Revista CEFAC, Volume: 11 Supplement 2, Published: 2009
  • Editorial I

    Bianchini, Esther Mandelbaum Gonçalves
  • Editorial II

    Zorzi, Jaime
  • Habilidades do desenvolvimento de prematuros Artigo Original

    Lamônica, Dionísia Aparecida Cusin; Picolini, Mirela Machado

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: verificar o desempenho de habilidades do desenvolvimento linguístico, cognitivo, motor, de autocuidados e socialização em crianças prematuras. MÉTODOS: participaram 30 crianças nascidas prematuras, de ambos os sexos de seis a 24 meses. Os procedimentos de avaliação constaram de uma entrevista de anamnese e da aplicação do Inventário Portage Operacionalizado (IPO) (Wilhiams & Aiello, 2001). As crianças foram divididas em dois grupos, conforme a faixa etária, para análise estatística dos dados, considerando as idades de seis a 11 meses e de 12 a 24 meses. A análise dos dados foi realizada por meio da aplicação do teste Manny-Whitney comparando os valores obtidos no grupo de crianças prematuras com escores previstos para crianças típicas. RESULTADOS: os resultados indicam que a área mais defasada do grupo na faixa etária de seis a 12 meses foi à linguística e autocuidados e na faixa etária de 12 a 24 meses as áreas mais defasadas foram linguística, cognitiva e de autocuidados. CONCLUSÃO: ressalta-se a necessidade de um acompanhamento rigoroso de recém-nascidos prematuros, por meio do desenvolvimento de programas de acompanhamento e por uma equipe multidisciplinar para promover a detecção e intervenção precoce, minimizando assim o impacto de problemas no desenvolvimento global destas crianças.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to check the performance of the linguistic, cognitive, motor, self-care and socialization development abilities in premature children. METHODS: 30 premature children participated, of both genders, from 6 to 24 months. The evaluation procedures consisted of an anamnesis interview and Operating Portage Inventory (OPI) (Wilhiams & Aiello, 2001) application. The children were divided in two groups, according to age group, for statistical data analysis, considering the age groups from 6 to 11 months and from 12 to 24 months. Data analysis was accomplished through Manny-Whitney test application, comparing the values obtained in the premature children's group with scores foreseen for typical children. RESULTS: the results indicate that the more altered areas of the group in the age group from 6 to 12 months were linguistics and self-care and in the age group from 12 to 24 months the more altered areas were linguistic, cognitive and self-care. CONCLUSION: the need for a newly born premature rigorous attendance, through the development of continuation programs and a multidisciplinary team is emphasized in order to promote precocious detection and intervention, minimizing the impact of problems in these children's global development.
  • Sobre o desenvolvimento da linguagem de gêmeos monozigóticos Artigo Original

    Barbetta, Naraí Lopez; Panhoca, Ivone; Zanolli, Maria de Lurdes

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: analisar o relato dos familiares sobre o desenvolvimento dos filhos gêmeos, desde o momento da descoberta de uma gestação gemelar monozigótica, à procura de indícios dos fatores interacionais e sua relação com a linguagem. MÉTODOS: trata-se de um estudo naturalista observacional e os dados foram coletados por meio de entrevistas semi-estruturadas realizadas com nove famílias de gêmeos monozigóticos, durante 30 meses. A análise dos dados orientou-se pelo paradigma indiciário e pelos preceitos da perspectiva histórico-cultural. RESULTADOS: sete famílias relataram um desenvolvimento diferenciado de linguagem, mas não foi ressaltado de maneira tão relevante a ponto de causar preocupação na família. CONCLUSÃO: no discurso das famílias, a gemelaridade pode trazer implícita a idéia de que o desenvolvimento das crianças não segue o esperado, já que a própria condição de ser gêmeo não é esperada.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to analyze the report of the families on the development of their monozygotic twins since the acknowledge of twin pregnancy, and describe the environmental factors, as well as their relationship with language. METHODS: the study is based on naturalist/observational approach and the data were collected through semi structured interviews with nine families who had a pair of monozygotic twins, during thirty months. Data analysis was performed by using historic-cultural perspective and indicative paradigm. RESULTS: seven families described a differentiated language development, but it was not stressed out in such a relevant manner to the point of causing concern to these families. CONCLUSION: twinning may bring out the idea that the development of these children do not follow the expected, once that twin children are also not expected.
  • Vocabulário expressivo de crianças com diferentes níveis de gravidade de desvio fonológico Artigo Original

    Athayde, Marcia de Lima; Carvalho, Queiti; Mota, Helena Bolli

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: relacionar o desempenho de vocabulário expressivo com a gravidade do desvio, as faixas etárias e os valores de referência da prova de vocabulário utilizada. MÉTODOS: a amostra foi constituída por 17 sujeitos com desvio fonológico, com idades entre três anos e cinco meses e oito anos e dois meses, sendo dividida em quatro grupos, baseado na análise do Percentual de Consoantes Corretas e classificação do grau de severidade conforme Shriberg & Kwiatkowski (1982). Esse resultado permite classificar o desvio em: severo, moderadamente-severo, médio-moderado e médio. Foi aplicado o teste de linguagem ABFW - Vocabulário. Realizou-se análise de correlação entre idade, grau de severidade do desvio fonológico e resultados de referência do teste de vocabulário. RESULTADOS: as crianças de menor gravidade de desvio fonológico obtiveram resultados superiores às demais, apesar da maioria destes resultados serem não significantes. Crianças menores apresentaram desempenho inferior às maiores, o que era esperado. CONCLUSÕES: é possível pensar que a gravidade do desvio fonológico pode estar influenciando o desempenho das crianças desta amostra em uma prova de vocabulário expressivo.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to relate task performance of expressive vocabulary with the deviation severity, the age range and the reference values of the vocabulary testing used. METHODS: the sample was made up of 17 subjects with phonological deviation, with ages ranging between 3 years 5 months and 8 years 2 months. They were divided into four groups, based on the PCC analysis and classification regarding the severity grade according to Shriberg and Kwiatkowski (1982). This result allows for classifying the deviation into: severe, moderately-severe, medium-moderated and medium. The Test for Young Children ABFW - Vocabulary was applied. An analysis took place for correlation among age, severity grade for the phonological deviation and reference results of the vocabulary testing. RESULTS: children with minor phonological deviation severity obtained better results than the others, despite the majority of these results not being significant. Younger children showed lower performance than expected. CONCLUSIONS: it is possible to think that the severity of phonological deviation may influence the performance of children in this sample in the expressive vocabulary test.
  • Influência das vogais na estimulabilidade dos sons líquidos Artigo Original

    Castro, Márcia Mathias de; Wertzner, Haydée Fizbein

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: verificar o número de crianças, entre 5:0 e 11:6 anos, com e sem Transtorno Fonológico, falantes do Português Brasileiro que imitaram corretamente os sons líquidos no teste de estimulabilidade considerando cada uma das vogais subsequentes. MÉTODOS: a estimulabilidade foi medida por uma prova de imitação de 63 sílabas com os sons <img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06caros3.jpg" align=absmiddle>com as sete vogais orais, em três repetições. Foi analisada a porcentagem de sujeitos que produziu corretamente os sons em função da vogal subsequente. RESULTADOS: o<img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06carL.jpg" align=absmiddle> foi o som com mais produções corretas, independente da vogal subsequente; o<img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06carR.jpg" align=absmiddle> foi melhor produzido com as vogais subsequentes [ε, ó], parecendo ser a altura da língua em posição média-baixa facilitadora da produção desse som; o <img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06carY.jpg" align=absmiddle>foi melhor produzido com as vogais subsequentes arredondadas [o, ó, u] evidenciando que o gesto articulatório de arredondamento dos lábios facilita a produção deste som, assim como a posição média-alta e posterior da língua. CONCLUSÃO: as vogais subsequentes aos sons líquidos estudados evidenciam influências em suas produções, de forma a facilitá-las.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to check the number of children, between 5:0 and 11:6-year old, with and without Phonological Disorder, Brazilian Portuguese speaking children that imitated correctly the liquid sounds in the stimulability test considering each one of the subsequent vowels. METHODS: the stimulability was measured in syllable imitation of 63 syllables with the sounds<img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06caros3.jpg" align=absmiddle> with seven oral vowels. We analyzed the percentage of subjects that produced correctly the sounds as a function of the subsequent vowel. RESULTS: the <img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06carL.jpg" align=absmiddle>was the sound with more correct productions, independent of the sequent vowel; the <img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06carR.jpg" align=absmiddle>was better produced with the vowels [ε, ó], and it seems that the medium-lower position height of the tongue is make easier the production of this sound; the <img border=0 src="/img/revistas/rcefac/2009nahead/a06carY.jpg" align=absmiddle>was better produced with the vowels [o, ó, u], it seems that the round position of the lips facility the production of this sound, as well the back and medium-upper position of the tongue. CONCLUSION: the vowels that are subsequent to the liquid studied sounds show influences in their productions, in such a way to make them easier.
  • Interdisciplinaridade na fonoaudiologia: a concepção do professor Artigo Original

    Mancopes, Renata; Cutolo, Luiz Roberto Agea; Tesch, Danielle; Schultz, Fernanda; Santos, Rafaela Bittencourt Pedroso; Mafatti, Rafaela; Silva, Taisa da

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: analisar a concepção de interdisciplinaridade referida pelos professores fonoaudiólogos do curso de Fonoaudiologia da Universidade do Vale do Itajaí. MÉTODOS: a pesquisa orientou-se por uma abordagem qualitativa através da Análise do Discurso de Linha Francesa, tendo como instrumento de coleta de dados a entrevista em profundidade. RESULTADOS: após a análise, identificaram-se diferentes posições sujeito, onde se podem observar a concepção e o conhecimento sobre a interdisciplinaridade, as possíveis situações pedagógicas nas quais a interdisciplinaridade acontece, além dos obstáculos às práticas interdisciplinares. CONCLUSÃO: percebeu-se que não há ainda um conhecimento sedimentado sobre a interdisciplinaridade que resulte numa linha de trabalho com princípios teórico-metodológicos suficientemente definidos e consistentes. Por fim, este trabalho revela a necessidade de maior investimento em pesquisas a fim de sustentar os princípios da interdisciplinaridade no campo da Fonoaudiologia, com intuito de expandir os horizontes desse profissional que, antes de tudo, precisa entender-se como profissional da saúde o qual vive cotidianamente uma realidade que exige um olhar plural.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to analyze the concept of interdisciplinarity among teachers of the speech therapy course at the University of Vale do Itajaí. METHODS: the research was guided by a qualitative approach, through a discourse analysis following the French model, using an in-depth interview as the data collection tool. RESULTS: following the analysis, different subject positions were identified, in which knowledge of interdisciplinarity, the possible pedagogical situations in which it occurs, and the obstacles to interdisciplinary practices, were identified. CONCLUSION: It was realized that there is still a lack of firmly-grounded knowledge on the subject of interdisciplinarity that can lead to a work model with sufficiently defined and consistent theoretical and methodological principles. Finally, this work reveals a need for greater investment on research that can support the principles of interdisciplinarity in the area of Speech Therapy, in order to expand the horizons of this professional who needs, above all, to understand him or herself as a health professional whose daily practice requires a plural perspective.
  • Desempenho de escolares com e sem dificuldades de aprendizagem de ensino particular em habilidade fonológica, nomeação rápida, leitura e escrita Artigo Original

    Capellini, Simone Aparecida; Conrado, Talita Laura Braz Capano

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: caracterizar e comparar o desempenho de escolares com e sem dificuldades de aprendizagem no ensino particular em habilidades fonológicas, nomeação rápida, leitura e escrita. MÉTODOS: participaram desse estudo 60 escolares de 2ª a 4ª séries de escola de ensino particular, distribuídos em 6 grupos, sendo cada grupo composto por 10 escolares, sendo 3 grupos de escolares com dificuldades de aprendizagem e 3 grupos de escolares sem dificuldades de aprendizagem. Como procedimentos, foram realizadas a prova de nomeação automática rápida, a de consciência fonológica e a prova de leitura oral e escrita sob ditado. RESULTADOS: os resultados desse estudo evidenciaram desempenho superior dos escolares sem dificuldades de aprendizagem em relação àqueles com dificuldades. Os escolares com dificuldades de aprendizagem apresentaram maior relação velocidade/tempo em tarefas de nomeação e, conseqüentemente, desempenho inferior em tarefas de consciência fonológica e leitura e escrita de palavras isoladas quando comparados aos sem dificuldades de aprendizagem. CONCLUSÃO: os escolares com dificuldades de aprendizagem apresentaram comprometimento na relação entre as capacidades de nomeação e automatização dos estímulos apresentados com a capacidade de acesso lexical, discriminação visual, freqüência de uso dos estímulos e competição para a apresentação do menor tempo possível na nomeação dos códigos necessários para o estabelecimento do mecanismo de conversão fonema-grafema, exigido para a realização da leitura e escrita em um sistema alfabético como o português.

    Abstract in English:

    PURPOSE: characterizing and comparing the performance of students with and without learning difficulties from the private education in phonological awareness, rapid naming, reading and writing. METHODS: sixty private students from 2nd to 4th grade participated, distributed into 6 groups - each one was composed of 10 students being 3 groups of students with learning difficulties and 3 groups without such difficulties. As procedure was used the phonological awareness, rapid automatized naming and oral reading and writing under dictation. RESULTS: the results highlighted a superior development of those who without learning difficulties compared to the students with learning difficulties. CONCLUSION: the students with learning difficulties presented a higher score in the time/speed task of rapid naming and, consequently, lower production in activities of phonological awareness and reading and writing, when compared to students without difficulties. Thus, a relation engagement between rapid naming and lexical access is revealed, as well as between visual discrimination, frequency of word occurrence and presentation of the code naming needed to do the phoneme-grapheme conversion process required in the reading and writing in an alphabetic writing system such as the Portuguese language.
  • O déficit em consciência fonológica e sua relação com a dislexia: diagnóstico e intervenção Artigo de Revisão

    Deuschle, Vanessa Panda; Cechella, Cláudio

    Abstract in Portuguese:

    TEMA: as relações entre consciência fonológica e dislexia, bem como diagnóstico e intervenção. OBJETIVO: revisar a literatura especializada em busca de informações que relacionem consciência fonológica e dislexia como forma de aprofundar conhecimentos acadêmicos e profissionais sobre o tema. CONCLUSÕES: não há consenso na literatura sobre a definição de dislexia, bem como se há ou não fatores associados a ela. Além disso, o déficit de habilidades em consciência fonológica apresenta-se como um dos principais indicadores no diagnóstico de dislexia e necessita de intervenções específicas visando o seu desenvolvimento.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: the relationships between phonological awareness and dyslexia, as well as diagnosis and treatment. PURPOSE: review the specific literature in search of information that relate phonological awareness and dyslexia and as a way to deepen academic and professional knowledge on the subject. CONCLUSION: there is no consensus in the literature about the definition of dyslexia, and whether or not there are factors associated with it. Moreover, the deficit in phonological awareness seems to be a main indicator in the diagnosis of dyslexia, requiring specific interventions for developing skills in phonological awareness.
  • Relação entre consciência fonológica e desvio fonológico em crianças da 1ª série do ensino fundamental Artigo Original

    Rizzon, Giovana Furlin; Chiechelski, Patrícia; Gomes, Erissandra

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: verificar a relação entre a consciência fonológica e os desvios fonológicos. MÉTODOS: o estudo foi realizado com 34 crianças de ambos os sexos, sendo que 17 apresentavam alteração no aspecto fonológico e 17 não, com idades entre 6 e 8 anos, estudantes da 1ª série de uma escola estadual e outra municipal, no Rio Grande do Sul. As crianças foram avaliadas para verificação do desvio fonológico pela Fonologia do Teste ABFW e para avaliar a consciência fonológica pelo Teste CONFIAS. RESULTADOS: a média de idade foi de 7,18 ± 0,52, sendo predominante o sexo feminino 18 (52,9%). Não houve diferença estatística quando comparada a variável desvio fonológico com o desempenho das crianças no Teste CONFIAS, tanto na soma dos níveis de sílaba quanto de fonema (P=0,81 e P=0,53, respectivamente). Num único subteste, o de segmentação silábica (P=0,03), a diferença se mostrou presente. Quando estratificados em relação ao gênero, os grupos não diferiram, porém na comparação por tipo de escola (estadual x municipal) foram encontradas diferenças significantes no Teste CONFIAS na produção de palavra com a sílaba dada (P=0,002) e na produção de rima (P=0,031). CONCLUSÃO: a ocorrência de desvio fonológico em crianças da 1ª série não interferiu no desempenho dos itens relacionados com a consciência fonológica.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to assess the relationship between phonological awareness and phonological deviations. METHODS: this study was performed with 34 children from both genders, where 17 showed changes in the phonological aspect and 17 none, with ages ranging from 6 to 8 years, students in the first grade in a state and a municipal school in the State of Rio Grande do Sul. The children were evaluated in order to check their phonological deviation through the ABFW Phonology Test, and to evaluate the phonological awareness through the CONFIAS Test. RESULTS: the age average was 7.18 ± 0.52, predominantly females 18 (2.9%). There was no statistical difference when compared to the variable phonological deviation with the performance of the children in the CONFIAS Test, either in the sum concerning levels of syllables or phonemes (P=0.81 and P=0.53, respectively). In only one sub-test, the syllabic segmentation (P=0.03), a difference appeared. When stratified in relation to gender, the groups did not differ, however when compared by type of school (state vs. municipal school) significant differences were found with the CONFIAS Test in the production of a word with a given syllable (P=0.002) and in the production of rhyme (P=0.031). CONCLUSION: the occurrence of phonological deviation in children from the first grade in school did not interfere in their performance in items related to phonological awareness.
  • Avaliação da fluência verbal em crianças com transtorno da falta de atenção com hiperatividade: um estudo comparativo Artigo Original

    Silveira, Danielle Câmara; Passos, Leila Maria Avila; Santos, Priscila Carla dos; Chiappetta, Ana Lúcia de Magalhães Leal

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: comparar o desempenho de indivíduos com TDAH e grupo controle, em provas de fluência verbal, na faixa etária de 7 aos 12 anos, sem déficit cognitivo. MÉTODOS: foram avaliadas 22 crianças com TDAH e 34 do grupo controle, estudantes de escolas públicas no Estado do Rio de Janeiro. Aplicou-se uma prova de fluência verbal, subdividida em avaliação da fluência fonológica e semântica, sendo utilizada a letra F na prova fonológica e a categoria Animais na prova semântica. Os testes de fluência verbal avaliam o número de palavras produzidas espontaneamente, de forma oral, no período de um minuto. Foram criados quatro intervalos de tempo de 15 segundos procurando estabelecer relação de palavras ditas em cada intervalo por cada grupo. Os participantes foram divididos por idade para facilitar a análise dos resultados. RESULTADOS: não houve diferença relevante entre os sexos. As médias de palavras nas provas fonológica e semântica foram comparadas. Os resultados da prova fonológica foram inferiores aos da semântica, tanto no grupo com TDAH, quanto no grupo controle. Verificou-se, entretanto que os grupos com TDAH e controle apresentaram valores similares nas provas semântica e fonológica, porém com períodos de latência diferentes. CONCLUSÃO: os desempenhos de indivíduos com TDAH em provas de fluência verbal fonológica e semântica foram similares aos do grupo controle, e os resultados superiores ocorreram na prova semântica quando comparados com a prova fonológica em ambos os grupos.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to compare the performances of individuals with ADHD and control group, in verbal fluency tests, from 7 to 12 years, without cognitive deficit. METHODS: 22 children with ADHD and 34 control group had been evaluated, students of a public school in the State of Rio de Janeiro. A verbal fluency test was applied, subdivided in evaluation of the phonological fluency, using the letter F and semantics, using Animal category in the semantic test. The verbal fluency tests evaluate the number of verballyproduced words, in just one minute period. Four intervals of 15 seconds had been created looking for setting up the relation of words said in each interval for each group. The participants had been divided by age to make easier the analysis of the results. RESULTS: no difference between genders was found. The average number of words in phonological and semantics tests had been compared. The performance of the phonological test had been lower than semantics in both groups. The ADHD group presented similar results to the control group in both tests, but with different latency periods. CONCLUSION: the performances of ADHD in phonological verbal fluency and semantics had been similar to the control group, and the higher results had occurred in the semantics tests in both groups.
  • Autismo: uma avaliação transdisciplinar baseada no programa TEACCH Artigo Original

    Kwee, Caroline Sianlian; Sampaio, Tania Maria Marinho; Atherino, Ciríaco Cristóvão Tavares

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: apresentar protocolo de avaliação transdisciplinar no autismo baseado no programa denominado Treatment and Education of Autistic and related Communicattion handicapped Children - TEACCH e sua aplicação no programa desenvolvido na Organização Não -Governamental Centro de Referência e Apoio às Desordens do Desenvolvimento - CRADD. MÉTODOS: foram escolhidos seis indivíduos, entre sete e doze anos, com diagnóstico de autismo que frequentam o programa da referida e que foram avaliados em três momentos durante o ano (janeiro, junho e dezembro). RESULTADOS: foram verificados os progressos de cada um deles nas áreas de interação social, comportamento, aspecto cognitivo e linguagem. CONCLUSÃO: independente do grau e do tipo de autismo, a aplicação da abordagem transdisciplinar nos sujeitos, demonstrou que existe desenvolvimento em todas as áreas avaliadas, proporcionando o efetivo estabelecimento das suas funções comunicativas.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to submit a transdisciplinary approach for evaluating autistic disorders. It was based on the program referred to as Treatment and Education of Autistic and related Communication handicapped Children - TEACCH and its application in children pertaining to Non-Governmental Organization - Centro de Referência e Apoio às Desordens do Desenvolvimento - CRADD. METHODS: six subjects who belong to the education program of the aforementioned institution, all with a positive autism diagnostic, ages between seven and twelve year old, were evaluated in three distinctive instances along the year (January, June and December). RESULTS: the progress of each one in the areas of social interaction, behavior, cognitive aspects and language had been verified. CONCLUSION: one concluded that there were improvements in all investigated areas with no relationship to the degree or type of autistic disorder. Providing the effective recovery of their communicative functions.
  • Correlatos entre o perfil comunicativo e adaptação sócio-comunicativa no espectro autístico Artigo Original

    Sousa-Morato, Priscilla Faria; Fernandes, Fernanda Dreux Miranda

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: verificar se há correlações significativas entre os dados referentes ao perfil funcional da comunicação e os dados da adaptação sócio-comunicativa obtidos por meio de entrevistas individuais com os pais e as terapeutas de crianças com Distúrbios do Espectro Autístico. MÉTODOS: foram sujeitos deste estudo 48 crianças, com diagnóstico clínico incluído no espectro autístico com os quais foram coletados os dados para a determinação do perfil funcional da comunicação por meio de situação lúdica, buscando a espontaneidade comunicativa. Participaram ainda, os responsáveis, legais e pelo atendimento fonoaudiológico especializado, das 48 crianças, ou seja, 46 mães e dois pais e 15 terapeutas, respondendo individualmente a um questionário sobre o relacionamento social das crianças citadas. RESULTADOS: pode-se observar que os resultados referentes à adaptação sócio-comunicativa obtida a partir de entrevistas com terapeutas e pais apresentaram correlações significativas com o perfil funcional da comunicação. De forma geral, o estudo das correlações entre os aspectos do perfil comunicativo e da adaptação sócio-comunicativa não apresentou um grande número de correlações, sendo este número ainda menor quando os pais foram os informantes, demonstrando a interdependência das áreas estudas. CONCLUSÃO: uma das maiores evidências deste trabalho é que mesmo que as crianças do espectro autístico apresentem um desenvolvimento deficitário das habilidades de linguagem, cognição e socialização, ainda assim elas são capazes de extrair pistas lingüísticas e não-lingüísticas do meio comunicativo, e utilizá-las de forma contextual em sua vida social, associando-as com os ganhos na linguagem e no desempenho sócio-cognitivo.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to check if there are any significant correlations among the data on the functional communicative profile and social-communicative adaptation obtained in individual interviews with parents and therapists of children with autistic spectrum disorders (ASD). METHODS: subjects were: 48 children with psychiatric diagnosis within the autistic spectrum whose functional communicative profile was obtained in play sessions with a language therapist; 48 parents (46 mothers and 2 fathers) and 15 language therapists that answered individually to questionnaires about the children's social performance. RESULTS: it could be observed that the results referring to the social communicative adaptation obtained with the therapists and parents of children with autistic spectrum disorders showed significant correlations with the functional communicative profile. Data on social communicative performance provided by the therapists showed more significant correlations with the functional communicative profile than those obtained with the parents. The number of correlations was generically smaller when the parents provided data on social communicative performance. CONCLUSION: one of the most important results of this study is the evidence that even though ASD children present important deficits in language development, cognition and social abilities, they can be able to extract linguistic and non-linguistic clues from the communicative environment and use them in their social live along with linguistic and social-cognitive improvements.
  • Avaliação da linguagem oral e escrita em sujeitos com Síndrome de Asperger Artigo Original

    Dias, Karin Ziliotto; Silva, Renata Cristina Dias da; Pereira, Liliane Desgualdo; Perissinoto, Jacy; Bergamini, Carla de Queiroz

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: avaliar e caracterizar provas fonoaudiológicas de linguagem oral e escrita de sujeitos com Síndrome de Asperger comparativamente a um grupo de sujeitos com desenvolvimento típico. MÉTODOS: avaliou-se 44 sujeitos que constituíram dois grupos: o grupo Asperger, composto por 22 sujeitos diagnosticados por equipe multidisciplinar como portadores de Síndrome de Asperger, conforme os critérios do DSM-IV; e o grupo de comparação, denominado grupo de baixo risco para alterações do desenvolvimento, também com 22 participantes, pareados com os sujeitos do grupo Asperger segundo a idade cronológica. Todos os sujeitos eram do sexo masculino, com idade cronológica entre 10 e 30 anos e quociente intelectual maior ou igual a 68 e foram submetidos à Prova de Consciência Fonológica, Teste de Vocabulário por Imagem Peabody, Prova de Leitura de Palavras e Pseudopalavras, Prova de Compreensão de Leitura, Prova de Escrita sob Ditado de Palavras e Pseudopalavras, Prova de Escrita Semidirigida de Textos. RESULTADOS: a análise estatística revelou diferenças estaticamente significantes entre as medianas da prova de consciência fonológica e entre as médias do teste de vocabulário por imagem Peabody e prova de compreensão de leitura nos dois grupos estudados (p<0,05). CONCLUSÃO: na avaliação da linguagem oral e escrita, o grupo de sujeitos com Síndrome de Asperger caracterizou-se por um desempenho pior do que o grupo de sujeitos de baixo risco para alterações do desenvolvimento nas provas fonoaudiológicas de consciência fonológica, teste de vocabulário por imagem Peabody e prova de compreensão de leitura, o que caracteriza prejuízo em níveis fonológico, semântico e pragmático da linguagem.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to evaluate and characterize the oral and written language of subjects with Asperger Syndrome and compare them with a group of subjects with typical development. METHODS: a total of 44 subjects were assessed and divided in two groups. The Asperger group was composed by 22 subjects diagnosed with Asperger Syndrome by an expert clinical team following the DSM-IV criteria. The comparison group, referred to as low risk for developmental disorders was also composed by 22 subjects matched with the subjects in Asperger group by chronological age. All the assessed subjects were right-handed males, with chronological ages between 10 and 30 years and intelligence quotients above 68 according to Wechsler Scale. They completed the following assessment tools: phonological conscience proof, image Peabody vocabulary test, words and pseudo words reading proof, reading comprehension proof, writing proof of dictated words and pseudo words, and the semi-directed text writing proof. RESULTS: the statistical analysis revealed significant statistical differences between the medians obtained for the phonological conscience proof and the means of the image Peabody vocabulary test and the reading comprehension proof in both studied groups (p<0.05). CONCLUSION: for the oral and written language assessments the Asperger Syndrome group was characterized by a worse performance then the one displayed by the group of subjects with a typical development in the phonological conscience proof, Peabody vocabulary test and the reading comprehension proof, indicating handicaps in the phonological, semantic and pragmatic language levels.
  • Caracterização dos distúrbios cognitivos na Doença de Parkinson Artigo de Revisão

    Galhardo, Mônica Maria de Azevedo Mello Carvalho; Amaral, Ana Karênina de Freitas Jordão do; Vieira, Ana Cláudia de Carvalho

    Abstract in Portuguese:

    TEMA: comprometimentos cognitivos na doença de Parkinson. OBJETIVO: ressaltar a existência do déficit cognitivo na Doença de Parkinson, descrevendo as características dos comprometimentos cognitivos. CONCLUSÕES: as alterações cognitivas na Doença de Parkinson (referentes a memória, linguagem, capacidade visuo-espacial e funções executivas) são constatadas na literatura, no entanto, há uma carência de informações quanto à reabilitação fonoaudiológica de pacientes nessa área específica da linguagem.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: cognitive commitments in Parkinson's disease. PURPOSE: to point out the existence of cognitive deficit in Parkinson's disease, describing its characteristics. CONCLUSIONS: cognitive alterations in Parkinson's disease (such as memory, language, visual-spatial capacity and execution functions) are found in the literature, however, there is a lack of information such as the speech therapist rehabilitation of patients in such -specific language-related area.
  • A produção do conhecimento em fonoaudiologia em comunicação suplementar e/ou alternativa: análise de periódicos Artigo de Revisão

    Berberian, Ana Paula; Krüger, Simone; Guarinello, Ana Cristina; Massi, Giselle Aparecida de Athayde

    Abstract in Portuguese:

    TEMA: a Fonoaudiologia vem utilizando os recursos da Comunicação Suplementar e/ou Alternativa (CSA) para proporcionar maior autonomia a pessoas com limitações significativas da linguagem oral. Seu uso vem lentamente se expandindo no Brasil, mas ainda não constitui prática de amplo conhecimento na área da Fonoaudiologia. OBJETIVO: analisar a produção do conhecimento acerca da CSA publicada em periódicos especializados da área da Fonoaudiologia, no período entre 1997 e 2005. CONCLUSÃO: chega-se à conclusão que um panorama mais completo da produção científica em CSA se faz necessário com uma futura análise da produção do conhecimento acerca da CSA em outras áreas que desenvolvem estudos sobre essa temática, como na Pedagogia, Terapia Ocupacional, Fisioterapia, Psicologia, dentre outras.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: speech therapy has been using the resources of Augmentative and Alternative Communication (AAC), allowing a greater autonomy of people with significant impairments in oral communication. This utilization has been expanding in Brazil, however it is still not a common practice among speech therapists. PURPOSE: to analyze knowledge production in AAC in Brazilian journals related to Speech Therapy. These journals were analyzed between 1997 and 2005. CONCLUSION: as AAC is a resource used in other academic fields, such data is not sufficient to conclude about knowledge production in AAC in general. Thus, in order to have a more complete overview in this field, the analysis of other academic fields is required, such as Pedagogy, Occupational Therapy, Physiotherapy, Psychology, among others.
  • Conhecimentos, atitudes e práticas dos médicos pediatras quanto ao desenvolvimento da comunicação oral Artigo Original

    Maximino, Luciana Paula; Ferreira, Marina Viotti; Oliveira, Danielle Tavares; Lamônica, Dionísia Aparecida Cusin; Feniman, Mariza Ribeiro; Spinardi, Ana Carulina Pereira; Lopes-Herrera, Simone Aparecida

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: investigar os conhecimentos e as atitudes práticas de pediatras em relação à comunicação oral de crianças. MÉTODOS: foram entrevistados 79 pediatras por meio de questionário específico. O conteúdo do questionário buscava informações sobre o profissional, conhecimento das etapas do desenvolvimento da comunicação infantil, sua conduta frente a alguma queixa de suspeita de alterações da comunicação, encaminhamentos profissionais e o método utilizado como avaliação destas crianças. Os questionários foram entregues pessoalmente e respondidos manualmente pelos médicos. RESULTADOS: a maioria dos pediatras entrevistados tem conhecimento, embora básico, das alterações da comunicação infantil e o desenvolvimento da linguagem. Porém, muitos pediatras desconhecem a real atuação do fonoaudiólogo. Além disso, embora haja uma preocupação com a idade da criança falar corretamente, os médicos não realizam o encaminhamento no período adequado. CONCLUSÃO: este estudo mostra a importância da divulgação do trabalho fonoaudiológico em outros meios que não os restritos a ambientes acadêmico, científico ou clínico apenas frequentado por fonoaudiólogos, mas também por profissionais da área médica.

    Abstract in English:

    PURPOSE: to investigate the knowledge, attitudes and practices of pediatricians regarding the development of oral communication in children. METHODS: a total of 79 pediatricians answered a specific questionnaire. This questionnaire searched information about the professional, professional knowledge of the stages of the children communication development, the behavior before some complaint of communication disorders, referring and method used for evaluating these children. The questionnaires were delivered personally and answered manually by the doctors. RESULTS: most interviewed pediatricians have knowledge, though basic, on some language disorders. However, many pediatricians are not aware on the role played by speech pathologists. Moreover, even though there is concern on the correct speech of children, pediatricians do not refer them at adequate time. CONCLUSION: this study shows the importance to publish the role of speech pathologists not only in academic, scientific or clinical environments attended by speech pathologists, but also in the working places of medical professionals.
ABRAMO Associação Brasileira de Motricidade Orofacial Rua Uruguaiana, 516, Cep 13026-001 Campinas SP Brasil, Tel.: +55 19 3254-0342 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revistacefac@cefac.br