AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE INGREDIENTES PARA O CAMARÃO BRANCO DO PACÍFICO

CESAR ANTUNES ROCHA NUNES MARIA DO CARMO MOHAUPT MARQUES LUDKE CLOVIS MATHEUS PEREIRA MISLENI RICARTE DE LIMA JOSÉ DOS SANTOS Sobre os autores

RESUMO

Os estudos sobre alimentação e nutrição de camarões ainda são muito escassos, pouco se sabe sobre o aproveitamento pelos camarões de subprodutos da agroindústria, portanto o objetivo deste trabalho foi à avaliação nutricional e energética de ingredientes proteicos para camarões (Litopenaeus vannamei). O delineamento foi inteiramente casualizado, com seis tratamentos e quatro repetições: uma Reference diete cinco dietas teste compostas de 70% da Reference diete 30% do ingrediente teste (farinha vísceras de aves-FVA, feno folha de mandioca- FFM, farinha cabeça de camarão-FCC, levedura de cana-de-açúcar-LC e farelo de mamona -FM). Utilizou-se 720 camarões com peso médio de 8g. Os parâmetros de qualidade não apresentaram diferença significativa pelo teste de Tukey (P > 0,05). Os coeficientes de digestibilidade aparente dos ingredientes FVA, FFM, FCC, LC e FM foram respectivamente, 27,44; 76,26; 77,78 e 90,10% para matéria seca; 76,61; 70,44; 97,67 e 78,29% para proteína e (33,10; 51,19; 90,70 e 78,05%) para energia bruta. A energia digestível dos ingredientes foi 1.749, 2.457, 3.914, 3.030 e 2.130 kcal/kg e proteína digestível foi de 42,4; 16,09; 54,62, 23,71 e 14,31%. A FCC apresentou os maiores coeficientes de digestibilidade aparente da proteina bruta e energia bruta e para energia digestível. A LC apresentou o maior valor do coeficiente de digestibilidade aparente da matéria seca. A FCC e a LC são os ingredientes que apresentaram os melhores aproveitamentos dos nutrientes e da energia para L. vannamei.

Palavras-chave:
Alimentos alternativos; Energia Digestível; Litopenaeus vannamei

Universidade Federal Rural do Semi-Árido Avenida Francisco Mota, número 572, Bairro Presidente Costa e Silva, Cep: 5962-5900, Telefone: 55 (84) 3317-8297 - Mossoró - RN - Brazil
E-mail: caatinga@ufersa.edu.br