Accessibility / Report Error

Saúde mental na atenção básica: uma abordagem convergente assistencial

Salud mental en atención primaria: un abordaje convergente-asistencial

Mental health in primary care: an assistant research approach

Este estudo tem como objetivo conhecer expectativas e anseios de uma comunidade em relação à implantação de um grupo de saúde mental na atenção básica. Trata-se de um estudo qualitativo que utiliza como abordagem de investigação a pesquisa convergente-assistencial (PCA). Os dados foram obtidos por meio de oficinas com usuários, em uso de psicofármacos acompanhados por Unidade Básica da Região Sul do Brasil. A primeira oficina apontou para reflexão e elaboração de estratégias no enfrentamento ao modelo asilar. A segunda discutiu a importância de espaços de convivência que fortaleçam vínculos afetivos e atuem como meio de prevenção de agravos em saúde mental. A terceira discutiu a questão do cerceamento de liberdade imposto pelo sofrimento mental. Constatou-se que espaços voltados à saúde mental no contexto da atenção básica contribuirão para a efetivação de práticas e construção de novos saberes para a produção de saúde e vida no território existencial dos sujeitos.

Saúde mental; Atenção primária à saúde; Reforma dos serviços de saúde


Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem Rua São Manoel, 963 -Campus da Saúde , 90.620-110 - Porto Alegre - RS - Brasil, Fone: (55 51) 3308-5242 / Fax: (55 51) 3308-5436 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: revista@enf.ufrgs.br