Diagnósticos de enfermagem de incontinência urinária em pacientes com acidente vascular cerebral * * Extraído da dissertação "Prevalência de diagnósticos de enfermagem de incontinência urinária em pacientes com acidente vascular cerebral", Universidade Federal do Ceará, 2014.

Telma Alteniza Leandro Thelma Leite de Araujo Tahissa Frota Cavalcante Marcos Venícios de Oliveira Lopes Tyane Mayara Ferreira de Oliveira Ana Cecília Menezes Lopes Sobre os autores

Resumo

OBJETIVO

Identificar a prevalência dos diagnósticos de enfermagem Incontinência urinária de esforço (IUE), Incontinência urinária de urgência (IUU), Incontinência urinária funcional (IUF), Incontinência urinária por transbordamento (IUT) e Incontinência urinária reflexa (IUR) e suas características definidoras em pacientes com Acidente Vascular Cerebral.

MÉTODO

Estudo transversal, com 156 pacientes atendidos em ambulatório neurológico. Os dados foram coletados em entrevista e encaminhados a enfermeiros para inferência diagnóstica.

RESULTADOS

Dos pacientes avaliados, 92,3% apresentaram pelo menos um dos diagnósticos do estudo, IUT apresentou maior prevalência (72,4%), seguido de IUF (53,2%), IUR (50,0%), IUU (41,0%) e IUE (37,8%). Distensão da bexiga e Relatos de incapacidade de chegar ao banheiro a tempo de evitar perda de urina foram as características definidoras mais prevalentes. Verificou-se associação estatisticamente significante das características definidoras com os diagnósticos estudados.

CONCLUSÃO

Os cinco diagnósticos de incontinência foram identificados nos pacientes avaliados, apresentando prevalências distintas.

Descritores
Diagnóstico de Enfermagem; Incontinência Urinária; Acidente Vascular Cerebral

Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 419 , 05403-000 São Paulo - SP/ Brasil, Tel./Fax: (55 11) 3061-7553, - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: reeusp@usp.br