A imprensa feminina no Rio de Janeiro nas décadas finais do século XIX

The Feminine Press in the Rio de Janeiro in the Final Decades of 19th Century

Karoline Carula Sobre o autor

Resumo:

O objetivo deste artigo é apresentar e analisar três jornais escritos por mulheres e que circularam na cidade do Rio de Janeiro no final do Oitocentos: O Sexo Feminino (1873-1889) ‒ o qual, após a República passou a se chamar O Quinze de Novembro do Sexo Feminino (1889-1890) ‒, Echo das Damas (1879-1888) e A Familia (1888-1894). Com relação ao O Sexo Feminino, seu tema central foi a educação feminina como necessária para o aperfeiçoamento da sociedade. O Echo das Damas teve na defesa da educação feminina seu principal tema. Já em A Familia, as temáticas mais frequentes foram a educação, o trabalho e o voto femininos. Posto isso, incialmente serão apresentadas as três publicações: materialidade, periodicidade, seções, colaboradoras, principais temas abordados, etc. Em seguida, focarei nas principais propostas apresentadas por esses periódicos.

Palavras-chave:
imprensa; mulheres; educação feminina

Centro de Filosofia e Ciências Humanas e Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina Campus Universitário - Trindade, 88040-970 Florianópolis SC - Brasil, Tel. (55 48) 3331-8211, Fax: (55 48) 3331-9751 - Florianópolis - SC - Brazil
E-mail: ref@cfh.ufsc.br