Adaptação e validação da versão portuguesa Peabody Developmental Motor Scales-2: um estudo com crianças pré-escolares

Adaptation and validation of the Portuguese Peabody Developmental Motor Scales-2 version: A study with preschoolers children

Este estudo objetivou testar as propriedades psicométricas das Peabody Developmental Motor Scales II (PDMS-2) (FOLIO; FEWELL, 2000) em uma amostra de crianças pré-escolares portuguesas. A versão portuguesa PDMS-2 foi aplicada de acordo com o protocolo de avaliação descrito no manual dessa versão a 540 crianças com idades compreendidas entre 36 e 71 meses, provenientes de quinze estabelecimentos do ensino pré-escolar público. Os resultados da análise fatorial confirmatória (S-Bχ2=3.3, p=.349; CFI=1.0; NFI=.99; NNFI=.99; RMSEA=.013) suportam que a versão portuguesa apresenta um modelo de dois fatores (motricidade fina e motricidade global), tal como a versão original. A maioria dos subtestes apresentou um bom índice de consistência interna (α=.76 a .95) e uma boa estabilidade teste-reteste (ICC=.85 a .95). Os resultados indicam que a versão portuguesa PDMS-2 é um instrumento preciso e válido para avaliar as habilidades motoras globais e finas das crianças portuguesas em idade pré-escolar.

Desenvolvimento infantil; Destreza motora; Estudos de validação


Universidade Estadual de Maringá Avenida Colombo, 5790, 87020-900 Maringá - PR, Tel.: (55 44) 3011 4470 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: revdef@uem.br