação dos modelos e a significância de cada efeito adicionado foi realizada por intermédio do teste da Razão de Verossimilhança. Os componentes de variância foram estimados pelo método da Máxima Verossimilhança Restrita. Para a raça LD o melhor modelo incluiu os efeitos genéticos direto e materno, além do efeito de leitegada. Para a raça LW o melhor modelo incluiu os efeitos genético direto e de leitegada. As estimativas de herdabilidade para ganho de peso médio diário, idade ao final do teste e número de dias de permanência no teste foram, respectivamente, 0,28, 0,24 e 0,24 para a raça LD, e 0,28, 0,27 e 0,23 para a raça LW. O efeito de leitegada foi entre 0,08 e 0,12 para ambas as raças. O efeito materno na raça LD foi de magnitude muito pequena (0,01 a 0,03). As correlações entre os efeitos genéticos direto e materno foram nulas ou negativas.

    Resumo em Inglês:

    The aim of this work was to evaluate different models in which the random effects of litter and maternal genetic (correlated or not with the direct additive genetic effect) were added in sequence to the direct additive genetic random effect. There were on farm records of 17,563 Landrace (LD) and 8679 Large White (LW) animal. The comparison of the models and significance levels of each effect added were determined by the Likelihood Ratio test. Variance components were estimated using the Restricted Maximum Likelihood method. For LD breed the best model included the direct and maternal genetic effects, besides the litter effect. For the LW breed the best model included the direct genetic and litter effects. Heritability estimates of average daily gain, off-test age, and number of days on test were, respectively, 0.28, 0.24, and 0.24 for LD breed, and 0.28, 0.27, and 0.23 for LW breed. The litter effect was between 0.08 and 0.12 for both breeds. The maternal effect in LD breed was of small magnitude (0.01 to 0.03). Correlations between direct and maternal genetic effects were null or negative.
  • Avaliação de Coberturas de Cabanas de Maternidade em Sistema Intensivo de Suínos Criados ao Ar Livre (Siscal), no Verão Monogástricos

    Abreu, Paulo Giovanni de; Abreu, Valéria Maria Nascimento; Costa, Osmar Antônio Dalla

    Resumo em Português:

    O objetivo deste trabalho foi estudar as condições térmicas ambientais de diferentes materiais de cobertura de cabana de maternidade, no verão, utilizando os seguintes tratamentos: 1) cabana de maternidade coberta com fécula de isopor 2) cabana de maternidade coberta com isolamento de alumínio 3) cabana de maternidade coberta com tela e capim na cobertura 4) cabana de maternidade coberta com lona e capim na cobertura 5) ambiente ao ar livre e 6) à sombra da árvore. O delineamento experimental usado foi em blocos casualizados, em esquema de parcelas subdivididas, com 6 tratamentos nas parcelas, 5 horas nas subparcelas e 3 repetições. A categoria animal utilizada foi porcas lactantes, Landrace x Large White, distribuídas aleatoriamente por ordem de parto. Foi determinada a Umidade Relativa do Ar (UR), a Velocidade do Ar, a Temperatura Ambiente (Ta) e foram calculados o Índice de Temperatura de Globo e Umidade (ITGU) e a Carga Térmica Radiante (CTR). Apesar de os materiais utilizados como cobertura de maternidade terem melhorado o conforto térmico das porcas em relação as condições ambientais, ainda, não foram suficientes em atender as condições ideais de conforto térmico.

    Resumo em Inglês:

    The objective of this study was to evaluate the environmental thermal conditions of different maternity hut covering materials, in the summer period through the following treatments: 1) maternity hut with polystyrene fecula covering 2) maternity hut with isolation of aluminum covering 3) maternity hut with screen and grass covering 4) maternity hut with canvas and grass covering 5) outdoor environment 6) under shade a tree. The six treatments were arranged in a randomized split-plot design where the six treatments were in the plot with five schedules hours in the subplots and three replicates. Sow lactantes Landrace x Large White were alloted at random considering farrowing order. Relative Humidity Air (RH), Air Speed, and Environmental Temperature (Te) data were determined and Black Globe Humidity Index (BGHI) and the Radiant Thermic Load (RTL) were calculated. The materials used as maternity hut covering improved the animal thermal comfort but they were not enough to assist ideal conditions for thermal comfort.
  • Avaliação de Programas de Alimentação para Matrizes de Corte na Fase de Produção Monogástricos

    Argenta, João Artur; Sakomura, Nilva Kazue; Azevedo Junior, Pedro Cláudio de

    Resumo em Português:

    O experimento foi realizado com o objetivo de verificar o melhor programa de fornecimento de ração para matrizes de corte pós - pico de produção de ovos. Três mil, cento e sessenta e oito fêmeas e 352 machos matrizes de corte da linhagem Cobb foram distribuídos em um delineamento experimental inteiramente casualizado com quatro tratamentos e oito repetições por tratamento, sendo 99 fêmeas e 11 machos por unidade experimental. Os programas avaliados consistiram em: Programa 1 - Redução de 1 g de ração/ave/dia/semana para cada redução de 0,5 pontos na massa de ovos; Programa 2 - Redução de 1 g de ração/ave/dia/semana após o pico até o final do período de produção; Programa 3 - Redução de 3 g de ração/ave/dia/semana na 1ª semana após o pico, 2 g de ração/ave/dia/semana na 2ª semana e 1 g de ração/ave/dia/semana nas semanas subsequentes; Programa 4 - Redução de 5 g de ração/ave/dia/semana na 1ª semana após o pico, 3 g de ração/ave/dia/semana na 2ª semana e 1 g de ração/ave/dia/semana nas semanas subseqüentes. De acordo com os resultados obtidos para consumo de ração por ovo produzido, característica de importância na avaliação do desempenho das matrizes de corte, o melhor programa foi o programa 1, seguido pelo 3, 2 e 4. Para matrizes de corte da linhagem Cobb que atingem pico de postura no inverno, período no qual foi realizado este experimento, recomenda-se o programa 1 para alimentação após pico por ter proporcionado uma boa relação entre consumo de ração e produção de ovos.

    Resumo em Inglês:

    The experiment was conducted to evaluate the best feeding program post peak egg production for broiler breeders. Cobb broiler breeders (3168 females and 352 males) were distributed in a randomized experimental design with four treatments and eight replicates per treatment, with 99 females and 11 males per replicate. The evaluated programs were: Program 1 - Reduction 1 g of feed/bird/day/week for each drop of 0.5 points of the egg mass. Program 2 - Reduction of 1 g of feed/bird/day/week post peak production until the end of production period, regardless the percentage of the egg production. Program 3 - Reduction of 3 g of feed/bird/day/week, in the first week post peak production, 2 g of feed/bird/day/week in the second week and 1 g of feed/bird/day/week on the following weeks. Program 4 - Reduction of 5 g of feed/bird/day/week, in the first week post peak production, 3 g of feed/bird/day/week in the second week and 1 g of feed/bird/day/week on the following weeks. According to the results of feed intake per egg, the best program was the program 1, followed by programs 3, 2 and 4. It was recommended the program 1 for Cobb broiler breeders with peak egg production in the winter.
  • Exigência de Lisina, com Base no Conceito de Proteína Ideal, para Suínos Machos Castrados de Dois Grupos Genéticos, na Fase de Crescimento Monogástricos

    Gasparotto, Luiz Fernando; Moreira, Ivan; Furlan, Antonio Cláudio; Martins, Elias Nunes; Marcos Júnior, Maurício

    Resumo em Português:

    Foi conduzido um experimento para determinar as exigências de lisina para suínos machos castrados, de dois diferentes grupos genéticos na fase de crescimento, com base no conceito de proteína ideal. Foram utilizados 16 suínos do grupo genético comum (GGC) e 16 suínos do grupo genético melhorado (GGM), distribuídos em um delineamento de blocos ao acaso, com quatro tratamentos, duas repetições e dois animais por baia. Os tratamentos consistiram de uma ração referência, à base de milho e farelo de soja, contendo 0,75% de lisina e outras três rações, acrescentando-se níveis crescentes de lisina para se obter 0,90, 1,05 e 1,20% de lisina total na ração. Adicionou-se aminoácidos sintéticos (L-lisina HCl, DL-metionina, L-treonina e L-triptofano) para manter os níveis de aminoácidos, de acordo com o perfil de proteína ideal. Para o GGC (20 a 50 kg de peso vivo), as variáveis, consumo de ração diário (CRD), ganho de peso diário (GPD) e conversão alimentar (CA) não sofreram efeito dos níveis de lisina (NL). Observou-se efeito quadrático dos NL sobre o CRD e GPD para o GGM (24 a 45 kg de PV) de 0 a 14 e de 0 a 18 dias, mas não no período total de experimento. Não houve diferença entre GGC e GGM para a variável nitrogênio da uréia plasmática. A exigência de lisina total, baseado no conceito de proteína ideal, para suínos machos castrados do GGM (24 a 45 kg de peso vivo) é de 1,00%, enquanto que para GGC (20 a 50 kg de peso vivo) é de 0,75%.

    Resumo em Inglês:

    A trial was carried out to determine the lysine requirements for barrows during growing phase from two genetic pig groups according to the ideal protein concept. Sixteen animals from genetic common group (GCG) were used and other sixteen ones, from the genetic improved group (GIG) were allotted in a randomized block design with four treatments two replicates and two pigs per pen. The treatments constituted of the basal diet, based on corn-soybean meal containing 0.75% of lysine and other three diets, adding increasing lysine levels to get 0.90; 1.05 and 1.20% of total lysine on diet. Synthetic amino acids (L-lysine HCl, DL-methionine, L threonine and L-tryptophan) were added to keep amino acid levels according to the ideal protein profile. For GCG (20 to 50 kg of live weight), lysine levels (LL) did not affect daily feed intake (DFI), daily weight gain (DWG) and feed conversion (FC). It was observed a quadratic effect of LL on DFI and DGW in GIG (24 to 45 kg of live weight), from 0 to 14 and from 0 to 18 days, but not through total period. There was no difference between GCG and GIG for plasma urea nitrogen (PUN). The total lysine requirement, based on ideal protein concept, of castrated growing pigs for GIG (24 to 45 kg of live weight) is 1.00%, while for GCG (20 to 50 kg of live weight) is 0.75%.
  • Determinação da Biodisponibilidade da Lisina Sulfato e Lisina HCl com Frangos de Corte Monogástricos

    Neme, Rafael; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Rostagno, Horacio Santiago; Rodrigueiro, Ramalho José Barbosa; Toledo, Rodrigo Santana

    Resumo em Português:

    Com o objetivo de determinar a biodisponibilidade de duas fontes de lisina (lisina HCl e lisina sulfato), por intermédio de um ensaio de crescimento, foram alojados em um galpão de alvenaria com 56 boxes 840 pintos de corte machos com um dia de idade. Duas dietas basais foram formuladas para atender as exigências nutricionais das aves nas fases inicial e crescimento, deficientes apenas em lisina e suplementadas em 0,08; 0,16; e 0,24% pelas duas fontes de lisina. As variáveis avaliadas foram: ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, rendimento de carcaça, rendimento de perna, rendimento de peito, rendimento de filé e porcentagem de gordura abdominal. Com os dados obtidos foram estimadas equações de regressão linear múltipla e, usando os coeficientes de regressão destas, foi determinada a biodisponibilidade da lisina sulfato em relação a lisina HCl, padronizada como 100% disponível. As equações obtidas que melhor estimaram a biodisponibilidade das lisinas foram Y = 544,72 + 439,62 X1 + 475,84 X2, R² = 0,90, para ganho de peso de 01 a 21 dias de idade, Y = 1824,63 + 1469,18 X1 + 1381,33 X2, R² = 0,85, para ganho de peso de 01 a 42 dias de idade, Y = 1,9623 - 0,9043X1--1,0235 X2, R² = 0,83, para conversão alimentar de 01 a 21 dias de idade, Y = 0,3766 + 0,5320 X1 + 0,4986 X2, R² = 0,88, para peso de peito aos 42 dias de idade e Y = 0,2565 + 0,4685X1 + 0,4300 X2, R² = 0,92, para peso de filé de peito aos 42 dias de idade das aves. A biodisponibilidade média encontrada para a Lisina Sulfato foi de 100,19%, mostrando não haver diferença significativa na biodisponibilidade das lisinas testadas.

    Resumo em Inglês:

    With the objective of determine the bioavailability of two lysine sources (lysine HCl and lysine sulfate), by a growth trial, 840 one day old male broiler chicks were placed in 56 boxes. Two basal diets were formulated to supply the birds nutritional requirements, one for the starting and the other for the growing period, respectively, deficient only in lysine, which were supplemented 0,08, 0,16 and 0,24% lysine of both lysine sources. Weight gain, feed intake, feed conversion, carcass yield, legs quarter yield, breast yield, breast meat yield and abdominal fat content were evaluated. Multiple linear regression and the slope ratio technique was used to estimate equations. The bioavailabity of lysine sulfate was obtained as a percentage of lysine HCl considered as 100% available. The equations that best estimated the bioavailability of the lysine sulfate (X2) related to lysine HCl (X1) were: Y = 544,72 + 439,62 X1 + 475,84 X2, R2 = 0,90, for weight gain (1 to 21 days of age); Y = 1824,63 + 1469,18 X1 + 1381,33 X2, R² = 0,85, for weight gain from 01 to 42 days of age;11 Y = 1,9623 - 0,9043X1 --1,0235 X2, R² = 0,83, for feed conversion (1 to 21 days of age); Y = 0,3766 + 0,5320 X1 + 0,4986 X2, R² = 0,88, for breast yield (42 days of age) and Y = 0,2565 + 0,4685X1 + 0,4300 X2, R² = 0,92 for breast meat yield with 42 days of age. The average bioavailability of lysine sulfate was 100,19%, showing that there was no difference (p > 0.05), in the bioavailability of the two lysine sources studied.
  • Níveis de Proteína Bruta para Leitoas dos 30 aos 60 kg Mantidas em Ambiente de Conforto Térmico (21ºC) Monogástricos

    Orlando, Uislei Antonio Dias; Oliveira, Rita Flávia Miranda de; Donzele, Juarez Lopes; Ferreira, Aloízio Soares; Resende, Wilkson de Oliveira; Freitas, Letícia Silva de

    Resumo em Português:

    O experimento foi conduzido para avaliar níveis de proteína bruta (PB) para leitoas em crescimento, mantidas em conforto térmico. A temperatura interna da sala manteve-se durante o período experimental em 21,3 ± 0,53°C, a umidade relativa em 70,5 ± 5,11% e o Índice de Temperatura de Globo e Umidade (ITGU) calculado no período em 68,7 ± 0,93. Foram utilizadas 40 leitoas mestiças, com peso inicial médio de 29,4 ± 1,42 kg, em delineamento de blocos ao acaso com cinco tratamentos (16, 17, 18, 19 e 20% de PB), quatro repetições e dois animais por unidade experimental. As rações experimentais foram isoenergéticas, com 3400 kcal de ED/kg de ração, e formuladas para satisfazerem às exigências dos animais, exceto em PB. A ração e a água foram fornecidas à vontade até o final do experimento, quando os animais atingiram peso médio de 60,6 ± 1,76 kg. O nível de PB da ração influenciou o ganho de peso diário (GPD), que aumentou, e a conversão alimentar (CA), que melhorou linearmente. Apesar do efeito linear dos níveis de PB sobre o GPD e CA, o modelo "Linear Response Platô" (LRP) foi o que melhor se ajustou aos dados, estimando em 18,78 e 19,15%, os níveis de PB a partir do qual o GPD e a CA, permaneceram em um platô. Os consumos diários de proteína e lisina aumentaram linearmente em razão do nível de PB da ração, porém não se observou efeito dos tratamentos sobre os consumos de ração e de energia digestível diários. Concluiu-se que leitoas em crescimento, mantidas em ambiente de conforto térmico, exigem 19,15% de PB na ração, correspondendo a um consumo de 343 e 19,08 g/dia de proteína e lisina total, respectivamente.

    Resumo em Inglês:

    This experiment was conducted to evaluate levels of crude protein (CP) for gilts in growing phase, maintained under thermal comfort. The internal temperature at room was kept during the experimental period in 21.3 ± 0.53°C with relative humidity of 70.5 ± 5.11%. The calculated black globe humidity index (BGHI) in this period was 68.7 ± 0.93. Forty crossbred gilts with average initial weight of 29.4 ± 1.42 kg were used in an experimental design of randomized blocks with five treatments (16, 17, 18, 19 e 20% de CP), four replicates and two animals per experimental unit. The experimental isoenergetics rations with 3,400 kcal of DE/kg, were formulated to meet the requirements of animals, except to CP. The rations and water were feeding ad libitum to animals, until the final of experimental period when gilts reached the average weight of 60.6 ± 1.76 kg. The CP level of ration influenced the average daily weight gain (ADWG) that increases and the feed:gain (F:G) ratio that improved linearly. In spite of linear effect of CP levels on ADWG and F:G ratio the model of "Linear Response Plateau" (LRP) was one that better adjusted to the data estimating respectively in 18.78 and 19.15% the levels of CP occurred a plateau. The daily intakes of protein and lysine increase linearly with crescent level of CP on ration. However it did not observe effect of CP levels on daily intakes of ration and digestible energy. It was concluded that gilts from 30 to 60 kg kept under thermoneutral environment require 19.15% of CP on ration associated with the intakes of 343 e 19.08 g/day of crude protein and lysine, respectively for better performance.
  • Valores Energéticos do Milheto, do Milho e Subprodutos do Milho, Determinados com Frangos de Corte e Galos Adultos Monogástricos

    Rodrigues, Paulo Borges; Rostagno, Horacio Santiago; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Gomes, Paulo Cezar; Barboza, Walter Amaral; Santana, Rodrigo Toledo

    Resumo em Português:

    Dois experimentos foram conduzidos para determinar os valores de energia metabolizável aparente (EMA) e verdadeira (EMV) de 11 alimentos (amostras de milho e seus subprodutos e de milheto), utilizando o método tradicional de coleta total de excretas, com pintos em crescimento e o método da alimentação forçada, com galos adultos (método Sibbald). No exp. I, 540 pintos Hubbard machos receberam as rações experimentais em quatro repetições de 10 aves cada, exceto a ração referência, a qual foi fornecida a seis repetições. No exp. II, cada um dos 11 alimentos foram fornecidos a 6 galos, os quais receberam 15 g do alimento pela manhã (8 h) e 15 g à tarde (16 h), após terem sofrido um período de jejum de 24 horas. Simultaneamente, seis galos foram mantidos em jejum, para determinação das perdas endógenas e metabólicas. Após determinados os valores de EMAn com pintos e EMVn com galos, estabeleceram-se equações para predizer os valores energéticos dos alimentos do grupo do milho e seus subprodutos, em função de sua composição química. As EMAn e EMVn dos alimentos testados variaram de 1937 a 4108 e de 2246 a 4248 kcal/kg de matéria seca, respectivamente. Os resultados mostraram que o milheto poderá constituir-se em um alimento alternativo ao milho, porém com valores energéticos pouco inferiores ao milho. As equações de predição ajustadas com as variáveis fibra em detergente neutro (FDN) ou fibra bruta (FB) e matéria mineral (MM) podem ser utilizadas para predizer os valores energéticos do milho e de seus subprodutos, sendo EMAn = 4281,6 - 39,97FDN - 72,90MM (R² = 0,96) ou EMAn = 4354,8 - 112,05FB -- 151,74MM (R² = 0,95) e EMVn = 4485,1 - 34,20FDN - 83,83MM (R² = 0,94) ou EMVn = 4250,22 - 136,60FB - 120,48MM (R² = 0,91).

    Resumo em Inglês:

    Two metabolism assays were carried out in order to evaluate the aparent metabolizable energy (AME) and true metabolizable energy (TME) values of 11 feedstuffs (corn and corn byproducts and of the millet samples) by using the traditional method of excreta collection with growing chickens and the forced feeding method, by using adult cockerels (Sibbald method). In the first assay, 540 male Hubbard chickens fed the experimental diets in four replicates with ten birds in each experimental unit and the basal diet fed to six replicates. In the second assay, each one of 11 feedstuffs was fed to six cockerels, 15 g were fed at 8:00 a.m. and 15 g were fed at 4:00 p.m., after fastening by 24 hours. Simultaneously six cockerels were fasted in order to determine the metabolic and endogenous nitrogen losses. After determination of AMEn and TMEn values, prediction equations were simulated to predict the energetic values of the corn and corn byproducts, based on chemical composition. The AMEn and TMEn of feed evaluated ranged from 1937 to 4108 and from 2246 to 4248 kcal/kg of dry matter, respectively. The results shown that millet should be one alternative feed to corn, with lower energetic value. The prediction equations adjusted with the variables neutral detergent fiber (NDF) or crude fiber (CF) and ash should be used to predict the energetic values of corn and corn byproducts, being AMEn = 4281.6 -- 39.97 -- 72.90ash (R² = 0.96) or EMAn = 4354.8 -- 112.05CF -- 151.74ash (R² = 0.95) and EMVn = 4485.1 -- 34.20NDF -- 83.83ash (R² = 0.94) or 4250.22 -- 136.60CF -- 120.48ash (R² = 0.91).
  • Efeito da Temperatura Ambiente e da Restrição Alimentar sobre o Desempenho e a Composição de Fibras Musculares Esqueléticas de Frangos de Corte Monogástricos

    Sartori, José Roberto; Gonzales, Elisabeth; Dal Pai, Vitalino; Oliveira, Henrique Nunes de; Macari, Marcos

    Resumo em Português:

    O objetivo desta pesquisa foi estudar os efeitos da temperatura ambiente e da restrição alimentar sobre o desempenho e a composição do músculo flexor longo do hálux de frangos de corte. Trezentos e vinte e quatro pintos machos da linhagem Ross, com cinco dias de idade, foram distribuídos em um delineamento em parcelas subdivididas, considerando os tratamentos principais no esquema fatorial 3x3 inteiramente casualizado (três programas de alimentação: ad libitum, restrição precoce - 8 a 14 dias e restrição tardia - 29 a 35 dias; três níveis de temperatura: termoneutra, calor e frio). Os tratamentos secundários foram as idades das aves (seis idades: 7, 14, 21, 28, 35 e 42 dias). Não houve interação entre programa de alimentação e temperatura ou entre programa de alimentação, temperatura e idade para as características de desempenho dos frangos. Independentemente do programa de alimentação, houve efeito de temperatura para peso, ganho de peso, consumo de ração e conversão alimentar. O programa de alimentação afetou o peso e o ganho de peso das aves. Houve interação entre programa de alimentação e idade e entre temperatura e idade para peso vivo ao abate e peso do músculo da perna direita. Estas interações não foram significativas para peso do músculo da perna esquerda, área da secção transversal do músculo e relação peso do músculo/peso vivo ao abate. Conclui-se que a temperatura ambiente afeta o desempenho dos frangos de corte, porém não altera o número, diâmetro e freqüência de fibras musculares no músculo flexor longo do hálux. A restrição alimentar precoce pode ser adotada como prática de manejo, sem que se observem alterações do desempenho na idade de abate e nem na composição das fibras musculares esqueléticas dos frangos de corte.

    Resumo em Inglês:

    This experiment aimed to evaluate the effects of environmental temperature and feed restriction on performance and characteristics of fiber types in the flexor hallucis longus muscle of male broilers. Three hundred twenty four five-day-old male chicks were allotted to a split plot design, where the main treatments were three feeding programs (ad libitum, early restriction - 8-14 days; later restriction - 29-35 days) and three environmental temperatures of growth (heat, termoneutral and cold) in a completely randomized factorial 3 x 3 schedule. The secundary treatments were the ages of the birds (7, 14, 21, 28, 35 and 42 days). Statistical analyses confirmed no interactions among feeding program x temperature and feeding program x temperature x age on the broiler performance. Independently of the feeding program, the temperature of raising affected final weight, weight gain, feed intake and feed:gain ratio. Feeding program affected broiler final weight and weigth gain. Feeding program x age and temperature x age interactions affected the weights of the body at slaughter and the right leg muscle. These interactions were not significant for left leg muscle weight, cross-sectional right leg muscle area and right leg muscle weight:body weigth ratio. In conclusion, the environmental temperature affected the performance of broiler, but not the number, frequency and size of the myofibers in the flexor hallucis muscle. Early feed restriction can be utilized as management tool without changing the performance at slaughter age and the fiber composition of flexor hallucis longus muscle of male broilers.
  • Níveis de Energia e Relações Energia: Proteína para Frangos de Corte de 22 a 42 dias de Idade Monogástricos

    Silva, José Humberto Vilar da; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Nascimento, Adriana Helena do

    Resumo em Português:

    Níveis de energia metabolizável (EM) de 2900, 3100 e 3300 kcal e relações energia: proteína (EM: PB) de 128, 148, 168 e 188 kcal/%PB foram avaliados em frangos de corte machos de 22 a 42 dias de idade, distribuídos ao acaso em um esquema fatorial 3 x 4, com quatro repetições de 18 aves por tratamento. O aumento da relação EM: PB apresentou efeito linear decrescente sobre consumo de ração, peso vivo aos 42 dias, ganho de peso, consumo de proteína, consumo de energia metabolizável, peso da carcaça, peso da carne de peito, peso de pernas (coxa+sobrecoxa) e elevou linearmente a porcentagem de gordura abdominal na carcaça em todos os níveis de energia. A relação EM: PB de 148 (20,95% PB) dentro do nível de EM de 3100 kcal atende às exigências de ótimo crescimento de frangos de corte de 22 a 42 dias de idade, enquanto a relação EM: PB de 188 dentro de todos os níveis de energia estudados se mostrou inadequada. Em virtude do aumento do custo da ração, a redução da relação EM: PB, em rações práticas, deve ser avaliada para otimizar o modelo de produção em que a qualidade da carcaça também deve ser considerada.

    Resumo em Inglês:

    Levels of metabolizable energy (ME) of 2,900, 3,100 and 3,300 kcal and energy to protein ratio (EM: PB) of 128, 148, 168 and 188 kcal/%CP were evaluated with male broiler chicks from 22 to 42 days of age, assigned to a completely randomized 3 x 4 factorial design, where each treatment had four replications of 18 birds. Increasing the ME: CP ratio resulted in linear decreasing effect on feed intake, live weight, weight gain, crude protein intake, energy intake, carcass weight, breast meat weight, drumsticks weight and linearly increased abdominal fat percentage within each level of energy. The 148 ME:CP ratio (20,95% CP) in the level of 3100 kcal ME met the broilers requirements to optimum growth from 22 to 42 days of age, while 188 ME:CP ratio was inadequate. Because of the high costs, decreasing EM: PB ratio must be evaluated to optimize a production system where the carcass quality is also considered.
  • Terminação em Confinamento de Vacas e Novilhas sob Dietas com ou sem Monensina Sódica Produção Animal

    Restle, João; Neumann, Mikael; Alves Filho, Dari Celestino; Pascoal, Leonir Luiz; Rosa, Joilmaro Rodrigo Pereira; Menezes, Luis Fernando Glasenapp de; Pellegrini, Luiz Giovani de

    Resumo em Português:

    Foram estudados os parâmetros relativos ao desempenho, em confinamento, de duas categorias de fêmeas de descarte, vacas e novilhas da raça Charolês, alimentadas com duas dietas, com inclusão ou não de monensina sódica. A quantidade diária de monensina fornecida foi de 150 mg/animal. A relação volumoso:concentrado da dieta alimentar foi de 65:35. O volumoso utilizado foi a silagem de sorgo. A inclusão de monensina à dieta alimentar causou redução significativa no consumo voluntário diário de matéria seca (CMSD), sendo mais acentuada nas vacas (9,1%) que nas novilhas (1,7%). A interação entre categoria animal x dieta foi significativa para ganho de peso médio diário (GMD). Nas novilhas, a monensina provocou leve aumento no GMD (1,92 versus 1,86 kg), já nas vacas causou redução no GMD (1,56 versus 1,74 kg). A conversão alimentar (CMSD/GMD) não foi influenciada pela monensina. As vacas apresentaram maior CMSD que as novilhas. No entanto, quando o CMSD foi expresso por 100 kg de peso vivo e por unidade de tamanho metabólico, a diferença deixou de existir. As novilhas foram mais eficientes que as vacas na transformação da matéria seca consumida em ganho de peso (6,40 versus 8,28 kg de MS/kg de ganho de peso). O custo dos alimentos por kg de peso vivo foi R$ 0,66 e 0,69 nas novilhas e 0,84 e 0,74 nas vacas para as dietas que incluíram ou não monensina, respectivamente.

    Resumo em Inglês:

    Feedlot parameters of two categories of cull females, cows and heifers, fed two diets, with and without monensin, were studied. The daily amount of monensin supplied was 150 mg/animal. The roughage:concentrate ratio was 65:35. The roughage used was sorghum silage. The inclusion of monensin to the diet caused a significant reduction of the daily voluntary dry matter intake (DDMI), which was more pronounced for the cows (9.1%) than for the heifers (1.7%). The animal category x diet interaction affected significantly the average daily weight gain (ADG). Monensin caused a slight increase in heifers ADG (1.92 vs 1.86 kg) while for the cows it reduced the ADG (1.56 vs 1.74 kg). Feed:gain ratio (DDMI/ADG) was not affected by monensin. Cows showed a higher DDMI than the heifers. However when DDMI was expressed per 100 kg of live weight and per unit of metabolic weight the difference disappeared. Heifers were more efficient than cows in converting feed into weight gain (6.40 vs 8.28 kg of DM/kg of live weight gain). The cost of feed per quilogram of live weight gain was R$ .66 and .69 for the heifers, and .84 and .74 for the cows, respectively, for the diets that included or not monensin.
  • Desempenho e Características da Carcaça de Vacas de Diferentes Grupos Genéticos em Pastagem Cultivada com Suplementação Energética Produção Animal

    Restle, João; Vaz, Fabiano Nunes; Roso, Cledson; Oliveira, André Nunes de; Cerdótes, Liliane; Menezes, Luis Fernando Glasenapp de

    Resumo em Português:

    O objetivo deste trabalho foi testar diferentes níveis de suplementação energética na forma de grão de sorgo moído, para a terminação em pastagem, de vacas de descarte de diferentes genótipos Charolês (C) x Nelore (N). Foram utilizadas trinta vacas de descarte, dos seguintes grupos genéticos: C, N, 3/4 C + 1/4 N (CN) e 3/4 N + 1/4 C (NC), terminadas em pastagem cultivada de aveia (Avena strigosa) + azevém (Lolium multiflorum), distribuídas em três níveis de suplementação (NS): 0,0; 0,4; ou 0,8% do peso vivo. No estudo do efeito de grupo genético, verificou-se que os ganhos de peso médio diário foram de 1,03; 1,06; 1,36; e 1,02 kg, respectivamente, para C, N, CN e NC. O peso final foi de 453, 412, 515 e 478 kg, citados na mesma ordem. O ganho de condição corporal (CC) durante a terminação foi maior nas vacas N (1,81 pontos) em relação as C (1,09 pontos) e CN (0,99 pontos), ficando as vacas NC com valor intermediário (1,42 pontos). Verificou-se que vacas C apresentam maior peso de carcaça, melhor conformação e área de Longissimus dorsi em relação às vacas N, enquanto estas, apresentam maior percentagem de osso. As vacas CN mostraram carne de coloração mais clara que as NC. Os ganhos de peso médio diário foram de 0,92; 1,23; e 1,20 kg, respectivamente, para os níveis 0,0; 0,4 e 0,8% de suplementação.

    Resumo em Inglês:

    The objective of this work was to evaluate different levels of enegetic supplementation, in the form of grounded sorghum for finishing of cull cows from different genotypes of Charolais (C) x Nellore (N), kept on cultivated pasture during the last half of the vegetative cycle. Thirty C, N, 3/4 C + 1/4 N (CN) and 3/4 N + 1/4 C (NC) beef cows, kept on cultivated pasture of oats (Avena strigosa) + ryegrass (Lolium multiflorum) were allotted in three supplementation levels: .0, .4 or .8% of live weight. In the study of the genetic group effect, it was observed that the average daily gain was 1.03, 1.06, 1.36 and 1.02 kg, respectively, for C, N, CN and NC. Final live weigth was 453, 412, 515 and 478kg, respectively. The gain in body condition during the finishing was higher for the N cows (1.81 points) than for the C (1.09 points) and CN ( .99 points), while the NC cows showed an intermediate value (1.42 points). Carcasses from C cows showed higher weight, better conformation and Longissimus dorsi area than from the N, while the last ones, showed higher bone percentage in the carcass. Between the crossbreds, the CN meat exhibited brighter color than the NC. With relation to the supplementation level, the average daily gain was .92, 1.23 and 1.20 kg, respectively, for .0, .4 and .8%.
  • Consumo e Absorção Aparente de Macroelementos Minerais, em Bezerros Alimentados com Dietas Contendo Diferentes Níveis de Volumoso Ruminantes

    Araújo, Gherman Garcia Leal de; Silva, José Fernando Coelho da; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Campos, Oriel Fajardo de; Signoretti, Ricardo Dias; Turco, Silvia Helena Nogueira

    Resumo em Português:

    Avaliaram-se os efeitos de diferentes níveis de volumoso nas dietas sobre o consumo e a absorção aparente (AP) de cálcio (Ca), fósforo (P), magnésio (Mg), sódio (Na) e potássio (K). Utilizaram-se 40 bezerros, com peso vivo médio inicial de 60 kg, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado e alimentados à vontade com rações na base da MS, com níveis crescentes de 10, 25, 40, 55 e 90% de feno de capim-coastcross (Cynodon dactylon) picado. Os coeficientes de absorção aparente foram obtidos por intermédio de ensaios de digestibilidade, realizados aos 120 e 180 dias de idade dos animais, sendo usado como indicador o óxido crômico para estimar a excreção fecal. Os consumos de Ca, P, Mg, Na e K, expressos em g/dia, sofreram efeito quadrático, estimando-se os respectivos consumos máximos com os níveis de 47,0; 30,0; 45,3; 41,0; e 51,8% de volumoso na dieta. As absorções aparentes do Ca, P e K foram afetadas pelos níveis de volumoso nas dietas, que apresentaram comportamento quadrático e máximas absorções de 58,7; 56,1; e 78,3% para os níveis de 20,3; 23,1; e 45,2% de volumoso nas dietas, respectivamente.

    Resumo em Inglês:

    The effects of different levels of roughage on intake and apparent absorption of calcium (Ca), phosphorus (P), sodium (Na), potassium (K) and magnesium (Mg) were studied. Forty Holstein x Zebu calves, with initial average live weight of 60 kg, allotted to a completely randomized design, were fed concentrate and chopped coastcross (Cynodon dactylon) grass hay ad libitum in the following levels: 10; 25; 40; 55 e 90%, on a DM basis. The coefficients of apparent absorption were obtained by one experiment with two experimental periods of digestibility, accomplished at 120 and 180 days of age of the animals. The fecal dry matter excretion was estimated with chromium oxide. The intakes of Ca, P, Mg, Na and K in (g/day) showed a quadratic effect and the respective maximum intakes were estimated for 47.0, 30.0, 45.3, 41.0 and 51.8 % of roughage in the diet. The apparent absorption coefficients of Ca, P and K were affected by the level of roughage, showing a quadratic effect, with the respective maximum absorptions of 58.7, 56.1 and 78.3% for the levels of 20.3, 23.1 and 45.2 % of hay in the diet.
  • Avaliação da Casca e da Polpa Desidratada de Café (Coffea arabica L.) pela Técnica de Degradabilidade In vitro de Produção de Gás Ruminantes

    Barcelos, Adauto Ferreira; Paiva, Paulo César de Aguiar; Olalquiaga Peréz, Juan Ramón; Teixeira, Júlio César; Cardoso, Roberto Maciel

    Resumo em Português:

    Com o objetivo de avaliar a casca e a polpa desidratada de café, quanto à degradabilidade in vitro pela técnica de produção de gás, conduziu-se o experimento, utilizando as cultivares de café Catuaí, Rubi e Mundo Novo. A polpa foi obtida pela despolpa úmida em despolpador mecânico e, em seguida, seca ao sol até alcançar 13% de umidade. Os materiais foram armazenados em sacos de ráfia em ambiente coberto, ventilado e seco, por um ano, amostradas em triplicata a cada 90 dias. Incubaram-se in vitro 400 mg de cada amostra (MS e FDN), em triplicata em banho maria a 39ºC. A produção cumulativa de gás foi obtida nos tempos 1, 2, 3, 4, 5, 6, 12, 18, 24, 30, 36, 48, 60 e 72 horas. A cinética da produção cumulativa de gás para a MS e FDN foi analisada utilizando-se o modelo Vt = Vt1/(1 + exp(2 + 4m(L -- T))) e SDN pelo modelo Vt = Vt1 x (1 -- exp (-m x T)). A produção cumulativa de gás da fração SDN foi obtida pela diferença entre a produção cumulativa da MS e FDN. O armazenamento da casca e polpa desidratada de café melhorou a taxa de degradação e reduziu a fração fibrosa e não degradável, disponibilizando açúcares solúveis para a flora ruminal. Na casca de café de todas as cultivares, a maximização da contribuição da fração de SDN e FDN na fermentação ocorreu, respectivamente, em torno de 24 e 48 horas. A máxima produção de gás na MS da polpa ocorreu entre 48 e 60 horas, para todas as cultivares, e foi conseqüência da máxima produção de gás da fração FDN ocorrida em torno de 60 horas. Longo período de colonização pode constituir limitação no uso da casca e polpa desidratada de café, na alimentação de ruminantes, comprometendo a utilização do alimento pelos microorganismos do rúmen, devido à rápida passagem pelo rúmen.

    Resumo em Inglês:

    The experiment was conducted utilizing hull and dehydrated pulp of coffee cultivars Catuaí, Rubi and Mundo Novo. Pulp was obtained by moist pulping in a mechanical pulper and dried up to 13% moisture. Materials were stored in raffia bags in ventilated, moistureless environment and sun sampled every 90 days. 400 mg of each sample (DM and NDF) were incubated in vitro in triplicates in a water bath at 39ºC. The cumulative gas production was obtained at 1,2,3,4,5,5,12, 18, 24, 30, 36 48 60 and 72 hours. The kinetics of the cumulative gas output for DM and NDF as determined using the model Vt = Vt1/(1 + exp(2 + 4m(L - T))) and SDN by the model Vt = Vt1 ´ (1 - exp(-m x T)). Cumulative gas production of the SDN fraction was obtained by the difference between the cumulative production from DM and NDF. Storage of hull and dehydrated coffee pulp improved the degradation rate, reduced fibrous and undegradable fractions, releasing soluble sugars for the ruminal flora. For coffee hulls of all cultivars, the maximum fermentation contribution of SDN and NDF took place respectively around 24 and 48 hours. The maximum gas production in pulp DM occurred between 48 and 60 hours in all cultivars and was a consequence of the maximum gas production by the NDF fraction, which peaked around 60 hours. Long colonization period may be a limitation to the use of hull and dehydrated coffee pulp in ruminant feeding, impairing feed utilization by ruminal microorganisms due to the rapid passage by the rumen.
  • Estimativas do Valor Energético a partir de Características Químicas e Bromatológicas dos Alimentos Ruminantes

    Cappelle, Edilson Rezende; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Silva, José Fernando Coelho da; Cecon, Paulo Roberto

    Resumo em Português:

    Devido à importância do valor nutritivo e à impossibilidade de se medir a energia disponível dos alimentos por intermédio de análises laboratoriais simples, realizou-se este trabalho, buscando relacionar a disponibilidade de energia com a composição dos alimentos obtida por análises rápidas e baratas. Foram utilizadas como fonte de dados todas as teses publicadas no Departamento de Zootecnia da UFV que continham a disponibilidade de energia dos alimentos, considerando os nutrientes digestíveis totais (NDT) e também as análises químicas e metabólicas das dietas. Montou-se um banco de dados, utilizando todos os resultados disponíveis, relacionando, por intermédio de equações de regressão, a energia disponível com as outras características dos alimentos, para estimar o valor do NDT. As equações de regressão obtidas apresentaram correlação positiva entre o valor do NDT e a digestibilidade e negativa com relação ao conteúdo de fibra. Pelos altos coeficientes de determinação encontrados e pela boa distribuição dos dados em torno das retas, concluiu-se que, desde que respeitadas as características das populações, as equações de regressão obtidas poderão ser usadas para estimar, com certa precisão, os valores de NDT.

    Resumo em Inglês:

    The work was conducted to relate the energy availability with the feedstuffs composition obtained form fast and cheap analysis, due to the importance of nutritive value and to the impossibility to measure the available energy of the feedstuffs by simple lab analysis. This work were carried out at the Universidade Federal de Viçosa (UFV) using as a data source all thesis published at the Animal Science Department that contained the energy of the feeds available considering the total digestible nutrients (TDN), and also the chemical and biological analysis of the diets. A data bank was made up using all available results relating by means of regression equations the available energy with the others feedstuffs characteristics to estimate the TDN value. The regression equations showed a positive correlation between the TDN value and digestibility and negative correlation in relation to the fiber content. Since the population characteristics are respected, the regression equations could be used to estimate, with certain accuracy, the TDN values.
  • Estimativas do Consumo e do Ganho de Peso de Bovinos, em Condições Brasileiras Ruminantes

    Cappelle, Edilson Rezende; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Silva, José Fernando Coelho da; Cecon, Paulo Roberto

    Resumo em Português:

    Avaliou-se a predição do consumo de matéria seca e do ganho de peso diário de bovinos feita pelo Cornell Net Carbohydrate and Protein System (CNCPS) para as condições brasileiras. Foram utilizadas, neste trabalho, como fonte de dados, algumas teses defendidas no Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Viçosa, que continham resultados referentes ao consumo e ganho de peso dos animais. Os dados disponíveis foram testados pelo CNCPS para comparar os consumos e os ganhos de peso observados e estimados. Os consumos observados variaram muito entre as categorias animais e foram sempre subestimados pelo CNCPS. As melhores predições de consumo foram para os novilhos abatidos aos 405 kg e 500 kg de peso vivo (PV), com maior porcentagem de concentrado na dieta. A equação de regressão Y OBS = 2,27107 + 0,96747 X CNCPS (r²=0,92; P<0,01) apresentou inclinação semelhante à da reta ideal (Y=X), podendo ser utilizada para estimar os consumos a partir de valores preditos pelo CNCPS. Os ganhos observados, quando comparados com os ganhos permitidos pelo CNCPS, apresentaram grandes variações, sendo as melhores predições de ganho de peso obtidas para novilhos abatidos com 450 e 500 kg de PV, alimentados com rações contendo volumoso e concentrado em proporções iguais, e para animais abatidos com 190 kg de PV. A equação de regressão Y OBS = 0,82032 + 0,11853 X CNCPS (r² = 0,08; P<0,05) não apresentou a mesma tendência da relação ideal, refletindo as variações nos ganhos observados e preditos. Conclui-se que o CNCPS apresentou boa predição do consumo de matéria seca, mas não foi adequado para predizer o ganho de peso.

    Resumo em Inglês:

    The dry matter intake and daily weight gain prediction of cattle by Cornell Net Carbohydrate and Protein System (CNCPS) for Brazilian conditions were evaluated. Several published thesis from Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Viçosa were used as a data source for this work, which contain results referent to dry matter intake and daily weight gain of the animals. The available data were tested by CNCPS to compare the estimate and absorved dry matter intake and daily weight gain. The observed dry matter intake ranged among the animal categories and was always underestimated by CNCPS. The best dry matter intake were predicted for steers slaughtered at 405 and 500 kg LW with higher concentrate level in the diet. The regression equation Y OBS = 2.27107 + 0.96747 X CNCPS (r² = 0.92; P<0.01) showed the same tendency as the ideal relation line (Y=X) and could be used to estimate the dry matter intake from the CNCPS predicted values. The observed daily weight gain when compared to the CNCPS predicted values present high variations, and the best daily weight gain was predicted for steers slaughtered at 450 and 500 kg LW fed diets with forage to concentrate rations one by one and for animals slaughtered at 190 kg LW. The regression equation Y OBS = 0.82032 + 0.11853 X CNCPS (r² = 0.08; P<0.05) did not present the same tendency as for the ideal straight line and showed changes on observed daily weight gain. CNCPS presented a good dry matter intake prediction, but was not adequate to predict the daily weight gain.
  • Níveis de Concentrado na Dieta de Bovinos F1 Limousin x Nelore: Peso dos Órgãos Internos e Trato Digestivo Ruminantes

    Gesualdi Júnior, Antonio; Veloso, Cristina Matos; Paulino, Mário Fonseca; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Gesualdi, Ana Cristina Ladeira de Souza; Cecon, Paulo Roberto

    Resumo em Português:

    Avaliaram-se os efeitos de cinco níveis de concentrado na matéria seca (25,0; 37,5; 50,0; 62,5; e 75,0%) e dois métodos de balanceamentos de rações sobre os pesos dos órgãos, das vísceras e do conteúdo do trato gastrointestinal (CTGI) de 45 bovinos F1 Limousin x Nelore, com 14 meses de idade e peso vivo médio inicial de 330 kg. O primeiro método de balanceamento tendeu a ser isoprotéico, com aproximadamente 12% de proteína bruta na matéria seca, e o segundo procurou atender às exigências de proteína metabolizável dos animais. Os animais receberam alimentação à vontade até atingir o peso de abate preestabelecido de 500 kg. Foi utilizado o feno de capim-coastcross como fonte de volumoso na dieta. O delineamento foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 5 x 2, com quatro repetições. Os balanceamentos foram igualmente efetivos, não interagindo com níveis de concentrado. Os pesos do CTGI e omaso diminuíram e os de fígado e gordura interna aumentaram linearmente, com a elevação dos níveis de concentrado. Os demais parâmetros não foram influenciados.

    Resumo em Inglês:

    An experiment was conducted to evaluate the effects of five concentrate levels as dry matter basis (25.0, 37.5, 50.0, 62.5 and 75.0%) and two diet balance methods on the digestive tract, internal organs weight and gastrointestinal fill of 45 crossbred F1 Limousin x Nelore young bulls, averaging 14 months of age and initial live weight of 330 kg. One diet balance method was almost isoprotein with 12% of crude protein and the other was attempted to attend the metabolizable protein requirements of animals. The animals were full fed up to the slaughter weight of 500 kg. The coastcross grass hay was used as roughage source in the diet. A completely randomized design in a 5 x 2 factorial arrangement, with four replicates, was used. The two diet balance methods resulted in equal animal performances and any connect with concentrate levels was found. The gastrointestinal fill and omasum weight decreased and liver and internal fat weight linearly increased as concentrate levels increased. The others parameters were not influenced by the concentrate levels.
  • Níveis de Energia na Dieta para Bubalinos em Crescimento Alimentados em Confinamento: 1. Desempenho e Bioquímica de Nutrientes Sangüíneos Ruminantes

    Franzolin, Raul; Silva, Juliano Roberto da; Ocampos, Dario

    Resumo em Português:

    Vinte e sete bubalinos em crescimento da raça Mediterrâneo foram mantidos em confinamento por cerca de 140 dias, visando avaliar os efeitos de diferentes níveis de energia ingerida sobre o desempenho e as concentrações de glicose, proteína total e uréia no sangue. Os tratamentos constituíram de três níveis de ingestão de energia: BE (Baixa Energia), RE (Requerida Energia) e AE (Alta Energia). RE foi calculado com 125 kcal/kg0,75/dia de energia metabolizável para mantença; BE com 20% abaixo e AE com 20% acima desse nível, adotando-se ganho diário médio de 800 g, correspondendo a 10 kcal de EM/g de ganho para animais até 250 kg e mais 0,02 kcal/kg de peso acima de 250 kg/g de ganho. Amostras de sangue foram colhidas em três períodos, ou seja, 44, 66 e 88 dias após o início do experimento. Houve diferenças significativas no ganho de peso médio diário entre BE (773,9 g), RE (942,8 g) e AE (1071,8 g) e nos níveis de uréia no soro. As ingestões médias de matéria seca (g/kg0,75) e de energia metabolizável estimadas (Mcal/animal/dia) foram, respectivamente: 89,54 e 17,13 para BE, 92,87 e 18,24 para RE e 95,66 e 20,94 para AE. Com base no ganho de peso obtido e na quantidade diária de energia metabolizável ingerida, concluiu-se que o requerimento de energia metabolizável total para bubalinos em crescimentos recomendado por KEARL (1982) encontra-se superestimado em média de 14,73%.

    Resumo em Inglês:

    Twenty-seven growing buffaloes of Mediterranean breed were maintained in feedlot for about 140 days with the objective to evaluate the effects of energy intake on the performance and blood serum concentrations of glucose, total protein and urea. The treatments were constituted of three different levels of energy intake: LE (Low Energy), RE (Required Energy) and HE (High Energy). RE was calculated with 125 kcal/kg0.75/day of metabolizable energy for maintenance; LE with 20% below and HE with 20% above of this level, adopting gain average daily of 800 g, corresponding to 10 kcal of EM/g of gain for animal up to 250 kg plus 0.02 kcal/kg of weight above 250 kg/g of gain. Blood samples were collected in three periods: 44, 66 and 88 days after beginning of the experiment. There were significant differences in the average weight daily gain among LE (773.9 g), RE (942.8 g) and HE (1071.8 g) and urea blood serum level. Average dry matter intake (g/kg0.75) and metabolizable energy estimated (Mcal/animal/day) were, respectively: 89.54 and 17.13 to LE, 92.87 and 18.24 to RE and 95.66 and 20.94 to HE. Based on the obtained weight gain and metabolizable energy daily quantity ingested, it was concluded that the total requirement of metabolizable energy for growing buffaloes recommended by KEARL (1982) finds overestimated on an average of 14.73%.
  • Níveis de Energia na Dieta para Bubalinos em Crescimento Alimentados em Confinamento: 2. Características da Carcaça Ruminantes

    Franzolin, Raul; Silva, Juliano Roberto da

    Resumo em Português:

    Quinze bubalinos em crescimento da raça Mediterrâneo foram alimentados em confinamento por aproximadamente 140 dias com o objetivo de avaliar os efeitos de três níveis de energia ingerida sobre as características de carcaça. Os animais foram abatidos quando atingiram peso vivo acima de 450 kg. As ingestões médias de energia metabolizável estimadas para os três tratamentos foram: 18,23, 19,54 e 21,74 Mcal/animal/dia. O peso médio de abate foi de 465 kg +/- 16,29 kg. Não houve diferenças significativas entre os tratamentos nos rendimentos de carcaça quente e fria (médias de 51,27 e 50,30%, respectivamente) e nos rendimentos dos cortes primários e secundários da carcaça, exceto para o coxão completo, que apresentou menor rendimento no nível médio de energia ingerida. Concluiu-se que não houve evidências de existirem diferenças nos rendimentos da carcaça e de seus cortes primários e secundários entre bubalinos consumindo três diferentes níveis de energia e que os bubalinos mostraram apresentar bom potencial de produção de carcaça e cortes comerciais nessas condições.

    Resumo em Inglês:

    Fifteen growing buffaloes of the Mediterranean breed were fed in feedlot for aproximately 140 days with the objective to evaluate three different levels of energy ingested on carcass characteristics. The animals were slaughtered when they reached body weight above 450 kg. The average body weight was 465 kg +/- 16.29 kg. The average metabolizable energy intake estimated for the three treatments were: 18.23, 19.54 and 21.74 Mcal/animal/day. There were no significant differences among treatments in the hot and cold dressing carcass (averages 51.27 and 50.30%, respectively) and carcass primary and secondary cut percentages, except for whole round that presented lower percentage in the intermediary level of energy ingested. It was concluded that there were no evidences of differences in the dressing carcass and of its primary and secondary cuts among buffaloes with three different levels of energy intake and that buffalo showed potential of carcass production with commercial cuts when fed in feedlot.
  • Padrão Nictemeral do pH Ruminal e Comportamento Alimentar de Cabras Leiteiras Alimentadas com Dietas Contendo Diferentes Relações Volumoso: Concentrado Ruminantes

    Gonçalves, André Luigi; Lana, Rogério de Paula; Rodrigues, Marcelo Teixeira; Vieira, Ricardo Augusto Mendonça; Queiroz, Augusto César; Henrique, Douglas Sampaio

    Resumo em Português:

    Os objetivos do presente estudo foram a caracterização do padrão nictemeral do pH ruminal e a avaliação do comportamento alimentar de cabras leiteiras alimentadas com dietas compostas por diferentes relações volumoso:concentrado. Foram utilizadas cinco cabras, com peso médio de 58 kg, não-lactantes, não-gestantes, fistuladas no rúmen, em cinco períodos experimentais. Cada animal foi observado em cada um dos cinco tratamentos, que consistiram das relações volumoso:concentrado de 100:0, 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80, em um delineamento em quadrado latino 5×5. As dietas foram fornecidas a cada 6 horas, buscando amenizar a variação dos níveis de pH ruminal, durante o período de 24 horas, para todos os tratamentos. Após a adaptação dos animais às dietas experimentais, estes foram observados por um período de 48 horas, no qual foi mensurado o pH ruminal a cada hora, bem como em outro período de mesma duração, em que se observou o comportamento a cada 10 minutos. Foi constatado que o nível de concentrado crescente resultou em decréscimo sobre o pH, cujos valores decresceram mais drasticamente em níveis acima de 60%. Observou-se também o efeito de tratamento sobre tempo de alimentação, ruminação e ócio. O tempo de alimentação foi maior para as dietas contendo valores acima de 60% de volumoso. A dieta contendo 100% de volumoso apresentou maior tempo de ruminação e menor ócio, seguida das dietas contendo 80 e 60% de volumoso, enquanto aquelas contendo 40 e 20% apresentaram menor tempo de ruminação e maior ócio.

    Resumo em Inglês:

    The objectives of the present study were to characterize nictemeral pattern of ruminal pH and feed behavior of dairy goats fed diets presenting different ratios of roughage:concentrate. Five non pregnant non lactating goats, ruminally cannulated, and averaging 58 kg were used during the five experimental periods. A 5x5 Latin square was used to evaluate five treatments consisted of roughage to concentrate ratio of 100:0, 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80. Diets were fed every 6h in order to reduce ruminal pH variation during the 24h period. After adaptation to experimental diets, a 48h period was given to measure ruminal pH hourly for 24h, to be used as a covariate, following a study of feeding behavior where measurement was taken at every 10 minutes for the remaining 24h period. It was observed that increasing level of concentrate resulted in reduction of pH, especially when concentrate accounted for more than 60%. Treatment effect was also observed on time spent eating, ruminating and idling. Time spent eating was greater as percentage of roughage in the diet increased, especially over 60%. Roughage content of 100% presented the highest value of rumination time and the lowest value for idle, following diets containing 80 e 60% respectively. There were no difference between diets containing 40 e 20% roughage, which presented the lowest value for rumination and the highest for idle time.
  • Degrabilidade Ruminal da Matéria Seca e da Fibra em Detergente Neutro de Alguns Volumosos Utilizados na Alimentação de Cabras Leiteiras, Submetidas a Dietas com Diferentes Relações Volumoso: Concentrado Ruminantes

    Gonçalves, André Luigi; Lana, Rogério de Paula; Rodrigues, Marcelo Teixeira; Vieira, Ricardo Augusto Mendonça; Queiroz, Augusto César de; Henrique, Douglas Sampaio

    Resumo em Português:

    Os objetivos do presente estudo foram a caracterização e a determinação das estimativas dos parâmetros relativos à cinética de degradação ruminal dos carboidratos contidos nas amostras dos volumosos feno de alfafa, capim-elefante, feno de Tifton 85 e silagem de milho em cabras submetidas a diferentes relações volumoso:concentrado, por meio das técnicas in situ e in vitro. Para a determinação da digestibilidade in situ, foram utilizadas cinco cabras Alpinas, não-gestantes, não-lactantes, com peso médio de 58 kg, fistuladas no rúmen. Para o ensaio de digestibilidade in vitro, utilizou-se tampão de McDougall, adaptado por Gonzáles, ajustados para os pHs observados nos animais, conforme a relação volumoso:concentrado (100:0, 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80), com solução de ácido cítrico 1 M. Utilizou-se o delineamento estatístico em quadrado latino 5´5. A partir dos resultados observados, pode-se sugerir que houve influência significativa da relação volumoso:concentrado sobre a digestibilidade ruminal dos volumosos avaliados, para todas as frações analisadas, uma vez que o efeito associativo desta relação possibilitou aumento da degradação, em certa faixa de pH (6,8 a 6,2), em detrimento de sua redução em pH inferior a 6,0. O período de latência sofreu decréscimo, quando o pH passou de 7,05 para 6,8, mantendo-se estável até 6,5, a partir do qual ocorreu incremento significativo para todos os volumosos, principalmente quando atingiu pH inferior a 6,0. As incubações in situ e in vitro resultaram em curvas de degradação da matéria seca semelhantes em seus formatos para todos os alimentos avaliados, que apresentaram também valores bem próximos para as taxas de degradação. Porém, vale ressaltar que a comparação entre os parâmetros cinéticos observados nos métodos in situ e in vitro é desnecessária, uma vez que os objetivos de cada técnica são diferentes. Dessa forma, ambos os métodos podem ser utilizados com confiabilidade para predizer os parâmetros observados.

    Resumo em Inglês:

    The objectives of the present study were to characterize and determine the parameters estimative of kinetics of carbohydrate degradation of alfalfa hay, elephant grass, tifton 85 hay, and corn silage, in different ratios of roughage:concetrate, using both in situ and in vitro technique. Five non pregnant non lactating goats, rumen cannulated, and averaging 58 kg were used during the experimental periods. A modified McDougall buffer was used for the in vitro assay to adjust pH to the values observed in the animals, by adding 1M of citric acid solution according to the roughage:concentrate studied. A 5x5 Latin square was used to evaluate five treatments consisted of roughage to concentrate ratio of 100:0, 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80. It is suggested a significant influence of level of concentrate on ruminal digestibility of forages for all fractions studied. Associative effects of roughage and concentrate resulted on increment of degradation in the pH range of 6.2 to 6.8. Conversely a decrease on degradability was observed as pH reached values bellow 6.0. Lag time decreased as pH changed from 7.05 to 6.8 and maintained stable until 6.5, and a significant increase on lag values was observed thereafter, being noticed higher values at pH bellow 6.0 for all forages. Both in situ and in vitro incubation resulted in degradation curves of dry matter that were similar in shape for all feed studied as well as for rates of degradation. Thus it was suggested that both methods can be considered reliable to predict the observed parameters.
  • Cinética de Degradação de Alguns Volumosos Usados na Alimentação de Cabras Leiteiras por Intermédio da Técnica de Produção de Gases sob Diferentes Níveis de pH Ruminantes

    Gonçalves, André Luigi; Lana, Rogério de Paula; Rodrigues, Marcelo Teixeira; Vieira, Ricardo Augusto Mendonça; Queiroz, Augusto César; Henrique, Douglas Sampaio

    Resumo em Português:

    Os objetivos do presente estudo foram a caracterização e a determinação das estimativas dos parâmetros relativos à cinética de degradação ruminal dos carboidratos contidos nas amostras dos volumosos feno de alfafa, capim-elefante, feno de Tifton 85 e silagem de milho em cabras submetidas a diferentes relações volumoso:concentrado. Os parâmetros cinéticos da degradação ruminal da matéria seca e da fibra em detergente neutro destes volumosos, submetidos a diferentes níveis de pH, foram estimados por meio de incubações anaeróbicas, usando as técnicas da produção cumulativa de gases e de subtração de curvas e contrastado com os resultados obtidos por intermédio das técnicas in sito e in vitro, para os parâmetros de degradabilidade específica (DE) e taxa de digestão da fração insolúvel potencialmente digerível (c). A interpretação cinética foi feita pelo modelo logístico V(t) = Vf /(1+exp(2+4c(L-T))). No ensaio de digestibilidade, utilizou-se o tampão de McDougall, adaptado por Gonzáles, ajustado com solução de ácido cítrico 1 M, para os pHs observados nos animais, conforme a relação volumoso:concentrado (100:0, 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80). Observou-se comportamento similar nas curvas da degradabilidade específica, bem como para a taxa de digestão da fração insolúvel potencialmente digerível, o que confirma a interferência do nível do pH sobre os parâmetros relativos à cinética de degradação ruminal dos carboidratos. As leituras de produção de gás resultaram em menores coeficientes de variação para a cinética de degradação da MS, mas apresentaram valores inferiores aos obtidos pelas técnicas in situ e in vitro. Já para a FDN, mostraram valores e comportamento bem próximos dos obtidos pelas outras técnicas. Conclui-se que as estimativas das taxas de degradação ruminal da FDN podem ser realizadas precisamente pela técnica da produção de gás.

    Resumo em Inglês:

    The objectives of the present study were to characterize and estimate parameters of kinetics of carbohydrate degradation using alfalfa hay, elephant grass, tifton 85, and corn silage, fed to dairy goats under different forage: concentrate ratio. Kinetic parameters of dry matter and neutral detergent fiber degradation at different pH values were estimated by using cumulative gas production technique and their values contrasted with those obtained by both in vitro and in situ studies. Kinetic interpretation for specific degradability, rate of degradation and the potentially digestible insoluble fraction was done by using the logistic model V(t) = Vf / (1+exp(2+4c(L-T))). A modified McDougall buffer was used for the in vitro assay to adjust pH to the values observed in the animals, by adding 1M of citric acid solution according to the roughage to concentrate ratio studied of 100:0, 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80. Similar pattern was found for extent and rate of degradation of the potentially digestible insoluble fraction which confirm the interference of pH on kinetic parameter of carbohydrates in the rumen. Gas production approach yielded the lowest variation coefficient for the values of dry matter degradation but lower figures were found as compared to both in situ and in vitro techniques. Similar values were found for NDF as the three approaches were compared and it was suggested that they can be used interchangeably to precisely estimate NDF degradation.
  • Digestibilidade Aparente da Proteína Bruta e dos Componentes da Parede Celular de uma Ração Completa, com Bovinos de Diferentes Grupos Genéticos Ruminantes

    Lançanova, José Antônio Cogo; Oliveira, Mauro Dal Secco de; Pacola, Laércio José; Vilela, Lucia Maria Ribeiro; Malheiros, Euclides Braga; Ruggieri, Ana Cláudia; Vieira, Paulo de Figueiredo

    Resumo em Português:

    Avaliaram-se os coeficientes de digestibilidade do extrato etéreo (EE), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), hemicelulose (HCEL) e celulose (CEL) de uma ração completa, composta por 44,3% de feno de braquiária, 55% de concentrado e 0,7% de mistura mineral, fornecida a bovinos de diferentes grupos genéticos (Gir, Nelore, Guzerá, Santa Gertrudis e Caracu), pelas metodologias de coleta total de fezes e com indicador interno (lignina em detergente ácido - LDA), em delineamento inteiramente casualizado, com três repetições por grupo genético, com análise de variância individual dentro de cada metodologia e uma análise de correlação entre as metodologias. Não houve diferença entre grupos genéticos para a digestibilidade de EE, PB, FDN, FDA, HCEL e CEL, pelas metodologias de coleta total de fezes e com LDA, com médias de 44,28 e 40,38%; 52,46 e 49,51%; 57,04 e 54,25%; 37,71 e 34,04%; 71,66 e 69,68%; e 48,27 e 45,20%, respectivamente. As digestibilidades da PB, FDA e CEL não mostraram correlação. A LDA foi eficiente na estimativa da digestibilidades e os nutrientes foram utilizados de forma semelhante pelos diferentes grupos genéticos.

    Resumo em Inglês:

    The digestibility of ether extract (EE), crude protein (CP), neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (ADF), hemicellulose (HCEL) and cellulose (CEL) of a total ration was evaluated. The ration, composed by 44.3% Brachiaria hay, 55% concentrate and 0.7% mineral mixture, was fed to animals of different genetic groups (Gyr, Nellore, Guzera, Santa Gertrudis and Caracu), using total feces collection and internal marker (acid detergent lignin - ADL). The data were analyzed in a completely randomized design, with three replications for genetic group, with analysis of variance for both technique and correlation analysis between them. There were no differences among genetic groups for digestibility of EE, CP, NDF, ADF, HCEL and CEL using total feces collection and ADL, with averages of 44.28% and 40.38%; 52.46% and 49.51%; 57.04% and 54.25%; 37.71% and 34.04%; 71.66% and 69.68%; 48.27% and 45.20%, respectively. Digestibility for CP, ADF and CEL did not show correlation. ADL was efficient to estimate digestibility, and nutrients were used in a similar way for the different genetic groups.
  • Estimativa do Consumo Voluntário do Capim-Tanzânia (Panicum maximum, Jacq. cv. Tanzânia) por Vacas em Lactação sob Pastejo Rotacionado Ruminantes

    Lima, Maria Lúcia Pereira; Berchielli, Telma Teresinha; Nogueira, José Ramos; Ruggieri, Ana Cláudia; Aroeira, Luiz Januário Magalhães; Salman, Ana Karina Dias; Soares, João Paulo Guimarães

    Resumo em Português:

    O estudo foi conduzido numa área de capim-Tanzânia (Panicum maximum), manejada em pastejo rotacionado para estimar o consumo de matéria seca de vacas em lactação. Os três tratamentos foram: vacas mestiças alimentadas com 3 kg de concentrado e vacas mestiças e Zebu (Gir) sem suplementação com concentrado. Observou-se uma quantidade de 7340,2 kg de matéria seca (MS) /ha de forragem disponível antes da ocupação e de 5.639,5 após o 3° dia de ocupação. O consumo de MS de capim-Tanzânia foi 8,26 ± 5,66, 11,01 ± 5,37 e 9,55 ± 2,31 kg de MS/vaca/dia ou 2,15%, 2,37% e 2,34% do peso vivo, respectivamente para as vacas suplementadas, cruzadas não suplementadas e vacas Zebu . A média da produção de leite foi maior para o grupo suplementado (11,98 kg/vaca/dia). A produção de leite observada para as vacas não suplementadas foi similar. Produção de leite de 6,53 foi obtida pelas vacas cruzadas não suplementadas e 5,46 por vaca/dia foi produzida pelas vacas Zebu.

    Resumo em Inglês:

    The trial was carried out in a Tanzania grass (Panicum maximum) pasture, rotationally grazed by lactating cows, to estimate the dry matter intake. Three treatments were tested: crossbred cows fed 3 kg per day of concentrate and crossbred and Zebu cows (Gyr) without concentrate supplementation. The forage availability was 7,340.2 kg of dry matter (DM) /ha before and 5,639.5 after the 3rd grazing day. The Tanzania grass DM intake was 8.26 ± 5.66, 11.01 ± 5.37 and 9.55 ± 2.31 kg of DM/cow/day per day or 2.15, 2.37 and 2.34% of live weight, respectively, for the supplemented crossbred cows and non supplemented crossbred and Zebu cows. The average milk production was higher for the supplemented group (11.98 kg/cow/day). The milk production observed by the non supplemented cows was similar. Milk yield of 6.53 was obtained for non supplemented crossbred cows and 5.46 kg per cow/day was performed for the Zebu cows.
  • Inoculação Microbiana da Alfafa para Ensilagem sobre a Digestibilidade Aparente em Carneiros Ruminantes

    Rodrigues, Paulo Henrique Mazza; Andrade, Stefano Juliano Tavares de; Almeida, Luis Fernando Simões de; Meyer, Paula Marques; Lima, Felix Ribeiro de; Lucci, Carlos de Sousa

    Resumo em Português:

    Foram objetivos do presente estudo avaliar os efeitos da inoculação microbiana da silagem de alfafa sobre a digestibilidade total em carneiros. Doze carneiros machos e castrados foram distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado e os tratamentos corresponderam a silagem pré-secada de alfafa (média de 35,7% de MS e 19,6% de PB) controle ou inoculada com o produto Silobac (Lactobacillus plantarum e Pediococcus pentosaceus). O experimento teve duração total de 21 dias, sendo os cinco últimos destinados à coleta de fezes e urina. A inoculação aumentou a digestibilidade total da MS (inoculado = 62,5% vs. controle = 59,5%), dos ENN (70,9% vs. 65,7%), da FDN (53,8% vs. 48,8%), da FDA (52,5% vs. 44,7%), do amido (84,0% vs. 80,2%), o NDT (59,5% vs. 56,7%) e o consumo de MS (2,82 vs. 2,48% do PV), mas não alterou a digestibilidade total da PB (73,9% vs. 73,2%), EE (50,7% vs. 54,3%), FB (47,1% vs. 43,9%) ou a retenção nitrogenada (3,27 vs. 2,86 g de N/animal/dia).

    Resumo em Inglês:

    This study was conducted to evaluate the effects of microbially inoculated alfafa silage on total digestibility in wethers. Twelve wethers were randomly assigned to two treatments: alfalfa haylage (35.7% DM and 19.6% CP, on average) control or microbially inoculated with Silobac product (Lactobacillus plantarum and Pediococcus pentosaceus). The experimental period extended for twenty-one days, the last five used for feces and urine collection. The inoculation increased total digestibility of DM (inoculated = 62.5% vs. control = 59.5%), NFE (70.9% vs. 65.7%), NDF (53.8% vs. 48.8%), ADF (52.5% vs. 44.7%), starch (84.0% vs. 80.2%), TDN (59.5% vs. 56.7%) and DM intake (2.82 vs. 2.48% of BW), but it did not influence total digestibility of CP (73.9% vs. 73.2%), EE (50.7% vs. 54.3%), CF (47.1% vs. 43.9%) or N retention (3.27 vs. 2.86 g of N/animal/day).
  • Efeito da Suplementação de Lipídios na Ração sobre a Produção de Ácido Linoléico Conjugado (CLA) e a Composição da Gordura do Leite de Vacas Ruminantes

    Santos, Ferlando Lima; Silva, Marco Túlio Coelho; Lana, Rogério de Paula; Brandão, Sebastião César Cardoso; Vargas, Luiz Henrique; Abreu, Luiz Ronaldo de

    Resumo em Português:

    O objetivo deste trabalho foi verificar o efeito de fontes de lipídios (soja integral moída ou óleo de soja) adicionados à dieta sobre o perfil de ácidos graxos da gordura do leite, especialmente sobre o aumento do CLA. Foram utilizadas 6 vacas multíparas 7/8 holandês-zebu, 30 dias após o parto, com peso vivo médio de 500 kg e produção média de 20 quilos de leite ao dia. Os animais foram divididos em três grupos para recebimento das dietas (tratamentos), isoprotéicas e isoenergéticas, em que o tratamento controle continha 3% de extrato etéreo na ração total e os demais 7%. Os tratamentos contendo fontes de lipídios, quando comparados com o controle, diminuíram o percentual de ácidos graxos de cadeia curta e diminuíram os teores dos ácidos butírico, capróico, caprílico, cáprico, láurico, mirístico e o percentual de ácidos graxos saturados. Os mesmos tenderam, ainda, a reduzir os teores de ácido palmítico e palmitoléico e tenderam a aumentar o percentual de ácidos graxos insaturados e de cadeia longa. Por outro lado, esses tratamentos aumentaram o teor de ácido esteárico e tenderam a aumentar os teores de ácido oléico e CLA. O óleo de soja, comparado ao grão de soja moído, diminuiu os teores de ácido linoléico e linolênico e aumentou o CLA, tendeu a aumentar o teor de ácidos graxos não identificados e a diminuir os ácidos graxos saturados. Concluindo, a inclusão de óleo de soja na dieta, e não soja grão, aumenta o teor de CLA na gordura do leite.

    Resumo em Inglês:

    The objective of this work was to verify the effects of lipid sources (ground soybean and soybean oil) added to the diet on the fatty acids profile of milk fat, specially in the increasing of CLA. Six multiparus 7/8 Holstein-Zebu cows, 30 days after calving, with average body weight of 500 kg and average milk production of 20 kg/day, were used. The animals were divided in three groups in order to receive isoprotein and isocaloric diets (treatments), in which control diet had 3% ether extract in total dry matter and the others 7%. Comparing to the control one, the treatments containing supplementar lipids, decreased the percentage of short chain fatty acids and decreased the content of butyric, caproic, caprilic, capric, lauric, miristic and the percentage of saturated fatty acids. There was still a trend for reduction in the content of palmitic and palmitoleic acids and a trend for increasing the percentage of unsaturated fatty acids and long chain fatty acids. Supplementar lipids increased stearic acid and tended to increase oleic acid and CLA. Soybean oil, compared to ground soybean, decreased the content of linoleic and linolenic acids and increased CLA, tended to increase the content of undentified fatty acids and tended to decrease the saturated fatty acids. In conclusion, adding soybean oil and not crushed soybean in the diet increased the content of CLA in milk fat.
  • Transmissão de Radiação Ultravioleta Através do Pelame e da Epiderme de Bovinos Ruminantes

    Silva, Roberto Gomes da; La Scala Jr., Newton; Pocay, Priscila Lombardi Bersi

    Resumo em Português:

    A transmissão de radiação ultravioleta de comprimentos de onda entre 250 e 360 nm através do pelame e da epiderme de bovinos foi determinada em laboratório, usando-se amostras de couro de animais recém-abatidos. A quantidade de radiação transmitida através do pelame depende da coloração e também das características estruturais do pelame (espessura da capa; comprimento, diâmetro, número e inclinação dos pêlos), pelas quais é definido o trajeto médio de um fóton pela massa de pêlos (L). A maior transmissão é proporcionada por pelames brancos com altos valores de L, ao passo que pelames negros em geral apresentam transmissão nula ou muito baixa. Quanto menos pigmentada a epiderme, maior a transmissão de radiação através da sua superfície. A melhor proteção é proporcionada por pelames negros com baixo valor de L sobre epiderme igualmente negra, mas em vista do aquecimento causado pela absorção de radiação térmica (em vacas Holandesas a temperatura das malhas negras atinge 44,1ºC ao mesmo tempo em que a das malhas brancas é 37,7ºC), a combinação ideal para ambientes tropicais é um pelame branco com baixo valor de L sobre epiderme negra, uma combinação dificilmente encontrada em animais de raças européias. Uma alternativa seria um pelame negro com um baixo valor de L. Animais vermelhos apresentam alta transmissão de radiação UV através da epiderme e do pelame, sendo desaconselhados para ambientes tropicais. Entretanto, foi observada uma vaca Holandesa com áreas isoladas de epiderme negra coberta com pelame branco, o que pode trazer perspectivas para uma seleção para combinações mais adequadas de epiderme e pelame em bovinos de raças européias.

    Resumo em Inglês:

    A laboratory study was carried on the transmission of ultraviolet radiation (UV, 250 to 360 nm wavelength) through the haircoat and the skin of cattle. Fresh samples of skin were measured under a solar simulator, taking account of the pigmentation of hair and skin and the structural characteristics of the haircoat (coat thickness, hair diameter, hair length, angle of the hairs to the skin surface, number of hairs per unit area), which defined the average free path length of a photon within the coat, L. White hairs with high L values showed the highest transmission coefficients, while black hairs presented in general very low or even nul transmission. The best protection against UV was given by black hairs with low L values over a black skin. However, because of the heating by absorption of thermal radiation (in a Holstein cow the temperature of the black spots reach 44.1ºC at the same time that of the white spots is 37.7ºC), the best choice for tropical environments will be a white coat with a low L value over a black skin. This is a combination hardly found in European cattle, however in the present study a Holstein cow was found with isolated areas of white hair over black skin. An alternative choice would be a black coat with a low L value. Red animals presented high UV transmission coefficients through both the coat and the skin, and are not good choices for tropical environments, unless they have also a high pigmented skin.
  • Uréia para Vacas em Lactação: 2. Estimativas do Volume Urinário, da Produção Microbiana e da Excreção de Uréia Ruminantes

    Silva, Rosângela Maria Nunes da; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Cecon, Paulo Roberto; Rennó, Luciana Navajas; Silva, Juliana Munique da

    Resumo em Português:

    Esta pesquisa foi desenvolvida, utilizando 15 vacas lactantes (Holandês x Gir) alimentadas à vontade com rações isoprotéicas constituídas de 60% de silagem e 40% de concentrado na matéria seca (MS) e 0; 0,7; 1,4; e 2,1% de uréia, correspondentes aos teores de 2,08; 4,01; 5,76; e 8,07% de proteína bruta na forma de compostos nitrogenados não-protéicos (NNP), com os objetivos de desenvolver metodologia não-invasiva, para estimar a produção de proteína microbiana, utilizando-se a excreção total de derivados de purinas (DP); avaliar as concentrações de creatinina, uréia e N-uréia no plasma e no leite; e comparar as excreções de DP e uréia obtidas a partir de coletas de urina total e spot. Os animais tinham peso vivo médio inicial de 511,8 kg e foram distribuídos ao acaso entre tratamentos. O período experimental teve duração de 90 dias para cada vaca, iniciando-se imediatamente após o parto. Os resultados obtidos foram avaliados estatisticamente por análises de variância e de regressão. As amostras de urina foram obtidas a partir de coletas com 24 horas de duração ou a partir de amostra de urina obtida aproximadamente 4 horas após a alimentação (urina spot), enquanto as de sangue foram obtidas 4 horas após o fornecimento do alimento. As concentrações de uréia e N-uréia no plasma e leite, assim como a excreção de creatinina, que apresentou valor médio de 23,60 mg/kg PV, não foram afetadas pela adição de quantidades crescentes de NNP à ração. As excreções urinárias de uréia, alantoína, ácido úrico e DP, as purinas absorvidas e a produção de N microbiano não foram influenciadas pela dieta. As excreções diárias estimadas de uréia, alantoína e ácido úrico seguiram o mesmo padrão obtido pela coleta de 24 horas de duração. Amostra spot de urina foi capaz de estimar satisfatoriamente a excreção de DP e, subseqüentemente, a produção de N microbiano.

    Resumo em Inglês:

    This research was carried out, using 15 dairy cows (Holstein x Gyr) full fed isoproteic diets with 60% silage and 40% concentrate in the dry matter (DM) basis and 0, 0.7, 1.4, and 2.1% urea correspondent to 2.08, 4.01, 5.76, and 8.07% of crude protein levels in the form of non protein nitrogen compounds (NNP), with the objectives to a non invasive methodology, to estimate the microbial protein production, using the total excretion of purine derivatives (PD); to evaluate the concentrations of creatinine, urea and N-urea in the plasma and in the milk; and to compare the PD and urea excretions obtained from total urine and spot collections. The animals averaging initial live weight of 511.8 kg were randomized allotted to the treatments. The experimental period last 90 days for each cow, starting immediately after calving. The results were interpreted by variance and regression analyses. The urine samples were obtained from 24-h collections or from urine sample obtained, approximately, four hours post feeding (spot urine), while the blood samples were obtained four hours post feeding offer. The urea and N-urea concentrations in the plasma and in the milk, as well as the creatinine excretion, that showed average value of 23.60 mg/kg LW, were not affected by the addition of increasing NNP levels to the diet. The urinary excretions of urea, allantoin, uric acid and PD, the absorbed purines and the microbial N production were not influenced by dietary NNP levels. The daily estimated excretions of urea, allantoin and uric acid followed the same pattern obtained by the 24-h collection. Urine spot sample was satisfactory to estimate the PP excretion and, subsequently, the microbial N production.
Sociedade Brasileira de Zootecnia Universidade Federal de Viçosa / Departamento de Zootecnia, 36570-900 Viçosa MG Brazil, Tel.: +55 31 3612-4602, +55 31 3612-4612 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: rbz@sbz.org.br