Accessibility / Report Error

Heterose e capacidade combinatória em linhagens de pimentão com resistência a múltiplos patógenos

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi desenvolver híbridos de pimentão com resistência a múltiplos patógenos e inferir sobre os componentes da heterose em híbridos obtidos a partir de linhagens presumivelmente resistentes ao Pepper yellow mosaic virus (PepYMV), Phytophthora capsici ou Meloidogyne incognita. Os trabalhos foram realizados em casa de vegetação. Foram utilizadas dez linhagens, trinta híbridos experimentais, e sete testemunhas comerciais (Konan-R, Magali-R, Martha-R, Stephany, Mallorca, Magnata Super e Criollo de Morelos-334). Em todos os experimentos, utilizou-se o delineamento em blocos casualizados, com três repetições (com parcelas de 16 plantas). Na avaliação das reações a P. capsici e ao PepYMV, foram consideradas as percentagens de plantas sem sintomas. Na avaliação das reações a M. incognita, foram calculados o índice de reprodução e o fator de reprodução do nematoide. Os efeitos gênicos aditivos foram importantes para todos os caracteres avaliados e, para percentagem de plantas resistentes a PepYMV e P. capsici, os efeitos gênicos não-aditivos foram também importantes. Os alelos que controlam resistência a PepYMV, a P. capsici e a M. incognita possuem grau de dominância próximo de 1, em valor absoluto, o que indica uma situação favorável à obtenção de híbridos com resistência múltipla a estes patógenos.

Palavras-chave:
Capsicum annuum; Resistência a doenças; Melhoramento de plantas

Universidade Federal do Ceará Av. Mister Hull, 2977 - Bloco 487, Campus do Pici, 60356-000 - Fortaleza - CE - Brasil, Tel.: (55 85) 3366-9702 / 3366-9732, Fax: (55 85) 3366-9417 - Fortaleza - CE - Brazil
E-mail: ccarev@ufc.br