Necessidades de informação do cuidador familiar de candidatos ao transplante de fígado

Necesidades de información de cuidador familiar de los candidatos a trasplante de hígado

Amanda Silva Sá Luciana Costa Ziviani Orlando Castro-e-Silva Cristina Maria Galvão Karina Dal Sasso Mendes Sobre os autores

RESUMO

Objetivo

Avaliar as necessidades de informação do cuidador familiar de candidatos, que aguardam em fila de espera a realização do transplante de fígado.

Métodos

Trata-se de estudo transversal, realizado em centro transplantador do interior paulista, no período de abril a outubro de 2012. Para a avaliação das necessidades de informação foi utilizado instrumento submetido à validade de face e conteúdo, o cuidador ordenou por importância, 10 assuntos que gostaria de aprender antes da realização do transplante pelo seu ente familiar, além do registro das características sociodemográficas. Para análise dos dados, utilizou-se a estatística descritiva.

Resultados

Participaram do estudo 42 familiares. As necessidades de informação sobre complicações da doença do fígado, complicações após o transplante e cuidados necessários no pós-operatório obtiveram maiores médias.

Conclusões

Conhecer as necessidades de informação dos cuidadores é relevante para planejar estratégias de ensino-aprendizagem, visando a melhoria da assistência aos pacientes e familiares em programas de transplantes.

Enfermagem; Transplante de fígado; Cuidadores; Família; Ensino; Aprendizagem

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem Rua São Manoel, 963 -Campus da Saúde , 90.620-110 - Porto Alegre - RS - Brasil, Fone: (55 51) 3308-5242 / Fax: (55 51) 3308-5436 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: revista@enf.ufrgs.br