Estilo parental, motivação e satisfação de atletas de beisebol: um estudo correlacional

Parenting style, motivation and satisfaction of baseball athletes: a correlation study

Marcus Vinícius Mizoguchi Guilherme Moraes Balbim Lenamar Fiorese Vieira Sobre os autores

O presente estudo teve como objetivo analisar a relação entre o estilo parental, a motivação e a satisfação atlética de jogadores de beisebol da categoria juvenil. Oitenta e oito atletas (16,20 anos ±1,18) participantes do campeonato brasileiro da categoria juvenil responderam ao questionário SMS para avaliar a motivação atlética, EMBU-p para os estilos parentais e QSA para a satisfação atlética. Na análise dos dados utilizou-se o teste de Kolmogorov-Smirnov para os dados descritivos, U Mann-Whitney para a comparação de grupos, Spearman para a correlação das variáveis e um modelo de regressão múltipla, adotando p<0,05. Verificou-se que atletas de beisebol são mais intrinsecamente motivados, têm estilos parentais de suporte emocional e estão satisfeitos atleticamente, havendo correlações entre estas três variáveis. Conclui-se que atletas com estilos parentais de suporte emocional são autodeterminados e satisfeitos com seu esporte.

Beisebol; Motivação; Pais


Universidade Estadual de Maringá Avenida Colombo, 5790, 87020-900 Maringá - PR, Tel.: (55 44) 3011 4470 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: revdef@uem.br