• The language and our scientific production Editorial

    Oliveira Júnior, José Oswaldo de
  • Improving quality of life of neuropathic pain patients by continuous outpatient setting monitoring Artigos Originais

    Rocha, Carlos Eduardo Dall'Aglio; Martins, Marielza Ismael; Foss, Marcos Henrique; Santos Junior, Randolfo dos; Dias, Lilian Chessa; Forni, José Eduardo; Detoni, Michele; Cunha, Ana Márcia Rodrigues da; Silva Junior, Sebastião Carlos da

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O manuseio da dor de paciente com dor crônica exige uma abordagem multifuncional, que implica física, psicológica, social e ocupacional. O entendimento da fisiopatologia da dor e sua avaliação precisam otimizar o tratamento. O objetivo deste estudo foi avaliar de forma abrangente os mais fortes preditores de qualidade de vida através de registros semanais realizados em regime ambulatorial e domiciliar verificando atividades de vida prática e diária. MÉTODO: Foram aplicados os instrumentos: Inventário de Dor de Wisconsin, Gráfico de Humor, Questionário de Dor McGill, Protocolo Pós-Sono e Questionário genérico de qualidade de vida (Whoqol-bref). RESULTADOS: A atividade física, o desempenho ocupacional e o padrão de sono prenunciaram melhor qualidade de vida. A sensibilidade à dor, evitar o medo, e dependência de outra pessoa são responsáveis por quantidade significativa da variação nas atividades propostas. Estes achados sugerem que as fontes externas de reforço e orientação podem servir para influenciar o comportamento físico e social além de pistas internas, tais como evitar o medo ou a dor. CONCLUSÃO: A dor crônica neuropática deve ser avaliada em suas particularidades de apresentação clínica, comportamental e aspectos sociais, já que tais elementos são fundamentais para uma boa evolução.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Chronic pain management requires a multifunctional approach implying physical, psychological, social and occupational support. The understanding of pain physiopathology and its evaluation need to optimize the treatment. This study aimed at comprehensively evaluating the strongest predictors of quality of life through weekly data recorded in outpatient settings or at home to check practical and daily life activities. METHOD: The following tools were applied: Wisconsin Pain Inventory, Mood Chart, McGill's Pain Questionnaire, Post-sleep Protocol and Generic quality of life questionnaire (Whoqol-bref). RESULTS: Physical activity, occupational performance and sleep patterns have predicted better quality of life. Pain sensitivity, avoiding fear, and dependence on other people are responsible for significant variations in proposed activities. These findings suggest that external support and orientation sources may influence physical and social behavior in addition to internal clues, such as avoiding fear or pain. CONCLUSION: Chronic neuropathic pain should be evaluated taking into account its peculiarities of clinical and behavioral presentation and social aspects, since such elements are critical for a positive evolution.
  • Profile of chronic pain patients seen in a pain outpatient setting of a major Southern Brazil' city Artigos Originais

    Cipriano, Anderson; Almeida, Daniel Benzecry de; Vall, Janaina

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Dor crônica afeta aproximadamente 30% da população mundial e a sua epidemiologia ainda é pouco descrita no Brasil. O objetivo deste estudo foi identificar o perfil dos pacientes com dor crônica que procuram atendimento num ambulatório de dor na cidade de Curitiba. MÉTODO: Estudo descritivo transversal retrospectivo, que incluiu 111 pacientes com queixas de dor crônica atendidos no ambulatório de dor do Instituto de Neurologia de Curitiba (INC). RESULTADOS: A maioria dos pacientes foi do sexo feminino, com idade entre 40 e 49 anos e casada. A profissão mais prevalente foram os autônomos que englobam as atividades de cozinheiro, cabeleireiro, vendedor, mecânico, arquiteto, advogado, entre outras. Mesmo com dor, a maioria dos pacientes continuava trabalhando, sendo que alguns vinham de cidades localizadas fora do estado. Entre as dores crônicas a mais prevalente foi a lombalgia, seguida de dor nos membros inferiores, cervicalgia, membros superiores, dor generalizada, cefaleia e dor orofacial. CONCLUSÃO: A dor crônica foi mais prevalente na população feminina e a dor mais prevalente no estudo foi a lombalgia.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Chronic pain affects approximately 30% of the world population and its etiology is still poorly described in Brazil. This study aimed at identifying the profile of chronic pain patients looking for assistance in a pain outpatient setting of the city of Curitiba. METHOD: Descriptive, transversal and retrospective study involving 111 chronic pain patients seen in the pain outpatient setting of the Institute of Neurology of Curitiba (INC). RESULTS: Most patients were females, aged between 40 and 49 years, and married. Most prevalent professions were autonomous professions encompassing activities such as cook, hairdresser, sales reps, engineers, architects and attorneys, among others. Even with pain, most patients still worked and some came from cities outside the state. Most prevalent chronic pain was low back pain, followed by lower limb pain, cervical pain, upper limbs pain, generalized pain, headache and orofacial pain. CONCLUSION: Chronic pain was more prevalent among females and most prevalent pain in our study was low back pain.
  • Analysis of the relationship between M wave parameters and pain Artigos Originais

    Machado, Alessandro Ribeiro de Pádua; Oliveira, Iraides Moraes de; Alves, Adriano Pereira; Andrade, Adriano Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dor é uma sensação subjetiva e individual que causa muitos desconfortos para quem a sente. Dessa forma, é necessário por em prática métodos que a quantifiquem objetivamente. Vários estudos indicam que os potenciais evocados (PE) produzem respostas que podem refletir os processos dolorosos. Este estudo utilizou características extraídas da onda M, sendo esta um tipo de PE relacionado à resposta neuromuscular, como possíveis marcadores da sensação de dor. MÉTODO: Treze voluntários, sendo 6 do sexo masculino e 7 do sexo feminino, foram incluídos no estudo. Foram realizadas cinco sessões de um protocolo experimental. Em cada sessão o voluntário recebeu estímulos elétricos no músculo abdutor do hálux. Inicialmente foi aplicada uma corrente de 1 mA com 20 pulsos de 2 Hz. Depois a corrente elétrica foi incrementada de 1 mA em 1 mA até que o voluntário relatasse a dor máxima. Nos voluntários do sexo feminino foi registrado também o dia do ciclo menstrual em cada sessão do experimento. Foram avaliadas várias características das ondas M. RESULTADOS: O mínimo global da onda M é correlacionado com o aumento da amplitude da corrente elétrica do estímulo, consequentemente com o aumento da dor sentida pelo sujeito. Os participantes do sexo feminino relataram limiar e tolerância à dor com intensidades de corrente elétrica menor quando comparados aos voluntários do sexo masculino. CONCLUSÃO: O mínimo global da onda M mostrou relação com o aumento da sensação dolorosa sendo que no sexo masculino o limiar e a tolerância à dor foram maiores que no sexo feminino, e as diferentes fases do ciclo menstrual não interferiram nas avaliações.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Pain is a subjective and individual sensation causing major discomfort. So, it is necessary to put into practice methods to objectively quantify it. Several studies indicate that evoked potentials (EP) generate responses which may reflect painful processes. Our study has used characteristics extracted from the M wave, which is a type of EP related to neuromuscular response, as possible pain sensation markers. METHOD: Participated in this study 13 volunteers, being 6 males and 7 females. Five sessions of an experimental protocol were held. In each session, volunteers received electrical stimulations on the abductor hallucis muscle. Initially, 1 mA current with 20 pulses of 2 Hz was applied. Then, the electric current was incremented in 1 mA until volunteer reported maximum pain. For female volunteers, menstrual cycle day in each session was also recorded. Several M wave characteristics were evaluated. RESULTS: Global minimum of the M wave is correlated to increased electric current amplitude of stimulation, and consequently to more pain felt by the individual. Female participants have reported pain threshold and tolerance with lower electric current intensity as compared to male volunteers. CONCLUSION: Global minimum of the M wave was related to increased pain and in males pain threshold and tolerance were higher as compared to females. Different menstrual cycle phases have not interfered with evaluations.
  • Occupational low back pain and postural in the sitting position: labor kinesiotherapy Artigos Originais

    Freitas, Kate Paloma Nascimento; Barros, Suélem Silva de; Ângelo, Rita di Cássia de Oliveira; Uchôa, Érica Patrícia Borba Lira

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A lombalgia é apresentada como a mais frequente afecção da coluna vertebral, provocando desde limitação de movimento até invalidez temporária. Estudos revelam etiologia multifatorial, destacando-se as causas biomecânicas, as características individuais e os fatores ocupacionais. O presente estudo teve como objetivo verificar os efeitos da cinesioterapia em pacientes portadores de lombalgia ocupacional. MÉTODO: Trinta e oito funcionários de uma instituição de ensino superior da cidade de Recife portadores de lombalgia ocupacional, que trabalhavam sentados, foram avaliados por meio da Escala de Dor Autopercebida, dos questionários funcionais de Oswestry e Roland-Morris e do teste de avaliação física Screening antes e após sessões de cinesioterapia laboral. RESULTADOS: Houve melhora estatisticamente significante na intensidade da dor avaliada pela Escala de Dor Autopercebida (p < 0,001) e no teste de avaliação física Screening (p = 0,001). Entretanto, não houve melhora significativa pela análise dos questionários de Oswestry e Roland-Morris. CONCLUSÃO: Os resultados permitem inferir que a cinesioterapia laboral melhorou a dor lombar, diminuindo a sua intensidade, melhorando a capacidade funcional dos músculos estabilizadores do tronco e a amplitude de movimento articular.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Low back pain is the most frequent spinal disease causing from movement limitation to temporary disability. Studies show its multifactorial etiology, stressing biomechanical causes, individual characteristics and occupational factors. This study aimed at assessing the effects of kinesiotherapy in occupational low back pain patients. METHOD: This study has evaluated 38 employees of a university of the city of Recife with occupational low back pain, who worked in the sitting position. Employees were evaluated by Self-Perceived Pain Scale, Oswestry and Roland-Morris functional questionnaires and Screening physical evaluation test before and after labor kinesiotherapy sessions. RESULTS: There has been statistically significant pain intensity improvement by the Self-Perceived Pain Scale (p < 0.001) and by Screening physical evaluation test (p = 0.001). However, there has been no significant improvement by Oswestry and Roland-Morris questionnaires analysis. CONCLUSION: Results allow us to infer that labor kinesiotherapy has improved lumbar pain, decreasing its intensity, improving functional capacity of trunk stabilizing muscles and joint movement amplitude.
  • Pain in hospitalized children: nursing team perception Artigos Originais

    Silva, Marineide Santos; Pinto, Maristela Antunes; Gomes, Ludmila Mourão Xavier; Barbosa, Thiago Luis de Andrade

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dor é um fenômeno complexo e subjetivo que marca de forma singular a vida da criança. O objetivo deste estudo foi compreender a percepção da equipe de enfermagem com relação ao manuseio e avaliação da dor na criança internada. MÉTODO: Trata-se de um estudo descritivo, de natureza qualitativa. Os dados foram coletados por meio de entrevista semiestruturada no mês de maio de 2011. Participaram do estudo 11 profissionais da equipe de enfermagem que atuavam na pediatria de um hospital-escola. RESULTADOS: Foram analisadas quatro categorias: "O significado do choro na criança internada"; "Avaliação da dor pela equipe de enfermagem"; "Percebendo as situações de dor na criança internada" e "Minimizando a dor na criança internada". Evidenciou-se que os profissionais reconhecem a dor na criança, todavia, não utilizam métodos validados para mensurá-las. O controle farmacológico da dor foi colocado pelos profissionais como principal maneira de alívio desse sintoma. CONCLUSÃO: Os profissionais de enfermagem são comprometidos na identificação da dor nas crianças, porem, existe fragilidade quanto ao conhecimento relacionado ao seu controle, pois a maior parte se restringe aos métodos farmacológicos e não visualiza o problema de forma mais ampla, impossibilitando melhor assistência.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Pain is a complex and subjective phenomenon which marks children's lives in a unique manner. This study aimed at understanding the nursing team perception with regard to managing and evaluating pain in hospitalized children. METHOD: This is a descriptive and qualitative study. Data were collected by means of semi-structured survey in the month of May 2011. Participated in this study 11 nursing team professionals working in the pediatric department of a teaching hospital. RESULTS: Four categories were analyzed: "The meaning of hospitalized children crying"; "Pain evaluation by the nursing team"; "Perceiving pain situations in hospitalized children"; and "Minimizing pain in hospitalized children". It was evidenced that professionals do recognize children's pain, however they do not use validated methods to measure it. Pharmacological pain control was considered by the professionals as the primary method to relieve this symptom. CONCLUSION: Nursing professionals are committed to the identification of children's pain, however pain control-related knowledge is fragile because most professionals are limited to pharmacological methods and do not see the problem in a broader way, thus making impossible a better assistance.
  • Preemptive activity of incision infiltration with 0.75% ropivacaine in patients submitted to inguinal hernia repair Artigos Originais

    Carvalho, André Laranjeira de; Castellana, Fábio Bonini; Gatto, Bruno Emanuel Oliva; Muraro, Silvia Katlauskas; Schiavuzzo, Fabio Augusto; Ashmawi, Hazem Adel; Vieira, Joaquim Edson; Utiyama, Edivaldo; Posso, Irimar de Paula

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A eficiência da analgesia preemptiva em relação ao regime convencional no controle da dor pós-operatória continua a ser controversa. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia da infiltração local com ropivacaína a 0,75% antes e depois da incisão em operações de herniorrafia inguinal na intensidade da dor pós-operatória, no consumo de analgésicos e no tempo para solicitação da primeira dose de analgésico. MÉTODO: Após a aprovação pelo Comitê de Ética em Pesquisa Institucional, 60 pacientes, estado físico P1 ou P2, com idade entre 15 e 65 anos, submetidos à herniorrafia inguinal sob anestesia geral com isoflurano e fentanil foram distribuídos aleatoriamente em três grupos: A - infiltração da pele, subcutâneo e tecido muscular antes da incisão com 2 mg/kg de ropivacaína a 0,75%; D - infiltração da pele, subcutâneo e tecido muscular após incisão com 2 mg/kg de ropivacaína a 0,75%; e o C - grupo controle - sem infiltração. Todos os pacientes receberam dipirona (2 g), 30 minutos antes do final da anestesia. Uma bomba de analgesia controlada pelo paciente com morfina foi usada depois da recuperação da anestesia. Foram avaliados durante 24 horas a intensidade da dor com a escala analógica visual, o consumo total de morfina e o tempo para a solicitação da primeira dose de morfina. RESULTADOS: O consumo de morfina foi significativamente menor no grupo A (1,5 mg) quando comparado ao grupo D de (5,5 mg) ou controle (17 mg). O tempo para a solicitação da primeira dose de morfina foi significativamente maior para o grupo A assim como a intensidade da dor em todos os momentos quando comparado ao grupo C e nas últimas 18 h comparado ao grupo. CONCLUSÃO: A infiltração pré-operatória da incisão com ropivacaína reduz significativamente a intensidade da dor e o consumo de morfina pós-operatória e retarda o tempo para a solicitação da primeira dose de morfina.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: The effectiveness of preemptive analgesia as compared to the conventional regimen for postoperative pain control is still controversial. This study aimed at evaluating the effectiveness of local infiltration with 0.75% ropivacaine before and after the incision of inguinal hernia repair surgeries in postoperative pain intensity, analgesics consumption and time elapsed for first analgesic dose request. METHOD: After the Institutional Research Ethics Committee approval, 60 patients, physical status P1 or P2, aged between 15 and 65 years, submitted to inguinal hernia repair under general anesthesia with isoflurane and fentanyl were randomly distributed in three groups: A - skin, subcutaneous and muscle infiltration before incision with 2 mg/kg of 0.75% ropivacaine; D - skin, subcutaneous and muscle infiltration after incision with 2 mg/kg of 0.75% ropivacaine; and C - control group, without infiltration. All patients received dipirone (2 g), 30 minutes before the end of anesthesia. A patient-controlled analgesia pump with morphine was used after anesthetic recovery. Pain intensity with visual analog scale, total morphine consumption and time for the first morphine dose request were evaluated during 24 hours. RESULTS: Morphine consumption was significantly lower in the A group (1.5 mg) as compared to the D group (5.5 mg) or to the control group (17 mg). Time for first morphine dose request was significantly longer for the A group and pain intensity was lower in all moments as compared to C group and in the last 18 h as compared to the group. CONCLUSION: Preoperative incision infiltration with ropivacaine significantly decreases postoperative pain intensity and morphine consumption and delays the time for first morphine dose request.
  • Walking improves sleep quality and mood status of women with fibromyalgia syndrome Artigos Originais

    Steffens, Ricardo de Azevedo Klumb; Liz, Carla Maria de; Viana, Maick da Silveira; Brandt, Ricardo; Oliveira, Lays Guimarães Amorim de; Andrade, Alexandro

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome da fibromialgia (SFM) é de difícil diagnóstico e tratamento, caracterizada pela ocorrência de dores musculoesqueléticas associadas a distúrbios do sono, rigidez matinal, cefaleia crônica e distúrbios psíquicos. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos de 32 sessões de caminhada orientada sobre a qualidade do sono, estados de humor, depressão e impacto da SFM sobre a qualidade de vida de mulheres com SFM. MÉTODO: Foram incluídas nove mulheres com diagnóstico clínico de SFM, com média de idade de 48 ± 10 anos. A qualidade do sono foi avaliada por meio do Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh (PSQI), os estados de humor pela Escala de Humor de Brunel (BRUMS), a depressão pelo Inventário de Depressão de Beck (BDI) e o impacto da SFM sobre a qualidade de vida pelo Questionário de Impacto da SFM (FIQ). As participantes foram avaliadas antes e após a prática de 32 sessões de caminhada orientada. Os dados foram analisados utilizando-se o teste t Pareado com α de 0,05 (p < 0,05). RESULTADOS: Após as 32 sessões de caminhada orientada as participantes apresentaram melhora significativa na qualidade do sono e nos estados de humor, em especial nas variáveis tensão, depressão, raiva e confusão mental. Não foram observadas diferenças significativas na depressão e no impacto da SFM sobre a qualidade de vida. CONCLUSÃO: A prática de caminhada melhorou de forma significativa a qualidade do sono e os estados de humor de mulheres com SFM.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Fibromyalgia syndrome (FMS) is difficult to diagnose and treat and is characterized by musculoskeletal pain associated to sleep disorders, morning stiffness, chronic headache and psychical disorders. The objective of this study was to evaluate the effects of 32 oriented walking sessions on sleep quality, mood status, depression and FMS impact on quality of life of FMS women. METHOD: Participated in this study nine FMS women, with mean age of 48 ± 10 years. Sleep quality was evaluated by Pittsburgh Sleep Quality Index (PSQI), mood status by Brunel Mood Scales (BRUMS), depression by Beck Depression Inventory (BDI) and FMS impact on quality of life by FMS Impact Questionnaire (FIQ). Participants were evaluated before and after 32 sessions of oriented walking. Data were analyzed by Paired t test with significance level of 0.05 (p < 0.05). RESULTS: After 32 sessions of oriented walking, participants presented significant sleep quality and mood status improvement, especially in the variables tension, depression, anger and mental confusion. There were no significant differences in depression and FMS impact on quality of life. CONCLUSION: Walking has significantly improved sleep quality and mood status of FMS women.
  • Anatomical variations of the sciatic nerve in a group of Brazilian cadavers Artigos Originais

    Brooks, Joseph Bruno Bidin; Silva, Cristiano Augusto Cruz; Soares, Sônia Aparecida; Kai, Margareth Reiko; Cabral, Richard Halti; Fragoso, Yara Dadalti

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O nervo ciático está frequentemente envolvido em situações de dor. É um nervo longo, propenso a lesões que podem ser consequência de trauma, inflamação e aprisionamento. Um causa possível de dor ciática deriva do músculo piriforme, que mantém estreita relação anatômica com o nervo ciático. O objetivo do presente estudo foi avaliar as características do nervo ciático e de sua relação com o músculo piriforme em um grupo de cadáveres brasileiros. MÉTODO: Dissecção anatômica de 40 membros inferiores com estudo detalhado do nervo ciático e do músculo piriforme. RESULTADOS: As variações de relação anatômica entre o nervo ciático e o músculo piriforme foram raras. Dados de comprimento e largura do nervo ciático foram semelhantes àqueles descritos na literatura. CONCLUSÃO: A síndrome do piriforme é uma condição dolorosa, considerada por muitos como sendo relacionada às variações anatômicas entre o nervo ciático e o músculo piriforme. A raridade de tais variações, tanto no presente estudo como em publicações por outros grupos, sugere que a síndrome dolorosa possa ocorrer frequentemente sem que existam variações anatômicas.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: The sciatic nerve is often involved in conditions of pain. It is a long nerve, prone to injuries that are the consequence of trauma, inflammation and entrapment. One possible cause of sciatic pain derives from the piriformis muscle, which maintains a very close anatomical relationship with the sciatic nerve. The objective of the present study was to evaluate the characteristics of the sciatic nerve and its relationship to the piriformis muscle in a group of Brazilian cadavers. METHOD: Anatomical dissection of 40 human limbs with detailed studies of the sciatic nerve and the piriformis muscle. RESULTS: Anatomical variations of the relationship between the sciatic nerve and the piriformis muscle were rare. Data on the sciatic nerve length and width showed similar results to those from the literature. CONCLUSION: The piriformis syndrome is a painful condition considered by many to be associated to anatomical variations of the relationship between the sciatic nerve and the piriformis muscle. The rarity of such variations, in the present series and in the studies published by other groups, suggests that the painful syndrome may often occur without the anatomical variations.
  • Anti-inflammatory effect of dietary supplementation with omega-3 fatty acids in rats Artigos Originais

    Mesquita, Tamirys Ribeiro; Souza, Adriana Aparecida de; Constantino, Elton; Pelógia, Naira Correa Cusma; Posso, Irimar de Paula; Pires, Oscar César

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Diversos estudos têm demonstrado os efeitos benéficos dos ácidos graxos ômega-3 à saúde: no metabolismo lipídico, promovendo redução nos níveis plasmáticos dos triacilgliceróis, aumento de HDL colesterol e, ação anti-inflamatória ao reduzir a síntese de derivados do ácido araquidônico: prostaglandina E2 (PGE2), tromboxano A2 (TXA2), prostaciclina (PGI2) e leucotrieno B4. Portanto, há de se supor que a suplementação com ácidos graxos EPA e DHA (ω-3), pode atenuar os efeitos do processo inflamatório a partir da diminuição da síntese dos eicosanoides, assim como a utilização indiscriminada dos anti-inflamatórios. O presente estudo teve como objetivo comparar o efeito analgésico e anti-inflamatório, entre a suplementação dietética com ácido graxo ômega-3 (ω-3) e tenoxicam em ratos. MÉTODO: Participaram do estudo 18 ratos Wistar machos, pesando entre 220 e 300 g, distribuídos em três grupos (n = 6): Grupo controle (GC), Grupo tenoxicam (GT) e o Grupo ômega-3 (GO) para receberem respectivamente 0,2 mL de solução fisiológica, 1 mg.kg-1.dia-1 de tenoxicam e 200 mg.kg-1.dia-1 de ácido graxo ômega-3 diariamente, por gavagem. Após duas semanas de tratamento, foi realizado o teste da formalina e observação da resposta nociceptiva, já que à segunda fase do teste se atribui liberação de mediadores endógenos locais, que geram resposta inflamatória local, responsável pela sensibilização de aferentes primários e de neurônios medulares subsequente a ativação de nociceptores. A análise estatística dos resultados obtidos foi realizada utilizando o programa JMP do SAS, adotando o nível de significância de 5%. RESULTADOS: Os grupos tenoxicam e ômega-3 não apresentaram diferenças estatisticamente significantes quando comparados entre si nas fases do teste da formalina modificado. Não obstante, apresentaram menor resposta álgica, com significância estatística, na segunda fase do teste da formalina quando comparados com o GC. CONCLUSÃO: Os resultados demonstraram efeito anti-inflamatório comparável entre o emprego de tenoxicam e a suplementação dietética com ácido graxo ômega-3, sugerindo que o uso da suplementação dietética com ácido graxo ômega-3 poderá ser de grande valia, principalmente nos processos crônicos, onde o emprego de anti-inflamatórios não esteroides se relaciona a maior morbidade principalmente no sistema digestivo e renal.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Several studies have shown the beneficial effects of Omega-3 fatty acids on health: on the lipid metabolism promoting plasma triglycerol levels decrease, increase in HDL cholesterol and anti-inflammatory action by decreasing arachidonic acid derivatives synthesis: prostaglandin E2 (PGE3), tromboxane A2 (TXA2), prostacyclin (PGI2) and leukotriene B4. So, it is supposed that supplementation with EPA and DHA (ω-3) fatty acids may attenuate inflammatory process effects by decreasing eiocosanoids synthesis as well as the indiscriminate use of anti-inflammatory drugs. This study aimed at comparing the analgesic / anti-inflammatory effect of dietary supplementation with omega-3 fatty acid (ω-3) and tenoxicam in rats. METHOD: Participated in this study 18 male Wistar rats, weighing between 220 and 300 g, distributed in 3 groups (n = 6): Control group (CG), tenoxicam group (TG) and Omega group (OG), to receive, respectively 0.2 mL saline, 1 mg.kg¹.day-1 tenoxicam and 200 mg.kg-1.day-1 omega-3 fatty acid per day by gavage. Formalin test was performed after two weeks of treatment and nociceptive response was observed, since release of local endogenous mediators is attributed to the second phase, which generates local inflammatory response, responsible for the sensitization of primary afferents and of medullar neurons subsequent to the activation of nociceptors. Statistical analysis of results was performed with the SAS JMP program, adopting significance level of 5%. RESULTS: Tenoxicam and omega-3 groups were not statistically different when compared in the modified formalin test phase. However, they showed less painful response, with statistical significance, in the second formalin test phase as compared to CG. CONCLUSION: Results have shown comparable anti-inflammatory effect between tenoxicam and dietary supplementation with omega-3 fatty acid, suggesting that dietary supplementation with omega-3 fatty acid may be very useful, especially for chronic processes where the use of non-steroid anti-inflammatory drugs is associated to higher morbidity especially of the digestive and renal systems.
  • Participation of the nursing team in pain management of burned patients Artigos de Revisão

    Silva, Bruna Azevedo da; Ribeiro, Flávia Alves

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: São diversas as maneiras existentes para a assistência à dor em pacientes queimados o que exige emprego dos recursos disponíveis e específicos para o seu tratamento. O objetivo deste estudo foi refletir sobre a participação da equipe de enfermagem na assistência à dor do paciente queimado. CONTEÚDO: A dor relacionada à queimadura tem grande impacto na vida do paciente, sendo de competência do profissional de enfermagem uma adequada participação no seu gerenciamento. CONCLUSÃO: A participação da equipe de enfermagem é fundamental no processo, podendo influenciar no êxito e na eficácia do alívio da dor, no entanto, percebe-se a necessidade de investimentos em conhecimentos técnico-científicos e de sensibilização a esses cuidadores.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: There are many ways to manage burned patients pain, which require the use of available and specific resources for the treatment of this pain. This study aimed at reflecting about the participation of the Nursing team in the management of burned patient's pain. CONTENTS: Burn-related pain has a major impact in patients' life and the Nursing professional should have an appropriate participation in its management. CONCLUSION: The participation of the Nursing Team is critical to the process and may influence the success and effectiveness of pain relief; however, there is the need for investments in technical-scientific knowledge and awareness of these caregivers.
  • Guidelines for somatosensory evaluation of temporomandibular dysfunction and orofacial pain patients Artigos de Revisão

    Sydney, Priscila Brenner Hilgenberg; Conti, Paulo César Rodrigues

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Diferentes estímulos são necessários para avaliar a integridade das fibras aferentes e compreender melhor os mecanismos envolvidos nas diferentes condições dolorosas que podem afetar a região orofacial. O principal objetivo deste estudo foi realizar uma revisão da literatura, proporcionando diretrizes para a prática clínica. CONTEÚDO: Foram realizadas buscas na literatura de 1990 a 2011, na base de dados PubMed utilizando-se termos MeSH. A estimulação mecânica pôde ser realizada mediante o uso de monofilamentos de Von-Frey, para testar as fibras A-beta e A-delta. O teste de picada é uma maneira simples de se avaliar as fibras A-delta e C. O limiar de dor à pressão (LDP) testa as fibras A-delta e C. Dentre as modalidades de ensaios térmicos, pode-se utilizar cubos de gelo ou um spray aerosol congelante para medir a nível de sensibilização central envolvido. Os estímulos elétricos, aplicados pelo aparelho Neurometer/Neurotron®, avaliam os três tipos principais de fibras (A-delta, A-beta e C), hiperestesia e hipoestesia. Além disso, as fibras do tipo C também podem ser avaliadas por estímulos químicos com capsaicina e/ou mentol. CONCLUSÃO: Os testes quantitativos sensoriais consistem em uma forma confiável para avaliação da função sensorial das fibras nervosas. O déficit sensorial pode ser quantificado e os dados utilizados como auxílio diagnóstico ou para comparações de eficácia entre diferentes modalidades de tratamento.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Different stimulations are needed to evaluate the integrity of afferent fibers and to better understand the mechanisms involved in different pain conditions which may affect the orofacial region. This study aimed primarily at reviewing the literature to provide guidelines to the clinical practice. CONTENTS: PubMed database was searched from 1990 to 2011 using MeSH terms. Mechanical stimulation could be done with Von-Frey monofilaments to test A-beta and A-delta fibers. Pinprick test is a simple way to evaluate A-delta and C fibers. Pressure pain threshold (PPT) tests A-delta and C fibers. Among thermal test modalities one may use ice cubes or a freezing spray to measure the level of central sensitization involved. Electric stimulations applied by the Neurometer/Neurotron® device evaluated three major fibers (A-delta, A-beta and C), hyperesthesia and hypoesthesia. In addition, C fibers can also be evaluated by chemical stimulations with capsain and/or menthol. CONCLUSION: Quantitative sensory tests are a reliable way to evaluate nervous fibers sensory function. Sensory deficit may be quantified and data may be used as diagnostic aid or to compare the effectiveness of different treatment modalities.
  • CT-guided anterior celiac plexus neurolysis: case report Relatos de Casos

    Rizzo, Cláudia Carvalho; Ventura, Luís Marcelo; Castro, Luís Antônio de

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dor oncológica exige outras opções terapêuticas além do tratamento farmacológico para melhor controle e, portanto, deve-se sempre que possível utilizar técnicas e modalidades intervencionistas para controle da dor, pois assim pode-se oferecer aos pacientes melhor qualidade de vida e melhora da resposta terapêutica ao tratamento instituído. O objetivo deste estudo foi apresentar uma técnica intervencionista de simples execução, adequadamente tolerada pelo paciente, com ótimo resultado antálgico e isenta de maiores intercorrências. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 50 anos com quadro neoplásico decorrente de tumor de canal anal e dor refratária ao tratamento farmacológico multimodal com analgésicos. Submetida à neurólise de plexo celíaco por via anterior, guiado com tomografia computadorizada mediante punção única e injeção de álcool a 97%, obtendo controle efetivo do quadro álgico abdominal e retorno às tarefas da vida cotidiana. CONCLUSÃO: A neurólise do plexo celíaco por via anterior com punção única sob tomografia foi efetiva para o controle do quadro doloroso abdominal em paciente com tumor anal e metástase hepática irressecável.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Cancer pain requires other therapeutic options in addition to pharmacological treatment for better control. So, whenever possible, one should use interventionist pain control techniques and modalities to offer better quality of life and improve therapeutic response to treatment. This study aimed at presenting a simple interventionist technique, adequately tolerated by patients, with excellent pain relief and free of major intercurrences. CASE REPORT: Female patient, 50 years old with neoplasia resulting from anal canal tumor and pain refractory to multimodal analgesic treatment. CT-guided anterior celiac plexus neurolysis by single puncture and 97% alcohol injection has provided effective abdominal pain control and return to daily activities. CONCLUSION: CT-guided celiac plexus neurolysis with single puncture was effective to control abdominal pain in a patient with anal tumor and unresectable liver metastasis.
  • Duloxetine to treat chronic inflammatory low back pain in ankylosing spondylitis patients: case reports Relatos de Casos

    Azevedo, Valderilio Feijó; Serrato, Varlei; Grande, Marco Aurélio Azevedo

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A espondilite anquilosante (EA) é uma doença inflamatória crônica de etiologia autoimune, cujo principal sintoma é a lombalgia crônica de caráter inflamatório, cujo tratamento e complicações representam um encargo considerável para a sociedade. Novas opções terapêuticas têm sido buscadas para o tratamento da dor lombar inflamatória refratária nos pacientes com EA. O objetivo foi apresentar dois pacientes portadores de EA com dor lombar refratária ao uso de anti-inflamatórios não esteroides (AINES), que apresentaram importante melhora clínica com a duloxetina. RELATO DOS CASOS: Dois pacientes do sexo masculino com EA e dor lombar crônica inflamatória refratária ao uso de AINES, que usaram duloxetina (60 mg/dia) e apresentaram melhora clínica importante do quadro doloroso. CONCLUSÃO: A duloxetina se mostrou eficaz para a redução da intensidade da dor lombar crônica inflamatória em pacientes portadores de EA.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Ankylosing spondylitis (AS) is a chronic inflammatory autoimmune disease. Its major symptom is chronic inflammatory low back pain, which treatment and complications represent a considerable burden to society. New therapeutic options have been studied to treat refractory inflammatory low back pain in AS patients. The objective was to present two AS patients with low back pain refractory to non-steroid anti-inflammatory drugs (NSAIDs), who presented important clinical improvement with duloxetine. CASE REPORTS: Two male patients with AS and chronic inflammatory low back pain refractory to NSAIDs, who used duloxetine (60 mg/day) and presented major clinical improvement. CONCLUSION: Duloxetine was effective to decrease chronic inflammatory low back pain intensity in AS patients.
  • Rheumatoid arthritis evolving with rheumatoid vasculitis: case report Relatos de Casos

    Bueno, Adrian Nogueira; Alves, Renata Magalhães

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A artrite reumatoide (AR) é uma doença crônica, na maioria é insidiosa, de etiologia desconhecida, cuja principal manifestação é a sinovite persistente com acometimento de articulações periféricas de forma simétrica. A lesão na cartilagem e as erosões ósseas com as mudanças subsequentes na integridade articular são as principais marcas da doença. A AR é uma doença sistêmica, em que acomete outros órgãos e sistemas, como pele, coração, pulmões, músculos e, mais raramente, vasos sanguíneos levando a vasculite reumatoide. O objetivo deste estudo foi descrever um caso de AR evoluindo com vasculite reumatoide, uma condição rara e grave. RELATO DO CASO: Paciente sexo feminino, 61 anos, portadora de AR que iniciou com quadro de edema nos membros inferiores, dor, eritema e calor local, evoluiu com nódulos duros que ulceraram. Na região glútea apresentou eritema em placas, sem prurido, indolor, com nódulos semelhantes aos das pernas que também ulceraram. A dor de intensidade moderada foi controlada com tramadol e paracetamol, por via oral. CONCLUSÃO: A vasculite reumatoide é complicação grave da AR que pode levar a amputação do membro e evolui com dor moderada facilmente controlada com opioides fracos.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Rheumatoid arthritis (RA) is a chronic, mostly insidious disease of unknown etiology, the primary manifestation of which is persistent synovitis symmetrically affecting peripheral joints. Cartilaginous injuries and bone corrosions with subsequent changes in articular integrity are the primary marks of the disease. RA is a systemic disease affecting other organs and systems such as skin, heart, lungs, muscles and, less commonly, blood vessels leading to rheumatoid vasculitis. This study aimed at describing an RA case evolving with rheumatoid vasculitis, which is a rare and severe condition. CASE REPORT: Female patient, 61 years old, with RA starting with lower limbs edema, pain, erythema and local heat, and evolving with hard nodules which ulcerated. The gluteus region had erythema in plaques, without pruritus, painless, with nodules similar to those of the legs, which also ulcerated. Moderate pain was controlled with oral tramadol and paracetamol. CONCLUSION: Rheumatoid vasculitis is a severe RA complication which may lead to limb amputation and evolves with moderate pain easily controlled with weak opioids.
  • Sildenafil to control neuropathic pain after nephrectomy: case report Relatos de Casos

    Oliveira, Thiago Robis de; Xavier, Tatiana Vaz Horta; Mendes, Tereza Cristina Bandeira Silva

    Abstract in Portuguese:

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dor neuropática é definida como aquela iniciada ou provocada por lesão no sistema somatossensorial, que causa importante perda funcional e limitação para o paciente. O seu tratamento é fundamental para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes. O objetivo deste estudo foi relatar o controle de dor neuropática utilizando sildenafil em paciente refratário a terapêutica habitual. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 40 anos, evoluiu com dor neuropática de grande intensidade após nefrectomia por via lombar para tratamento de neoplasia renal. O controle adequado da dor não alcançado com o uso dos fármacos de primeira, segunda ou terceira linha habitualmente usada. O sildenafil usado durante seis meses propiciou adequado controle da dor, diminuindo de modo importante sua intensidade permitindo diminuição importante da limitação funcional apresentada pelo paciente. CONCLUSÃO: O sildenafil propiciou grande diminuição da intensidade da dor, despontando como opção para tratamento de dor neuropática não controlada com a terapêutica habitual.

    Abstract in English:

    BACKGROUND AND OBJECTIVES: Neuropathic pain is defined as pain started or caused by somatosensory system injury, which leads to major functional loss and limitation. Its treatment is critical to improve quality of life. This study aimed at reporting neuropathic pain control with sildenafil in a patient refractory to normal therapy. CASE REPORT: Male patient, 40 years old, evolving with very severe neuropathic pain after lumbar nephrectomy to treat renal neoplasia. Adequate pain control was not reached with normally used first, second or third line drugs. Sildenafil for six months has provided adequate pain control, importantly decreasing its intensity and greatly improving functional limitation presented by the patient. CONCLUSION: Sildenafil has provided important pain intensity decrease, emerging as an option to treat neuropathic pain not controlled by normal therapy.
Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 937 cj 2, 04014-012 São Paulo SP Brasil, Tel.: (55 11) 5904 3959, Fax: (55 11) 5904 2881 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: dor@dor.org.br