• Editorial Editorial

  • Psychoanalysis and the sexual difference device Artigos

    Arán, Márcia

    Abstract in Portuguese:

    Diante da nova cartografia das relações entre gêneros e das sexualidades na cultura contemporânea, pretendemos discutir em que medida a psicanálise se apresenta como mais um dispositivo da sexualidade tal como concebido por Foucault, o qual procura reinstaurar o modelo tradicional da diferença sexual, através da reiteração da norma heterossexual da dominação masculina. Além disso, indagamos ainda em que medida a psicanálise pode permanecer como uma teoria crítica e uma prática clínica que permita uma relação produtiva com as novas configurações de gênero no contemporâneo, abrindo brechas para a concepção de novas formas de subjetivação. Com esse objetivo analisaremos o debate psicanalítico sobre 1) os deslocamentos do feminino e a positivação da feminilidade; 2) o casamento homossexual e a homoparentalidade e 3) a clínica da transexualidade

    Abstract in English:

    Before the new cartography of gender relationships and sexualities in contemporary culture, we intend to discuss in which way psychoanalysis presents itself as one of the devices of sexuality as conceived by Foucault, which tries to reinstate the traditional model of sexual difference trough the reiteration of the heterosexual norm of male domination. Furthermore, we inquire how psychoanalysis can remain a critical theory and a clinical practice that allow a productive relationship with the new configurations of gender, which disclose the conception of new forms of subjectivity. With this aim, we will analyze the psychoanalytical debate on (1) the displacements of feminine and the positiveness of femininity; (2) the homosexual marriage and the homoparentality; and (3) the clinics of transsexuality
  • Transgressive Masculinities in Barebacking Practices Artigos

    Silva, Luís Augusto Vasconcelos da

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo discute a dinâmica homoerótica e os signos de masculinidade que caracterizam ou marcam os encontros de barebacking. Essa discussão é decorrente de uma etnografia on-line, no contexto brasileiro, entre os anos de 2004 a 2007, considerando as novas possibilidades da internet, de trocas de experiências e encontros eróticos, como é o caso das comunidades do Orkut. Distintas modalidades de barebacking (e barebackers) parecem coexistir atualmente, demonstrando que múltiplos aspectos e situações estão implicados no sexo desprotegido. Uma dessas modalidades diz respeito à sua forma mais extensiva e de maior contato, ou seja, às formas mais extremas ou transgressivas em busca de prazer. Entretanto, todos os praticantes parecem ter em comum um discurso sobre o prazer mais livre e intenso no sexo sem camisinha, ainda que, para alguns, esse prazer esteja estreitamente vinculado a uma experiência mais excessiva ou transgressiva, inclusive por desafiar o vírus, a doença e os limites da própria vida

    Abstract in English:

    This article discusses the homoerotic dynamics and the signs of masculinity that characterize barebacking dates. This discussion is originated from on-line ethnography in the Brazilian context, from 2004 to 2007, considering the experiences and erotic dates exchange the internet makes possible, as it is the case of Orkut communities. Different modalities of barebacking (and barebackers) seem to coexist now, demonstrating that multiple aspects and situations are implicated during unprotected sex. One of these modalities is a form of more extensive and larger contact, in other words, the most extreme or transgressive forms in search of pleasure. However, all the barebackers interviewed seemed to have in common the same discourse about having more free and intense pleasure during unprotected sex, even though, for some of them, this pleasure was intimately linked to a more excessive and transgressive experience, as it challenges the virus, the disease, and the limits of their own life
  • Is post-dictatorial Chile feminist?

    Feliu, Verónica

    Abstract in Spanish:

    Este ensayo presenta las nuevas tendencias de los feminismos en Chile y analiza cómo pasaron a ser parte del texto social. El trabajo discute el hecho de que los discursos feministas, luego de la dictadura (1973-1990), continúan sin cuestionar la categoría "mujeres", que generaliza y suprime las diferencias de clase y raza entre ellas mismas. Tal presupuesto es analizado frente al acuerdo de los gobiernos democráticos chilenos con los intereses de la oligarquía y de la iglesia católica en la manutención del status quo.Parte de este compromiso viene restringiendo los discursos feministas a la estructura familiar nuclear, de forma que temas como clase, raza y sexualidad no alcanzan a ser enteramente problematizadas. En la medida en que las feministas chilenas no están cuestionando su lugar de enunciación, problemas como derecho reproductivo o el acceso de las mujeres al espacio público continúan siendo vistos desde una perspectiva privilegiada, que anula las discriminaciones existentes entre las mujeres.

    Abstract in English:

    This essay is about the new trends on Chilean feminisms and how they have become part of the social text. The paper discusses how feminist discourses after dictatorship (1973-1990) remain without putting into question the category of "women" as a generalization that erases class and racial differences among women. This is analyzed in the context of the compromise made by Chilean democratic governments with the interests of oligarchy and the Catholic Church in order to maintain the status quo. Part of this compromise has constrained feminist discourses to the nuclear family frame, within which class, race and sexuality cannot be fully problematized. Since Chilean feminists are not questioning their place of enunciation, problems such as reproductive rights or women access to the public space continue to be seen from a privileged perspective that obliterates the existing discriminations among women.
  • Nem Deus, nem amo, nem marido: uma trajetória do feminismo na Argentina - entrevista com María Luisa Femenías Ponto de Vista

    Rial, Carmen Sílvia Moraes; Grossi, Miriam Pillar
  • Translocalities: Towards a Feminist Politics of Translation Seção Temática

    Costa, Claudia de Lima; Alvarez, Sonia E

    Abstract in Portuguese:

    Apresentação da seção temática, articulando a prática e a política da tradução com a noção de um cosmopolitismo feminista horizontal e (verdadeiramente) translocal

    Abstract in English:

    Introduction to this special section, articulating the practice and politics of translation with the concept of a (truly) translocal and horizontal feminist cosmopolitism
  • Enacting a Translocal Feminist Politics of Translation Seção Temática

    Alvarez, Sonia E

    Abstract in Portuguese:

    Nosso projeto coletivo Translocalities/Translocalidades: Feminist Politics of Translation in the Latin/a Américas (Políticas Feministas de Tradução na América Latina) explora como discursos e práticas feministas viajam por uma variedade de lugares e direções e acabam se tornando paradigmas interpretativos para a leitura/escrita de questões de classe, gênero, sexualidade, migração, saúde, cidadania, política e circulação de identidades e textos. Sustentamos que a tradução é política e teoricamente indispensável para forjar epistemologias e alianças políticas feministas, antirracistas e pós-coloniais/pós-ocidentais, pois as Américas Latinas - enquanto formação cultural transfronteiriça e não territorialmente delimitada - devem ser entendidas como translocais em dois sentidos. O primeiro sentido que usamos - o de translocalidade - parte de movimentos além das concepções da "política da localização" empregadas pelo feminismo terceiro-mundista estadunidense. Mais do que "migrar" e "se assimilar", muitas pessoas nas Américas Latinas cada vez mais se movem de um lado para outro entre localidades, entre lugares historicamente situados e culturalmente específicos, ainda que porosos, atravessando múltiplas fronteiras, e não apenas entre nações (como deixa a entender o termo "migração transnacional", por exemplo). Empregamos a expressão translocal, então, em um segundo sentido, que chamamos de translocalidades, precisamente para capturar esses cruzamentos e movimentos multidirecionais

    Abstract in English:

    Our collective project on Translocalities/Translocalidades: Feminist Politics of Translation in the Latin/a Américas explores how feminist discourses and practices travel across a variety of sites and directionalities to become interpretive paradigms to read/write issues of class, gender, race, sexuality, migration, health, social movements, citizenship, politics, and the circulation of identities and texts. Translation is politically and theoretically indispensable to forging feminist, anti-racist, postcolonial/postoccidentalist political alliances and epistemologies because the Latin/a Américas - as a transborder cultural formation rather than a territorially delimited one - must be understood as translocal in a dual sense. The first sense we will deploy - that of translocation builds on but moves beyond US Third World feminist conceptions of the "politics of location." Rather than "immigrating" and "assimilating," moreover, many people in the Latin/a Américas increasingly move back and forth between localities, between historically situated and culturally specific, though increasingly porous, places, across multiple borders, and not just between nations (as implied in the term "transnational migration," for instance). We therefore deploy the notion of translocal in a second sense, which we call translocalities/translocalidades, precisely to capture these multidirectional crossings and movements
  • Limits and borderlands: border-crossing pedagogy and transdiscipline in Gloria Anzaldúa's writings

    Belausteguigoitia Rius, Marisa

    Abstract in Spanish:

    El ensayo analiza algunos de los textos de Anzaldúa desde el punto de vista pedagógico. Sitúo su obra en los límites de la nación, la identidad y la disciplina y propongo una manera de leerla desde la pedagogía, como acto de cruce, de tránsito entre disciplinas, naciones e identidades

    Abstract in English:

    The essay analyzes the work of Gloria Anzaldúa, focusing on her pedagogy as a crossing act. I place her work at the limits of nation, identity and discipline and propose a way of reading her texts that emphasizes the register of pedagogy
  • Performing Seduction and National Identity: Brazilian Erotic Dancers in New York Seção Temática

    Maia, Suzana

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo examina a trajetória de mulheres brasileiras que trabalham como dançarinas eróticas em bares noturnos da cidade de Nova York. Parte-se do pressuposto de que processos de globalização e transnacionalismo estão relacionados não apenas a transformações políticoeconômicas, como também a mudanças na maneira com que as pessoas se relacionam, como utilizam seus corpos e realizam seus desejos. Tais transformações devem também ser entendidas em relação ao regime colonial e pós-colonial, em que representações sobre seus corpos ganham inteligibilidade. A maioria das mulheres consideradas pela pesquisa é proveniente das classes médias e, quanto à raça, tendem a se autodenominar "morenas". A partir de trabalho de campo realizado durante os anos de 2004 e 2005, eu analiso de que forma essas posições e identidades sociais são traduzidas de um contexto a outro, e como novas hierarquias sociais são construídas num contexto transnacional. Tomando como foco de estudo o Blue Diamond, um bar localizado no bairro do Queens, este artigo examina como tais reconfigurações transnacionais são articuladas através das interações cotidianas entre dançarinas e entre essas e seus clientes

    Abstract in English:

    This article examines the trajectory of Brazilian women who work as erotic dancers in New York City's gentlemen's bars. It argues that processes of globalization and transnationalism are related not just with political-economic transformations, but also to significant shifts in the ways people relate to each other, use their bodies, and conceive and realize their desires. Such transformations must also be understood in relation to a colonial and post-colonial regime, in which representations about their bodies gain intelligibility. Most of the women who participated in my research are from the middle-classes, and in terms of race, they self-identify as "morenas". Based on fieldwork conducted between years 2004-2005, I analyze how their social positioning and identity are translated from one context to another, and how new social hierarchies are constructed in a transnational context. Taking as a focus of study Blue Diamond, a bar located in the borough of Queens, this article investigates how these transnational reconfigurations are articulated through particular relationships among dancers and between dancers and clients
  • Clove and cinnamon, guns and slums Seção Temática

    Schmidt, Simone Pereira

    Abstract in Portuguese:

    A partir da discussão sobre o lugar do corpo feminino subalterno, palco de conflitos onde se desdobram as tensões resultantes das relações desiguais de gênero, raça e classe no Brasil, este artigo se propõe a realizar uma leitura de textos ficcionais recentes - nomeadamente os romances As mulheres de Tijucopapo, de Marilene Felinto, e Ponciá Vicêncio, de Conceição Evaristo, e o filme O céu de Suely, de Karim Aïnouz -, inserindo-os no debate de um projeto de tradução da agenda pós-colonial para o português. Decorrentes dessa abordagem, temas como a viagem, o deslocamento e o exílio farão parte da experiência subjetiva ficcionalizada que se irá enfocar, e serão, portanto, também objeto de interpretação

    Abstract in English:

    Based on the discussion about the subaltern woman's body as a stage of conflicts where the tensions resulting from Brazil's unequal gender, class and race relations unfold, this article intends to analyze recent fictional works - specifically the novels: Marilene Felinto's As mulheres de Tijucopapapo and Conceição Evaristo's Ponciá Vicêncio, as well as the film O céu de Suely, by Karim Aïnouz - in order to place them within the debate of translation of the post-colonial agenda into Portuguese. Focusing the subjective experience represented in these fictional narratives, themes like travel, dislocation and exile will also be analyzed
  • Journals and translation policies of contemporary mexican feminism

    Millán, Márgara

    Abstract in Spanish:

    En este ensayo me centraré en el análisis de tres importantes revistas y circuitos editoriales que constituyen, desde mi perspectiva, una parte importante de la política y la visibilidad feminista en el México contemporáneo: Debate Feminista, 1990, Fem, 1976 y La Correa Feminista, 1991. Voy a analizar estas publicaciones enfatizando lo que denominaré sus "políticas de traducción", aludiendo a los conceptos de feminismo y/o de género que promueven según las autoras y críticas que traducen. La noción de "traducción" significa, en este contexto, dos cosas: la traducción de ciertos autores y teorías y la manera en que estas traducciones se alinean con el contexto político local. Leeré estas traducciones entonces, de acuerdo a cómo se incorporan y participan de un panorama político más amplio, de cómo se presentan en un marco editorial determinado y del momento en que se hacen las publicaciones, entendiendo todo esto como maneras de intervenir en la arena política local. Al entender las traducciones como políticas de intervención, asumimos que esta es una de las formas en las que los grupos feministas establecen sus vínculos, sus alianzas, y sus plataformas para relacionarse con los movimientos sociales y los actores políticos nacionales. Me referiré al espacio de diálogo entre mujeres como un espacio problemático donde participan los grupos feministas y sus agendas, y las mujeres de diversos movimientos sociales y sus agendas. El texto de Rebecca E. Biron "Feminist periodicals and political crisis in Mexico"1 fue la inspiración central de este trabajo, así como el marco propuesto por Claudia de Lima Costa2 sobre transnacionalizacióntraducción como conceptos que necesitan ser clarificados desde sus significados locales y globales

    Abstract in English:

    This essay focuses on the analysis of three important journals and editorial circuits which constitute, from this perspective, a significant part of feminist policy and visibility in contemporary Mexico: Debate Feminista, 1990, Fem, 1976 and La Correa Feminista, 1991. My purpose is to analyze these publications emphasizing their "translations policies", mentioning the concepts of feminism and/or gender they promote through the authors and the criticism they choose to translate. "Translation", in this context, means the translation of certain authors and theories and the way such translations fit into the local political context. I will read these translations according to the way they are incorporated into, and participate in, a broader political scenario; the way they present themselves in a certain editorial picture and the historical moment they are published, understanding them as ways of intervening in the local political arena. Understanding the translations as intervention policies, we assume that this is one of the ways through which feminist groups set up connections, alliances and platforms to establish a relationship with both the social movements and national political actors. I will refer to the dialogical space between women as a problematic arena of feminist groups and their agendas, and women from several social movements and their agendas. Rebecca E. Biron's text "Feminist Periodicals in Mexico" (1996) was the core inspiration for this work, as well as the argument proposed by Claudia de Lima Costa (2003; 2006) on transnationalization-translation as concepts that need to be clarified from their local and global perspectives
  • Apresentação Dossiê Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça

    Bonetti, Alinne; Querino, Ana Carolina
  • New family arrangements, old gender social conventions: parental leave as public policy to deal with these tensions Dossiê Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça

    Pinheiro, Luana; Galiza, Marcelo; Fontoura, Natália

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste artigo é tratar o descompasso entre as transformações percebidas nas estruturas familiares e a forma como o Estado responde a essas questões por meio de políticas públicas fundamentadas em um modelo estrito e convencional de família (nuclear, formada por casal com filhos) que reafirma convenções tradicionais de gênero. Como exemplo ilustrativo desse descompasso, trabalhamos o caso das licenças para cuidado de filhos/as utilizando, para isto, as informações produzidas pela pesquisa Retrato das Desigualdades, que evidenciam o surgimento de novos modelos de arranjos familiares

    Abstract in English:

    The aim of this paper is to address the gap between the actual changes in the family structure and how the State deals with these matters through public policies which only take into account a strict and conventional model of family (nuclear families, consisting of couples with children), which reaffirms traditional gender conventions. As an example of this gap, we will present the case of work leave for the care of dependents, taking into account the information produced in the research Portrait of Inequalities, that highlights the establishment of new types of family structure
  • Time use research: a tool to measure gender inequalities Dossiê Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça

    Ramos, Daniela Peixoto

    Abstract in Portuguese:

    Busca-se, neste artigo, analisar a interface entre desigualdades de gênero e usos do tempo, situando esta análise na perspectiva do desenvolvimento das pesquisas de usos do tempo e observando como se materializa nos indicadores que compõem o Retrato das desigualdades de gênero e raça. Inicialmente, são caracterizadas as pesquisas de usos do tempo, recuperando-se um pouco de seu histórico e estágio atual. Discute-se, também, a perspectiva teórica que enfatiza o gênero como categoria central para análise dos usos do tempo. Apresentam-se alguns dos principais resultados encontrados por pesquisas de usos do tempo em nível internacional e enfatizam-se os indicadores de usos do tempo produzidos a partir da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios. Finalmente, sugere-se que as pesquisas de usos do tempo podem contribuir para o fomento de políticas públicas destinadas a combater as desigualdades de gênero

    Abstract in English:

    This paper analyses the interconnection between gender inequalities and time use, putting this analysis under the theoretic perspective of the time use surveys development and observing how it is reflected on the indicators of the Race and Gender Inequalities Picture. At first, time use surveys are characterized, and some of their history and current stage are recovered. The theoretic perspective that focuses on gender as a central category for the analysis of time use is also discussed. Some of the main results found by international time use surveys are presented, with an emphasis on the time use indicators elaborated on the basis of the Brazilian National Household Survey. Finally, it is suggested that time use surveys may contribute to foster public policies designed to attack gender inequalities
  • Urban and domestic workers: the federal constitution and its asymmetry Dossiê Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça

    Mattos, Miguel Ragone de

    Abstract in Portuguese:

    A Constituição Federal de 1988 deixou os trabalhadores domésticos em situação de menor proteção de direitos se comparados com os outros trabalhadores. Essa assimetria pode ser explicada por razões de especificidade do trabalho doméstico e de necessidade de contenção dos seus custos, em razão de ele não estar inserido como fator de produção na atividade capitalista. Remanesce, porém, um grupo de direitos não reconhecidos aos trabalhadores domésticos, que não encontram explicação na sua incompatibilidade ou custo. Talvez esse grupo seja o foco do próximo passo a ser dado, reduzindo a assimetria entre os direitos dos trabalhadores domésticos e os demais

    Abstract in English:

    The Brazilian Constitution established a lower level of protection rights to domestic servants, if compared with the rights given to regular workers. This asymmetry can be explained by particularities of this kind of job and the need to keep costs down, specially considering that domestic servants are not part of a capitalistic enterprise. However there are a series of non-recognized rights to the domestic servants that can not be explained by its incompatibility or cost. Perhaps this group is the focus of the next step of constitutional change, reducing the asymmetry between the rights of the domestic workers and the regular ones
  • Domestic work: challenges for decent work Dossiê Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça

    Sanches, Solange

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo apresenta um panorama da situação das trabalhadoras domésticas e traz algumas questões relativas à sua dimensão no mundo e no Brasil, suas condições de trabalho e importância para o funcionamento geral dos mercados de trabalho e dos domicílios. Buscase mostrar a relevância que tem o conceito de trabalho decente, promovido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), para o trabalho doméstico e a equiparação de seus direitos no trabalho aos do conjunto das trabalhadoras e dos trabalhadores. Ressalta-se a oportunidade da discussão na próxima Conferência Internacional do Trabalho da OIT, em 2010, na qual o tema é ponto de pauta com vistas à elaboração de um instrumento internacional de proteção ao trabalho doméstico

    Abstract in English:

    This article presents an overview of the situation of the domestic workers and focuses on some issues related to its dimension in the world and in Brazil, to their conditions of work and its importance to the labor market and to the households. We aim to demonstrate the relevance of the concept of decent work, promoted by ILO - International Labor Organization, for the domestic work and the need to extend their rights to level them with the other workers. It also highlights the opportunity offered by the next International Labor Conference, in 2010, when one of the issues of the agenda is to discuss the crafting and adoption of international labor standards in the form of a specific convention or recommendation
  • Sex and aolor skin: categories of social aontrol and reproduction of economic inequality in brazil Dossiê Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça

    Rosa, Waldemir

    Abstract in Portuguese:

    O presente artigo objetiva apresentar algumas reflexões sobre os dados contidos no Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça, terceira edição, acerca das desigualdades socioeconômicas e da pobreza. Tendo como linha argumentativa a tese de que, como categorias de controle social, sexo e cor configuram marcos reguladores de oportunidades sociais, apresentamos alguns dados sobre a desigualdade entre homens e mulheres e entre negros e brancos que ilustram as iniquidades de poder associadas a essa desigualdade. Ressalta-se que tais categorias são fundamentais para a compreensão da produção e da reprodução das iniquidades de poder que permeiam a sociedade brasileira

    Abstract in English:

    This article presents some reflections on the data contained in the Portrait of Inequalities of Gender and Race - 3rd Edition on socioeconomic inequalities and poverty. Following a line of argument that, as categories of social control, gender and ethnicity shape regulatory frameworks of social opportunities, we present some data on inequality between men and women and between blacks and whites that illustrate the inequities of power associated with them. It is emphasized that these categories are fundamental to understand the production and reproduction of inequities of power that permeate Brazilian society
  • Gender and poverty fight: the family donation program Seção Temática

    Mariano, Silvana Aparecida; Carloto, Cássia Maria

    Abstract in Portuguese:

    A política de assistência social brasileira orienta-se pela perspectiva de ações de combate à pobreza, com prioridade aos programas de transferência condicionada de renda. Esses são programas que priorizam o repasse de renda às mulheres e envolvem-nas em uma rede de obrigações e condicionalidades, a exemplo do Programa Bolsa Família. A prática encerrada no Programa Bolsa Família coloca em evidência algumas contradições entre as ações estatais e as demandas feministas, notadamente no que diz respeito à problematização acerca da maternidade. Esse é, então, um ponto central para o diálogo entre o feminismo e as políticas sociais estatais de combate

    Abstract in English:

    The Brazilian social assistance policy is guided by the perspective of poverty fight efforts, which prioritize the conditioned income transfer. These programs privilege the income transfer to women and involve them in a net of obligations and conditions, as it is done in the Family Donation Program. The practice within Family Donation Program highlights some contradictions between the State actions and the feminist demands, especially those concerning the motherhood problem. This is thus a core question for the dialogue between the feminism and the social policies sponsored by the State
  • Notes for the interpretation of racial inequalities in education Dossiê Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça

    Valverde, Danielle Oliveira; Stocco, Lauro

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo discute os dados educacionais compilados na 3ª edição do Retrato das desigualdades de gênero e raça, enfatizando a importância da compreensão de como as diferentes situações e os processos sociais vivenciados pelas crianças e pelos jovens brancos e negros no interior do sistema educacional afetam sua permanência, progressão e desempenho escolar. Como principais achados destacam-se a queda da histórica diferença de escolaridade entre brancos e negros de mais de 15 anos, a cristalização da diferença de escolaridade entre crianças brancas e negras de 7 a 14 anos e a menor taxa de crescimento do acesso ao ensino superior das mulheres negras em comparação aos homens negros. Por fim, é apontada a importância da articulação de diferentes ações para a superação das desigualdades raciais na educação

    Abstract in English:

    This article discusses the educational data compiled in the 3rd Edition of the Gender and Race Inequalities Portrait, emphasizing the importance of understanding how the different situations and social processes experienced by white and black students affect their permanence, progression and performance in school. As main findings, we highlight: the decrease of the historical educational gap between whites and blacks aged over 15, the stagnation of the educational gap between white and black children from 7 to 14 years of age, as well as the slower rate of growth to access university by black women in comparison to that of black men. Finally, we argue in favor of integrating different kinds of policies to overcome the remaining racial inequalities in education
  • Uma viagem transnacional do feminismo: outra lente para a história Resenhas

    Veiga, Ana Maria
  • A história das mulheres e as representações do feminino na história Resenhas

    Farias, Marcilene Nascimento de
  • Uma síntese da história das mulheres na Argentina Resenhas

    Vázquez, María Laura Osta
  • Escritoras cearenses do século XIX Resenhas

    Novaes, Mariana de Souza
  • Socializadas bajo el franquismo, rebeldes en la transicion, feministas siempre (Reflexiones sobre una obra de actualidad)

    Subirats, Marina
  • As mulheres que os homens deixam escapar: literatura de língua castelhana escrita por homens (1880-1920) Resenhas

    Félix, Regina R
Centro de Filosofia e Ciências Humanas e Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina Campus Universitário - Trindade, 88040-970 Florianópolis SC - Brasil, Tel. (55 48) 3331-8211, Fax: (55 48) 3331-9751 - Florianópolis - SC - Brazil
E-mail: ref@cfh.ufsc.br