Índices fisiológicos do arroz irrigado afetados pela inundação e fertilização nitrogenada

Physiological indices of irrigated rice affected by flooding and nitrogen fertilization

Alberto Baêta dos Santos Luís Fernando Stone Alexandre Bryan Heinemann Talita Pereira Baêta Santos Sobre os autores

RESUMO

Os manejos de água e de nitrogênio estão entre as intervenções necessárias para se atingir alto potencial produtivo nos sistemas agrícolas irrigados. Objetivou-se, com este estudo, determinar as influências de épocas de início da inundação e de aplicação do N em cobertura, nos estádios de desenvolvimento V3 - V4 a V12 - V13, nas características fisiológicas relacionadas positivamente com a produtividade de grãos do cultivar BRS Jaçanã, de arroz irrigado, em várzea tropical. Foi conduzido um experimento na Fazenda Palmital, da Embrapa Arroz e Feijão, em Goianira, GO, em um Gleissolo Háplico distrófico, por dois anos consecutivos. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com seis repetições, no esquema de parcelas divididas, constituídas pelas épocas da inundação e, as subparcelas, pelas épocas de aplicação de 90 kg ha-1 de N em cobertura. Para os dois fatores, as épocas estabelecidas foram aos 15, 30, 45 e 60 dias após a emergência das plântulas, o que correspondeu aos estádios de desenvolvimento vegetativo V3 - V4; V6 - V7; V9 (VF-4) - V10 (VF-3) e V12 (VF-1) - V13 (VF). Na medida em que o início da inundação se atrasa, aumenta o perfilhamento, a razão de área foliar (RAF) e a área foliar específica (AFE) e decresce a biomassa da parte aérea (BPA), o índice de área foliar (IAF) e a duração de área foliar (DAF). Épocas tardias de aplicação de N em cobertura também provocam decréscimos desses índices fisiológicos. O emprego da inundação e da adubação nitrogenada no arroz irrigado tardiamente reduz proporcionalmente mais a área foliar que a produtividade de grãos, o que resulta em maior eficiência de área foliar. A adubação nitrogenada em cobertura, efetuada por ocasião do início do perfilhamento, e a inundação contínua no período médio de perfilhamento resultam em aumento dos índices fisiológicos, como RAF, IAF e DAF, que estão relacionados positivamente com a produtividade de grãos do arroz irrigado.

Palavras-chave:
Oryza sativa L.; crescimento; irrigação; manejo; nitrogênio em cobertura.

Universidade Federal de Viçosa Av. Peter Henry Rolfs, s/n, 36570-000 Viçosa, Minas Gerais Brasil, Tel./Fax: (55 31) 3612-2078 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: ceresonline@ufv.br