A participação no centro de convivência para idosos: repercussões e desafios

Giovana Aparecida de Souza Scolari Flávia Maria Derhun Leidyani Karina Rissardo Vanessa Denardi Antoniassi Baldissera Cremilde Aparecida Trindade Radovanovic Lígia Carreira Sobre os autores

RESUMO

Objetivo:

Analisar as repercussões ocorridas na vida de idosos a partir do ingresso em um centro de convivência e os desafios existentes na ótica dos participantes e seus familiares.

Métodos:

Pesquisa qualitativa realizada com 16 idosos de um centro de convivência e 14 familiares destes. Os dados foram coletados por meio de entrevistas individuais e submetidas à análise de conteúdo.

Resultados:

Identificaram-se duas categorias temáticas: “O antes e o depois: mudanças na vida do idoso após o ingresso no centro de convivência” e “Aspectos necessários para a melhoria do atendimento no centro de convivência”.

Considerações finais:

Os benefícios da participação do idoso no serviço são evidenciados por mudanças nos hábitos de vida e nos inter-relacionamentos. Contudo, há a necessidade de ampliar a assistência nessas instituições, com equipe multidisciplinar capacitada em gerontogeriatria, bem como considerar a importância da enfermagem como ciência do cuidado e inseri-la nesse serviço.

Descritores:
Idoso; Idoso Fragilizado; Serviços de Saúde para Idosos; Enfermagem Geriátrica; Vulnerabilidade Social

Associação Brasileira de Enfermagem SGA Norte Quadra 603 Conj. "B" - Av. L2 Norte 70830-102 Brasília, DF, Brasil, Tel.: (55 61) 3226-0653, Fax: (55 61) 3225-4473 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: reben@abennacional.org.br