Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, Volume: 30, Issue: 5, Published: 2003
  • Pós-graduação em cirurgia: onde chegamos e para onde caminhados Editorial

    Refinetti, Ricardo Antonio
  • Distribuição de Escherichia coli nos órgãos do sistema mononuclear fagocitário após esplenectomia total isolada ou combinada com auto-implante esplênico em rato Artigos Originais

    Marques, Ruy Garcia; Petroianu, Andy

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: O auto-implante esplênico parece constituir a única alternativa para preservação de tecido esplênico, após esplenectomia total. O objetivo deste trabalho foi analisar a depuração de Escherichia coli pelos órgãos do sistema mononuclear fagocitário (SMF) após esplenectomia total e auto-implante esplênico. MÉTODO: Utilizou-se um modelo experimental com ratos Wistar jovens e adultos, de ambos os sexos, submetidos a esplenectomia total e auto-implante esplênico. O método de avaliação foi a inoculação intravenosa de suspensão de Escherichia coli marcada com tecnécio - 99m. Analisou-se a captação desta bactéria pelos órgãos do SMF e o remanescente bacteriano na corrente sangüínea. RESULTADOS: Dentro de cada grupo, não foi encontrado diferença entre animais jovens e adultos no que se refere à captação de bactérias pelos órgãos do SMF. Na comparação entre os grupos verificou-se que o percentual médio de captação pelo baço e pelo fígado de animais do Grupo-Controle foi maior que o dos auto-implantes. Embora a captação de bactérias pelo baço de animais do Grupo-Controle tenha sido maior que o dos auto-implantes esplênicos, o remanescente bacteriano no sangue não foi diferente. Animais submetidos a esplenectomia total isolada apresentam maior remanescente de bactérias na corrente sangüínea que animais do Grupo-Controle ou do grupo submetido a esplenectomia total combinada com auto-implante esplênico. CONCLUSÃO: Nossos resultados indicam que o auto-implante esplênico é eficaz na depuração de bactérias, em rato, mediante a fagocitose por seus macrófagos, e não interfere na função de remoção bacteriana do fígado e do pulmão.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Splenic autotransplantation seems to be the only alternative for the preservation of splenic tissue, after total splenectomy. The present study was perfomed to analyze Escherichia coli depuration by mononuclear phagocytic system organs after total splenectomy and splenic autotransplantation. METHODS: We utilized an experimental model including young and adult Wistar rats, of both sexes, submitted to total splenectomy and splenic autotransplantation. The evaluation method was intravenous inoculation of a suspension of Escherichia coli labeled with technetium - 99m. We analyzed bacteria uptake by mononuclear phagocytic system organs and bacteria remnant in the bloodstream. RESULTS: There was no difference between young and adult animals in bacteria uptake by mononuclear phagocytic system organs. The mean percentage uptake by spleen and liver of animals in the control group was higher than that observed for animals with splenic implants. However, bacteria uptake in the lung was higher in the splenic implant group than in the control group. Although spleen bacteria uptake in the control group animals has been higher than that of animals in the splenic implant group, the remnant bacteria in the bloodstream was similar. Animals submitted to isolated total splenectomy showed higher bacteria remnant in the bloodstream than animals of the control group or the group submitted to total splenectomy combined with splenic autotransplantation. CONCLUSION: Our results indicate that autogenous splenic implant is efficacious in bacteria depuration in rats, by means of their macrophages phagocytosis. In addition, it does not modify bacteria removal function of liver and lung.
  • Esterilização tubária com adesivo cirúrgico sintético: estudo experimental Artigos Originais

    Rivoire, Henri Chaplin; Fagundes, Djalma José; Taha, Murched Omar; Novo, Neil Ferreira; Juliano, Yara

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Estudar a perviedade da tuba uterina de coelhas submetidas a aplicação endotubária pela via transvaginal de n-butil-2-cianoacrilato. MÉTODO: Vinte coelhas (Orictolagus cuniculus) da linhagem Nova Zelândia foram distribuídas em dois grupos, 1 (controle) e 2 (experimento). O grupo controle foi submetido a técnica operatória para esterilização pelo método proposto por Pomeroy e o grupo experimento teve a aplicação de 0,25mL do adesivo cirúrgico n-butil-2-cianoacrilato no lúmen tubário por via transvaginal. Após quatro semanas e quatro acasalamentos e o diagnóstico clínico da presença de gestação, foram submetidos a três testes de perviedade: histerossalpingografia (in vivo), teste de perviedade com corante azul de metileno (in vitro) e teste de pressão de rompimento (in vitro). Foi realizada a morfometria computadorizada digitalizada para medir o diâmetro tubário, a mucosa e o miossalpinge. RESULTADOS: Houve vazamento em somente uma tuba uterina do grupo 2, embora o adesivo estivesse presente no lúmen tubário, o que foi não significante estatisticamente. Apresentou significância estatística a morfometria, que mostrou aumento nas medidas do diâmetro tubário, da mucosa e do miossalpinge, que consideramos ser pela presença do polímero formado pelo adesivo, não havendo danos celulares. CONCLUSÕES: Concluímos que a aplicação transvaginal de n-butil-2-cianoacrilato no lúmen tubário de coelhas é tão eficaz para esterilização quanto o método de Pomeroy.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Study of the patency of the uterine tube of rabbits submitted to the transvaginal approach application of n-butyl-2-cyanoacrylate. METHODS: Twenty rabbits were used (Orictolagus cuniculus) of the lineage New Zealand, distributed in two groups, 1 (control) and 2 (try). Control group was submitted to the technique for sterilization through the method proposed by Pomeroy and the group experiment had the application of 0,25mL of the surgical adhesive n-butyl-2-cyanoacrylate in the isthmus of uterine tube, via transvaginal. After four weeks and four time mated and the clinical diagnosis of gestation appearance, they were submitted to three patency tests: histerosalpingography (in vivo), patency test with color metilen blue (in vitro) and test of breaking pressure (in vitro). Digital computerized morfometry was accomplished to measure the diameter of tubes, mucous membrane and miosalpinx. RESULTS: The results showed leak in only one uterine tube of the group 2, although the sticker was present in the isthmus of uterine tube. Statistical significancy was shown by the morfometry that showed increase in the measures of the diameter tube, of mucous membrane and of miosalpinx, that we considered to be for the presence of the polymeric formed by the adhesive, not cellular damages. CONCLUSIONS: We concluded that the application n-butyl-2-cyanoacrylate of transvaginal route in the uterine tubes of rabbits is so effective for sterilization as the method of Pomeroy.
  • Hipotensão controlada induzida por halotano em coelhos Artigos Originais

    Figueiredo, Nubia Verçosa; Schanaider, Alberto; Barrucand, Louis; Costa, Allan Antonio da

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Descrever e analisar um estudo experimental com o objetivo de pesquisar o uso do halotano em diferentes concentrações, visando à obtenção de hipotensão induzida ou controlada e à análise das repercussões hemodinâmicas decorrentes do método. MÉTODO: Foram utilizados vinte e nove coelhos (Oryctolagus cuniculus), do tipo Nova Zelândia subdivididos em quatro grupos, dentre os quais havia um controle composto por cinco animais, e outros três contendo oito coelhos cada um. Os grupos I,II e III (n=8 cada)) foram submetidos a um período de hipotensão induzida, utilizando-se o halotano em concentrações de 1,0%, 1,5% e 2,0%, respectivamente. Foram avaliadas as freqüências cardíaca (FC) e respiratória (FR), a pressão arterial média (PAM) e a temperatura corporal. No sangue arterial analisaram-se os valores do potencial hidrogeniônico (pH), da pressão parcial do oxigênio (PaO2), da pressão parcial do gás carbônico (PaCO2), do bicarbonato (-HCO3), do excesso de bases (BE), da saturação do oxigênio da hemoglobina (Sat.O2). Estes parâmetros foram obtidos em três momentos: antes (MAnH), durante (MDuH) e após (MApH) a hipotensão induzida. Acompanhou-se, periodicamente, os reflexos corneano e pupilar e, de forma contínua, o eletrocardiograma. RESULTADOS: A análise estatística dos resultados evidenciou hipotensão e redução de frequência cardíaca com o uso do halotano. O pH dos coelhos é mais alcalino que o do homem. Não obstante haver uma tendência à acidose metabólica, esta decorreu de uma condição transitória, sem comprometer a homeostase. CONCLUSÃO: O halotano é um anestésico seguro e eficaz para promover a hipotensão induzida ou controlada, em coelhos.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: The authors describe haemodynamic changes secondary to controlled and induced hypotension during anesthesia with different halothane concentrations. METHODS: Twenty-nine New Zealand white rabbits (Oryctolagus cuniculus) were divided into four groups. A control group, composed by five animals, was compared to groups I, II, and III, with eight rabbits each one (n=8), that underwent anesthesia with halothane in concentrations of 1,0%, 1,5% and 2,0% respectively. Cardiac and respiratory rates, body temperature, average arterial blood pressure, pH values, arterial oxygen tension (PaO2), arterial carbon dioxide tension (PaCO2), bicarbonate concentrations (-HCO3), base excess (BE), and haemoglobin oxygen saturation (Sat O2) were studied. All parameters were registered before, during and after halothane anesthesia induced hypotension. Corneal and pupilary reflexes and cardiogram were followed continuously. RESULTS: Halothane resulted in hypotension and reduced heart rate. Rabbits have an alcaline blood pH. The metabolic acidosis trend observed was of transient character. Halothane did not modify SatO2.. CONCLUSION: Halothane is a safe and efficient anaesthetic to promote induced or controlled hypotension in rabbits.
  • Câncer gástrico precoce: contribuição ao diagnóstico e resultado do tratamento cirúrgico Artigos Originais

    Muraro, Cirilo Luiz Pardo Mêo

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Analisar o diagnóstico e tratamento de pacientes portadores de câncer gástrico precoce. MÉTODO: Foram estudados 34 pacientes portadores de neoplasia gástrica precoce (CGP) tratados no Serviço de Cirurgia do Aparelho Digestivo Alto da Faculdade de Ciências Médicas da PUC- Campinas durante o período de janeiro de 1978 a dezembro de 1998. RESULTADOS: O diagnóstico foi feito através da endoscopia digestiva alta e biópsia, sendo que em dois deles (5,9%) a biópsia revelou apenas atipias em lesão ulcerada gástrica. O estudo histopatológico das peças cirúrgicas confirmou a existência de adenocarcinoma em todos os pacientes. A localização mais freqüente da neoplasia foi o antro gástrico e os tipos macroscópicos mais encontrados foram IIc e IIc + III. Quanto à profundidade na parede do estômago, verificou-se a prevalência da localização na mucosa. Em nenhum dos casos constatou-se invasão linfonodal. Todos os doentes foram submetidos à gastrectomia subtotal com linfadenectomia D2 e a reconstrução mais freqüente foi a gastro-jejunostomia em Y de Roux (67,6%). O seguimento pós-operatório dos pacientes variou de 17 dias a 21 anos e meio, o qual mostrou complicações em três deles (8,8%). Apenas dois óbitos ocorreram (5,8%), um por complicações pós-operatórias e outro, tardiamente, por recidiva da doença. CONCLUSÕES: A incidência de câncer gástrico precoce (CGP) encontrada no presente estudo (8,7%), mostrou-se semelhante àquela referida pela literatura dos países ocidentais, sendo, entretanto, pobre em relação à incidência referida nas séries japonesas. Este fato valoriza a necessidade da realização de exames endoscópicos periódicos nos pacientes que compõem o chamado grupo de risco para a doença neoplásica do estômago. Finalmente, entendeu-se que quando o CGP está localizado na mucosa e não apresenta invasão de linfonodos e nem metástases à distância, a sobrevida é muito boa.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: To analysis diagnosis and treatment of patients with early gastric cancer. METHODS: The author studied 34 patients with "Early Gastric Cancer" (EGC) treated at Faculdade de Ciências Médicas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas from january 1978 to december 1998. RESULTS: The diagnosis were performed by endoscopy and biopsy, but in two patients (5,9%) the biopsy showed only atipic cells in gastric ulcer. In the other 32, biopsy showed adenocarcinoma. The most common localization of the neoplasia was in the gastric antrum and macroscopic types IIc and IIc + III predominated. The mucosal type appeared more often than the submucosal type and all patients had lymph nodes free of cancer invasion. All 34 patients underwent subtotal gastrectomy with D2 lymphadenectomy and in 67,3% of them the Roux in Y reconstruction was perfomed. Follow up ranged from 17 days to 21 years and six months and showed complications in only three cases (8,8%). Two patients (5,8%) died: one because of postoperative complications and the other because of tumor recurrence. CONCLUSIONS: EGC incidence in this study (8,7%) is similar to that in the occidental countries literature, but is very low if compared to japanese series. These results emphasize the importance of periodic endoscopic examination of patients with risc factors for stomach neoplasic disease. When the CGP is limited to mucosa, lymph nodes are free and there are no distant metastasis, a very good survival is possible.
  • Redução do tempo de hospitalização após cirurgia torácica de grande porte: identificação de fatores determinantes Artigos Originais

    Lima, Nuno Fevereiro Ferreira de; Carvalho, André Luís de Aquino

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Os custos da internação hospitalar têm relação direta com o tempo de permanência do paciente operado. Por outro lado, um menor tempo de internação permite aumentar a produtividade nos hospitais públicos com demanda reprimida. O objetivo deste estudo é identificar fatores determinantes da redução do tempo de internação pós-cirurgia torácica de grande porte. MÉTODO: Estudo retrospectivo por análise de prontuários, realizado em duas fases. Na fase I levantou-se uma série consecutiva de 169 pacientes divididos em grupo I (n=81)-operados no período de junho de 1990 a dezembro de 1995, e grupo II (n=88) _operados de janeiro de 1996 a maio de 2000, para verificação do tempo de internação e fatores relacionados. Na fase II levantou-se uma série consecutiva de 20 pacientes (grupo III) retroagindo a partir de março de 2002, para análise e comparação com uma pequena enquête enviada pela internet para 21 cirurgiões torácicos. RESULTADOS: A quase totalidade dos pacientes prescindiu de UTI no pós-operatório imediato. O tempo de internação médio caiu de 7,6 dias (mediana 7) no grupo I para 5,1 dias (mediana 4) no grupo II (p<0,001). A utilização mais freqüente da analgesia epidural e o uso de vias de acesso menos traumáticas no grupo II alcançou significância estatística (p<0,001). No grupo III o tempo de internação médio foi de 4,2 dias (mediana 4), com uso mais efetivo da analgesia epidural (75%) e emprego da toracotomia vertical (90%). Oito cirurgiões torácicos responderam à enquête: o tempo médio de internação informado variou de cinco a nove dias, todos os pacientes foram enviados para a UTI ou similar, e apenas dois cirurgiões usam de rotina toracotomia com preservação muscular. CONCLUSÕES: Este estudo confirma que o controle da dor e o menor trauma da via de acesso são fatores importantes para a mais rápida recuperação funcional dos pacientes. Sugere que uso da UTI pode ser restringido para pacientes com alto risco.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: There is a direct relation between hospital costs and hospital length of stay after the operation. On the other hand, reduced stay increases productivity of public hospitals with high service demanding. Our objective is to identify factors determining the decrease in hospital stay after major thoracic surgery. METHODS: A two-phase retrospective study was conducted on analysis of medical records. In the first phase, data on length of hospital stay and related factors were collected from a consecutive series of 169 patients divided into group I (n=81)-patients operated on between June 1990 and December 1995, and group II (n=88) _patients operated on from January 1996 through May 2000. In the second phase, data were collected from a consecutive series of 20 patients (group III) starting backwards from March 2002, for analysis and comparison with an Internet survey sent to 21 thoracic surgeons. RESULTS: Intensive care unit was unecessary for most patients in immediate post operative period. The mean hospital stay decreased from 7.6 days (median 7) in group I to 5.1 days (median 4) in group II (p<0.001). The more frequent utilization of epidural analgesia and less traumatic thoracothomy in group II reached statistic significance (p<0.001). In group III, the mean hospital stay was 4.2 days (median 4), and there was a more efective use of epidural analgesia (75%) and muscle- sparing thoracothomy (90%). Eight thoracic surgeons answered the survey: the mean hospital stay varied from five to nine days and all patients were sent to intensive care or similar units. Only two surgeons utilize muscle-sparing thoracothomy. CONCLUSIONS: This study confirms that pain control and less traumatic surgical approach are important for faster functional recovery of patients. It suggests that the IC units may be used only for selected patients.
  • Tratamento não-operatório e operatório de lesões esplênicas em crianças Artigos Originais

    Resende, Vivian; Tavares Júnior, Wilson Campos; Kanson, Milhem Jameledien Morais; Abrantes, Wilson Luiz; Drumond, Domingos André Fernandes

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Comparar dois grupos de pacientes pediátricos com lesões esplênicas sendo um tratado conservadoramente e outro com cirurgia. MÉTODO: Foram avaliadas prospectivamente 32 crianças com lesões esplênicas. Os pacientes foram divididos em dois grupos, Grupo I (tratamento não-operatório, n=16) e Grupo II (tratamento operatório, n=16). O critério para inclusão no tratamento não-operatório foi estabilidade hemodinâmica, escala de coma de Glasgow maior que 12, ausência de lesões associadas de vísceras ôcas. Na avaliação clínica foram verificadas a necessidade de hemotransfusão e de tratamento em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). As complicações, tempo de permanência hospitalar,o índice de trauma (RTS, ISS e TRISS) foram analisados. Os exames complementares por imagem foram a ultra-sonografia abdominal seguida de tomografia computadorizada. RESULTADOS: As lesões grau II e III predominaram no Grupo I enquanto as de grau IV e V no Grupo II. As lesões associadas mais freqüentes foram o TCE seguido pelo trauma de extremidades. Com os critérios adotados se obteve total sucesso no tratamento não operatório. CONCLUSÕES: O tratamento não-operatório é uma opção segura para o trauma abdominal fechado com lesão esplênica, desde que seja indicado mediante critérios técnicos explicitados. O tratamento não-operatório da lesão esplênica só pode ser feito em serviços que estejam adequadamente equipados com recursos materiais ( ultra-sonografia e tomografia computadorizada) e com equipe cirúrgica em tempo integral para avaliação continuada dos pacientes.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: The objective of this study is to compare nonoperative and surgical treatment of splenic injuries in children. METHODS: The charts of 32 patients with blunt splenic injuries were examined prospectively. Of these, 16 were submitted to nonoperative treatment (Group I) and 16 underwent surgical approach (Group II). The criteria for nonoperative treatment were hemodynamic stability, Glasgow coma scale > 12, absence of other visceral injuries. Blood transfusion and intensive care unit stay, hospital stay length, associated injuries, RTS, TRISS and clinical course were analyzed. The imaging methods were ultrasonography and computer tomography. RESULTS: In group I there were more injuries of grade II and III and in group II there were more lesions of grade IV and V. The main associated injuries were the craniocerebral and extremities ones and only in group II gastrointestinal tract injuries were diagnosed. Group I patients had 100% success in therapy. CONCLUSION: Most children with hemodynamically stable splenic injuries after blunt abdominal trauma can be treated sucessfully with nonoperative aproach. We recommend to investigate and document the lesion with image ( ultrasonography or computer tomography).
  • Ferimentos cervicais: análise retrospectiva de 191 casos Artigos Originais

    Bahten, Luiz Carlos Von; Duda, João Ricardo; Zanatta, Patrícia Danielle Schultz; Morais, Andrei Leite de; Silveira, Fábio; Olandoski, Márcia

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Analisar a epidemiologia e a conduta nos ferimentos cervicais. MÉTODO: Foram analisados 487.128 prontuários de pacientes que ingressaram no Serviço de Emergência do Hospital Universitário Cajuru no período de 01/1996 a 06/2001. Destes, selecionaram-se 378 pacientes com ferimentos cervicais. Foram excluídos 153 que apresentavam lesões associadas e 14 por óbito no atendimento inicial. O estudo foi feito , assim, em 191 pacientes com lesões cervicais exclusivas. Avaliou-se a localização da ferida, o mecanismo de trauma, o comprometimento do platisma, sinais e sintomas, a hora de admissão e a conduta empregada. RESULTADOS: Cento e sessenta e quatro (86%) pacientes eram masculinos. A média de idade foi de 28 anos (10-72). Noventa (47%) ferimentos foram por arma de fogo (FAF) e 88 (46%) por arma branca (FAB). O principal horário de admissão foi entre 20 e 04 horas. Quanto à localização, 53% das lesões foram à esquerda, 45% à direita e 2% medianos; 36% em zona I, 55% em zona II e 9% em zona III. Em 101 o ferimento penetrou o platisma: cinqüenta e um (50%) apresentaram sinais e sintomas clínicos e receberam conduta operatória. As lesões vasculares foram as mais encontradas (20). Houve 24 (47%) cervicotomias não-terapêuticas. O tratamento conservador foi empregado em 41 (45%) casos de acordo com os exames físico e complementares. CONCLUSÕES: Homens jovens são mais acometidos quanto aos ferimentos cervicais. Estes ocorrem mais freqüentemente na zona II, e a incidência dos FAF e FAB foi equivalente. É adequado um manejo mais seletivo em relação aos ferimentos cervicais, devendo o manejo da zona II adequar-se à disposição de recursos dos serviços de trauma.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: The study proposes to assess the demographics and management of neck injuries. METHODS: A retrospective review of 487.128 emergency department medical records from 01/1996 to 06/2001 was conducted. Out of the 378 patients selected for the analysis, 153 were excluded due to associated lesions and 14 because of death. The group of patients analyzed (n=191) had exclusively neck lesions. Injury location, kinetics of trauma, platysma involvement, signs and symptoms, admission hour and management were evaluated. RESULTS: One hundred sixty four (86%) patients were male. Mean age was 28 years (range, 10-72). Ninety (47%) injuries were caused by firearms and 88 (46%) were stab wounds. The main period of admission was between 08 pm and 04 am. The location of the lesions was 53% in the left, 45% in the right, and 2% in the median line; 36% of them being classified as zone I, 55% as II, and 9% as III. There was platysma penetration in 101 patients , half of them (n=51) presented signs and symptoms suggestive of injury, and were consequently subjected to surgical intervention. Twenty-four (47%) operative interventions were non-therapeutic. Forty-one patients (45%) were medically treated on the basis of clinical assessment. CONCLUSIONS: Young males are the most frequent victims of neck injuries. It occurs mostly in the Zone II , and the incidence of firearm and stab wounds were equivalent as a trauma mechanism. The necessity of a selective management of neck lesions is clearly evident. Regarding penetrating zone II neck injuries, the treatment may be adequated with the resources of trauma services.
  • Esplenectomia laparoscópica nas doenças hematológicas Artigos Originais

    Melo-Filho, Antônio Aldo; Miranda, Márcio Lopes; Oliveira-Filho, Antônio Gonçalves de; Pinheiro, Vitória Régia; Brandalise, Nelson Ari; Bustorff-Silva, Joaquim Murray

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Relatar a experiência inicial do Centro Infantil Boldrini com a esplenectomia laparoscópica (EL) em crianças e adultos jovens. MÉTODO: Foram revisados os prontuários de 40 pacientes (mediana da idade de 6,6 anos; 1 a 22,8) submetidos à EL entre Julho de 2000 e Maio de 2002. As principais indicações de acordo com a doença de base foram: doença falciforme (DF) em 20 pacientes (50%), esferocitose hereditária em 10 (25 %), púrpura trombocitopência idiopática em oito (20 %), doença de Hodgkin em um e anemia hemolítica a esclarecer em um. RESULTADOS: Trinta e oito esplenectomias foram completadas por via laparoscópica (duas conversões) e em doze foi realizada adicionalmente a colecistectomia. A mediana do tempo operatório foi de 127,5 minutos (90-240 min) e sete (17,5 %) baços acessórios foram encontrados. Sangramento intra-operatório foi significativo apenas nas duas conversões, mas não houve necessidade de transfusões. A mediana do peso dos baços foi de 250 g (106-1000; n=36). Complicações pós-operatórias ocorreram em sete (17,5 %) pacientes e, nos portadores de DF, 35% desenvolveram síndrome torácica aguda. A mediana da permanência hospitalar pós-operatória foi de dois dias (2 - 14). O seguimento variou de 23 dias a dois anos (mediana de 11 meses). CONCLUSÕES: A EL pode ser realizada de modo seguro mesmo em baços de grande tamanho e é opção atrativa que pode substituir o procedimento aberto. Em pacientes com DF, a taxa de complicações permanece alta, sugerindo mecanismos outros que vão além da escolha da via de acesso cirúrgica.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Laparoscopic splenectomy (LS) is becoming the procedure of choice in the treatment of children with hematological disorders. However, concerns remains regarding conversion rates, dissection and extraction of the spleen. The authors analyze their early experience at Boldrini's Children Cancer Center-Brazil in 40 LS performed in children and young adults. METHODS: Retrospective review of the charts of 40 patients (median age of 6.6 years; range 1 to 22.8) who underwent LS, between July/ 2000 and May/ 2002. The main indications were sickle cell disease (SCD) (20 - 50 %), hereditary spherocytosis (10 - 25 %) and idiopathic thrombocytopenic purpura (8 - 20 %). RESULTS: All but two splenectomies were performed exclusively by laparoscopy, and 12 patients also underwent a concomitant cholecystectomy. The mean operating time was 127.5 minutes (90-240m). In seven patients (17.5%) accessory spleens were found and removed. Intraoperative bleeding was significant only in the two cases that required conversion to an open procedure, although no transfusion was needed. The median weight of the spleen was 250 g (range 106g-1000g; n=36). Complications were observed in seven patients (17.5 %) with SCD that developed acute chest syndrome. There were no deaths in this series and the median postoperative stay at the hospital was two days (2 - 14). Follow-up ranged from 23 days to two years. CONCLUSIONS: On the basis of our experience, LS is a safe procedure, even to treat large spleens and became an attractive option that might replace the open procedure. In SCD patients, the rate of complications remains high, suggesting mechanisms other than the scope of the choice of surgical approach.
  • Diagnóstico epidemiológico de evisceração em cirurgia geral Artigos Originais

    Borile, Giuliano; Valente, Denis Souto; Pizzol, Melissa Manfroi Dal; Dreher, Rodrigo; Nunes, Carlos Cleber Alves

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Quantificar a experiência clínica do Serviço de Cirurgia Geral do Complexo Hospitalar da Santa Casa de Porto Alegre, criando um diagnóstico epidemiológico de demanda e traçando um perfil do paciente de risco de evisceração, através da análise do manejo e conduta mais adequados. MÉTODO: No período de 2000 a 2001, foram estudados prospectivamente 1182 pacientes submetidos a laparotomias, dos quais 13 evoluiram com evisceração. RESULTADOS: Dos 13 pacientes eviscerados, 69,2% eram homens, com idade média de 55,9 anos. A neoplasia foi a patologia de base mais prevalente (61,5%), e o tempo médio de evisceração foi de 12,1 dias. A albumina sérica média encontrada foi de 2,8 g/dl e a sutura contínua a técnica de fechamento mais utilizada no Serviço. CONCLUSÃO: O perfil do paciente eviscerado nesta série,inclui homens com mais de 50 anos e obesos, com doença maligna e hipoalbuminemia. Esses pacientes têm maior probabilidade de desenvolver complicações locais, tais como infecção e aumento da pressão intra-abdominal, contribuindo para a deiscência total da parede abdominal. A análise destes fatores deve ser imperiosa na decisão de ancoragem primária dessa população.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: To quantify the clinical experience and epidemiological diagnosis of eviscerations, creating a profile of risk factors. METHODS: During the years 2000 to 2001, 1182 patients were studied, including 13 with eviscerations, followed prospectively by research protocol. RESULTS: Of 13 cases of evisceration, 69,2% were men, with mean age of 55,9 years. Neoplasic disease was the most frequent base disease (61,5%) and the mean time of evisceration was 12,1days. The mean albumin serum level found was 2.8g/dl and continuous suture was the most frequent abdominal wall closure technique. CONCLUSION: The profile of patient for evisceration include men, obeses, older than 50 years with malignant disease and hipoalbuminemia. These patient have high risk to develop local complications such as infection and elevation of intra-abdominal pressure, and, abdominal wall dehiscence. The analisis of risks factors must be mandatory in decision of primary ancorage of this population.
  • Índice de publicação dos trabalhos apresentados no XXIV Congresso Brasileiro de Cirurgia Artigos Originais

    Fernandes, Fernando Augusto Mardiros Herbella; Ventura, Denise Estefan; Del Grande, José Carlos

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Avaliar o índice de publicação a nível internacional (Index Medicus-Medline-PubMed) dos trabalhos apresentados no XXIV Congresso Brasileiro de Cirurgia. MÉTODO: A publicação dos trabalhos foi pesquisada por consulta à base de dados de publicações biomédicas a nível mundial (Index Medicus-Medline-PubMed), a partir da lista de autores e co-autores e palavras-chave dos títulos dos trabalhos. RESULTADOS: Do total de 1133 trabalhos apresentados, 29 (2,6%) foram publicados-nove temas livres (2,0%), um vídeo livre (1,6%), dois fórum de pesquisa (12,5%) e 17 pôsteres (2,8%). Dos 2638 autores identificados, 71 (2,7%) publicaram seus trabalhos. CONCLUSÕES: O índice de publicações dos trabalhos apresentados ainda é baixo.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Analysis of the index of publication of the papers presented at the XXIV Brazilian Congress of Surgery. METHODS: Searches in a computerized database (Index Medicus-Medline-PubMed) of the papers presented at the Congress were done based on the names of authors and title's key words. RESULTS: Of the 1133 papers presented at the Congress, 29 (2.6%) were published-nine free papers (2.0%); one video (1.6%); two research forums (12.5%); and 17 posters (2.8%). Concerning authors, 2638 were identified and 71 (2.7%) had their papers published. CONCLUSIONS: The index of publication of the papers presented at the Brazilian Congress of Surgery is still low.
  • Doença de castleman simulando neoplasia pancreática Relatos de Casos

    Albuquerque, Antonio Cavalcanti de; Silva Junior, Orlando Enedino da; Ferraz, Álvaro Antônio Bandeira

    Abstract in English:

    A 33-year-old man presented to our department with a 4-month history of right quadrant abdominal pain. Physical examination was normal. A chest X-ray showed no remarkable findings. Ultrasonography demonstrated a hypoechoic mass measuring 6 cm in the head of the pancreas. Computed tomography confirmed a solid mass in the pancreas without Wirsung or bile duct dilatation. At laparotomy, excision a 6 cm egg-shaped and hypervascular mass in the head of the pancreas was performed. Histologically, the features were consistent with Castleman disease. Castleman's disease is a rare, usually benign lymphoid condition described by Castleman (1954) and characterized by giant lymph nodes. Surgical resection is diagnostic and curative.
  • Neurofibrossarcoma retroperitoneal primário Relatos de Casos

    Oliveira, Michelle Lucinda Gonçalves de; Lopes Filho, Gaspar de Jesus

    Abstract in English:

    Malignant schwannoma or neurofibrosarcoma usually grows from the peripheral nerves and rarely from the retroperitoneum. When found in the retroperitoneum, it usually has a worse prognosis. This kind of tumor seems to be resistant to adjuvant therapy and the best treatment is radical surgery. We report a case of a primary retroperitoneal malignant schwannoma, in a 64 year-old man, treated surgically.
  • Cisto de duplicação gástrica com parênquima pancreático ectópico em adulto assintomático Relatos de Casos

    Sena, Kanthya Arreguy de; Rabelo, Guilherme Durães; Albuquerque, Walton

    Abstract in English:

    The authors describe a rare case of a gastric duplication cyst in a 55-year-old man. The past history revealed that the patient was treated one year before for gastroduodenal ulcer. The cyst was discovered incidentally at upper gastrointestinal endoscopy. Biopsies showed inflammation without evidence of tumor. On abdominal ultrasonography and CT scan, a left upper quadrant mass was noted. At laparotomy, a mass measuring 6,0 cm in contact with the stomach was excised. Histopathology showed a gastric duplication cyst containing pancreatic mucosa.
Colégio Brasileiro de Cirurgiões Rua Visconde de Silva, 52 - 3º andar, 22271- 090 Rio de Janeiro - RJ, Tel.: +55 21 2138-0659, Fax: (55 21) 2286-2595 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revistacbc@cbc.org.br