Tempos máximos de fonação e características vocais acústicas de mulheres com nódulos vocais

Maximum phonation time and vocal acoustic characteristics for women with vocal fold nodule

OBJETIVO: descrever os tempos máximos de fonação (TMF) e características vocais acústicas de mulheres adultas jovens com nódulos vocais. MÉTODOS: coleta dos TMF das vogais /a/, /i/ e /u/; da relação s/z e medidas acústicas da fonte glótica (Multi Dimensional Voice Program Advanced da Kay PENTAX) de 20 sujeitos do sexo feminino, com faixa etária entre 20 e 40 anos, dez com laudo otorrinolaringológico de nódulos vocais e dez com laudo de laringe normal. RESULTADOS: quanto aos TMF, o grupo sem nódulos (GSN) apresentou 90% dos resultados normais e 10% diminuídos, e o grupo com nódulos (GCN) apresentou 70% dos resultados normais e 30% diminuídos; na relação s/z, todo o GSN apresentou resultados dentro dos padrões da normalidade e o GCN apresentou 70% de resultados normais e 30% aumentados; ambos os grupos apresentaram todas as medidas vocais acústicas dentro da normalidade, com exceção do GSN que apresentou vf0 aumentada. CONCLUSÃO: as mulheres jovens com nódulos vocais apresentaram medidas de TMF e de relação s/z sem diferenças significativas em relação às mesmas medidas de mulheres sem afecção laríngea. As medidas acústicas da fonte glótica foram semelhantes e dentro da normalidade para ambos os grupos, com exceção da medida do cociente de variação de frequência fundamental (vf0) que foi elevada no GSN, sugerindo incoordenação penumofonoarticulatória. As medidas de TMF e da relação s/z, mesmo sem diferenças significativas, pareceram mais sensíveis à presença do predomínio aerodinâmico dos nódulos vocais do que as medidas acústicas.

Voz; Distúrbios da Voz; Cordas Vocais; Avaliação em Saúde


ABRAMO Associação Brasileira de Motricidade Orofacial Rua Uruguaiana, 516, Cep 13026-001 Campinas SP Brasil, Tel.: +55 19 3254-0342 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revistacefac@cefac.br