• Saccharomyces cerevisiae as probiotic for Nile tilapia fingerlings submitted to a sanitary challenge Aqüicultura

    Meurer, Fábio; Hayashi, Carmino; Costa, Mateus Matiuzzi da; Freccia, André; Mauerwerk, Marlize Terezinha

    Abstract in Portuguese:

    Este experimento foi realizado com o objetivo de avaliar a utilização de levedura Saccharomyces cerevisiae (SC) como probiótico em rações para alevinos de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus) submetidos a desafio sanitário. Foram utilizados 60 alevinos com 30 dias de idade, pesando 0,45 ± 0,02 g e medindo 3,10 ± 0,14 cm, distribuídos em delineamento completamente casualizado com dois tratamentos e seis repetições em 12 aquários de 50 L. Como desafio sanitário, cada aquário recebeu diariamente, durante o período experimental, o equivalente a 0,5 mL de esterco suíno in natura. Os tratamentos consistiram de uma ração com (0,1% SC) e sem probiótico. Ao final do experimento, os alevinos foram contados, medidos e pesados. Foram também retirados e pesados os intestinos de dois alevinos de cada tratamento, escolhidos aleatoriamente. O conteúdo dos intestinos foi submetido à contagem do número de bactérias e coliformes totais presentes. O desempenho e a sobrevivência não foram influenciados pela inclusão de SC na dieta. A SC colonizou o intestino dos alevinos alimentados com a dieta com SC e não foi encontrada naqueles alimentados com a dieta sem probiótico. Não foram observadas diferenças no número de bactérias e coliformes totais por grama de conteúdo intestinal e por mL de água dos aquários. A utilização de Saccharomyces cerevisiae como probiótico em rações para alevinos de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus) promoveu a colonização no intestino dos peixes, entretanto, não influenciou o desempenho produtivo e a sobrevivência em sistema de cultivo com desafio sanitário.

    Abstract in English:

    The present experiment was carried with the objective to evaluate the Saccharomyces cerevisiae (SC) as probiotic in rations for Nile tilapia (Oreochromis niloticus) fingerlings submitted to a sanitary challenge. A total of 60 fingerlings with 30 days old, weighing 0.45 ± 0.02 g and 3.10 ± 0.14 cm were distributed to a completely randomized design with two treatments and six replications in 12 aquariums of 50 L. As a sanitary challenged each aquarium daily received, during the experimental period, an equivalent of 0.5 mL fresh swine manure. The treatments consisted of a ration with (0.1% SC) or without probiotic. At the end of the experiment the fingerlings were counted, measured and weighed. The intestines from two fingerlings randomly chosen were also removed and weighed per each treatment. Content of the intestines was submitted to a counting of the number of total bacteria and total coliformes presents. Performance and survival was not influenced by the inclusion of SC in the diet. The SC colonized the intestine of fingerlings fed with SC diet and was not observed in that fed with diets without probiotic. No differences were observed for the number of bacteria and total coliformes per g of intestinal content and per mL of water of the aquariums. The use of Saccharomyces cerevisiae as probiotic in rations of fingerlings of Nile tilapia (Oreochromis niloticus) promoted the colonization of the intestine of the fishes, however, no influenced the productive performance and survival in a culture system with sanitary challenge.
  • Deposition of conjugated linoleic acid (CLA) in Nile tilapia Aqüicultura

    Santos, Lilian Dena dos; Furuya, Wilson Massamitu; Matsushita, Makoto; Silva, Lilian Carolina Rosa da; Silva, Tarcila Souza de Castro; Botaro, Daniele; Sales, Priscila Pinsetta

    Abstract in Portuguese:

    Objetivou-se avaliar a deposição de ácido linoléico conjugado (CLA) em filés de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus). Foram utilizados peixes com 121,08 ± 8,48 g, distribuídos em quatro caixas de cimento amianto (1,0 m³ cada uma) e arraçoados até saciedade aparente, duas vezes ao dia, durante 49 dias. Como alimento, utilizou-se ração comercial extrusada com 28% de PB e 3.000 kcal de energia digestível/kg, acrescida de 2% do produto comercial Luta-CLAâ (BASF Brasil). No início do experimento, cinco peixes foram coletados aleatoriamente como amostra controle (sem CLA). A cada sete dias, dois peixes de cada caixa foram coletados, pesados e filetados para determinação da taxa de deposição de CLA nos filés. As amostras de filés foram estocadas a -24ºC para análise do teor de lipídios totais e do perfil de ácidos graxos. A taxa de deposição de CLA foi determinada pela função de Gompertz (y = a . exp{-b . exp[-kt]}). O meio-tempo (T) para deposição de 50% do CLA foi estimado pela equação T = ln2/k, em que: T representa o meio-tempo; ln, o logaritmo Neperiano e k, a unidade de tempo que fornece a "velocidade" de deposição do CLA no tecido muscular da tilápia-do-nilo. A deposição máxima de CLA nos lipídios totais do filé de tilápias-do-nilo estimada pela função de Gompertz foi de 1,61 g/100 g de lipídios do filé. O meio-tempo de deposição de CLA nos lipídios do filé ocorre com 6,86 dias.

    Abstract in English:

    This study was carried out to determine the deposition of conjugated linoleic acid (CLA) in Nile tilapia Oreochromis niloticus fillet. Fish averaging 121.08 ± 8.48 g were distributed in four cement amianthus tank (1.0 m³ each) and hand fed to apparent satiation, two times a day for 49 days. As feed, an extruded commercial diet with 28% CP and 3000 kcal of digestible energy was utilized. A commercial CLA product (Luta-CLAâ, BASF) was added at 2% of the diet. At the beginning of the experiment, five fish were randomly collected as a control sample (without CLA). Weekly, two fish of each tank were collected, weighed and filleted for measurement of CLA deposition ratio in the fillets. The fillet samples were stored at -24ºC for total lipid and analyses of fatty acids profiles. The deposition rate of CLA was determined by Gompertz function (y = a . exp{-b . exp[-kt]}). Half time (T) to have 50% deposition of CLA was calculated by the equation T = ln2/k, where T is half time; ln is Napierian logarithm and constant k the time unit, which provides the "velocity" in the deposition of CLA in the Nile tilapia fillets. The maximum CLA deposition in the fish fillet lipids, estimated by the Gompertz function, was 1.61 g/100 g fillets lipids. Half time of CLA deposition in the fillet lipids occur within 6.86 days.
  • Calcium oxide as additive on the sugarcane ensilage Forragicultura

    Balieiro Neto, Geraldo; Siqueira, Gustavo Rezende; Reis, Ricardo Andrade; Nogueira, José Ramos; Roth, Marcella de Toledo Piza; Roth, Anna Paula de Toledo Piza

    Abstract in Portuguese:

    Foram avaliados os efeitos do óxido de cálcio aplicado no momento da ensilagem nas doses de 0,5; 1 e 2% sobre a composição química de silagens de cana-de-açúcar durante a fermentação e pós-abertura. Antes da ensilagem, doses crescentes de óxido promoveram redução dos teores de FDN, FDA e lignina e aumento da hemicelulose e da digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS). No momento da abertura dos silos, os teores de FDN e FDA foram superiores aos observados antes da ensilagem e menores nas silagens com doses mais altas de aditivo. Nesta mesma fase, quanto maior o nível do aditivo maior a DIVMS. Do momento da abertura ao 3º dia, não houve alteração significativa nos teores de PB, FDN, FDA, lignina e hemicelulose ou na DIVMS. O teor de FDN das silagens controle e com 0,5% de aditivo aumentou do 3º ao 6º dia. Silagens com 0,5% de cal tiveram aumento do teor de FDN também do 6c ao 9ºdia, enquanto, nas silagens com 1% de cal, esse aumento ocorreu do 3º ao 9º dia e, nas silagens com 2%, não houve alteração após abertura. Na silagem com 2% de óxido de cálcio, a maior recuperação de matéria seca digestível verdadeira e de CNF ocorreu na ensilagem e, naquelas com 1 e 2% de aditivo, após a abertura do silo. A adição de cal virgem reduziu o teor de FDN das silagens em todos os momentos e manteve o teor de FDN mais estável após abertura.

    Abstract in English:

    This research evaluated the addition of three levels of calcium oxide (0.5, 1.0, and 2.0%) at the sugar cane ensiling. Chemical composition was evaluated during fermentation and after silo opening. Before ensiling, increasing levels of calcium oxide reduced the NDF, ADF, and lignin concentration, and increased hemicellulose and in vitro true dry matter digestible-IVTDMD. At the silo opening, it was observed greater NDF and ADF concentration, compared to values observed before ensiling. The smallest values were observed on the treatments with greater additive application. In this same phase, the highest additive level resulted in the highest IVTDMD. The CP, NDF, ADF, lignin, hemicellulose, and IVTDMD did not present significant changes from the silos opening until the 3rd day of air exposure. The control and 0.5% calcium oxide silage presented significant increase on the NDF concentration from the 3rd to the 6th day of air exposure. Silages treated with 0.5% of calcium oxide increased the NDF concentration from the 6th to the 9th day. Silage treated with 1.0% of calcium oxide changed the composition from the 3rd to the 9th day. Silages with 2.0% of calcium oxide did not change the NDF concentration after silos opening. The IVTDMD and non-structural carbohydrates recovery increased on the silages treated with 2.0% of the additive at the ensiling and on those silages treated with 1.0 and 2.0%, the recovery was greater after the silo opening. Addition of calcium oxide reduced silage NDF concentration in all the phases, and it maintained more stable the NDF values after silo opening.
  • Influência do nitrogênio e do fósforo na produção do capim-braquiária Forragicultura

    Magalhães, Albertí Ferreira; Pires, Aureliano José Vieira; Carvalho, Gleidson Giordano Pinto de; Silva, Fabiano Ferreira da; Sousa, Ronaldo Silva; Veloso, Cristina Mattos

    Abstract in Portuguese:

    Este experimento foi conduzido para avaliar a produção de MS, a relação folha:colmo, o teor de PB e a eficiência de resposta ao nitrogênio da folha e do colmo do capim-braquiária adubado com diferentes doses de nitrogênio e de fósforo durante o verão. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado, com três repetições, em esquema fatorial 4 × 3, composto de quatro doses de nitrogênio (N) (0, 100, 200 e 300 kg/ha/ano), utilizando-se o sulfato de amônio, e três doses de P2O5 (0, 50 e 100 kg/ha/ano), utilizando-se o superfosfato simples. A quantidade de K aplicada foi de 40 kg/ha/ano. Os cortes (a 20 cm do solo) foram realizados em intervalos de 28 dias, totalizando três cortes durante o experimento. Após cada corte, foi realizada adubação, conforme os tratamentos. A adubação nitrogenada afetou a produção de MS, que apresentou valores máximos de 5.345,6 e 4.857,7 kg/ha para folha e colmo, respectivamente. A relação folha:colmo foi maior (1,31) na dose de N de 200 kg/ha, independentemente da dose de fósforo. A adubação nitrogenada teve efeito quadrático sobre o teor de PB das folhas e efeito linear sobre o teor de PB no colmo. A adubação com fósforo, no entanto, não teve efeito sobre essas variáveis. A eficiência de utilização do N teve efeito quadrático quando utilizadas doses crescentes de N. O ponto de máxima foi obtido com 245,3 kg de N, dose que proporcionou 18,84 kg de MS/kg de N.

    Abstract in English:

    This experiment was conducted to evaluate the DM production, leaf:stem ratio, CP content and leaf and stem efficiency response to nitrogen of Brachiaria decumbens Stapf. grass, fertilized with different N and P doses during the summer period. A completely randomized experimental design was used, with three replicates in a 4 x 3 factorial arrangement, composed by four N doses (0, 100, 200 and 300 kg/ha/year), using ammonium sulfate, and three P2O5 doses (0, 50 and 100 kg/ha/year), using super simple phosphate. The K amount applied was 40 kg/ha/year. The cuts (at 20 cm of the soil) were performed every 28 days, in a total of three cuts during the experiment. After each cut, fertilization was accomplished according to the treatment. N fertilization affected DM production, that showed maximum values of 5,345.6 and 4,857.7 kg/ha of leaf and stem, respectively. Leaf:stem ratio was greater (1.31) with 200 kg/ha N dose, independent of the phosphorus dose. N fertilization had quadratic effect on CP content of the leaves and linear effect on CP content of the stem. P fertilization, however, had no effect on these variables. The N efficiency of utilization had quadratic effect when increasing N doses were used. The point of maximum was 245.3 kg of N, dose that provided 18.84 kg of DM/kg of N.
  • Diferentes métodos de controle de plantas indesejáveis em pastagem nativa Forragicultura

    Pellegrini, Luiz Giovani de; Nabinger, Carlos; Carvalho, Paulo César de Faccio; Neumann, Mikael

    Abstract in Portuguese:

    O experimento foi desenvolvido em área de pastagem nativa representativa da transição entre a Serra do Sudeste e a Depressão Central do Rio Grande do Sul, onde as espécies indesejáveis foram representadas especialmente por carqueja (Baccharis trimera (Less.) DC.), caraguatá (Eryngium horridum (Spreng.) Less.) e alecrim (Vernonia nudiflora Less.). Foram avaliados os efeitos iniciais de dois métodos de controle de espécies indesejáveis (até 60 dias após aplicação) sobre a produção de forragem, a dinâmica da vegetação e a eficiência de controle: sem-controle; controle mecânico; e controle químico (herbicida comercial à base de Picloram [64 g/L] + 2,4-D [240 g/L], na dosagem de 5 L do produto comercial/ha). Os tratamentos foram arranjados em um delineamento em blocos ao acaso, com quatro repetições. A massa gramíneas verdes secas e a massa total de MS não diferiram entre os métodos de controle. Foram obtidos valores de 587,9; 472,0 e 0 kg de MS com o controle mecânico, o controle químico e sem-controle, respectivamente, o que comprova influência do método de controle sobre a massa de forragem de leguminosas. A eficiência de controle das espécies indesejáveis, em comparação à ausência de controle, foi de 76,2% para o controle químico e 27,9% para o controle mecânico. A eficiência de controle de espécies, sob aspectos de freqüência dos componentes da pastagem, evidenciou que o controle mecânico não foi eficiente aos 60 dias após aplicação no controle de plantas de alecrim no segundo toque (-27,7%) e plantas de caraguatá no primeiro toque (-30,0%).

    Abstract in English:

    The study was conducted in a representative native pasture area in the transition between the Serra do Sudeste and Depressão Central of RS. The main undesirable species were represented by: carqueja (Baccharis trimera (Less.) DC.), caraguatá (Eryngium horridum (Spreng.) Less.) and alecrim (Vernonia nudiflora Less). It was evaluated the initial effect (until 60 days after application) of two methods of controlling undesirable plants on forage production, vegetation dynamics, and control efficiency: T1 - without control (control, SC), T2 - mechanical control (mechanic control, CM) and T3 - chemical control (commercial herbicide composed by Picloram (64 g/L) + 2.4-D (240 g/L), in the dosage of 5 L commercial product/ha, CQ). The treatments were organized in a complete block design, with four replications. There were no differences among treatments for the green dry matter of grasses and total DM. The forage legume biomass differed among treatments, with values of 587.9, 472.0 and 0 kg/ha of DM in the CM, CQ and SQ, respectively. The control efficiency of undesirable species in this study was 76.2% for CQ and 27.9% for CM when compared to SC. The species control efficiency, in terms of frequency of pasture components, showed that the CM treatment was not efficient at 60 days after treatment application in the control of Vernonia nudiflora (Alecrim) in the second touch (-27.7%) and Eryngium horridum (Caraguatá) in the first touch (-30.0%).
  • Características estruturais do dossel de pastagens de capim-tanzânia mantidas sob três períodos de descanso com ovinos Forragicultura

    Silva, Rodrigo Gregório da; Cândido, Magno José Duarte; Neiva, José Neuman Miranda; Lôbo, Raimundo Nonato Braga; Silva, Divan Soares da

    Abstract in Portuguese:

    Avaliou-se a estrutura do dossel em pastagem de Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia sob lotação rotativa com três períodos de descanso (PD), definidos de acordo com o tempo para a expansão de 1,5; 2,5 e 3,5 novas folhas por perfilhos ao longo dos ciclos de pastejo. Estimaram-se as produções de massa seca de lâmina verde (MSLV), colmo verde (MSCV), de forragem morta (MSFM) e de altura; as relações folha-colmo (F/C), material vivo-morto (MV/MM), no pré e pós-pastejo; as taxas de crescimento da cultura (TCC) e acúmulo de forragem (TAC), a densidade populacional de perfilhos (DPP) no pré-pastejo e o índice de área foliar residual (IAFr). Com o avançar dos ciclos de pastejo, as diferenças entre os três períodos de descanso para as variáveis altura, produção de MSLV e MSCV foram acentuadas, especialmente no final do período experimental. A quantidade de MSFM se manteve semelhante dentro de cada período de descanso ao longo dos ciclos de pastejo, porém, na média dos ciclos de pastejo, o período de descanso para expansão de 3,5 folhas foi superior. As relações F/C e MV/MM foram maiores nos piquetes mantidos sob os períodos de descanso para expansão de 1,5 e 2,5 folhas em relação ao de 3,5 folhas. Os maiores valores para TCC e TAC foram obtidos nos piquetes mantidos sob períodos de descanso para expansão de 2,5 e 3,5 folhas. A densidade de perfilhos foi maior nos piquetes mantidos sob período de descanso para expansão de 2,5 folhas em relação ao de 3,5 folhas. O período de descanso para expansão de folhas é o mais indicado para o manejo de pastagens de Panicum maximum cv. Tanzânia com ovinos, pois permite a obtenção de boas produções de folhas em relação aos colmos sem comprometer a densidade populacional de perfilhos. Entretanto, com esse período de descanso, verifica-se aumento da altura pós-pastejo, a qual deve ser controlada por meio de roçada mecânica ou manual.

    Abstract in English:

    The canopy structural traits of tanzaniagrass (Panicum maximum Jacq. cv Tanzania) pastures under three resting periods (PDs), defined as the time to complete the expansion of 1.5, 2.5, and 3.5 new leaves per tiller, along several grazing cycles (CPs), were evaluated. The following response variables were evaluated: green leaf dry matter mass (MSLV), green stem dry matter mass (MSCV), dead forage dry mass (MSFM), canopy height, leaf/stem and live/dead material ratios at pre- and post- grazing, crop growth rate (TCC) and net accumulation rate (TAC), tiller populational density (DPP) before grazing, and the residual leaf area index (IAFr). Differences among the PDs were acentuated toward the end of the experimental period for the variables canopy height, MSLV, and MSCV. The MSFM was not modified during the CPs in each PDs, but, averaging all the cycles, the 3.5 leaves PD pastures showed higher MSFM than the others. The leaf/stem and the live/dead material ratios were higher at the 1.5 and 2.5 leaves PDs pastures, than at the 3.5 leaves PD pasture. The 2.5 and 3.5 leaves PD pastures showed the highest TCC and TAC values. The DPP was higher at the 2.5 leaves PD pastures, than at the 3.5 leaves PD pasture. The PD for the expansion of 2.5 leaves per tiller is the better indication to manage Panicum maximum cv. Tanzânia pastures with sheep, because it promotes higher proportion of leaves, without decreasing the tiller population density. However, this management decision leads to higher post-grazing stubble height, which may need to be controled by manual or mechanical mowing.
  • Estimação de componentes de variância sob influência de genes de efeito principal, comparando-se metodologias Bayesiana e clássica sob diferentes cenários Melhoramento, Genética e Reprodução

    Assis, Giselle Mariano Lessa de; Carneiro Júnior, José Marques; Euclydes, Ricardo Frederico; Torres, Robledo de Almeida; Lopes, Paulo Sávio

    Abstract in Portuguese:

    Quatro diferentes tipos de população foram simulados com o objetivo de verificar a influência de genes de efeito principal e do tamanho da população na estimação de componentes de variância sob seleção. A estimação foi realizada por meio da utilização e comparação das metodologias clássica e Bayesiana (a Bayesiana com três níveis de informação a priori). As metodologias REML e Bayesiana com prior não-informativo, em geral, produziram resultados bastante semelhantes. Em populações cuja característica é governada por genes de efeito principal, as estimativas dos componentes de variância genética aditiva foram pouco acuradas, exceto quando se utilizou metodologia Bayesiana com prior informativo. A inclusão das informações de parentesco e dos registros de todos os indivíduos até a população-base mostrou-se necessária, exceto para populações grandes cuja característica é governada por elevado número de genes.

    Abstract in English:

    This study aimed to evaluate the effects of major genes and population size on variance components estimation using four different types of selected populations. Variance components were estimated by classical and Bayesian methodologies, with three a priori information levels. In general, results from REML and Bayesian analyses with flat priors were similar. Except for Bayesian analysis with an informative prior, additive genetic variance estimates were not accurate in populations in which the trait is controlled by major genes. The use of pedigree information and records of all individuals back to the base-population was necessary to improve accuracy of variance component estimates, except for large populations in which the trait is controlled by a large number of genes.
  • Efeitos da seleção para peso pós-desmame sobre características de carcaça e rendimento de cortes cárneos comerciais de bovinos Melhoramento, Genética e Reprodução

    Bonilha, Sarah Figueiredo Martins; Packer, Irineu Umberto; Figueiredo, Leopoldo Andrade de; Alleoni, Guilherme Fernando; Resende, Flávio Dutra de; Razook, Alexander George

    Abstract in Portuguese:

    Foram avaliados os efeitos da seleção para peso pós-desmame sobre características de carcaça e rendimento de cortes cárneos comerciais de 44 bovinos machos não-castrados selecionados ou não para peso aos 378 dias, nascidos em 1999, Foram utilizados animais dos grupos genéticos Nelore Seleção (NeS), Nelore Controle (NeC) e Caracu Seleção (Ca). Os animais foram distribuídos aleatoriamente em duas categorias experimentais: grupo de alimentação restrita (AR) e grupo de alimentação ad libitum (AL). Em ambas as categorias, foram alocados oito animais dos grupos genéticos NeS e Ca e seis animais do grupo NeC. O período experimental foi determinado pelo tempo de acabamento dos animais, ou seja, quando atingiram, no mínimo, 4 mm de espessura de gordura subcutânea, avaliada por ultra-som, sobre o músculo Longissimus dorsi, na posição entre a 12ª e 13ª costelas. Em cada grupo genético, à medida que o acabamento preconizado para cada animal da categoria AL foi atingido, o animal da categoria AR mais semelhante quanto ao peso e à condição corporal no início do experimento foi também abatido. O efeito do grupo genético foi significativo para a maioria das características estudadas, porém, não houve interação significativa entre grupos genéticos e regimes alimentares. Os animais Ca e NeS tiveram maiores pesos de abate, sendo que animais Ca necessitaram de mais tempo de confinamento para atingirem o ponto de acabamento preconizado. O maior peso de abate desses animais também influenciou outras características correlacionadas, como pesos de carcaça, traseiro, dianteiro e ponta-de-agulha. A seleção para peso aumentou os pesos de abate, de carcaça e dos cortes primários. Os animais NeS apresentaram carne menos macia, mas ainda dentro dos padrões de maciez considerados satisfatórios (força de cisalhamento abaixo de 5 kgf).

    Abstract in English:

    Data from 44 bulls of the genetic groups Selection Nellore (NeS), Control Nellore (NeC) and Caracu (Ca) herds born in 1999 were used to evaluate the effects of selection for post weaning weight on carcass traits and meat cuts yields at 378 days of age (P 378). The animals were randomly distributed into two experimental classes: restricted feeding (AR) and ad libitum feeding (AL) including 8 animals from the NeS and Ca groups and 6 animals from the NeC group. Animals of each class were slaughtered in pairs when the animals AL group reached 4 mm of ultrasonic fat thickness on Longissimus dorsi muscle, between the 12th and 13th ribs. The interaction between genetic group and feeding class was not significant for most of the traits evaluated. The genetic group effect was significant. Animals of the Ca and NeS groups were heavier at slaughter and Ca animals required longer feedlot period to reach the desired fat thickness. Higher slaughter weights of these animals changed their carcass, hindquarter, forequarter and spare ribs weights. The selection for P 378 in the Nellore group resulted in heavier weights at slaughter, heavier carcasses and primary cuts, but lower meat tenderness, although within reasonable values of shear force (below 5.0 kgf).
  • Efeito da seleção para peso pós-desmame sobre a composição corporal de bovinos Melhoramento, Genética e Reprodução

    Bonilha, Sarah Figueiredo Martins; Packer, Irineu Umberto; Figueiredo, Leopoldo Andrade de; Resende, Flávio Dutra de; Alleoni, Guilherme Fernando; Razook, Alexander George

    Abstract in Portuguese:

    Foi determinada a composição química corporal no peso de corpo vazio de 56 bovinos machos não-castrados selecionados ou não para peso aos 378 dias (P378), nascidos em 1999. Utilizaram-se animais dos grupos genéticos Nelore Seleção (NeS), Nelore Controle (NeC) e Caracu Seleção (Ca), distribuídos aleatoriamente em três grupos experimentais: AI - grupo de abate inicial; AR - grupo de alimentação restrita; e AL - grupo de alimentação ad libitum. No grupo de abate inicial, foram utilizados quatro animais por grupo genético e, nas categorias AR e AL, havia oito animais NeS e Ca e seis NeC. Após o período de adaptação, os animais do grupo AI foram abatidos e os demais foram submetidos ao ensaio de alimentação. O período experimental foi determinado pelo tempo de acabamento dos animais do grupo AL, ou seja, quando atingiram 4 mm de espessura de gordura, avaliada por ultra-som. Em cada grupo genético, à medida que o acabamento preconizado para os animais AL foi atingido, o animal AR com peso e condição corporal mais semelhante a esse no início do experimento também foi abatido. O efeito do grupo genético foi significativo, porém, não houve efeito da interação grupos genéticos × regimes alimentares sobre a maior parte das características estudadas. A seleção para peso pós-desmame não promoveu alterações indiretas na composição corporal. Animais Ca apresentaram porcentagens menores de gordura e maiores de proteína no corpo vazio, provavelmente em virtude do maior tamanho corporal desses animais.

    Abstract in English:

    Data from 56 bulls of the genetic groups Selection Nellore (NeS), Control Nellore (NeC) and Caracu (Ca) herds born in 1999 were used to evaluate the effects of selection for weight at 378 days of age (P 378) on the chemical composition of empty body weight. The animals were randomly distributed to three experimental classes: initial slaughter (AI), restricted feeding (AR) and ad libitum feeding (AL). The AI class included 4 animals of each genetic group and the AR and AL classes included 8 animals from the NeS and Ca groups and 6 animals from the NeC group. After the adaptation period was finished, animals of the AI class were slaughtered and those from the other classes (AR and AL) started the feeding period which was defined by the time required by the animals of the AL class to reach 4 mm of fat thickness. Animals of the AR class of all genetic groups were also slaughtered. The selection for post-weaning weight did not promote any change on body composition of the animals. The interaction between genetic group and feeding class was not significant for most of the traits evaluated. The genetic group effect was significant. Lower fat and higher protein percentages of empty body were observed in animals of the genetic group Ca, probably due to their larger mature body size.
  • Taxa de prenhez de vacas Nelore lactantes tratadas com progesterona associada à remoção temporária de bezerros ou aplicação de gonadotrofina coriônica eqüina Melhoramento, Genética e Reprodução

    Ereno, Ronaldo Luiz; Barreiros, Thales Ricardo Rigo; Seneda, Marcelo Marcondes; Baruselli, Pietro Sampaio; Pegorer, Marcelo Figueira; Barros, Ciro Moraes

    Abstract in Portuguese:

    Avaliaram-se os efeitos da remoção temporária de bezerros (RTB) ou da aplicação de gonadotrofina coriônica eqüina (eCG) na taxa de prenhez (TP) de vacas Nelore lactantes tratadas com um dispositivo intravaginal liberador de progesterona (DILP). No experimento 1, 83 vacas Nelore e 102 mestiças (Nelore × Red Angus) foram distribuídas em três grupos. Em dia aleatório do ciclo estral (D0), os animais do grupo 1 foram tratados com benzoato de estradiol (BE; 2,5 mg, IM, Estrogin®) e um DILP (1 g de progesterona, DIB®), removido no D9, quando também se administrou d-cloprostenol (150 µg, IM, Prolise®) e aproximadamente 12 horas após identificação do estro realizou-se a inseminação artificial. No grupo 2 (IATF), o tratamento foi semelhante ao aplicado no grupo 1, porém, administrou-se uma segunda dose de benzoato de estradiol (1 mg) no D10 e 30-36 horas mais tarde realizou-se a inseminação artificial em tempo fixo (IATF). No grupo 3 (IATF/RTB), os bezerros foram removidos a partir do D9 até a inseminação artificial com tempo fixo (IATF). As taxas de prenhez para as vacas Nelore e mestiças foram, respectivamente, de 7,69 e 41% (Controle); 23,52 e 59,57% (IATF); 69,44 e 55,81% (IATF/RTB). No experimento 2, 255 vacas Nelore lactantes foram distribuídas em três grupos. Os animais do grupo 4 (IATF) foram tratados com benzoato de estradiol (2 mg) e um DILP (1,9 g de progesterona, CIDR-B®) no D0 e no D8 sofreram remoção do DILP no D8 e administração de 25 mg de dinoprost (IM, Lutalyse®). No D9, foi aplicado benzoato de estradiol (1 mg) realizando-se a IATF 30-36 horas mais tarde. No grupo 5 (IATF/RTB), os bezerros foram removidos no D9 até a IATF. O grupo 6 (eCG) foi semelhante ao IATF, exceto pela aplicação de eCG no D9 (400 UI, IM, Novormon®). As taxas de prenhez foram de 50,57 (IATF), 53,57 (IATF/RTB) e 54,76% (eCG). A associação de RTB ao tratamento hormonal com DILP aumenta as taxas de prenhez, enquanto a adição de eCG ao tratamento não melhora as taxa de prenhez de vacas Nelore lactantes ciclando e em boa condição corporal.

    Abstract in English:

    This study aimed to evaluate the effects of temporary calf removal (TCR) or eCG administration on pregnancy rates of milking Nelore cows treated with a intravaginal progesterone releasing device (IPRD). In the first experiment 83 Nelore and 102 Nelore vs. Red Angus crossbred cows were randomly allocated to 3 groups. Animals in Group 1 (CON) received estradiol benzoate (EB; 2.5 mg, i.m., Estrogin®) and an IPRD (1g progesterone, DIB®) in a random stage of the estrous cycle (D0). At D9 the IPRD was removed and the animals were treated with d-cloprostenol (150µg, i.m., Prolise®). The animals were artificially inseminated (AI) 12 h after estrus detection. Group 2 (FTAI) was similar to CON, except that another dose of EB (1mg) was administered at D10, and 30-36 hours later artificial insemination (FTAI) was performed at a fixed time. In Group 3 (FTAI/TCR) the calves were removed from D9 to the FTAI. Pregnancy rates for Nelore and crossbred cows were, respectively, 7.69 and 41% (CON); 23.52 and 59.57 (FTAI); 69.44 and 55.81 (FTAI/TCR). In the second experiment, 255 lactating Nelore cows were allocated to 3 groups. At D0, animals in Group 4 (FTAI) received EB (2 mg) and one IPRD (1.9g progesterone, CIDR-B®), which was removed at D8 when the cows received 25 mg of dinoprost (i.m., Lutalyse®). At D9 EB (1 mg) was administered and 30-36 hours later all animas were FTAI. In Group 5 (FTAI/TCR) the calves were removed from D9 to FTAI. The Group 6 (eCG) was similar to IATF except for the administration of eCC in D9 (400 IU, i.m., Novormon®). Pregnancy rates were: 50.57% (FTAI), 53.57% (FTAI/TCR) and 54.76% (eCG). These results indicated that TCR associated with IPRD increase pregnancy rates, whereas the addition of eCG to IPRD do not improve pregnancy rates in Nelore cows which are cycling and in lactation with good body condition.
  • Valores genéticos para as produções de leite do dia do controle e da lactação na raça Holandesa com diferentes modelos estatísticos Melhoramento, Genética e Reprodução

    Melo, Cláudio Manoel Rodrigues de; Packer, Irineu Umberto; Costa, Claudio Napolis; Machado, Paulo Fernando; Patrício, Mateus

    Abstract in Portuguese:

    Foram utilizados 263.390 registros de produção de leite do dia do controle (PDC) de 32.448 primeiras lactações de vacas da raça Holandesa paridas no período de 1991 a 2001 para predizer valores genéticos usando diferentes modelos estatísticos e a metodologia REML. Valores genéticos estimados utilizando-se três modelos de regressão aleatória (MRA) foram comparados àqueles estimados utilizando-se um modelo de repetibilidade (MRF) e um modelo para produção até 305 dias (P305). Nos modelos de regressão aleatória, duas curvas foram utilizadas para descrever a trajetória da lactação: a polinomial logarítmica (AS) e a exponencial (W), sob duas formas: padrão e com uma modificação para reduzir a amplitude das covariáveis e contornar problemas de convergência (W*). As covariâncias requeridas foram estimadas em análises prévias utilizando-se as mesmas funções de covariância e mesmos modelos. Os desvios-padrão (DP) das estimativas de valores genéticos (EVG) para touros foram similares para os MRA com as curvas AS, W* e MRF. Os desvios-padrão das estimativas de valores genéticos para vacas e touros foram maiores nos modelos para ajuste das PDC que naquele para ajuste da P305. A magnitude das diferenças dos desvios-padrão entre modelos dependeu do número de controle, no caso de vacas, e do número de filhas, no caso de touros. Os desvios-padrão para o modelo W foram maiores, contudo, problemas de convergência ocorreram na fase de estimação dos componentes de covariância, o que exige cautela na interpretação dos resultados deste modelo. As correlações das estimativas de valores genéticos de touros preditas com os modelos testados aumentaram com o aumento no número de progênies e variaram de 0,66 (P305-W) a 0,92 (P305-AS, P305-W*). A tendência genética foi maior para os MRA e menor para MRF em comparação a P305. Os MRA possibilitam mais informações sobre as EVG que MRF por possibilitarem avaliação genética para persistência da produção de leite na lactação. Os resultados indicam o MRA com a curva de AS como o melhor modelo de ajuste das PDC alternativamente ao ajuste da P305 para avaliação genética dos animais da raça Holandesa no Brasil.

    Abstract in English:

    Data consisting of 263.390 test day records (PDC) of 32.448 first lactation Holstein cows were used to compare three random regression test-day models (RR), a repeatability test-day model (RM) and a 305-d lactation model (P305) for breeding value (EBV) prediction of milk yield. One RR model used the logarithmic function of Ali & Schaeffer (AS) and the other two models used the exponential Wilmink function in its standard form (W) and a modified form (W*). The required covariance parameters were previously estimated from the same covariance functions and models. Standard deviations (SD) of EBVs for bulls were similar for AS, W* and RM. SD of EBVs for cows were larger for test-day models than for P305 and for bulls they differed by -33.64 to +321.95 from the P305 depending on progeny number. SD of EBVs for bulls and cows for the W were the largest ones. Correlation between EBVs of P305 and EBVs of the other models for bulls increased as progeny number increased and ranged from 0.66 (P305-W) to 0.92 (P305-AS, P305-W*). Genetic trends were largest for RR and smaller for RM than for P305. RR models provide more information than the RM and describe the shape of the lactation curve from which EBVs for persistency can be derived. The AS was the best function to fit RR test-day models and may be an alternative to replace the lactation model for genetic evaluation of milk yield in Holstein cattle in Brazil.
  • Estudo de simulação de modelos lineares mistos com distribuição normal contaminada no melhoramento genético animal Melhoramento, Genética e Reprodução

    Pereira, Idalmo Garcia; Oliveira, Henrique Nunes de; Rosa, Guilherme Jordão de Magalhães

    Abstract in Portuguese:

    Objetivou-se com esse trabalho comparar estimativas de componentes de variâncias obtidas por meio de modelos lineares mistos Gaussianos e Robustos, via Amostrador de Gibbs, em dados simulados. Foram simulados 50 arquivos de dados com 1.000 animais cada um, distribuídos em cinco gerações, em dois níveis de efeito fixo e três valores fenotípicos distintos para uma característica hipotética, com diferentes níveis de contaminação. Exceto para os dados sem contaminação, quando os modelos foram iguais, o modelo Robusto apresentou melhores estimativas da variância residual. As estimativas de herdabilidade foram semelhantes em todos os modelos, mas as análises de regressão mostraram que os valores genéticos preditos com uso do modelo Robusto foram mais próximos dos valores genéticos verdadeiros. Esses resultados sugerem que o modelo linear normal contaminado oferece uma alternativa flexível para estimação robusta em melhoramento genético animal.

    Abstract in English:

    The objective of this study was to compare Gaussian and Robust linear mixed models for the estimation of variance components by REML and Gibbs Sampling, using data from fifty simulated populations consisting of 1,000 animals distributed in 5 generations. Two levels of fixed effect and three hypothetical phenotypic values for a trait, with different levels of contamination were used in the simulations. Additive and residual variance estimates were similar for both REML and Bayesian inference using the Gaussian and Robust model. The best estimates of residual variance in the presence of contaminants were obtained by the Robust model. Estimates of heritability were similar for all models, but regression analyses indicated that predicted genetic values obtained by the robust model were more similar to real breeding values. These results suggest that the contaminated normal linear model is a flexible alternative for robust estimation in animal breeding.
  • Estimativa de parâmetros genéticos da habilidade de permanência aos 48, 60 e 72 meses de idade em vacas da raça Caracu Melhoramento, Genética e Reprodução

    Queiroz, Sandra Aidar de; Figueiredo, Gustavo; Silva, Josineudson Augusto II de Vasconcelos; Espasandin, Ana Carolina; Meirelles, Sarah Laguna; Oliveira, João Ademir de

    Abstract in Portuguese:

    Objetivou-se estimar a herdabilidade da característica habilidade de permanência (HP) em um rebanho de bovinos da raça Caracu visando sua utilização como critério de seleção. A característica em estudo foi definida como a probabilidade de a vaca estar presente no rebanho aos 48 (HP48), aos 60 (HP60) e aos 72 (HP72) meses, desde que possuíssem registros de pelo menos duas lactações nas específicas idades. Observações binárias, com zero (0 = fracasso) e um (1 = sucesso) foram designadas aos animais. Para análise da HP, foram utilizados dados de 5.487, 4.947 e 4.308 animais aos 48, 60 e 72 meses, respectivamente. Os componentes de variância e as herdabilidades foram estimados mediante inferência Bayesiana, via amostragem de Gibbs, pelo programa MTGSAM - threshold, utilizando-se um modelo touro. Foram utilizadas como variáveis explanatórias grupo de contemporâneos, classe de produção de leite na primeira lactação, classe de idade ao primeiro parto e sua interação. As análises forneceram estimativas médias de herdabilidade iguais a 0,28 ± 0,07 para HP48, 0,27 ± 0,07 para HP60 e 0,23 ± 0,07 para HP72. Os resultados evidenciaram que a característica HP apresentou variação aditiva em todas as idades estudadas e, portanto, pode ser empregada como critério de seleção para longevidade produtiva.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to estimate the heritability of stayability (HP) in Caracu cattle in order to evaluate its usage as a selection criterion for longevity. Stayability was defined as the probability of a cow to be producing in the herd at the ages of 48 (HP48), 60 (HP60) and 72 (HP72) months. Binary observations indicating failure (zero) or success (one) were assigned to records on 5487, 4947 and 4308 cows with at least two lactations at the ages of 48, 60 and 72 months, respectively. Variance components and heritability for HP48, HP60 and HP72 were estimated using a sire model including the fixed effects of contemporary group, classes of milk yield at first calving, classes of age at first calving and the interaction between milk yield and age at first calving classes by Gibbs sampling with the MTGSAM for threshold program. Average heritability estimates for HP48, HP60 and HP72 were 0.28 ± 0.07, 0.27 ± 0.07 and 0.23 ± 0.07 respectively. These results indicate that HP can be used as selection criterion for longevity in Caracu cattle.
  • Exigências de triptofano e padrão de recuperação do desempenho de poedeiras comerciais após alimentação com rações deficientes em triptofano Monogástricos

    Deponti, Bruno José; Faria, Douglas Emygdio de; Faria Filho, Daniel Emygdio de; Rombola, Luiz Gustavo; Araujo, Lúcio Francelino; Junqueira, Otto Mack

    Abstract in Portuguese:

    Este experimento foi conduzido para avaliar as exigências de triptofano e o padrão de recuperação do desempenho de poedeiras alimentadas com rações deficientes em triptofano. Foram utilizadas 160 poedeiras comerciais da linhagem Hisex White distribuídas em um delineamento inteiramente casualizado com cinco níveis de triptofano nas dietas (0,13; 0,15; 0,17; 0,19 e 0,21%), com oito repetições de quatro aves. As poedeiras permaneceram por duas semanas em adaptação (51 a 52 semanas), por seis semanas para avaliação da exigência de triptofano (53 a 58 semanas) e por quatro semanas para determinação do padrão de recuperação do desempenho (59 a 62 semanas). A produção e a massa de ovos foram prejudicadas quando as poedeiras foram alimentadas com rações contendo 0,13% de triptofano, no entanto, o desempenho foi recuperado após uma semana de alimentação com ração contendo 0,21% desse aminoácido. A qualidade interna dos ovos não foi influenciada pelos níveis de triptofano estudados (ingestão de 137,1 a 228,0 mg triptofano/dia). As exigências de triptofano foram estabelecidas entre 161 e 188 mg/dia, dependendo da característica avaliada (produção ou massa de ovos) e do modelo de regressão aplicado (polinomial, exponencial ou segmentado).

    Abstract in English:

    This experiment was carried out to evaluate the tryptophan (Trp) requirements and the recovery performance pattern of laying hens fed Trp-deficient diets. One hundred sixty Hisex White commercial laying hens were randomly distributed in five Trp levels in the diets (0.13, 0.15, 0.17, 0.19 and 0.21% ) with eight replicates of four birds. The laying hens remained for two weeks in adaptation (51 to 52 weeks), for six weeks for evaluation of Trp requirements (53 to 58 weeks) and for four weeks for the determination of the recovery performance pattern (59 to 62 weeks). Egg production and egg mass were impaired when laying hens were fed diets containing 0.13% of Trp, however, the performance was recovered after one week of feeding under a diet containing 0.21% of this amino acid. Internal egg quality was not influenced by the Trp levels studied (intake among 137.1 to 228.0 of Trp mg/day). Tryptophan requirements ranged from 161 to 188 mg/ay, depending on the characteristics evaluated (egg production or egg mass) and the regression model applied (polynomial, exponential or broken line).
  • Níveis de treonina digestível em dietas para fêmeas suínas de alto potencial genético em lactação sob condições de alta temperatura ambiente Monogástricos

    Kiefer, Charles; Ferreira, Aloízio Soares; Oliveira, Rita Flávia Miranda de; Donzele, Juarez Lopes; Carrijo, Alfredo Sampaio; Silva, Francisco Carlos de Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    Foram utilizadas 52 fêmeas suínas em lactação distribuídas em delineamento experimental de blocos ao acaso, composto de quatro níveis de treonina digestível (0,64; 0,67; 0,70 e 0,73%) na dieta e 13 repetições, em que cada unidade experimental foi constituída por uma fêmea. A temperatura do ar no interior das salas foi de 29,7 ± 2,5ºC. Não houve efeito dos níveis de treonina digestível na dieta sobre o peso das fêmeas ao desmame. As perdas total e percentual de peso das fêmeas durante a lactação reduziram de forma linear com o aumento dos níveis de treonina digestível na dieta. Os níveis de treonina digestível influenciaram a espessura de toucinho (ET) ao desmame e afetaram as variações total e percentual de espessura de toucinho. As composições de gordura e proteína corporal à desmama não foram influenciadas pelos níveis de treonina digestível na dieta. Verificou-se redução linear das mobilizações total e percentual de gordura corporal conforme aumentaram os níveis de treonina digestível na dieta. A mobilização de proteína corporal, a produção de leite e o intervalo desmama-estro não foram influenciados pelos níveis de treonina digestível da dieta. Os níveis de treonina digestível não afetaram os consumos de ração, de lisina e de energia digestível. Contudo, verificou-se aumento linear do consumo de treonina digestível conforme aumentou o nível deste aminoácido na dieta. Os níveis de treonina digestível não influenciaram a eficiência energética das fêmeas e o desempenho dos leitões e das leitegadas. Fêmeas suínas de alto potencial genético em lactação sob condições de temperaturas ambientais elevadas exigem 0,73% de treonina digestível, correspondente ao consumo diário de 32,5 g e à relação treonina digestível:lisina digestível de 73%.

    Abstract in English:

    Fifty and two lactating sows were allotted to a randomized complete blocks experimental design with four digestible threonine levels (0.64; 0.67; 0.70 and 0.73%) and 13 replications, and each experimental unit was consisted by a female. The temperature inside in the room was of 29.7 ± 2.5°C. There was no effect of digestible threonine levels in the diet on the weight of the sows at weaning. The total and percentage sow weight losses linearly reduced with the increase of digestible threonine level in the diet during the lactation period. Digestible threonine level in the diets influenced fat thickness (FT) at weaning, and affected the total and percentage variation of FT. The compositions of fat and corporal protein at weaning were not influenced by digestible threonine levels in the diet. A linear reduction for total and percentage of corporal fat mobilizations was observed as digestible threonine levels increased in the diet. The mobilization of corporal protein, milk production and the interval weaning time-estrus were not influenced by digestible threonine levels in the diet. Digestible threonine leveld in the diet had no effect on intake of diet, of lysine and of digestible energy. However, a linear increase was observed for the intake of digestible threonine as the levels of it increased in the diet. Digestible threonine levels in the diet had not influenced the energy efficiency of the females, the performance of the piglets and the litters. High-producing lactating sows under high temperature environmental conditions require 0.73% of digestible threonine, corresponding to a daily intake of 32.5g and the digestible threonine:digestible lysine ratio of 73%.
  • Farelo de coco na ração de poedeiras comerciais: digestibilidade dos nutrientes, desempenho e qualidade dos ovos Monogástricos

    Lima, Raffaella Castro; Fuentes, Maria de Fátima Freire; Freitas, Ednardo Rodrigues; Sucupira, Francislene Silveira; Moreira, Rafaele Ferreira; Braz, Nádia de Melo

    Abstract in Portuguese:

    Um experimento foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito da inclusão de farelo de coco (FC) sobre a digestibilidade dos nutrientes da ração, o desempenho e as características dos ovos de poedeiras comerciais. Cento e cinqüenta poedeiras com 76 semanas de idade foram pesadas e distribuídas em um delineamento inteiramente casualizado, com cinco tratamentos, cada um com cinco repetições de seis aves por unidade experimental. Foram avaliadas cinco rações, uma testemunha, sem FC, e as demais com 5, 10, 15 e 20% de farelo de coco. As rações foram calculadas para serem isoprotéicas e isocalóricas. A inclusão do FC nas rações aumentou a quantidade de EE, FB e EB da ração. Os níveis de inclusão de FC tiveram efeito quadrático sobre os coeficientes de digestibilidade de MS, N e EB e nos valores de energia metabolizável aparente (EMA) e aparente corrigida para N (EMAn), que atingiram o máximo no nível de 15% de inclusão. As rações contendo 10, 15 e 20% de farelo de coco apresentaram valores de EMA e EMAn superiores aos obtidos com a ração sem FC. Os níveis de FC utilizados não afetaram a porcentagem de postura, o peso do ovo e a massa de ovo. O consumo de ração diminuiu e a conversão alimentar melhorou com a inclusão de 15 e 20% de FC. Considerando os resultados de digestibilidade da energia das rações, recomenda-se que a inclusão de farelo de coco em rações para poedeiras não deve ultrapassar o nível de 15%.

    Abstract in English:

    This experiment was conducted to evaluate the effect of inclusion of coconut meal (CM) in diets on nutrients digestibility, performance and egg characteristics of commercial laying hens. A total of 150 laying hens, with 76 weeks of age was weighed and allotted to a completely randomized design with five treatments and five replicates of six birds in each experimental unit. Five diets were evaluated, one control, without CM and the others with 5, 10, 15, and 20% of CM. Diets were formulated to be isoprotein and isonitrogenous. Amounts of EE, CF and GE increased with inclusion of CM in diets. A quadratic effect was observed for the inclusion levels of CM on digestibility coefficients for DM, N, GE and the values of apparent metabolizable energy (AME) and N corrected apparent metabolizable energy (AMEn) that reached the maximum at 15% of inclusion. Values of AME and AMEn were higher in diets containing 10, 15, and 20% of CM than that for diet without CM. Egg production, egg weight and egg mass were not affected by the inclusion levels of CM. Feed intake decreased and feed conversion improved as CM level increased in diets. Considering the results of dietary digestible energy, it could be recommended that coconut meal inclusion in the laying hen diet should not exceed the level of 15%.
  • Utilização da raspa integral de mandioca na alimentação de coelhos Monogástricos

    Michelan, Andrea Cristiane; Scapinello, Cláudio; Furlan, Antonio Claudio; Martins, Elias Nunes; Faria, Haroldo Garcia de; Andreazzi, Márcia Aparecida

    Abstract in Portuguese:

    Dois experimentos foram conduzidos com o objetivo de avaliar a utilização da raspa integral de mandioca (RIM) para coelhos em crescimento. No ensaio de digestibilidade, foram utilizados 22 coelhos com 50 dias de idade, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado com dois tratamentos e 11 repetições. Foram utilizadas duas rações, uma ração-referência e uma teste, na qual a RIM substituiu 25% da MS da ração-referência. Os teores digestíveis de MS, PB, FDN, FDA, energia e amido (% MS) foram, respectivamente, de 83,84; 1,89; 8,34 e 3,31%; 3.447 kcal/kg e 55,35%. No ensaio de desempenho, foram utilizados 180 coelhos no período de 35 a 70 dias de idade. Os coelhos foram distribuídos em delineamento inteiramente casualizado com seis tratamentos (0, 20, 40, 60, 80 e 100% de RIM em substituição à energia digestível do milho) e 15 repetições de dois animais por unidade experimental. No período de 35 a 50 dias de idade, houve efeito quadrático do fornecimento de RIM na dieta sobre a conversão alimentar. No período de 35 a 70 dias de idade, houve também efeito quadrático sobre o PV aos 70 dias, o ganho de peso diário, a conversão alimentar e o custo de ração/kg de ganho de PV. Efeito quadrático também foi observado para o peso da carcaça. Nos períodos de 35 a 50 e de 35 a 70 dias de idade, a conversão alimentar dos animais alimentados com as dietas com 20 e 100% de substituição do milho pela raspa de mandioca foi melhor em comparação à dos demais animais. A raspa integral de mandioca pode ser incorporada a rações para coelhos em crescimento em até 27,32% em substituição a 100% da energia digestível do milho.

    Abstract in English:

    Two experiments were carried out with the objective to evaluate the use of cassava root scrapings (CRS) for growing rabbits. In the digestibility assay, 22 rabbits with 50 days of age were distributed in a completely randomized design with two treatments and 11 replicates. Two diets were used, one as reference-diet and one test, in which CRS substituted 25% of DM reference-diet. The digestible values of the DM, CP, NDF, ADF, energy and starch (%DM), were respectively 83.84%, 1.89%, 8.34%, 3.31%, 3,447 kcal/kg and 55.35%. In the performance trial, 180 rabbits were used, in the period from 35 to 70 days of age. The rabbits were distributed in a completely randomized design, with six treatments (0, 20, 40, 60, 80 and 100% of CRS in replacement of corn digestible energy) and 15 replicates of two animals per experimental unit. In the period from 35 to 50 days of age, there was a quadratic effect of feeding CRS in the diet on feed conversion. In the period from 35 to 70 days of age, there was a quadratic effect on LW at 70 days of age, daily weight gain and feed conversion and cost of ration/kg of LW gain. A quadratic effect also was found for carcass weight. In the period from 35 to 50 and from 35 to 70 days of age, the feed conversion of the animals fed diets with 20% and 100% of replacement of corn by CRS was better in relationship to the others animals. The cassava root scrapings could be incorporated in growing rabbits rations up to of 27.32%, substituting 100% of corn digestible energy.
  • Valores de energia metabolizável de alimentos determinados com frangos de corte Monogástricos

    Nery, Lídson Ramos; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Rostagno, Horacio Santiago; Campos, Anastácia Maria de Araújo; Silva, Carla Rodrigues da

    Abstract in Portuguese:

    Foram determinados a composição química e os valores de energia metabolizável aparente (EMA) e energia metabolizável aparente corrigida pelo balanço de nitrogênio (EMAn) de seis alimentos de origem vegetal utilizando-se o método de coleta total de excretas. Utilizaram-se 252 pintos de corte machos da linhagem Ross, com 21 dias de idade, distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado, com sete tratamentos (uma ração-referência e seis rações-teste), seis repetições e seis aves por unidade experimental. Os alimentos avaliados foram milho (MI), milho de alta gordura (MAG), farinha de gérmen de milho integral (FGMI), soja integral tostada (SIT), casca de soja (CS) e farelo de soja de alta proteína (FSAP) com 50% PB. Os alimentos avaliados foram incluídos nas rações-teste em 40 e 25% da ração-referência, para alimentos energéticos e protéicos, respectivamente. Os valores para EMA, em kcal/kg de matéria natural, dos alimentos MI, MAG, FGM, SI, CS e FSAP foram de 3.402, 3.627, 3.019, 3.419, 814 e 2.070 e os de EMAn, de 3.393, 3.595, 2.935, 3.279, 741 e 1.984, respectivamente.

    Abstract in English:

    The chemical composition, the apparent metabolizable energy (AME) and apparent metabolizable energy corrected by nitrogen (AMEn) of six feed of vegetal origins were determined by the total excreta collection method. A total of 252 male broiler chicks of the lineage Ross with 21 days of age were distributed in a completely randomized experimental design, with seven treatments (one basal reference diet and six test diets), six replicates and six birds per experimental unit. The evaluated feeds were: corn (CO), high oil corn (HOC), whole corn germ meal (WCGM), toasted whole soybean (TWSB), soybean hulls (SH), high protein soybean meal (HPSM) with 50% crude protein. The evaluated feeds were included in the diets-test in 40% and 25% of the reference diet, for the energy and protein feeds, respectively. The values of AME, in kcal/kg of as fed, for the feeds CO, HOC, WCGM, TSB, SH and HPSM were 3.402, 3.627, 3.019, 3.419, 814 and 2.070 and the AMEn values were: 3.393, 3.595, 2.935, 3.279, 741, and 1.984, respectively.
  • Níveis de metionina + cistina total para frangos de corte de 22 a 42 dias de idade mantidos em ambiente termoneutro Monogástricos

    Oliveira Neto, Adhemar Rodrigues de; Oliveira, Rita Flávia Miranda de; Donzele, Juarez Lopes; Barreto, Sergio Luiz de Toledo; Vaz, Roberta Gomes Marçal Vieira; Gasparino, Eliane

    Abstract in Portuguese:

    O experimento foi realizado para determinar a exigência de metionina + cistina (met + cis) para frangos de corte dos 22 aos 42 dias de idade mantidos em ambiente termoneutro (23,5ºC). Foram utilizados 240 frangos de corte machos Avian Farms, com peso médio inicial de 827 g, em delineamento inteiramente casualizado, com cinco níveis de met + cist (0,659; 0,704; 0,750; 0,796 e 0,841%), seis repetições e oito aves por unidade experimental. O aumento do nível de met + cis influenciou positivamente a conversão alimentar (CA), o consumo de met + cis, o peso absoluto da coxa e o peso relativo da sobrecoxa. Não foi verificado efeito dos níveis de met + cis sobre o peso final, o ganho de peso, o consumo de ração, os pesos absoluto e relativo do peito, da carcaça e da gordura abdominal, o peso absoluto da sobrecoxa e o peso relativo da coxa, assim como para os pesos absolutos e relativos dos órgãos (coração, fígado, moela, proventrículo, pulmão e intestinos). O nível de 0,727% de met + cis total (0,661% met + cis digestível), correspondente à relação met + cis/lis total de 70% (72% para lis digestível), proporcionou melhor conversão alimentar em frangos de corte mantidos em ambiente termoneutro.

    Abstract in English:

    The experiment was carried out to determine the requirement of methionine + cystine (met + cys) for broilers from 22-to-42-day-old kept under thermoneutral environment (23.5°C). A total of 240 Avian Farm male broilers, with 827 g average initial weight were distributed in a randomized experimental design with five levels of met + cys (0.659, 0.704, 0.750, 0.796, and 0.841%), six replications and eight birds per experimental unit. The increase of met + cys level influenced positively feed: gain ratio, met + cys intake, drumstick absolute weigh and thigh relative weight. No effect of met + cys levels was observed on the final weight, weight gain, feed intake, breast, carcass and abdominal fat absolute and relative weight, thigh absolute weight, and drumstick relative weight, or for relative and absolute weight of the organs (heart, liver, gizzard, proventriculus, lung and intestines). The level 0.727% met + total cys (0.661% digestible met + cys), corresponding to the ratio met + cys/total lys of 70% (72% for digestible lys) gave the best feed: gain ratio for male broilers kept in thermoneutral environment.
  • Exigência nutricional de lisina para poedeiras leves e semipesadas nos períodos de 1 a 3 e de 4 a 6 semanas de idade Monogástricos

    Rodrigueiro, Ramalho José Barbosa; Rostagno, Horacio Santiago; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Gomes, Paulo Cezar; Nunes, Ricardo Vianna; Neme, Rafael

    Abstract in Portuguese:

    Com o objetivo de determinar a exigência nutricional de lisina para poedeiras leves e semipesadas em crescimento nos períodos de 1 a 3 e de 4 a 6 semanas de idade, foram utilizadas 480 aves no período de 1 a 3 semanas de idade e 432 aves no período de 4 a 6 semanas de idade. Em ambos os períodos, foram utilizadas aves Hy Line, 50% Hy-line W 36 (leves) e 50% Hy-line Brown (semipesadas), em delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 6 × 2, composto de seis níveis de lisina (0,00; 0,06; 0,12; 0,18; 0,24 e 0,30%) e duas linhagens de aves de postura. Considerando os resultados obtidos para as variáveis analisadas, a exigência de lisina total para o período de 1 a 3 semanas de idade foi 1,052% para aves leves e de 0,981% para aves semipesadas ou 207,38 mg de lisina total/dia para aves leves e 198,63 mg de lisina total/dia para aves semipesadas. Para o período de 4 a 6 semanas, a exigência de lisina foi de 0,939% de lisina para aves leves e de 0,889% de lisina para aves semipesadas ou 323,30 mg de lisina total/dia para aves leves e 300,29 mg de lisina total/dia para aves semipesadas.

    Abstract in English:

    With the objective of determine the nutritional requirement of lysine for growing white-egg and brown-egg laying hens in the period from 1 to 3 and 4 to 6 weeks of age, 480 birds were used in the period from 1 to 3 weeks of age and 432 birds in the period from 4 to 6 weeks of age. In both periods, Hy-line birds were used; 50% Hy-line W 36 (White) and 50% Hy-line Brown in completely randomized design in a 6 × 2 factorial arrangement (level of lysine [0.00, 0.06, 0.12, 0.18, 0.24, and 0.30%] and strains of laying hens). Based on the obtained results for the analyzed variable, the total lysine requirement for the period from 1 to 3 weeks of age was 1.052% for white birds and 0.981% brown birds or 207.38 mg of total lysine/day for white birds and 198.63 mg of total lysine/day for brown birds. For the period from 4 to 6 weeks of age the lysine requirement was 0.939% for white birds and 0.889% for brown birds or 323.30 mg of total lysine/day for white birds and 300.29 mg of total lysine/day for brown birds.
  • Inclusão do ovo desidratado em rações peletizadas ou fareladas para frangos de corte Monogástricos

    Teixeira, Elisanie Neiva Magalhães; Silva, José Humberto Vilar da; Costa, Fernando Guilherme Perazzo; Ribeiro, Marcelo Luís Gomes; Araujo, Daniel de Magalhães; Jordão Filho, José

    Abstract in Portuguese:

    Um experimento foi realizado para estudar o efeito da forma física da ração (farelada ou peletizada) e da inclusão de ovo desidratado na ração até os 21 dias de idade sobre o desempenho e as características de carcaça de frangos de corte da linhagem Cobb-500 aos 42 dias de idade. As aves com 1 dia de vida e peso médio de 42,94 ± 0,51 g foram alojadas em boxes de 1,0 × 1,5 m. O delineamento adotado foi o inteiramente casualizado em esquema fatorial com dois níveis de ovo desidratado (0 e 0,5%) e duas formas físicas da ração (farelada e peletizada), resultando em quatro rações com 18 repetições de 16 aves durante as fases de 1 a 7; de 8 a 21; de 22 a 33 e de 34 a 42 dias de idade. A inclusão de 0,5% de ovo desidratado nas rações pré-inicial e inicial não influenciou o desempenho, porém, a ração peletizada melhorou o desempenho dos frangos de corte aos 42 dias de idade. A peletização da ração também melhorou o rendimento de peito, do Pectoralis minor e do filé de peito em relação ao peso da carcaça e aumentou os pesos do proventrículo e do intestino delgado, enquanto a ração farelada aumentou o peso da moela.

    Abstract in English:

    The experiment was carried out to evaluate the effect of physical form diet (mash or pelleted) and inclusion of dehydrated egg (DEGG) up to 21 days of age on the performance and carcass characteristic of Cobb-500 strain of broiler chicks at 42 days of age. The birds with average weight of 42.94 ± 0.51 g were allotted in pens of 1.0 x 1.5 m. The experimental design was completely randomized in factorial arrangment with two levels of DEGG (0 and 0.5%) and two physical form of diet (mash and pellet), resulting in four diets with 18 replicates of 16 birds during the phases from 1 to 7; 8 to 21; 22 to 33 and 34 to 42 days of age. The DEGG inclusion in the pre initial and initial diets did not influenced the performance, but the pelleted diet improved the performance of for broiler chicks up to 42 days. The pelleted diet also improved breast, Pectoralis minor and fillet of breast yields in relationship to carcass weight, and increased the proventriculus and small intestine weights, while the mashed diet increased the gizzard weight.
  • Desempenho e excreção de nitrogênio de leitões dos 9 aos 25 kg alimentados com dietas com diferentes níveis de lisina digestível e proteína bruta Monogástricos

    Zangeronimo, Márcio Gilberto; Fialho, Elias Tadeu; Murgas, Luis David Solis; Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de; Rodrigues, Paulo Borges

    Abstract in Portuguese:

    Dois experimentos foram conduzidos para avaliar níveis de PB e lisina digestível (LISD) na dieta sobre o desempenho e a excreção de nitrogênio (N) de leitões na fase inicial. No experimento 1, 80 suínos machos castrados e fêmeas (peso inicial de 9,1 ± 1,2 kg e final de 21,5 ± 4,8 kg), mestiços Landrace × Large White, foram distribuídos em blocos casualizados em esquema fatorial 2 × 4, composto de dois níveis de PB (16 e 18%) e quatro níveis de LISD (0,7; 0,9; 1,1 e 1,3%) com cinco repetições e dois animais por unidade experimental durante 35 dias. Foram avaliados o ganho de peso médio diário (GPMD), o consumo médio diário de ração (CMDR) e a conversão alimentar (CA). No experimento 2, 32 suínos machos castrados (25,0 ± 1,3 kg), provenientes do experimento 1 foram alojados individualmente em gaiolas próprias para estudos de metabolismo (unidade experimental) durante 11 dias para determinação dos teores de N ingerido (NI), N nas fezes e N na urina. As rações foram formuladas com milho, farelo de soja e leite em pó modificado e suplementadas com vitaminas e minerais. Os aminoácidos metionina e treonina foram corrigidos de acordo com os níveis de lisina, segundo o conceito de proteína ideal. Não houve efeito da interação LISD × PB sobre nenhuma variável estudada. Os níveis de LISD tiveram efeito quadrático sobre o GMDR e a CA, que foram melhores nos animais alimentados com as dietas com níveis de 1,04 e 1,09% de PB. Os níveis de N nas fezes sofreram efeito linear crescente dos níveis de LISD e PB, enquanto os níveis de N na urina foram afetados de forma quadrática pelos níveis de LISD, com melhor resultado no nível de 1,03% LISD na ração. O CMDR e o nível de N nas fezes não foram influenciados pelos níveis de LISD e PB. O nível de 1,05% LISD em dietas com 16 e 18% PB proporciona melhor desempenho e menor excreção de N nos dejetos de suínos.

    Abstract in English:

    Two experiments were conducted to evaluate dietary levels of crude protein (CP) and digestible lysine (LYSD) on the performance and nitrogen (N) excretion of piglets in the initial phase. In experiment 1, 80 barrows and females (initial weight of the 9.1 kg ± 1.2 kg and final weight of the 21.5 ± 4.8 kg), crossbred (Landrace x Large White), were distributed to a randomized blocks in factorial scheme 2 x 4 (two levels of CP 16 and 18% - and four levels of LYSD (0.7; 0.9; 1.1 and 1.3%) with five replications and two animals per experimental unit, during 35 days. The average daily weight gain (ADG), average daily feed intake (ADFI) and feed:gain ratio (F:G) were evaluated. In experiment 2, 32 barrows (25.0 ± 1.3 kg), from experiment I, were individually allotted in metabolic cages (experimental unit), during 11 days, to evaluate the ingested N, N in feces and N in urine . The diets were formulated with corn, soybean meal and modified powder milk, supplemented with vitamins and minerals. The amino acids methionine and threonine were corrected in function of the lysine levels, following the ideal protein concept. No interaction LYSD x CP was observed for neither studied variable. Average daily gain and F:G showed a quadratic effect for the LYSD levels and were better in the animals fed diets with levels of 1.04 and 1.09%, respectively. The levels of N in the fezes showed crescent linear effect with the LYSD and CP levels, while the N levels in the urine showed quadratic effect with LYSD levels, with lower excretion for the level of 1.03% in the ration. No influence was observed for LYSD and CP level on ADFI and N in fezes. The level of 1.05% LYSD in diets with 16 and 18% CP provide best performance and lower excretion of de N in dejects of the swine.
  • Avaliação do bem-estar de aves poedeiras comerciais: efeitos do sistema de criação e do ambiente bioclimático sobre o desempenho das aves e a qualidade de ovos Produção Animal

    Alves, Sulivan Pereira; Silva, Iran José Oliveira da; Piedade, Sônia Maria de Stefano

    Abstract in Portuguese:

    Objetivou-se avaliar os efeitos de dois sistemas de criação (gaiolas e cama) no desempenho produtivo e na qualidade de ovos de aves poedeiras. O experimento foi conduzido durante cinco períodos experimentais de 28 dias. Foram utilizadas 64 poedeiras da linhagem Isabrown e 64 da linhagem Hy-line W-36 com 19 e 21 semanas de idade, respectivamente. Avaliou-se a combinação dos dois sistemas de criação (gaiolas convencionais e sistema de criação em cama) e de duas linhagens em um delineamento inteiramente casualizado em arranjo fatorial 2 × 2 com quatro repetições. A avaliação térmica foi realizada por meio das temperaturas de bulbo seco e da umidade relativa. Para a avaliação do desempenho produtivo, foram avaliadas a produção de ovos e a conversão alimentar. Na análise da qualidade dos ovos, foram avaliados o peso, a unidade Haugh, a gravidade específica, a espessura, a integridade e a limpeza da casca dos ovos. Não foram observadas diferenças no desempenho produtivo entre sistemas de criação e linhagens. O sistema de criação em cama, quando devidamente projetado, pode ser compatível ao de criação em gaiolas quanto ao desempenho produtivo e à qualidade de ovos produzidos. Além disso, quando em condições menos favoráveis ao conforto térmico, esse sistema de criação pode propiciar melhores resultados de qualidade da casca, com menores perdas de ovos, no entanto, pode resultar em maior porcentagem de ovos sujos, principalmente para a linhagem semipesada.

    Abstract in English:

    This work aimed to evaluate the effect of two different rearing systems (cages and litter) on productive performance and egg quality of laying hens. The trial was conducted for five experimental periods of 28 days each. Sixty four pullets of the laying strain Isabrown and 64 pullets of the laying strain Hy-Line W-36, with ages of 19 and 21 weeks, respectively, were used. The combination of two rearing systems (conventional cages and floor system with litter) and two layer strains was evaluated using a completely randomized design, with a 2 × 2 factorial arrangement, and four replicates. The thermal evaluation was performed by analysis of dry air and black globe temperature and relative humidity. For the productive performance analysis, egg production and feed conversion ratio were evaluated. For the egg quality analysis, egg weight, Haugh unit, specific gravity, integrity, clearness and shell thickness were evaluated. No differences on the productive performance between rearing systems were observed. The floor system, when properly projected, can be comparable to the cage system with respect to the productive performance and the egg quality. Moreover, this rearing system could provided better results for egg quality with lesser egg losses although in less favorable thermal comfort conditions. However, mainly for the semi heavy strain, it could result in larger dirty egg percentage.
  • Efeito do tamanho de partícula e da altura de colheita das plantas de milho (Zea mays L.) sobre as perdas durante o processo fermentativo e o período de utilização das silagens Produção Animal

    Neumann, Mikael; Mühlbach, Paulo Roberto Frenzel; Nörnberg, José Laerte; Restle, João; Ost, Paulo Roberto

    Abstract in Portuguese:

    O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito do tamanho de partícula (pequena de 0,2 a 0,6 cm ou grande de 1,0 a 2,0 cm) e da altura de corte das plantas de milho para ensilagem (baixo: 15,2 cm ou alto: 38,6 cm) sobre as perdas e o valor nutritivo das silagens. Foram avaliadas as seguintes silagens: silagem de partícula pequena com altura de corte baixo; silagem de partícula grande com altura de corte baixo; silagem de partícula pequena com altura de corte alto; e silagem de partícula grande com altura de corte alto. Não houve efeito significativo das interações altura de colheita das plantas × tamanho de partícula sobre as perdas de MS, PB e FDN. Influências significativas das interações altura de colheita das plantas × estrato no silo e tamanho de partícula × estrato no silo foram observadas, respectivamente, sobre as perdas de MS e PB. As silagens obtidas com corte alto (38,6 cm) no estrato inferior apresentaram maiores perdas (4,91%) em relação ao estrato superior no silo (2,67%) e às silagens obtidas com corte baixo (15,2 cm), independentemente do estrato no silo. Na análise das perdas de PB, os maiores valores foram observados em silagens de partículas pequenas no estrato superior (18,96%) e em silagens de partículas grandes no estrato inferior (18,68%), comparativamente às silagens com partículas pequenas no estrato inferior (11,52%) e às silagens de partículas grandes no estrato superior (17,54%). A silagem com partícula grande resultou em maiores perdas físicas na desensilagem.

    Abstract in English:

    This trial evaluated the effect of particle size (small: between 0.2 and 0.6 cm or large: between 1.0 and 2.0 cm) and cutting height (low cut: 15.2 cm or high cut: 38.6 cm) of the corn plant on losses and nutritional value of silages. Treatments were: T1 - small particle size with low cutting height; T2 - large particle size with low cutting height; T3 - small particle size with high cutting height; and T4 - large particle size with high cutting height. No significant interaction was observed between cutting height and particle size for the following response variables: DM loss, CP loss, and NDF loss. Significant interaction was observed between cutting height and silo stratum and between particle size and silo stratum for the variables DM loss and CP loss, respectively. The high cutting silages (38.6 cm) on the inferior stratum showed higher losses (4.91%) compared to the superior silo stratum (2.67%) and low cutting silages (15,2 cm) regardless of the silo stratum. Greater CP losses were observed on the silages with small particle size on the superior stratum (18.96%) and on the silages with large particle size on the inferior stratum (18.68%) compared to silages with small particle size on the inferior stratum (11.52%) and silages with large particle size on the superior stratum (17.54%). Silages with large particle size resulted in higher physical losses at feeding-out.
  • Avaliação nutricional de pastagens de capim-elefante e capim-mombaça sob manejo rotacionado em diferentes períodos de ocupação Ruminantes

    Lista, Fábio Nunes; Silva, José Fernando Coelho da; Vásquez, Hernán Maldonado; Detmann, Edenio; Peres, Afonso Aurélio de Carvalho

    Abstract in Portuguese:

    A técnica de extrusa esofágica foi utilizada com o objetivo de avaliar qualitativamente pastagens de capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum. cv. Napier) e capim-mombaça (Panicum maximum, cv. Mombaça) manejadas sob sistema rotacionado. As amostras relativas aos três primeiros dias de ocupação foram utilizadas para determinar os teores de MS, PB, EE, MO, lignina (LIG), FDN e FDA, a digestibilidade in vitro da MS (DIVMS) e o fracionamento dos carboidratos e proteínas, além do tempo de latência e da taxa de degradação dos carboidratos. As composições médias das amostras de extrusa esofágica obtidas nos dias sob pastejo foram comparadas por meio de contrastes ortogonais, com posterior ajuste de equações de regressão. Os teores de LIG e DIVMS diferiram apenas no capim-mombaça. Nesta espécie, houve aumento de 2,57 pontos percentuais nos teores da fração indigerível e redução de 3,23 pontos percentuais para os teores da fração potencialmente digestível dos carboidratos. Para cinética de degradação dos carboidratos fibrosos, verificou-se diferença apenas para o capim-mombaça, no qual houve redução linear. Tanto a fração insolúvel em detergente ácido quanto a fração protéica degradável dos capins elefante e mombaça apresentaram decréscimo linear com o passar dos dias sob pastejo.

    Abstract in English:

    Qualitative assessment of elephantgrass (Pennisetum purpureum, Schum. cv. Napier) and mombaçagrass (Panicum maximum, cv. Mombaça) pastures under rotational stocking was performed using the esophageal extrusa technique. Samples of esophageal extrusa were taken at the third, second and first days of the grazing period. The following analyses were determined: DM, CP, EE, OM, lignin (LIG), NDF, ADF, in vitro dry matter digestibility (IVDMD), lag time and degradation rate of carbohydrates, and fractions of the carbohydrates and nitrogenous compounds. The average composition of extrusa samples as a function of the days under grazing were compared through orthogonal contrasts, with subsequent adjustment of regression equations. For IVDMD and LIG, differences were observed just for the mombaçagrass. For this species, an increase of 2.57 percentual points in the indigestible fraction (fraction C) and a reduction of 3.23 percentual points in the potential degradable fraction (B2) of carbohydrates were observed. For the kinetics of degradation, it was found difference just for the mombaçagrass, showing linear reduction in the rate of degradation of the fibrous carbohydrates. Both the acid detergent insoluble protein fraction and the protein degradable fraction of elephantgrass and mombaçagrass showed linear decrease with increasing grazing period.
  • Avaliação de métodos de amostragem qualitativa em pastagens tropicais manejadas em sistema rotacionado Ruminantes

    Lista, Fábio Nunes; Silva, José Fernando Coelho da; Vásquez, Hernán Maldonado; Detmann, Edenio; Domingues, Felipe Nogueira; Ferolla, Fernando Silveira

    Abstract in Portuguese:

    Objetivou-se avaliar comparativamente a composição química, a digestibilidade in vitro e a degradabilidade dos carboidratos de amostras de capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum, cv. Napier) e capim-mombaça (Panicum maximum, Jacq. cv. Mombaça) obtidas por extrusa esofágica e por simulação manual de pastejo. O capim-elefante apresentou os maiores teores de MS, PB e nitrogênio não-protéico. A composição do capim-mombaça sofreu variações conforme aumentaram os dias de pastejo, principalmente quanto aos teores de MS e nitrogênio. A fração potencialmente degradável dos carboidratos diferiu entre as metodologias de avaliação. Não foram observadas diferenças entre as forrageiras quanto à cinética de degradação dos carboidratos.

    Abstract in English:

    Chemical composition and IVDMD of elephantgrass (Pennisetum purpureum, Schum. cv. Napier) and mombaçagrass (Panicum maximum, cv. Mombaça) were evaluated using samples of esophageal extrusa and hand-plucked samples. Greater DM, CP, and non-protein N concentrations were observed in the elephantgrass. Chemical composition of mombaçagrass, mainly DM and N concentration, varied with grazing day. Potentially degradable carbohydrate fraction differed between sampling techniques. No differences were observed regarding the kinetics of carbohydrates degradation for both grasses.
  • Substituição total do milho e parcial do feno de capim-tifton por palma forrageira em dietas para vacas em lactação: consumo e digestibilidade Ruminantes

    Oliveira, Veronaldo Souza de; Ferreira, Marcelo de Andrade; Guim, Adriana; Modesto, Elisa Cristina; Lima, Luiz Evandro; Silva, Fabiana Maria da

    Abstract in Portuguese:

    Para avaliação do consumo e da digestibilidade aparente dos nutrientes de dietas contendo diferentes níveis (0; 12,0; 25,0; 38,0 e 51,0%) de palma forrageira (Opuntia ficus indica Mill) em substituição total ao milho (Zea mays L.) e parcial ao feno de capim-tifton (Cynodon spp), foram utilizadas cinco vacas da raça Holandesa, distribuídas em quadrado latino 5 × 5. No início do experimento, os animais apresentavam 583 ± 7,07 kg de peso corporal (PC) e período de lactação em torno de 110 dias. Cada período experimental teve duração de 17 dias, dez dias para adaptação dos animais à dieta e sete dias para coleta de dados. O consumo de MS (kg/dia, %PC e g/kg0,75) e os consumos de MO, EE, PB, carboidratos totais (CT), FDN, FDA e NDT (kg/dia) diminuíram linearmente conforme aumentaram os níveis de palma forrageira na dieta. O consumo de CNF, no entanto, aumentou com a inclusão de palma forrageira na dieta. Os coeficientes de digestibilidade aparente de MS, MO, EE, PB, CT e CNF não foram influenciados pela inclusão de palma forrageira na dieta. Entretanto, o coeficiente de digestibilidade aparente da FDN reduziu linearmente com a inclusão de palma forrageira na dieta. A inclusão da palma forrageira nas dietas influenciou negativamente no consumo dos nutrientes e no coeficiente de digestibilidade da FDN.

    Abstract in English:

    The experiment was conducted to evaluate the intake and apparent digestibility of the nutrients in diets containing different levels (0, 12.0, 25.0, 38.0, and 51.0%) of forage cactus (Opuntia ficus indica Mill) in total replacement of corn (Zea mays L.) and partial of Tifton hay (Cynodon spp). Five Holstein cows were assigned to a 5x5 latin square. The animals showed an average of 583 ± 7,07 kg BW and lactation period around 110 days. Each experimental period lasted 17 days, 10 days for the adaptation of the animals to the diet and 7 days for data collecting. The DM intake (kg/day, %BW and g/kg0.75), and the intakes of OM, EE, CP, total carbohydrate (TC), NDF, ADF and TDN (kg/day) decreased linearly as forage cactus increased in the diet. However, NFC intake increased with the inclusion of forage cactus in the diet. Apparent digestibilities of DM,OM, EE, CP, TC and NFC were not influenced by the inclusion of the forage cactus in the diet. Nevertheless, NDF apparent digestibility showed a linear decrease as forage cactus increased in the diet. The inclusion of forage cactus in diets showed negative effect on the nutrient intake and the NDF apparent digestibility.
  • Milho grão seco ou úmido com sais de cálcio de ácidos graxos para novilhos Nelore em confinamento Ruminantes

    Silva, Saulo da Luz e; Leme, Paulo Roberto; Putrino, Soraia Marques; Valinote, Amaury Camilo; Nogueira Filho, José Carlos Machado; Lanna, Dante Pazzanese Duarte

    Abstract in Portuguese:

    Objetivou-se com este trabalho avaliar os efeitos do milho grão seco ou úmido e dos sais de cálcio de ácidos graxos no desempenho e nas características de carcaça de novilhos Nelore confinados na fase de terminação. Quarenta e oito animais com peso inicial de 431 ± 29,8 kg foram alimentados durante 70 dias com uma das seguintes dietas: MGS - dieta basal composta de silagem de milho (40%), milho grão seco (48,4%), farelo de soja (7,6%), uréia, sufato de amônia, cloreto de potássio, sal mineral, rúmen tamponante e rumensina (4%); MGU - dieta basal, com substituição do MGS por milho grão úmido; MGS-SCAG - dieta basal contendo 45% de MGS e 4% de sais de cálcio de ácidos graxos; MGU-SCAG - dieta basal com 45% de milho grão úmido e 4% de sais de cálcio de ácidos graxos. O ganho médio diário não foi influenciado pelo tipo de grão de milho, no entanto, a ingestão de MS pelos animais da dieta MGU foi menor que naqueles alimentados com a dieta MGS e resultou em maior eficiência alimentar para a dieta MGU. O maior número de protozoários ciliados ruminais foi observado nos animais alimentados com a dieta MGU. O rendimento de carcaça, a gordura renal pélvica e inguinal e a espessura de gordura subcutânea foram maiores nos animais alimentados com a dieta MGS. O ganho de peso médio diário também não diferiu entre os animais tratados ou não com SCAG, no entanto, a ingestão de MS foi maior nos animais alimentados com a dieta SCAG. Não houve influência sobre a eficiência alimentar. O número de protozoários ruminais foi menor nos animais alimentados com as dietas contendo SCAG, no entanto, as características de carcaça não foram influenciadas por essa dieta.

    Abstract in English:

    The aim of this work was to evaluate the effects of dry corn grain or high moisture corn and calcium salts of fat acids on the performance and carcass traits of feedlot fed Nellore steers on finishing phase. Forty eight animals with 431 ± 29.8kg of initial mean body weight were fed during 70 days, with one of the four diets: MGS - basal diet containing corn silage (40%), dry corn grain (48.4%), soybean meal (7.6%), urea, amonium sulphate, mineral salt, limestone and monensin (4%); MGU - basal diet with high moisture corn replacing MGS; MGS-SCAG basal diet with 45% of MGU and 4% of calcium salts of fatty acids; MGU-SCAG - basal diet with 45% of MGS and 4% of calcium salts of fatty acids. The average daily gain was not affected by grain type. However, dry matter intake of animals of MGU treatment was smaller than MGS treatment, with a greater feed efficiency for MGU treatment. A greater number of ruminal ciliate protozoa was found in MGU treatments. Dressing percentage, renal, pelvic and inguinal fat and backfat thickness were greater in animals fed MGS diet. Average daily gain was not different between animals fed with or without SCAG, although, dry matter intake was greater in diets with SCAG, with no effect on feed efficiency. Protozoa number was smaller in diets containing SCAG and carcass traits were not affected by SCAG.
  • Fixação biológica de nitrogênio por plantas de trevo (Trifolium spp) em sistema de integração lavoura-pecuária no Sul do Brasil Sistemas de Produção e Agronegócio

    Assmann, Tangriani Simioni; Assmann, Alceu Luiz; Soares, André Brugnara; Cassol, Luís César; Giasson, Margareth Steiner; Giasson, Nizio Fernando

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito da inclusão de plantas de trevo (Trifolium spp) sob pastejo em sistema de integração lavoura-pecuária sobre a quantidade de N fixada, a produtividade, os componentes de rendimento da cultura de milho e os teores de nitrato no solo. O delineamento utilizado foi de blocos ao acaso, com três repetições, em que as parcelas foram constituídas dos resíduos de espécie forrageira (trevo e aveia) e as subparcelas, das quatro doses de N em cobertura (0; 60; 120; e 240 kg/ha). Durante o período de cultivo do milho (2004/2005), as parcelas contendo resíduo de trevo apresentaram maiores de teores de N-nitrato na profundidade de 0-5 cm em comparação àquelas cultivadas anteriormente com aveia, indicando que a cultura de milho encontraria praticamente todo o suprimento de nitrogênio, em decorrência do cultivo anterior de trevos pastejados. Não foram observados indícios de lixiviação de nitratos provocados pelos resíduos de leguminosas até a camada de 20 cm de profundidade do solo. No segundo ano de experimento, plantas de trevo pastejadas contribuíram, no mínimo, com suprimento de N de 90 kg/ha, como resultado da fixação biológica para a cultura de milho. No entanto, plantas de milho cultivadas sobre resíduos de aveia apresentaram máxima produtividade de grãos com aplicação de 180 kg/ha de N.

    Abstract in English:

    The objective of this research was to study the effect of including grazed clover plants, in crop-pasture systems, on the amount of N fixed, maize productivity and yield components, and soil nitrate concentration. It was used a split-plot arrangement in a complete randomized block design, with three replications per treatment. The main plots were formed by two types of residues of winter pastures (oat and clover) and the split-plots were formed by different doses of broadcasted N in the urea form (0, 60, 120, and 240 kg/ha N). The effect of the previous residue was observed during all periods of the corn crop (2004/2005). All plots that contained clover residue presented greater N-nitrate concentration in the soil layer of 0-5 cm compared to those plots cultivated previously with oats. These results showed that the white clover residues after grazing would provide practically all nitrogen demand by the maize crop. It was not observed nitrate leaching caused by legume residues until the depth of 20 cm. In the second experimental year, the clover residue contributed, at the very least, with 90 kg/ha of N, resultant from the N biological fixation, to the corn crop. However, maize plants cultivated on oat residual mulch showed maximum grain yield under 180 kg/ha of N-fertilizer.
  • Análise econômica de quatro estratégias de suplementação para recria e engorda de bovinos em sistema pasto-suplemento Sistemas de Produção e Agronegócio

    Figueiredo, Darcilene Maria de; Oliveira, André Soares de; Sales, Maykel Franklim Lima; Paulino, Mário Fonseca; Vale, Sônia Maria Leite Ribeiro do

    Abstract in Portuguese:

    Objetivou-se com este estudo avaliar as respostas produtiva e econômica de quatro estratégias de suplementação durante o ciclo produtivo de bovinos de corte recriados e terminados em pastagens tropicais. Os dados sobre consumo de suplemento e desempenho dos animais foram obtidos de seis experimentos utilizando 196 animais em pastejo. As estratégias de suplementação avaliadas basearam-se na idade ao abate dos animais (18, 24, 30 e 40 meses), idealizando-se um sistema de produção com área de 1.000 ha e taxa de lotação média de 1 UA/ha/ano. O ganho de peso médio anual dos animais abatidos aos 18, 24, 30 e 40 meses de idade foi de 0,76; 0,48; 0,35 e 0,23 kg/animal/dia, respectivamente, e proporcionou os seguintes números de ciclos de produção (1,20; 0,75; 0,55 e 0,38 ciclos/ano). O abate aos 40 meses foi a única estratégia de suplementação que apresentou margem bruta negativa, indicando insustentabilidade a curto prazo neste sistema. A margem líquida anual foi positiva para as idades de abate de 18 (R$ 220.766,39) e 30 meses (R$ 80.395,24) e negativa para 24 meses de idade. O alto consumo de suplemento e a concentração deste conumo em uma fase de pior conversão alimentar foram as causas da pior resposta econômica obtida com o abate aos 24 meses em relação ao abate aos 18 e aos 30 meses. As taxas de retorno do capital investido com terra (TRC), 5,48 (18 meses), -1,60 (24 meses), 1,16 (30 meses) e -1,67% ao ano (40 meses) indicaram que apenas o abate aos 18 meses permite a sobrevivênvia do empreendimento a longo prazo. A maior resposta produtiva a essa estratégia, em razão do menor nível diário de suplementação e do fornecimento de concentrado em fase de maior eficiência alimentar, explica os melhores resultados econômicos. Todavia, a escolha da melhor estratégia de suplementação depende de combinações favoráveis de preços relativos dos suplementos e pode ser definida pela diferença na TRC em relação à ausência de suplementação, estimada para cada estratégia.

    Abstract in English:

    The productive and economic response of four feeding systems during the productive cycle of beef cattle raised and finished in tropical pastures was evaluated in this research. The data on supplement intake and performance of the animals were obtained from six experiments using 196 grazing animals. The evaluated supplementation strategies was based on the slaughter age of the animals (18, 24, 30, and 40 months), simulating a ideal system of production with area of 1.000 ha and annual average carrying capacity of 1 AU/ha/year. The annual average weight of the slaughtered animals at 18, 24, 30 and 40 months of age was of 0.76, 0.48, 0.35, and 0.23 kg/animal/day, respectively, and provided the following of cycles of production numbers (120, 0.75, 0.55, and 0.38 cycles/year). The 40 mo slaughter age was the only supplementation strategy that showed negative gross margin, indicating short-term in sustainability in this system. The annual net margin was positive for the slaughter ages 18 (R$ 220,766, 39) and 30 months (R$ 80,395. 24) and negative for 24 months of slaughter age. The high intake of supplement and the concentration of this intake in a phase of worse feed conversion was the causes of the worse economic response obtained with the slaughter age of 24 months in relation to slaughter age of 18 and the 30 mo. The return taxes of the invested capital with land (TRC), 5.48 (18 mo), -1.60 (24 mo), 1.16 (30 mo) and -1.67% a year (40 mo) indicated that only the slaughter age of 18 mo allows the carry on of the enterprise in a long run. The biggest productive response to this strategy, in reason of the lesser daily level of supplementation and of the supply concentrated of in a phase of bigger feed efficiency, explains the best economic results. However, the choice of the best supplementation strategy depends on favorable combinations of relative prices of the supplements and could be defined by the difference in the TRC in relation to the absence of supplementation, estimate for each strategy.
Sociedade Brasileira de Zootecnia Universidade Federal de Viçosa / Departamento de Zootecnia, 36570-900 Viçosa MG Brazil, Tel.: +55 31 3612-4602, +55 31 3612-4612 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: rbz@sbz.org.br