Adaptação transcultural e análise das propriedades psicométricas da sport motivation scale-II no contexto brasileiro

Cross-cultural adaptation and psychometric properties analysis of the sport motivation scale-II for the brazilian context

José Roberto Andrade do Nascimento Junior Joao Ricardo Nickenig Vissoci Guilherme Moraes Balbim Caio Rosas Moreira Luc Pelletier Lenamar Fiorese Vieira Sobre os autores

O objetivo deste estudo foi analisar a adaptação transcultural da Escala de Motivação para o Esporte-II (SMS-II). Para tanto, foram realizados três estudos. O primeiro consistiu em traduzir a SMS-II para o português e adaptar seu conteúdo para o contexto brasileiro. No segundo, 364 atletas de modalidades individuais e coletivas responderam à versão adaptada da SMS-II. No estudo 3, 50 atletas responderam à SMS-II em dois momentos. O estudo 1 evidenciou que a versão em português contém questões claras e relevantes (CVC > 0,80). O estudo 2 mostrou que a SMS-II possui boa consistência interna em todas as dimensões (α > 0,70/CC > 0,70), com exceção da regulação introjetada (α > 0,61/CC > 0,56). A análise fatorial confirmatória demonstrou que todos os itens, exceto 1 e 7 (regulação introjetada), apresentaram cargas fatoriais aceitáveis; o modelo final da SMS-II (modificado) teve ajuste satisfatório e a análise multigrupos apontou a invariância entre homens e mulheres. Ademais, o estudo 3 evidenciou a estabilidade temporal da escala (CCI > 0,70). Concluiu-se que a adaptação transcultural da SMS-II para a língua portuguesa apresentou propriedades psicométricas aceitáveis; entretanto, suas limitações devem ser exploradas em futuras pesquisas.

Psicometria; Motivação; Esporte


Universidade Estadual de Maringá Avenida Colombo, 5790, 87020-900 Maringá - PR, Tel.: (55 44) 3011 4470 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: revdef@uem.br