Sensibilização periférica e central

Hazem Adel Ashmawi George Miguel Góes Freire Sobre os autores

RESUMO

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS:

A sensibilização central é um fenômeno importante na cronificação da dor e presente na dor neuropática. O objetivo deste estudo foi abordar alguns aspectos fisiopatológicos deste fenômeno.

CONTEÚDO:

São descritos alguns aspectos extra e intracelular responsável pela gênese da sensibilização central, principalmente aspectos de alterações fenotípicas que ocorrem na plasticidade dos neurônios envolvidos no processo.

CONCLUSÃO:

A cronificação da dor pode surgir como resultado de alterações nas propriedades dos neurônios no sistema nervoso central pelo fenômeno da sensibilização central com constantes mudanças e alterações na excitabilidade da membrana, reduções na transmissão inibitória e aumento da eficácia sináptica, mediada por muitos convergentes e divergentes mecanismos moleculares sobre um fundo de modificações fenotípicas e alterações estruturais. A neuroplasticidade altera profundamente a sensação dolorosa, contribuindo para muitas síndromes clínicas da dor e pode representar um importante alvo para intervenção terapêutica.

Descritores:
Dor neuropática; Ionóforos; Plasticidade neuronal; Sensibilização central

Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 937 cj 2, 04014-012 São Paulo SP Brasil, Tel.: (55 11) 5904 3959, Fax: (55 11) 5904 2881 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: dor@dor.org.br