Accessibility / Report Error

O projeto de estrada Polonoroeste na Amazônia brasileira, e as normas ambientais e dos povos indígenas do Banco Mundial

ROBERT H. WADE Sobre o autor

RESUMO

O projeto de estrada Polonoroeste na Amazônia brasileira, e as normas ambientais e dos povos indígenas do Banco Mundial. Ao final de 1980 o Banco incorporou as normas de sustentabilidade ambiental e proteção dos povos indígenas e foi seguido por outras organizações interestaduais orientadas para o desenvolvimento. Este artigo de duas partes descreve como uma luta sobre o projeto da estrada Polonoroeste na Amazônia brasileira - dentro do banco, entre o Banco e ONGs apoiadas pelo Congresso dos EUA, e entre o Banco e o governo do Brasil -ajudou na mudança de normas políticas de longo alcance. A primeira parte descreve como o projeto foi concebido como uma inovação no desenvolvimento sustentável em florestas tropicais; e como ela provocou um alvoroço dentro do Banco enquanto se movia em direção a aprovação do projeto.

PALAVRAS-CHAVE:
Política de normas; florestas; povos indígenas; Banco Mundial; ONGs ambientalistas; governo do Brasil; Congresso dos EUA

Centro de Economia Política Rua Araripina, 106, CEP 05603-030 São Paulo - SP, Tel. (55 11) 3816-6053 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: cecilia.heise@bjpe.org.br