Conquistas e desafios para o emprego das técnicas de record linkage na pesquisa e avaliação em saúde no Brasil* * Os autores recebem bolsa de pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)/Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) - Cláudia Medina Coeli, Processo no 304101/2011-7; Rejane Sobrino Pinheiro, Processo no 309728/2012-6; e Kenneth Rochel de Camardo Jr., Processo no 300686/2013-7 - e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ) - Cláudia Medina Coeli, Processo no E26/102.771/2012; e Kenneth Rochel de Camardo Jr., Processo no E-26/102.900/2012.

Achievements and challenges for employing record linkage techniques in health research and evaluation in Brazil

Cláudia Medina Coeli Rejane Sobrino Pinheiro Kenneth Rochel de Camargo JrSobre os autores

OBJETIVO: A disponibilidade em formato digital de bases epidemiológicas, administrativas e clínicas, assim como de técnicas de record linkage (RL) que permitem sua vinculação, consolidaram, nas últimas décadas, o uso de dados secundários na pesquisa e avaliação em saúde. Neste artigo, são discutidas as técnicas de RL, seus aspectos metodológicos e éticos e sua aplicação para a construção de registros populacionais. Por fim, reflete-se sobre os desafios para a pesquisa baseada no uso de técnicas de RL no Brasil, em função da adoção de um novo marco legal para a proteção de dados pessoais. Entre as conclusões, ressalta-se a necessidade de formular o quadro de referência legal e operacional para as atividades de vinculação de bases de dados em nosso país, quer para a pesquisa, quer para a gestão.

Registro Médico Coordenado; Bases de Dados como Assunto; Privacidade


Secretaria de Vigilância em Saúde - Ministério da Saúde do Brasil SRTVN Quadra 701, Via W S Norte, Lote D, Edifícil P0700, CEP: 70719-040, +55 61 3315-3464, Fax: +55 61 3315-3464 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: revista.svs@saude.gov.br