Implantação de salas de apoio à amamentação em empresas públicas e privadas: potencialidades e dificuldades

Despliegue de habitaciones lactancia de apoyo en empresas públicas y privadas: capacidades y dificultades

Vanessa Martinhago Borges Fernandes Evanguelia Kotzias Atherino dos Santos Alacoque Lorenzini Erdmann Denise Elvira Pires de Pires Maria de Fátima Mota Zampieri Vitória Regina Petters Gregório Sobre os autores

RESUMO

Objetivo

Conhecer a visão de gestores de empresas públicas e privadas acerca das salas de apoio à amamentação, com vistas à sua implantação.

Método

Pesquisa qualitativa, exploratória descritiva, realizada em 2015, da qual participaram 20 gestores da Grande Florianópolis. Para a coleta de dados, foram utilizadas entrevistas semiestruturadas/projetivas e, para a análise, a Análise de Conteúdo, associada aos recursos do software Atlas.ti.

Resultados

Emergiram duas categorias, a saber, dificuldades e facilidades na implantação de sala de apoio à amamentação, com predomínio de aspectos dificultadores, especialmente financeiros, envolvidos na disponibilização de espaço físico. Dialeticamente, também houve reconhecimento do baixo custo envolvido, o que facilitaria sua implantação.

Conclusões

Aspectos financeiros, culturais e políticos dificultam a implantação de salas de apoio à amamentação, mas há o reconhecimento da importância da medida. Para o sucesso da amamentação, a implantação de salas de apoio é importante, porém, não suficiente, sendo necessárias múltiplas ações e, principalmente, uma atuação mais efetiva da enfermagem e dos demais profissionais de saúde.

Trabalho feminino; Aleitamento materno; Legislação; Políticas públicas de saúde

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem Rua São Manoel, 963 -Campus da Saúde , 90.620-110 - Porto Alegre - RS - Brasil, Fone: (55 51) 3308-5242 / Fax: (55 51) 3308-5436 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: revista@enf.ufrgs.br