Suporte parental percebido, motivação autodeterminada e habilidades de enfrentamento: validação de um modelo de equações estruturais

Perceived parental support, self-determined motivation and coping: validation of a structural equation model

Este estudo tem como objetivo investigar as relações de predição entre o Suporte Parental (SP) e as estratégias de enfrentamento (ICE), mediadas pela motivação autodeterminada. Participaram do estudo 126 atletas de futebol de campo com idades entre 13 e 20 anos, de um clube de futebol de campo do Paraná. Os instrumentos utilizados foram: Escala de motivação para o esporte, Inventário de habilidades atléticas de coping, Escala de suporte parental. Para análise estatística, utilizou-se o Modelo de Equações Estruturais. Os resultados evidenciaram bom ajuste do modelo proposto e trajetórias significativas entre todas as variáveis. O SP influenciou forte e positivamente a motivação intrínseca (MI) e média e negativamente a motivação extrínseca (ME). O ICE foi predito positivamente pela MI e negativamente pela ME. Conclui-se que a motivação autodeterminada é determinante para o suporte parental predizer as capacidades psicológicas de enfrentamento no contexto do futebol de campo.

Motivation; Parent-Child Relationship; Athletes; Soccer


Universidade Estadual de Maringá Avenida Colombo, 5790, 87020-900 Maringá - PR, Tel.: (55 44) 3011 4470 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: revdef@uem.br